Disfagia

5.740 visualizações

Publicada em

fgfggfgffgf

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.740
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
31
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
109
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Disfagia

  1. 1. Disfagia e lesões neurológicas Prof. Dr. Paulo R M de Bittencourt, PhD Unidade de Neurologia Clínica, Curitiba 5/2002 www.unineuro.com.br
  2. 2. Localização neurológica de engolir (KK Jain, Medlink Neurology, 4-6/2002) <ul><ul><ul><li>Tradicional: processos voluntários e reflexos, controlados pelo centro bulbar de deglutição no tronco cerebral e pelo giro pré-central inferior </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Porque outras lesões em outras regiões também causam disfagia? </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Estudos PET em voluntários saudáveis indicam um amplo network envolvido na deglutição voluntária, incluindo a porção anterior da ínsula e o cerebelo (Zald and Pardo 1999). </li></ul></ul></ul>
  3. 3. Giro pré-central, ínsula, bulbo, cerebelo <ul><li>MILY </li></ul>
  4. 4. Circuito responsável pela deglutição voluntária é amplo, fronto-cerebelar <ul><ul><ul><li>Ínsula anterior: conexões com córtices motores primário e suplementar, núcleos do tálamo e do trato solitário </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>A sensibilidade do esôfago vem pelo vago até o trato solitário; a inervação motora do esôfago distal sai do núcleo dorsal motor do vago </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Juntos NTS e Vago compõem o complexo vagal dorsal, que controla o esfíncter; a representação do trato gastrointestinal neste complexo é víscero-topográfica: estímulo caudal ao IV ventrículo produz relaxamento, e rostral produz contração do esfíncter </li></ul></ul></ul>
  5. 5. Ínsula anterior, córtex motor primário, suplementar, tálamo <ul><li>Cerebelo </li></ul><ul><li>NTS </li></ul><ul><li>Complexo </li></ul><ul><li>Dorsal do vago </li></ul>
  6. 6. Lesões cerebrais e disfagia: a prática <ul><ul><ul><li>Engolir é mais uma atividade complexa do SNC, como fala, marcha, andar de bicicleta </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Estas atividades envolvem mais de uma área cerebral, agindo em concêrto, como uma orquestra </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Regiões de neocórtex, arquicórtex, núcleos talâmicos e de tronco precisam agir em precisa coordenação </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Todas estas atividades se tornam imprecisas quando a população de neurônios disponível diminui, seja por lesões, sonolência, toxicidade de drogas, como dirigir bêbado </li></ul></ul></ul>
  7. 7. Causas neurológicas de disfagia <ul><li>Pequenas lesões de tronco distal: núcleos dos pares cranianos IX, X, XII </li></ul><ul><li>Aneurismas basilares, neoplasias de tronco, hemorragias, infartos, compressões cerebelares </li></ul><ul><li>Lesões dos ramos sensitivos do IX e X, do ramo motor do IX, polineuropatias cranianas </li></ul><ul><li>Grandes lesões de hemisférios cerebrais </li></ul><ul><li>Sonolência hospitalar: doença neurológica, sedativos, analgésicos, anestésicos </li></ul>
  8. 8. Grandes lesões de neurônio motor superior <ul><li>Pequenas lesões de corpo de neurônio motor inferior </li></ul><ul><li>Lesões axonais difusas </li></ul>
  9. 9. Doenças: neurônio motor superior <ul><li>Alexander , Huntington , Machado-Joseph , Parkinson, Alzheimer, Gaucher tipo 2, Niemann-Pick </li></ul><ul><li>Demência vascular, demência frontotemporal </li></ul><ul><li>Degeneração o livopontocerebellar , paralisia supranuclear p rogressiv a; ataxia telangiectasia; distonia o romandibular , encefalopatia espongiforme, encefalopatia por HIV </li></ul><ul><li>Doença dos neurônios motores: esclerose lateral amiotrófica; paralisia pseudobulbar </li></ul>
  10. 10. Neurônio motor inferior <ul><li>Encefalomielopatia necrotizante subaguda; esclerose múltipla </li></ul><ul><li>Polimielite, neuronopatia paraneoplásica sensorial, polineuropatias pós-infecciosas; raiva paralítica </li></ul><ul><li>Sistema nervoso autonômico: pand i sautonomia </li></ul><ul><li>Neuromuscular e s: m i astenia gravis </li></ul><ul><li>M usculares: miopatias, distrofias, miosites </li></ul><ul><li>Botulinum toxin ; dyskinesias </li></ul>
  11. 11. Pacientes com sonda gástrica ou disfagia intensa em casa neste momento <ul><li>RRAR, esclerose múltipla </li></ul><ul><li>BR, doença de Alzheimer </li></ul><ul><li>WP, doença de Alzheimer </li></ul><ul><li>OW, hematoma de hemisfério direito </li></ul><ul><li>AB, doença de Parkinson </li></ul><ul><li>MK, doença de Parkinson </li></ul><ul><li>JP, doença de Alzheimer </li></ul><ul><li>TB, infarto de hemisfério esquerdo </li></ul>
  12. 12. Neurogastroenterologia funcional <ul><ul><ul><li>Globus pharyngeus : sensation of a lump or tightness in the throat ; functional if no organic explanation is detected ; diagnostic criteria are persistence of the sensation a of lump for at least 12 weeks during the preceding 12 months, occurrence between meals, absence of dysphagia or odynophagia, and absence of a motility disorder of the upper gastrointestinal tract (Clouse et al 1999). </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Phagophobia : acute or chronic dysphagia secondary to fear of swallowing. Head and neck examination, standard barium swallow study, and oropharyngeal swallowing videofluoroscopy do not reveal any abnormality (Shapiro et al 1997) </li></ul></ul></ul>
  13. 13. Muito obrigado www.unineuro.com.br

×