“ Cantaré, Cantarás” Não uses o rato, por favor A amizade   De autor desconhecido
Quero falar aos amigos. Os amigos que tenho são os melhores que alguém poderia ter.
Além disso, os amigos que tenho têm muitos amigos e os dividem comigo. Assim, meu número de amigos sempre aumenta, já que ...
Foi assim sempre. Uns ganhei há tempos. Outros são mais recentes.
E quem os deu não ficou sem eles, pois amizade pode ser sempre dividida sem nunca diminuir ou enfraquecer.
Pelo contrário, quanto mais dividida mais aumenta.
E há mais vantagens na amizade: é uma das poucas coisas que não custam nada mas valem muito, embora não sejam vendáveis!
Entretanto, é preciso que se cuide um pouco das amizades...
As mais recentes, por exemplo, precisam de alguns cuidados. Poucos, é verdade, mas indispensáveis.
É preciso mantê-los com um certo calor, cuidar, falar com eles. Com o tempo eles crescem, ficam fortes e suportam alguns t...
Os mais antigos, já sólidos, não exigem muito não! São como as mudas de plantas que, depois de enraizadas, parecem viver s...
Prezo muito minhas amizades e reservo sempre um canto no meu peito para elas.
E sempre que surge a ocasião, não perco a oportunidade de dar um amigo a um amigo, da mesma forma que ganhei.
E não adiantam as despedidas. De um amigo ninguém se livra fácil. Amizade, além de contagiosa, é incurável.
 
 
 
 
 
Apresentação por Renato Cardoso
www.vivendobauru.com.br Esta música foi gravada pelos maiores ícones do universo latino de cantores. Seguindo a linha inic...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A Amizade

2.477 visualizações

Publicada em

Texto de autor desconhecido com música de cantores latinos como Julio Iglesias, Roberto Carlos e outros.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.477
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
224
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
97
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Amizade

  1. 1. “ Cantaré, Cantarás” Não uses o rato, por favor A amizade De autor desconhecido
  2. 2. Quero falar aos amigos. Os amigos que tenho são os melhores que alguém poderia ter.
  3. 3. Além disso, os amigos que tenho têm muitos amigos e os dividem comigo. Assim, meu número de amigos sempre aumenta, já que sempre ganho amigos dos meus amigos.  
  4. 4. Foi assim sempre. Uns ganhei há tempos. Outros são mais recentes.
  5. 5. E quem os deu não ficou sem eles, pois amizade pode ser sempre dividida sem nunca diminuir ou enfraquecer.
  6. 6. Pelo contrário, quanto mais dividida mais aumenta.
  7. 7. E há mais vantagens na amizade: é uma das poucas coisas que não custam nada mas valem muito, embora não sejam vendáveis!
  8. 8. Entretanto, é preciso que se cuide um pouco das amizades...
  9. 9. As mais recentes, por exemplo, precisam de alguns cuidados. Poucos, é verdade, mas indispensáveis.
  10. 10. É preciso mantê-los com um certo calor, cuidar, falar com eles. Com o tempo eles crescem, ficam fortes e suportam alguns trancos.
  11. 11. Os mais antigos, já sólidos, não exigem muito não! São como as mudas de plantas que, depois de enraizadas, parecem viver sem cuidados, porém não podem jamais ser esquecidas.
  12. 12. Prezo muito minhas amizades e reservo sempre um canto no meu peito para elas.
  13. 13. E sempre que surge a ocasião, não perco a oportunidade de dar um amigo a um amigo, da mesma forma que ganhei.
  14. 14. E não adiantam as despedidas. De um amigo ninguém se livra fácil. Amizade, além de contagiosa, é incurável.
  15. 20. Apresentação por Renato Cardoso
  16. 21. www.vivendobauru.com.br Esta música foi gravada pelos maiores ícones do universo latino de cantores. Seguindo a linha iniciada por Michael Jackson, que se somou a grandes nomes da música americana no projeto “We are the world”, Roberto Carlos, Julior Iglesias, José Feliciano e tantos outros produziram esta canção com renda da vendagem dos discos em pról de causas filantrópicas. Não foi registrado muito sucesso, é verdade, e isso se deu por outros motivos. Porém a proposta, a causa defendida, essa sim foi atingida em cheio. Não bastassem os recursos arrecadados, de sobra ficou essa bela canção que nos leva a imaginar uma América Latina única, sem fronteiras. Se dá certo com a música, por que não com outras áreas. É só querer!

×