Paula Jesus  Nº 19 9ºD
<ul><li>Júpiter era o deus romano do dia, comumente identificado com o deus grego Zeus, era filho de Saturno e de Reia. À ...
<ul><li>Marte era o deus romano da guerra, equivalente ao grego Ares. O povo romano considerava-se descendente daquele deu...
<ul><li>Mercúrio era o deus romano encarregado de levar as mensagens de Júpiter. Era filho de Júpiter e de Bona Dea e nasc...
<ul><li>Vénus é a deusa do panteão romano, equivalente a Afrodite no panteão grego. É a deusa do Amor e da Beleza. O nome ...
<ul><li>Baco, o deus do vinho, insurge-se de imediato contra os portugueses, pois sentia uma enorme inveja pela imensa gló...
<ul><li>Apolo, filho de Zeus e Leto, e irmão gémeo de Ártemis, deusa da caça, era um dos mais importantes e multifacetados...
<ul><li>Determinavam o curso da vida humana, decidindo questões como vida e morte, de maneira que nem Júpiter ( Zeus ) pod...
<ul><li>Vulcano (Hefesto na mitologia grega) era o deus romano do fogo, filho de Júpiter e de Juno ou ainda, segundo algun...
<ul><li>Na mitologia grega, Dóris é uma das três mil oceânides, divindades aquáticas. São filhas de Oceanus, um dos doze t...
<ul><li>Filho de Saturno e de Reia, irmão de Júpiter e de Plutão. Deus do Mar, casou com Anfitrite. </li></ul><ul><li>Era ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Os LusíAdas .. Paula De Jesus

2.354 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Turismo
  • Seja o primeiro a comentar

Os LusíAdas .. Paula De Jesus

  1. 1. Paula Jesus Nº 19 9ºD
  2. 2. <ul><li>Júpiter era o deus romano do dia, comumente identificado com o deus grego Zeus, era filho de Saturno e de Reia. À medida que Reia dava à luz, Saturno devorava todos os filhos varões. Júpiter e Juno nasceram do mesmo parto, e Reia, para salvar a vida do filho, apresentou-lhe a filha Juno e, em lugar de Júpiter, deu-lhe uma pedra embrulhada, que Saturno devorou imediatamente. Reia deu Júpiter a criar aos Coribantes, sacerdotes de Cibele, filha do Céu e da Terra, que o levaram para Creta, onde foi amamentado pela cabra Amalteia. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Marte era o deus romano da guerra, equivalente ao grego Ares. O povo romano considerava-se descendente daquele deus pelo facto de Rómulo ser filho de Réia Sílvia ou Ília, princesa de Alba Longa, e Marte. Filho de Juno e de Júpiter, era considerado o deus da guerra sangrenta, ao contrário de sua irmã Minerva, que representa a guerra justa e diplomática. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Mercúrio era o deus romano encarregado de levar as mensagens de Júpiter. Era filho de Júpiter e de Bona Dea e nasceu em Cilene, monte de Arcádia. Os seus atributos incluem uma bolsa, umas sandálias e um capacete com asas, uma varinha de condão e o caduceu. Quando Proserpina foi raptada, tentou resgatá-la dos infernos sem muito sucesso. Era o deus da eloqüência, do comércio, dos viajantes e dos ladrões, a personificação da inteligência. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>Vénus é a deusa do panteão romano, equivalente a Afrodite no panteão grego. É a deusa do Amor e da Beleza. O nome vem acompanhado, por vezes, de epítetos como &quot;Citereia&quot; já que, aquando do nascimento, teria passado por Citera, onde era adorada sob este nome. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Baco, o deus do vinho, insurge-se de imediato contra os portugueses, pois sentia uma enorme inveja pela imensa glória que o destino lhes reservava. Na Índia prestava-se culto a Baco, e o invejoso deus temia que os seus seguidores rapidamente o esquecessem com a chegada dos portugueses. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>Apolo, filho de Zeus e Leto, e irmão gémeo de Ártemis, deusa da caça, era um dos mais importantes e multifacetados deuses do Olimpo. Nas mitologias gregas, romana e etrusca, Apolo foi identificado como o deus da luz e do sol, da verdade e da profecia, do pastoreio, do tiro com arco, da beleza, da medicina e da cura, da música, da poesia e das artes. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Determinavam o curso da vida humana, decidindo questões como vida e morte, de maneira que nem Júpiter ( Zeus ) podia contestar suas decisões. Nona tecia o fio da vida, Décima cuidava de sua extensão e caminho, Morta cortava o fio. Eram também designadas fates , daí o termo em ingles &quot;fate&quot;(destino) é interessante notar que em Roma se tinha a estrutura de calendário solar para os anos, e lunar para os atuais meses . </li></ul>
  9. 9. <ul><li>Vulcano (Hefesto na mitologia grega) era o deus romano do fogo, filho de Júpiter e de Juno ou ainda, segundo alguns mitólogos, somente de Juno com o auxílio do Vento. Foi lançado aos mares devido à vergonha de sua mãe pela sua disformidade, foi, porém, recolhido por Tetis e Eurínome, filhas do Oceanus. Noutras versões, a sua fealdade era tal mesmo recém-nascido, que Júpiter o teria lançado do Monte olimpo abaixo. A esse facto de deveria a sua deformidade, pois Vulcano era coxo. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Na mitologia grega, Dóris é uma das três mil oceânides, divindades aquáticas. São filhas de Oceanus, um dos doze titãs, e de, Tétis, que representa a fecundidade feminina do mar. Dóris irá desposar Nereu, chamado “o velho do mar”. Este é filho de Gaia, a Terra, e de Pontos, a onda marinha. Da união dos dois nascerão as nereidas, divindades marinhas. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>Filho de Saturno e de Reia, irmão de Júpiter e de Plutão. Deus do Mar, casou com Anfitrite. </li></ul><ul><li>Era representado com um tridente na mão sobre um coche puxado por cavalos-marinhos. </li></ul>

×