Formação das rochas

64.200 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Tecnologia
2 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
64.200
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
352
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
255
Comentários
2
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Formação das rochas

  1. 1. Formação das Rochas
  2. 2. Rochas • Os minerais são substâncias encontradas na natureza, resultante de milhões de anos de processos inorgânicos (ação do calor, pressão, etc). A maioria dos minerais é sólido, como feldspato, mica, quartzo, mas há alguns líquidos, como a água e o mercúrio. • As rochas são formadas por dois ou mais minerais agrupados.
  3. 3. Rochas Magmáticas • Em Superfície Rochas Extrusivas (Vulcânicas)
  4. 4. Rochas Magmáticas • Em profundidade • Intrusivas (Plutônicas)
  5. 5. Rochas sedimentarres • Formadas pela erosão de rochas preexistentes Parque Estadual Vila Velha - PR
  6. 6. Calcário Estalactites e Estalagmites
  7. 7. Fóssil: Trilobite: Artrópodes marinho que viveram nos mares do paleozóico, viviam em ambientes pouco profundos arrastando-se pelo fundo
  8. 8. Botuverá - SC
  9. 9. Rochas Metamórficas • São o produto da transformação de qualquer tipo de rocha levada a um ambiente onde as condições físicas (pressão, temperatura) são muito distintas daquelas onde a rocha se formou.
  10. 10. Mármore
  11. 11. Estrutura Geológica • Crátons ou Plataformas • Rochas Magmáticas ou metamórficas • Quando estão expostas, são chamadas escudos
  12. 12. Estrutura Geológica • Bacias Sedimentares • Os crátons sofreram a ação da erosão • Os sedimentos se acumularam em Bacias
  13. 13. As Bacias Sedimentares Constituem 64% do Território Brasileiro, e os escudos 36%.
  14. 14. ESCUDO PARANAENSE • Na região litorânea estão as rochas mais antigas, com mais de 3 bilhões de anos. • No litoral e em todo o Primeiro Planalto Paranaense, e na região da Serra do Mar, afloram rochas magmáticas e metamórficas. São rochas resistentes e responsáveis pelo forte relevo e altas declividades da paisagem. Esta parte do Estado é denominada de ESCUDO PARANAENSE.
  15. 15. BACIA DO PARANÁ • A oeste, o Escudo é recoberto por uma espessa seqüência de rochas sedimentares e vulcânicas, que começa na Escarpa da Serrinha, chegando à divisa oeste do Estado, abrangendo o Segundo e Terceiro Planaltos Paranaenses. • No início de sua formação, ainda existia a Gondwana.
  16. 16. • As mudanças muito lentas possibilitaram a formação de rochas de diversas origens marinha, lacustre, fluvial, glacial, que formam a seqüência sedimentar paleozóica da Bacia do Paraná. • Jurássico: esta extensa bacia transformou-se num imenso deserto (o deserto Botucatu) com mais de 1,5 milhões de km2, que cobriu parte do que é hoje o sul do Brasil, Paraguai, Uruguai e Argentina.
  17. 17. • Cretáceo: Início da ruptura do supercontinente Gondwana. • Liberação de magma, formando extensos derrames de lavas basálticas sobre as unidades sedimentares. Estes derrames atingiram até 1.500m de espessura e cobriram mais de 1.200.000 km2. • A alteração destas lavas resulta na famosa "terra roxa".
  18. 18. • Sobre estas rochas, no Noroeste do Estado, ocorrem os chamados arenitos Caiuá, também formados em ambiente desértico ao final do Cretáceo. Estas rochas formam solos muito suscetíveis à erosão e pobres do ponto de vista agrícola.

×