Ergonomia e experiência do usuário: O que eu ganho com isso?

2.805 visualizações

Publicada em

Apresentação feita no Executive IT Meeting, em Goiânia, Goiás

Publicada em: Tecnologia, Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.805
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
66
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
153
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ergonomia e experiência do usuário: O que eu ganho com isso?

  1. 1. Robson Santos, D.Sc. Ergonomia e Experiência do Usuário O que eu ganho com isso? Ergonomia e Experiência do Usuário O que eu ganho com isso?
  2. 2. Doutor em Design PUC-Rio, Departamento de Artes e Design Mestre em Design PUC-Rio, Departamento de Artes e Design Designer Esdi/Uerj Designer gráfico e de interfaces Pesquisador e docente de nível superior Consultor em ergodesign e usabilidade Colaborador no Nokia DNA Project Brazil Coordenador do curso de Design Digital
  3. 3. ergon + nomos Estes termos gregos denominam a ciência do trabalho.
  4. 6. <ul><li>A Ergonomia promove uma abordagem holística na qual são levados em conta fatores: </li></ul><ul><li>físicos </li></ul><ul><li>cognitivos </li></ul><ul><li>sociais </li></ul><ul><li>organizacionais </li></ul><ul><li>ambientais </li></ul><ul><li>outros fatores relevantes </li></ul>
  5. 7. Ergonomia física Ergonomia cognitiva Ergonomia organizacional
  6. 8. <ul><li>A Ergonomia está interessada em utilizar as ciências para melhorar as condições de trabalho humano. </li></ul>
  7. 9. <ul><li>Entende-se por trabalho toda ação humana intermediada por uma interface física, eletrônica ou mecânica. </li></ul>
  8. 10. TRABALHADOR/ CONSUMIDOR/ USUÁRIO LOCAL DE TRABALHO/ CONTEXTO ORGANIZAÇÃO DO TRABALHO/ TAREFA
  9. 11. Experiência do usuário é resultado de como o produto se comporta quando é usado no cotidiano .
  10. 12. <ul><li>A experiência do usuário colabora para: </li></ul><ul><li>formar a impressão das ofertas da empresa </li></ul><ul><li>diferenciar a empresa dos competidores </li></ul><ul><li>determinar se o consumidor voltará outra vez. </li></ul>
  11. 13. <ul><li>Importância do Projeto Centrado no Usuário: </li></ul><ul><li>ajuda a aumentar a velocidade de produção . </li></ul><ul><li>ajuda a diminuir a incidência de erros . </li></ul><ul><li>Aumentar a eficiência das ferramentas usadas aumenta a produtividade do negócio como um todo. </li></ul>
  12. 14. A funcionalidade mais poderosa do mundo falhará se o usuário não souber como fazê-la funcionar.
  13. 15. Tudo que o usuário experimenta deve ser resultado de uma decisão consciente da parte da equipe de projeto.
  14. 16. Por que investir em Usabilidade?
  15. 17. Pessoas desejam interagir com pessoas REDE SOCIAL WEB SEMÂNTICA TRABALHO COLABORATIVO
  16. 18. ERGONOMIA Adequação dos projetos às necessidades humanas Requisitos fisiológicos e psicológicos básicos Aspectos de psicologia cognitiva para situações de tomada decisão Usabilidade trabalho mediado pelo computador 1 2 3
  17. 19. “ Capacidade do software em permitir que o usuário alcance suas metas de interação com o sistema.”
  18. 20. <ul><li>ISO 9241 - 11 </li></ul>USABILIDADE EFETIVIDADE EFICIÊNCIA SATISFAÇÃO
  19. 22. Mercado consumidor
  20. 24. Mercado de trabalho Mercado de trabalho
  21. 25. The Apple Lisa, 1983 iPod, 2006
  22. 30. Interfaces para busca e recuperação de informação na Web Pesquisa de doutorado realizada no Programa de Pós-Graduação em Design da PUC-Rio
  23. 31. Universidade Federal do Pará Sistema: Pergamum
  24. 32. Universidade Federal de São João del Rei Sistema: PHL
  25. 33. ETAPA 1 Avaliação das interfaces <ul><li>Aplicação do Questionaire for User Interface Satisfaction (QUIS) </li></ul><ul><li>Entrevistas com informantes qualificados: bibliotecários </li></ul><ul><li>Avaliações feitas por 12 projetistas de sistemas e de interfaces </li></ul><ul><li>Quadro com a compilação de 120 recomendações para o desenvolvimento do protótipo </li></ul>Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  26. 34. ETAPA 2 Desenvolvimento do Protótipo Layout das telas Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  27. 35. ETAPA 3 Avaliação do Protótipo Grupo de Foco Ao todo 27 pessoas participaram das quatro rodadas de grupo de foco. Cada sessão teve duração média de uma hora. Foi gerada uma lista com 71 recomendações de melhoria. Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  28. 40. ETAPA 3 Avaliação do Protótipo Questionaire for User Interface Satisfaction (QUIS) As sessões de aplicação do QUIS foram realizadas durante dois dias, com 44 participantes . Cada participante levou em média 50 minutos para finalizar a atividade. Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  29. 41. Resultados
  30. 42. Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  31. 43. Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  32. 44. Resultados <ul><li>Os resultados permitem declarar que: </li></ul><ul><li>a proposta de interface atingiu seu objetivo de facilitar a realização da tarefa </li></ul><ul><li>houve melhoria na facilidade de aprendizagem </li></ul><ul><li>foi utilizada linguagem mais familiar ao usuário </li></ul><ul><li>houve melhoria na eficiência </li></ul><ul><li>foi obtido elevado grau de satisfação do usuário </li></ul>Interfaces para Busca e Recuperação de Informação na Web
  33. 45. Por que investir em usabilidade?
  34. 46. Garantir a efetividade do produto
  35. 47. Aumentar a eficiência do produto
  36. 48. Atingir a satisfação do usuário!
  37. 49. e...
  38. 51. Robson Santos Usabilidade & Ergodesign www.robsonsantos.com http://interfaceando.blogspot.com [email_address] Muito obrigado!

×