SIDA  tratamentos e investigação da cura Christina Rego, nº1 Joana Silva, nº14 12ºA
“ É incompreensível que, em poucos meses, depois de uns milhares de pessoas terem perdido a vida no terrível ataque do onz...
Existem três tipos de medicamentos que actuam de formas diferentes em fases diferentes. Com acesso ao tratamento, 99% do v...
<ul><li>Ocorre inibição deste processo que é necessário para a multiplicação dentro das células.  </li></ul>Inibidores de ...
<ul><li>Existem dois tipos de inibidores de transcriptase reversa:  </li></ul><ul><li>NRTI - impedem a produção de ADN vír...
<ul><li>Corta as novas multi-proteínas víricas em proteínas internas estruturais individuais, a acção da protease é um pas...
<ul><li>Bloqueia a protease do VIH fazendo com que as novas cópias do vírus não infectem novas células. Pois se esta estiv...
<ul><li>Os inibidores de fusão são o novo tratamento que obteve resultados positivos, sendo um avanço significativo no tra...
<ul><li>O HIV liga-se ao CD4 através duma proteína (gp120) que contém balões. Depois de estar preso estes três braços abre...
<ul><li>Os Inibidores de fusão ligam-se aos co-receptores impedindo a ligação eficaz do vírus á célula hospedeira. Sem est...
<ul><li>Cada fármaco apenas pode ser utilizado uma vez. </li></ul><ul><li>O tratamento nem sempre pode ser adiado. </li></...
<ul><li>A investigação na área da SIDA consiste na introdução da nanotecnologia na medicina que pode conduzir a grandes av...
<ul><li>A descoberta poderá abrir caminho para o desenvolvimento de novos tratamentos contra a SIDA. O gene CEM15 confere ...
<ul><li>http://www.roche.pt/sida/tratamento/  </li></ul><ul><li>www.radiomonsanto.pt/detalhe-noticia.php?id=95 </li></ul><...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Sida

1.433 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.433
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sida

  1. 1. SIDA tratamentos e investigação da cura Christina Rego, nº1 Joana Silva, nº14 12ºA
  2. 2. “ É incompreensível que, em poucos meses, depois de uns milhares de pessoas terem perdido a vida no terrível ataque do onze de Setembro, tenham sido angariados centenas de biliões de dólares para ajudar as vítimas, enquanto que a morte evitável de três milhões de pessoas por ano, não consiga angariar os sete biliões de dólares necessários, para inverter a epidemia da SIDA.” Phil Bartle, Professor de Sociologia
  3. 3. Existem três tipos de medicamentos que actuam de formas diferentes em fases diferentes. Com acesso ao tratamento, 99% do vírus é eliminado ao fim de um mês. <ul><li>Terapeutica Anti-retrovírica de elevada potência </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Ocorre inibição deste processo que é necessário para a multiplicação dentro das células. </li></ul>Inibidores de Transcriptase reversa
  5. 5. <ul><li>Existem dois tipos de inibidores de transcriptase reversa: </li></ul><ul><li>NRTI - impedem a produção de ADN vírico incorporando-se neste. Interrompe a síntese duma nova cadeia mas não mata o vírus. </li></ul><ul><li>NNRTI - liga-se á transcriptase reversa num local específico, afectando a mobilidade desta enzima impossibilitando-a de se ligar ao RNA. </li></ul>
  6. 6. <ul><li>Corta as novas multi-proteínas víricas em proteínas internas estruturais individuais, a acção da protease é um passo fundamental na estruturação destas proteínas, o que ocorre para o vírus se tornar infeccioso. </li></ul>Protease
  7. 7. <ul><li>Bloqueia a protease do VIH fazendo com que as novas cópias do vírus não infectem novas células. Pois se esta estiver impossibilitada de exercer a sua função normal, os vírus imaturos não serão estruturados correctamente. </li></ul>Inibidores da protease
  8. 8. <ul><li>Os inibidores de fusão são o novo tratamento que obteve resultados positivos, sendo um avanço significativo no tratamento da SIDA. </li></ul><ul><li>Este tratamento não permite a fusão com a célula hospedeira (Linfócito T CD4), actua fora da célula e antes dos outros inibidores. </li></ul>Inibidores de Fusão
  9. 9. <ul><li>O HIV liga-se ao CD4 através duma proteína (gp120) que contém balões. Depois de estar preso estes três braços abrem-se e revelam locais onde os co-receptores podem agarrar-se. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>Os Inibidores de fusão ligam-se aos co-receptores impedindo a ligação eficaz do vírus á célula hospedeira. Sem esta ligação a entrada do vírus na célula fica bloqueada. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>Cada fármaco apenas pode ser utilizado uma vez. </li></ul><ul><li>O tratamento nem sempre pode ser adiado. </li></ul><ul><li>Ainda não está provado que o tratamento reduz a probabilidade de contaminação. </li></ul><ul><li>Este tratamento pode não resultar pois o vírus pode ter ganho resistência aos medicamentos (resistência cruzada). </li></ul><ul><li>Podem existir efeitos secundário. </li></ul>Consequências
  12. 12. <ul><li>A investigação na área da SIDA consiste na introdução da nanotecnologia na medicina que pode conduzir a grandes avanços no tratamento desta. </li></ul><ul><li>Uma equipa anglo-americana de investigadores descobriu um gene humano que representa um novo tipo de resistência ao vírus da SIDA (VIH). </li></ul>Investigação
  13. 13. <ul><li>A descoberta poderá abrir caminho para o desenvolvimento de novos tratamentos contra a SIDA. O gene CEM15 confere uma resistência natural ao vírus, mas é normalmente neutralizado por uma pequena proteína do VIH. </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  14. 14. <ul><li>http://www.roche.pt/sida/tratamento/ </li></ul><ul><li>www.radiomonsanto.pt/detalhe-noticia.php?id=95 </li></ul><ul><li>tecnocientista.info/nd.asp?cod=6228 </li></ul><ul><li>http://www.scn.org/mpfc/modules/adv-hivp.htm </li></ul>Bibliografia

×