SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
Baixar para ler offline
Fascismo Italiano Benito Mussolini
O Conceito O Fascismo foi um regime político instaurado por Benito Mussolini, em Itália entre 1922 e 1945, o qual substituiu a Monarquia Parlamentar (Vítor Manuel III). Foi uma Ditadura de Extrema Direita que se baseou no culto do chefe, isto é o DUX (Mussolini). A força deste ditador era suportada pelos Camisas Negras e pelo Squadrismo
Camisas Negras Milícias do Estado Fascista Italiano, vestiam uniforme Negro, o qual simbolizava a crise económica que viviam e os diferenciava dos comunistas (vermelhos)
Squadrismo Grupos de choque fascistas que nasceram em 1918. O chefe era conhecido como o Ras e admiravam Mussolini. O Squadrismo era utilizado para combater os comunistas, esmagar greves e controlar eleições. Italo Balbo foi o mais importante Ras de Itália.
Mussolini o herói A Itália sofreu imenso com a 1ªGuerra Mundial. Crise agrícola e industrial;  Desemprego e greves; Inflação e défice da balança comercial; Dificuldades politicas do Rei Vítor Manuel III (Monarquia Parlamentar) Cresce o descontentamento e Mussolini aproveita o momento, funda o Partido Nacional Fascista e promete restabelecer a normalidade e o desenvolvimento. A Burguesia e a Classe Média vão apoiar o Duce e colaboram na “Marcha sobre Roma” (Outubro de 1922). O Rei, amedrontado, convida Mussolini a formar governo.
O Rei Vítor Manuel III (1900/1946)
O Rei Vítor Manuel III Assumiu o poder entre 1900-1946. Apoiou o regime fascista de Mussolini. Retirou Mussolini do poder em 1943. Assume o poder até 1946 Morre em 1947. Apoiou Mussolini na sua política expansionista de reconstrução de um novo Império Romano (Sonho Etíope)
Politica de Mussolini Principais características do Fascismo Um chefe absoluto (Duce); Um partido único (Partido Nacional Fascista); Uma Nação (Nacionalismo); Policia Politica (Camisas Negras); Corporativismo (Não existem sindicatos nem greves); Autarcia (o país deve produzir tudo o que necessita); Expansionismo (luta pela conquista de novos territórios, por exemplo no Norte de África); Anti-Comunismo (odeia os comunistas); Anti-Parlamentarismo (o que vale é o poder do chefe); Politica da Natalidade (incentiva ao aumento da natalidade/mais pessoas significa maior riqueza para a Nação).
Projecto Económico A Batalha do Trigo
Projecto Económico Obras Públicas
A Morte do Ditador Benito Amilcare Andrea Mussolini, designado Duce (condutor), foi morto pela Resistência Italiana, em 28 de Abril de 1945. O seu corpo ficou exposto vários dias em Milão, na Piazza Loreto (tal como Clara Petacci, sua companheira)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3
AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3
AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3kelvin45170
 
Fascismo Italiano
Fascismo ItalianoFascismo Italiano
Fascismo Italianoguestd0fdd7
 
Fascismo e Fascistas
Fascismo e FascistasFascismo e Fascistas
Fascismo e FascistasPhyllipa
 
Trabalho realizado em história
Trabalho realizado em históriaTrabalho realizado em história
Trabalho realizado em históriaFIREFIGHT
 
O Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLia
O Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLiaO Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLia
O Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLiaSílvia Mendonça
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismomarcy
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitáriosJoana Melazzo
 
Regimes fascista e Nazi
Regimes fascista e NaziRegimes fascista e Nazi
Regimes fascista e Naziveruxkita
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismotiatex
 
A Ascensãop da Extrema-Direita
A Ascensãop da Extrema-DireitaA Ascensãop da Extrema-Direita
A Ascensãop da Extrema-Direitatiagotrim
 

Mais procurados (20)

AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3
AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3
AscensãO Dos Regimes TotalitáRios Na Europa 3
 
Ascensão do fascismo europeu
Ascensão do fascismo europeuAscensão do fascismo europeu
Ascensão do fascismo europeu
 
Fascismo Italiano
Fascismo ItalianoFascismo Italiano
Fascismo Italiano
 
Fascismo e Fascistas
Fascismo e FascistasFascismo e Fascistas
Fascismo e Fascistas
 
Trabalho realizado em história
Trabalho realizado em históriaTrabalho realizado em história
Trabalho realizado em história
 
O Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLia
O Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLiaO Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLia
O Estabelecimento Do Regime Fascista Em ItáLia
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
Regimes fascista e Nazi
Regimes fascista e NaziRegimes fascista e Nazi
Regimes fascista e Nazi
 
Facismo
FacismoFacismo
Facismo
 
Fascismo_aula.ppt
Fascismo_aula.pptFascismo_aula.ppt
Fascismo_aula.ppt
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
Fascismo e nazismo
Fascismo e nazismoFascismo e nazismo
Fascismo e nazismo
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
 
Totalitarismo
TotalitarismoTotalitarismo
Totalitarismo
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
 
A Ascensãop da Extrema-Direita
A Ascensãop da Extrema-DireitaA Ascensãop da Extrema-Direita
A Ascensãop da Extrema-Direita
 
O fascismo
O fascismo O fascismo
O fascismo
 

Destaque

Roteiro de Aula - Fascismo e Nazismo
Roteiro de Aula - Fascismo e NazismoRoteiro de Aula - Fascismo e Nazismo
Roteiro de Aula - Fascismo e Nazismojosafaslima
 
O cartaz como instrumento político
O cartaz como instrumento políticoO cartaz como instrumento político
O cartaz como instrumento políticoMackenzie
 
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gmAulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gmMaria Schmitt
 
O Tempo Das Ditaduras
O Tempo Das DitadurasO Tempo Das Ditaduras
O Tempo Das DitadurasRainha Maga
 
A SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIAL
A SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIALA SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIAL
A SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIALIsabel Aguiar
 
INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA
INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA
INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA Isabel Aguiar
 
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASILABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASILIsabel Aguiar
 
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIOQUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIOIsabel Aguiar
 
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870Isabel Aguiar
 
Rebelioes regenciais blog
Rebelioes regenciais blogRebelioes regenciais blog
Rebelioes regenciais blogIsabel Aguiar
 
A EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIXA EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIXIsabel Aguiar
 
O REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IO REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IIsabel Aguiar
 
Slide imigração e fim trafico negreiro
Slide imigração e fim trafico negreiro Slide imigração e fim trafico negreiro
Slide imigração e fim trafico negreiro Isabel Aguiar
 
SEGUNDO REINADO 1840-1889
SEGUNDO REINADO 1840-1889SEGUNDO REINADO 1840-1889
SEGUNDO REINADO 1840-1889Isabel Aguiar
 

Destaque (15)

Roteiro de Aula - Fascismo e Nazismo
Roteiro de Aula - Fascismo e NazismoRoteiro de Aula - Fascismo e Nazismo
Roteiro de Aula - Fascismo e Nazismo
 
O cartaz como instrumento político
O cartaz como instrumento políticoO cartaz como instrumento político
O cartaz como instrumento político
 
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gmAulas 60   67 e  68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
Aulas 60 67 e 68 - crise de 29 - new deal - fascismo e nazismo - 2ª gm
 
O Tempo Das Ditaduras
O Tempo Das DitadurasO Tempo Das Ditaduras
O Tempo Das Ditaduras
 
A SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIAL
A SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIALA SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIAL
A SOCIEDADE MINERADORA NO BRASIL COLONIAL
 
INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA
INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA
INDEPENDÊNCIAS NA AMÉRICA
 
AFRICANOS NO BRASIL
AFRICANOS NO BRASILAFRICANOS NO BRASIL
AFRICANOS NO BRASIL
 
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASILABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
 
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIOQUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
QUESTÕES DE HISTÓRIA - BRASIL IMPÉRIO
 
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
GUERRA DO PARAGUAI 1864-1870
 
Rebelioes regenciais blog
Rebelioes regenciais blogRebelioes regenciais blog
Rebelioes regenciais blog
 
A EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIXA EUROPA NO SÉCULO XIX
A EUROPA NO SÉCULO XIX
 
O REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IO REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO I
 
Slide imigração e fim trafico negreiro
Slide imigração e fim trafico negreiro Slide imigração e fim trafico negreiro
Slide imigração e fim trafico negreiro
 
SEGUNDO REINADO 1840-1889
SEGUNDO REINADO 1840-1889SEGUNDO REINADO 1840-1889
SEGUNDO REINADO 1840-1889
 

Semelhante a Fascismo Italiano

Historiando sob diversos olhares
Historiando sob diversos olharesHistoriando sob diversos olhares
Historiando sob diversos olharesJanayna Lira
 
352 abc mussolini no poder
352 abc mussolini no poder352 abc mussolini no poder
352 abc mussolini no podercrpp
 
O Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o NazismoO Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o Nazismo_7udy_
 
Crise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º anoCrise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º ano7 de Setembro
 
Fascismo e Nazismo: violência e medo
Fascismo e Nazismo: violência e medoFascismo e Nazismo: violência e medo
Fascismo e Nazismo: violência e medoFrancisco Cougo Jr
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitáriosLucas Farias
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitáriosIsaquel Silva
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismobetepa
 
1293455968 regimes totalitarios_europa
1293455968 regimes totalitarios_europa1293455968 regimes totalitarios_europa
1293455968 regimes totalitarios_europaPelo Siro
 
O tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditadurasO tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditadurasNuno Faustino
 
Os regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europaOs regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europaNelia Salles Nantes
 
Totalitarismo europeu
Totalitarismo europeuTotalitarismo europeu
Totalitarismo europeuAlan Silva
 
Estados Totalitários (anti-liberais)
Estados Totalitários (anti-liberais)Estados Totalitários (anti-liberais)
Estados Totalitários (anti-liberais)Matheus Santos
 
Iii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itália
Iii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itáliaIii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itália
Iii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itáliaBásicas ou Secundárias
 

Semelhante a Fascismo Italiano (20)

Governos totalitários
Governos totalitáriosGovernos totalitários
Governos totalitários
 
Fascismo 1a
Fascismo 1aFascismo 1a
Fascismo 1a
 
Historiando sob diversos olhares
Historiando sob diversos olharesHistoriando sob diversos olhares
Historiando sob diversos olhares
 
352 abc mussolini no poder
352 abc mussolini no poder352 abc mussolini no poder
352 abc mussolini no poder
 
O Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o NazismoO Fascismo e o Nazismo
O Fascismo e o Nazismo
 
Crise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º anoCrise de 1929 - 9º ano
Crise de 1929 - 9º ano
 
Fascismo e Nazismo: violência e medo
Fascismo e Nazismo: violência e medoFascismo e Nazismo: violência e medo
Fascismo e Nazismo: violência e medo
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
Regimes totalitários
Regimes totalitáriosRegimes totalitários
Regimes totalitários
 
Fascismo
FascismoFascismo
Fascismo
 
1293455968 regimes totalitarios_europa
1293455968 regimes totalitarios_europa1293455968 regimes totalitarios_europa
1293455968 regimes totalitarios_europa
 
Slide nazismo
Slide nazismoSlide nazismo
Slide nazismo
 
O fascismo
O fascismoO fascismo
O fascismo
 
O Fascismo
O FascismoO Fascismo
O Fascismo
 
O tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditadurasO tempo-das-ditaduras
O tempo-das-ditaduras
 
Os regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europaOs regimes totalitários na europa
Os regimes totalitários na europa
 
O fascismo2
O fascismo2O fascismo2
O fascismo2
 
Totalitarismo europeu
Totalitarismo europeuTotalitarismo europeu
Totalitarismo europeu
 
Estados Totalitários (anti-liberais)
Estados Totalitários (anti-liberais)Estados Totalitários (anti-liberais)
Estados Totalitários (anti-liberais)
 
Iii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itália
Iii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itáliaIii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itália
Iii os regimes fascista e nazi a ditadura fascista na itália
 

Último

ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxJosAurelioGoesChaves
 

Último (20)

ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptxProva de Empreendedorismo com gabarito.pptx
Prova de Empreendedorismo com gabarito.pptx
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 

Fascismo Italiano

  • 2. O Conceito O Fascismo foi um regime político instaurado por Benito Mussolini, em Itália entre 1922 e 1945, o qual substituiu a Monarquia Parlamentar (Vítor Manuel III). Foi uma Ditadura de Extrema Direita que se baseou no culto do chefe, isto é o DUX (Mussolini). A força deste ditador era suportada pelos Camisas Negras e pelo Squadrismo
  • 3. Camisas Negras Milícias do Estado Fascista Italiano, vestiam uniforme Negro, o qual simbolizava a crise económica que viviam e os diferenciava dos comunistas (vermelhos)
  • 4. Squadrismo Grupos de choque fascistas que nasceram em 1918. O chefe era conhecido como o Ras e admiravam Mussolini. O Squadrismo era utilizado para combater os comunistas, esmagar greves e controlar eleições. Italo Balbo foi o mais importante Ras de Itália.
  • 5. Mussolini o herói A Itália sofreu imenso com a 1ªGuerra Mundial. Crise agrícola e industrial; Desemprego e greves; Inflação e défice da balança comercial; Dificuldades politicas do Rei Vítor Manuel III (Monarquia Parlamentar) Cresce o descontentamento e Mussolini aproveita o momento, funda o Partido Nacional Fascista e promete restabelecer a normalidade e o desenvolvimento. A Burguesia e a Classe Média vão apoiar o Duce e colaboram na “Marcha sobre Roma” (Outubro de 1922). O Rei, amedrontado, convida Mussolini a formar governo.
  • 6. O Rei Vítor Manuel III (1900/1946)
  • 7. O Rei Vítor Manuel III Assumiu o poder entre 1900-1946. Apoiou o regime fascista de Mussolini. Retirou Mussolini do poder em 1943. Assume o poder até 1946 Morre em 1947. Apoiou Mussolini na sua política expansionista de reconstrução de um novo Império Romano (Sonho Etíope)
  • 8. Politica de Mussolini Principais características do Fascismo Um chefe absoluto (Duce); Um partido único (Partido Nacional Fascista); Uma Nação (Nacionalismo); Policia Politica (Camisas Negras); Corporativismo (Não existem sindicatos nem greves); Autarcia (o país deve produzir tudo o que necessita); Expansionismo (luta pela conquista de novos territórios, por exemplo no Norte de África); Anti-Comunismo (odeia os comunistas); Anti-Parlamentarismo (o que vale é o poder do chefe); Politica da Natalidade (incentiva ao aumento da natalidade/mais pessoas significa maior riqueza para a Nação).
  • 9. Projecto Económico A Batalha do Trigo
  • 11. A Morte do Ditador Benito Amilcare Andrea Mussolini, designado Duce (condutor), foi morto pela Resistência Italiana, em 28 de Abril de 1945. O seu corpo ficou exposto vários dias em Milão, na Piazza Loreto (tal como Clara Petacci, sua companheira)