Respiracao 301008

4.836 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

Respiracao 301008

  1. 2. O fluxo de energia no mundo vivo: Mitocôndrias: Destroem as ligações químicas liberando energia química e armazenado-a temporariamente no ATP Cloroplastos: captam energia luminosa e a convertem em energia química, contida na glicose
  2. 4. fotossíntese cloroplasto
  3. 5. 6 CO 2 + 6 H 2 O C 6 H 12 O 6 + 6 O 2 luz clorofila Equação geral da fotossíntese
  4. 7. Os Carbo idratos: Moedas energéticas! <ul><li>“ Carbonos hidratados” </li></ul><ul><li>C(H 2 O) </li></ul><ul><li>Tipos: </li></ul><ul><li>Pentose: C 5 (H2O) 5 </li></ul><ul><li>Hexose: C 6 ( H2O) 6 </li></ul>
  5. 8. Respiração Mitocôndria Equação geral do processo de respiração aeróbica: C 6 H 12 O 6 + 6 O 2 6 CO 2 + 6 H 2 O + 38 ATP
  6. 9. Tipos de fermentação e a respiração Glicose  ácido lático + 2 ATP Fermentação Lática Glicose  álcool etílico + CO 2 + 2 ATP Fermentação Alcoólica Glicose  ácido acético + CO 2 + 2 ATP Fermentação Acética Glicose + O 2  CO 2 + H 2 O + 36 ou 38 ATP Respiração
  7. 10. Pi Pi Pi
  8. 11. Captaçào de energia livre na célula: ADP+P NUCLEOSÍDEO UCLEOTÍDEO = adenosina monofosfato (AMP) Adenosina di fosfato (ADP) Adenosina tri fosfato (ATP) Adenina Fosfato Ribose
  9. 13. Saccharomyces cerevisae, aumentado 4000 vezes Fungos,fermentadores de açúcares para o pão e para o vinho!!!
  10. 14. Teste da fermentação Massa de pãoT 1 Massa de pão T2
  11. 15. O vinho também é resultado da fermentação do suco de uva pelo Saccharomyces cerevisae Alguns tipos de queijo, como o camembert, tem seu sabor característico por causa de substâncias oriundas da fermentação realizada por um fungo, o Penicilium camembertii.
  12. 16. Respiração Mitocôndria Equação geral do processo de respiração aeróbica: C 6 H 12 O 6 + 6 O 2 6 CO 2 + 6 H 2 O + 38 ATP
  13. 17. Glicose (6 C) C 6 H 12 O 6 FASE ANAERÓBIA FASE AERÓBIA Respiração em célula eucariótica MITOCÔNDRIA CITOPLASMA 2 CO 2 Ciclo de Krebs 4 CO 2 2 ATP H 2 6 H 2 O CADEIA RESPIRATÓRIA Saldo de 32 ou 34 ATPs 6 O 2 Piruvato (3 C) GLICÓLISE Saldo de 2 ATP
  14. 18. Glicólise 1. Duas moléculas de ATP são utilizadas para ativar uma molécula de glicose e iniciar a reação. 2. A molécula de glicose ativada pelo ATP divide-se em duas moléculas de três carbonos. 3. Incorporação de fosfato inorgânico e formação de NADH. 4. Duas moléculas de ATP são liberadas recuperando as duas utilizadas no início. 5. Liberação de duas moléculas de ATP e formação de piruvato. Glicose (6C) C 6 H 12 O 6 P ~ 6 C ~ P 3 C Piruvato 3 C Piruvato ADP ATP ADP ATP 3 C ~ P 3 C ~ P Pi Pi NAD P ~ 3 C ~ P NADH NAD P ~ 3 C ~ P NADH P ~ 3 C ADP ATP P ~ 3 C ADP ATP ADP ATP ADP ATP
  15. 19. Glicose (6 C) C 6 H 12 O 6 FASE ANAERÓBIA FASE AERÓBIA Respiração em célula eucariótica No Hialoplasma Nas Cristas Mitocondriais Na Matriz mitocondrial 2 CO 2 Ciclo de Krebs 4 CO 2 2 ATP H 2 6 H 2 O CADEIA RESPIRATÓRIA Saldo de 32 ou 34 ATPs 6 O 2 Piruvato (3 C) GLICÓLISE Saldo de 2 ATP
  16. 20. Ciclo de quebras: Destruição enzimática gradual das ligações entre os átomos da molécula de glicose liberando CO2 H2 Energia Acetil CoA CO2 Ciclo de Krebs NADH2 NADH2 NADH2 FADH2 ATP Acetil CoA
  17. 22. O CICLO de KREBS
  18. 23. Glicose (6 C) C 6 H 12 O 6 FASE ANAERÓBIA FASE AERÓBIA Respiração em célula eucariótica No Hialoplasma Nas Cristas Mitocondriais Na Matriz mitocondrial 2 CO 2 Ciclo de Krebs 4 CO 2 2 ATP H 2 6 H 2 O CADEIA RESPIRATÓRIA Saldo de 32 ou 34 ATPs 6 O 2 Piruvato (3 C) GLICÓLISE Saldo de 2 ATP
  19. 26. Cadeia respiratória: Transferência de elétrons do hidrogênio, Com liberação de energia , para formação de ATP
  20. 27. Glicose (6 C) C 6 H 12 O 6 Total: 10 NADH 2 FADH 2 Visão geral do processo respiratório em célula eucariótica Citosol Crista mitocondrial Mitocôndria 1 ATP 1 ATP 1 NADH 1 NADH Piruvato (3 C) Piruvato (3 C) 6 O 2 6 H 2 O 32 ou 34 ATP 6 NADH 2 FADH 2 ATP 4 CO 2 2 CO 2 2 NADH 2 acetil-CoA (2 C) Ciclo de Krebs
  21. 28. Etapa Onde Processo Glicólise 1 Transformação de glicose em 2 ---------- Ciclo de Krebs 3 4 ---------------- libera CO2 , H+ e ATP Cadeia Respiratória 5 6 formação de ---- Liberação de- 7 -------
  22. 29. Etapa Onde Processo Glicólise Hialoplasma Transformação de glicose em 2 Piruvatos ( Ácido Pirúvico) Ciclo de Krebs Matriz( líquido ) Mitocondrial Destruição dos Piruvatos libera CO2 , H+ e ATP Cadeia Respiratória Cristas mitocondriais Hidrogênios se deprendem Dos NADP, e tranferidos Perdem energia Que fica no ATP
  23. 30. Saldo energético 36 * ou 38 Total 32 ou 34 Cadeia respiratória 2 Ciclo de Krebs 2 Glicólise Saldo em ATP Etapa

×