SlideShare uma empresa Scribd logo
Curso sobre a Gestão de resíduos sólidos urbanos


Consideram-se resíduos sólidos como sendo rejeitos resultantes das diversas
atividades humanas. Podem ser de diversas origens: industrial, doméstica,
hospitalar, comercial, agrícola, de limpeza de vias públicas e outras e a Gestão
Integrada de Resíduos Sólidos é um conjunto de ações coordenadas tendo como
objetivo a redução não só da produção e eliminação de resíduos, como também do
melhor acompanhamento durante todo o seu ciclo produtivo. Tem como finalidade
reduzir ou eliminar a produção de resíduos na origem e interferir, alterando o
processo produtivo dos mesmos no sentido de atingir um equilíbrio entre a
necessidade de produção de resíduos, e o seu impacto ambiental



A intensificação das atividades humanas nas cidades sem uma preocupação com a
eliminação ou redução da geração de resíduos sólidos tem gerado um acelerado
aumento no desequilíbrio do meio ambiente, que constitui um grande problema para
a sociedade e um imenso desafio para a administração pública. nnnnnnnnnnnnnnnn


O crescimento e a concentração demográfica de forma desordenada contribui sobre
maneira para piorar o nível de vida com o aumento de resíduos sólidos, bem como
desenvolvimento industrial e uma série de outros fatores são responsáveis por
alterações nas características dos resíduos, contribuindo para agravar o problema de
sua destinação final, daí a necessidade de um sistema de gerenciamento.




Um sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos prevê fases que
envolvem desde a sua geração até a disposição final.




                    www.grupotreinar.com.br
Veja, na figura a seguir, o esquema de um sistema de gerenciamento de resíduos:




Fonte: http://homologa.ambiente.sp.gov.br/lixominimo/gerenciamento.asp




De acordo com a pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE –
, realizada em 2000 (Pesquisa Nacional do Saneamento Básico – PNSB), dos 5 507
municípios brasileiros, 4 026, ou seja, 73,1%, têm população até 20 000 habitantes.
Nestes municípios, 68,5% dos resíduos gerados são vazados em lixões e em
alagados. Se tomarmos, entretanto, como referência, a quantidade de lixo por eles
gerada, em relação ao total da produção brasileira, a situação é menos grave, pois
em conjunto coletam somente 12,8 % do total brasileiro (20 658 t/dia). Isto é menos
do que o gerado pelas 13 maiores cidades brasileiras, com população acima de 1
milhão de habitantes.
                      www.grupotreinar.com.br
Ainda tendo como base informações baseadas em dados disponíveis no portal do
Governo Federal (www.brasil.gov.br), o Brasil produz 161.084 mil toneladas de
resíduos sólidos urbanos (lixo) por dia. O País vive hoje uma situação em que exige
soluções eficazes e emergentes para a destinação final do resíduo no sentido de
aumentar a reciclagem e diminuir a sua quantidade, ou seja, é preciso ter menos lixo
e só enviar para os aterros os rejeitos. Pode-se dizer que é bastante fértil o terreno
para a construção de políticas neste sentido já que o País apresenta uma boa
cobertura de coleta dos resíduos sólidos urbanos, da ordem de 97%, embora o
destino inadequado dos mesmos seja elevado. Atualmente, 59% dos municípios
brasileiros dispõem seus resíduos em lixões. E dos 97% dos resíduos sólidos
domésticos recolhidos, somente 12% são reciclados.




A Lei de Saneamento Básico, de 2007, é um marco para a criação de possíveis
iniciativas públicas com relação aos resíduos sólidos. A Política Nacional de
Resíduos Sólidos – Lei nº 12.305/2010, aprovada pelo presidente Lula em 2 de
agosto de 2010, vem para disciplinar a coleta, o destino final e o tratamento de
resíduos urbanos, perigosos e industriais, entre outros. O texto da lei estabelece
diretrizes para reduzir a geração de lixo e combater a poluição e o desperdício de
materiais descartados pelo comércio, pelas residências, pelas indústrias, por
empresas e hospitais.




OBJETIVO


Determinar os princípios de classificação tratamento, coleta e destinação de
resíduos urbanos, conferindo conhecimentos teóricos referentes às tecnologias de
tratamento e disposição final de resíduos sólidos urbanos, abordando ainda
aspectos pessoais que auxiliam no gerenciamento destes resíduos, e as principais
doenças associadas ao manejo inadequado deste material.



                     www.grupotreinar.com.br
PÚBLICO ALVO


Servidores Públicos atuantes nas pastas de Desenvolvimento e Meio Ambiente,
executivos da indústria, comércio e terceiro setor, auditores e demais profissionais
envolvidos no processo de gestão de Resíduos Sólidos Urbanos, além dos cidadãos
que tenham interesse em ampliar seus conhecimentos sobre a área.

BENEFÍCIOS



Ao final deste curso o participante poderá:

  Compreender como se classificam os diferentes tipos de lixo, os principais
   procedimentos para os diferentes tipos de resíduos.

  Interpretar as novas Leis Federais sobre a produção, descarte e armazenamento dos
   resíduos sólidos, residenciais, comerciais, industriais e rurais, com possibilidades de
   aplicá-las em programas como ISO14000 e outras normas.

  Superar os principais problemas relacionados aos resíduos sólidos, como as
   poluições e doenças transmissíveis, podendo servir como parâmetro de políticas de
   melhoria da qualidade de vida em casa e no trabalho.

  Utilizar as práticas de gestão dos resíduos sólidos em oportunidades de renda em
   comunidades de baixa renda.




METODOLOGIA DE ENSINO


Exposição interativa com apresentação de estudos de casos e exercícios práticos.



PRÉ-REQUISITOS

Não há.




                     www.grupotreinar.com.br
MATERIAL DIDÁTICO

Apostila fornecida com os slides do curso e espaço para as anotações



CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

1. Definição e Classificação de Resíduos sólidos


          Os diferentes tipos de lixo

          Seleção e descarte adequados dos diferentes tipos de resíduos

2. Situação da Gestão de Resíduos Sólidos no Brasil e no mundo

3. Política Nacional de resíduos e gestão de Resíduos Sólidos Urbanos


          As novas Leis Federais sobre a produção, descarte e armazenamento dos
   resíduos sólidos, residenciais, comerciais, industriais e rurais


4. Etapas: geração, acondicionamento, coleta, transporte, tratamento e
disposição final

          Os novos modelos de embalagens
          Como proceder no acondicionamento de resíduos sólidos até o momento do
   descarte

5. O gerenciamento integrado dos RSU;


          O envolvimento de diferentes órgãos da administração pública e


   da sociedade civil com o propósito de realizar a limpeza urbana




                      www.grupotreinar.com.br
6. Princípios de sustentabilidade aplicados ao gerenciamento dos RSU


        Problemas relacionados aos resíduos sólidos
        Poluição ambiental, poluição visual e o surgimento de pragas urbanas
  transmissoras de doenças infecciosas

        Principais doenças relacionadas ao acúmulo de Resíduos Sólidos:

        Saúde pública e o processo de Inclusão social

        Como as usinas de transformação dos resíduos sólidos podem se transformar
        em oportunidades de renda




                                     Material desenvolvido para o
                                     treinamento promovido pelo
                                     GrupoTreinar. É proibida a cópia
                                     deste conteúdo, no todo ou em
                                     parte, sem autorização prévia.




                   www.grupotreinar.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação moacir assunção resíduos
Apresentação moacir assunção resíduosApresentação moacir assunção resíduos
Apresentação moacir assunção resíduos
Cristiane Cupertino
 
Aula 18 cidades aula
Aula 18 cidades aulaAula 18 cidades aula
Aula 18 cidades aula
Giovanna Ortiz
 
Política nacional de resíduos sólidos – breves considerações
Política nacional de resíduos sólidos – breves consideraçõesPolítica nacional de resíduos sólidos – breves considerações
Política nacional de resíduos sólidos – breves considerações
Pedro Paulo Grizzo Serignolli
 
Política Nacional de Resíduos Sólidos
Política Nacional de Resíduos SólidosPolítica Nacional de Resíduos Sólidos
A política nacional de resíduos sólidos comentada
A política nacional de resíduos sólidos   comentadaA política nacional de resíduos sólidos   comentada
A política nacional de resíduos sólidos comentada
Lidiane Fenerich
 
Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...
Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...
Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...
REDERESÍDUO
 
Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20
Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20
Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20
Willian Rozendo
 
pnrs
pnrspnrs
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos SólidosResíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Francyane Adielle
 
Apresentação política nacional e estadual de resíduos sólidos
Apresentação política nacional e estadual de resíduos sólidosApresentação política nacional e estadual de resíduos sólidos
Apresentação política nacional e estadual de resíduos sólidos
Centro Mineiro de Referência em Resíduos
 
Gestão de Residuos
Gestão de ResiduosGestão de Residuos
Gestão de Residuos
Roosevelt F. Abrantes
 
Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...
Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...
Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...
Marcelo Rafael Petry
 
Cartilha a3p 36
Cartilha a3p 36Cartilha a3p 36
Cartilha a3p 36
Milton Braga
 
Cartilha completa a3 p
Cartilha completa a3 p Cartilha completa a3 p
Cartilha completa a3 p
Welinton Martins
 
Seminário política nacional de resíduos sólidos 19-08-2010 - lei estadual n...
Seminário política nacional de resíduos sólidos   19-08-2010 - lei estadual n...Seminário política nacional de resíduos sólidos   19-08-2010 - lei estadual n...
Seminário política nacional de resíduos sólidos 19-08-2010 - lei estadual n...
FecomercioSP
 
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOS
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOSPOLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOS
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOS
GUILHERME FRANÇA
 
Artigo bioterra v15_n1_09
Artigo bioterra v15_n1_09Artigo bioterra v15_n1_09
Artigo bioterra v15_n1_09
Universidade Federal de Sergipe - UFS
 
Aula 7
Aula 7Aula 7
Artigo bioterra v15_n1_08
Artigo bioterra v15_n1_08Artigo bioterra v15_n1_08
Artigo bioterra v15_n1_08
Universidade Federal de Sergipe - UFS
 

Mais procurados (19)

Apresentação moacir assunção resíduos
Apresentação moacir assunção resíduosApresentação moacir assunção resíduos
Apresentação moacir assunção resíduos
 
Aula 18 cidades aula
Aula 18 cidades aulaAula 18 cidades aula
Aula 18 cidades aula
 
Política nacional de resíduos sólidos – breves considerações
Política nacional de resíduos sólidos – breves consideraçõesPolítica nacional de resíduos sólidos – breves considerações
Política nacional de resíduos sólidos – breves considerações
 
Política Nacional de Resíduos Sólidos
Política Nacional de Resíduos SólidosPolítica Nacional de Resíduos Sólidos
Política Nacional de Resíduos Sólidos
 
A política nacional de resíduos sólidos comentada
A política nacional de resíduos sólidos   comentadaA política nacional de resíduos sólidos   comentada
A política nacional de resíduos sólidos comentada
 
Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...
Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...
Sistema de Informação para Leilão e Comercialização de Resíduos Recicláveis n...
 
Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20
Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20
Compostagem manual orientacao-mma_2017-06-20
 
pnrs
pnrspnrs
pnrs
 
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos SólidosResíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
Resíduos sólidos - Politica Nacional de Resíduos Sólidos
 
Apresentação política nacional e estadual de resíduos sólidos
Apresentação política nacional e estadual de resíduos sólidosApresentação política nacional e estadual de resíduos sólidos
Apresentação política nacional e estadual de resíduos sólidos
 
Gestão de Residuos
Gestão de ResiduosGestão de Residuos
Gestão de Residuos
 
Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...
Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...
Avaliação descritiva e comparativa de índices dos serviços de reciclagem em n...
 
Cartilha a3p 36
Cartilha a3p 36Cartilha a3p 36
Cartilha a3p 36
 
Cartilha completa a3 p
Cartilha completa a3 p Cartilha completa a3 p
Cartilha completa a3 p
 
Seminário política nacional de resíduos sólidos 19-08-2010 - lei estadual n...
Seminário política nacional de resíduos sólidos   19-08-2010 - lei estadual n...Seminário política nacional de resíduos sólidos   19-08-2010 - lei estadual n...
Seminário política nacional de resíduos sólidos 19-08-2010 - lei estadual n...
 
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOS
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOSPOLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOS
POLÍTICA NACIONAL DE RESÍDUOS SOLIDOS
 
Artigo bioterra v15_n1_09
Artigo bioterra v15_n1_09Artigo bioterra v15_n1_09
Artigo bioterra v15_n1_09
 
Aula 7
Aula 7Aula 7
Aula 7
 
Artigo bioterra v15_n1_08
Artigo bioterra v15_n1_08Artigo bioterra v15_n1_08
Artigo bioterra v15_n1_08
 

Destaque

O sobrevivente
O sobreviventeO sobrevivente
O sobrevivente
isaiasdsh
 
Site crossmedia
Site crossmediaSite crossmedia
Site crossmedia
Carlos Quintas
 
Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)
Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)
Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)
Daian Morato
 
Prática leitora multimidial
Prática leitora multimidialPrática leitora multimidial
Prática leitora multimidial
Flavia Scarioti
 
Aceita jesus
Aceita jesusAceita jesus
Aceita jesus
igreja-crista
 
Caderno orient-geral
Caderno orient-geralCaderno orient-geral
Caderno orient-geral
izaparra
 
Coração imprimir
Coração imprimirCoração imprimir
Coração imprimir
jdsouza11
 
Sofware para a sua vida
Sofware para a sua vidaSofware para a sua vida
Sofware para a sua vida
isaiasdsh
 
Uehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaa
UehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaaUehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaa
Uehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaa
baca1234567890
 
Social bookmark
Social bookmarkSocial bookmark
Social bookmark
netin_bh
 
Pilar 4 comunicação interpessoal
Pilar 4 comunicação interpessoalPilar 4 comunicação interpessoal
Pilar 4 comunicação interpessoal
Carol Bisetto
 
O Renascimento 2M3
O Renascimento 2M3O Renascimento 2M3
O Renascimento 2M3
raphacorrea
 
TGB - Terminal Graneleiro da Babitonga
TGB - Terminal Graneleiro da BabitongaTGB - Terminal Graneleiro da Babitonga
TGB - Terminal Graneleiro da Babitonga
Edcarlo Furlani
 
ESCOLA HÉLIO GALVÃO
ESCOLA HÉLIO GALVÃOESCOLA HÉLIO GALVÃO
ESCOLA HÉLIO GALVÃO
Demilson Belisio da Silva
 
Aportes del CELAM sobre PMFV
Aportes del CELAM sobre PMFVAportes del CELAM sobre PMFV
Aportes del CELAM sobre PMFV
Oratorios Guadalupanos Parroquiales
 
O renascimento
O renascimentoO renascimento
O renascimento
raphacorrea
 
LEI 6496
LEI 6496LEI 6496
LEI 6496
ejfelix
 
Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000
Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000
Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000
Grupo Treinar
 
Curso Pratico em Gestao de Projetos com MS Project
Curso Pratico em Gestao de Projetos com MS ProjectCurso Pratico em Gestao de Projetos com MS Project
Curso Pratico em Gestao de Projetos com MS Project
Grupo Treinar
 

Destaque (20)

O sobrevivente
O sobreviventeO sobrevivente
O sobrevivente
 
Site crossmedia
Site crossmediaSite crossmedia
Site crossmedia
 
Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)
Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)
Relatório DPDC - Desempenho Vivo (jan - abr/11)
 
Prática leitora multimidial
Prática leitora multimidialPrática leitora multimidial
Prática leitora multimidial
 
Aceita jesus
Aceita jesusAceita jesus
Aceita jesus
 
P.O.R. 2010/11 Laboratorio ambientale
P.O.R. 2010/11 Laboratorio ambientaleP.O.R. 2010/11 Laboratorio ambientale
P.O.R. 2010/11 Laboratorio ambientale
 
Caderno orient-geral
Caderno orient-geralCaderno orient-geral
Caderno orient-geral
 
Coração imprimir
Coração imprimirCoração imprimir
Coração imprimir
 
Sofware para a sua vida
Sofware para a sua vidaSofware para a sua vida
Sofware para a sua vida
 
Uehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaa
UehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaaUehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaa
Uehchdodhjwhsyahqisndhrorndhdgaa
 
Social bookmark
Social bookmarkSocial bookmark
Social bookmark
 
Pilar 4 comunicação interpessoal
Pilar 4 comunicação interpessoalPilar 4 comunicação interpessoal
Pilar 4 comunicação interpessoal
 
O Renascimento 2M3
O Renascimento 2M3O Renascimento 2M3
O Renascimento 2M3
 
TGB - Terminal Graneleiro da Babitonga
TGB - Terminal Graneleiro da BabitongaTGB - Terminal Graneleiro da Babitonga
TGB - Terminal Graneleiro da Babitonga
 
ESCOLA HÉLIO GALVÃO
ESCOLA HÉLIO GALVÃOESCOLA HÉLIO GALVÃO
ESCOLA HÉLIO GALVÃO
 
Aportes del CELAM sobre PMFV
Aportes del CELAM sobre PMFVAportes del CELAM sobre PMFV
Aportes del CELAM sobre PMFV
 
O renascimento
O renascimentoO renascimento
O renascimento
 
LEI 6496
LEI 6496LEI 6496
LEI 6496
 
Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000
Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000
Curso Fundamentos de Gerenciamento de Servicos de TI Baseado na ISO/IEC 20000
 
Curso Pratico em Gestao de Projetos com MS Project
Curso Pratico em Gestao de Projetos com MS ProjectCurso Pratico em Gestao de Projetos com MS Project
Curso Pratico em Gestao de Projetos com MS Project
 

Semelhante a Curso sobre a Gestao de residuos solidos urbanos

Publicação residuos-solidos desafios-e-oportunidades
Publicação residuos-solidos desafios-e-oportunidadesPublicação residuos-solidos desafios-e-oportunidades
Publicação residuos-solidos desafios-e-oportunidades
Felipe Cabral
 
Política Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresas
Política Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresasPolítica Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresas
Política Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresas
kellribas
 
Gestão de resíduos sólidos unidade 1
Gestão de resíduos sólidos   unidade 1Gestão de resíduos sólidos   unidade 1
Gestão de resíduos sólidos unidade 1
Francinalva Cordeiro
 
Residuos solidos 1
Residuos solidos 1Residuos solidos 1
Residuos solidos 1
ALEXANDRE REIS DE AZEVEDO
 
E-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na IndústriaE-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na Indústria
Fernando H. Berteli
 
E-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na IndústriaE-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na Indústria
Fernando H. Berteli
 
V17n6a14
V17n6a14V17n6a14
Manual de educação ambiental vol 4
Manual de educação ambiental vol 4Manual de educação ambiental vol 4
Manual de educação ambiental vol 4
Ananda Helena
 
Gestão Ambiental 05 - politica nacional para resíduos sólidos e reciclagem
Gestão Ambiental 05 -  politica nacional para resíduos sólidos e reciclagemGestão Ambiental 05 -  politica nacional para resíduos sólidos e reciclagem
Gestão Ambiental 05 - politica nacional para resíduos sólidos e reciclagem
Milton Henrique do Couto Neto
 
Desenvolvimento regional sustentavel made in forest mar13
Desenvolvimento regional sustentavel   made in forest mar13Desenvolvimento regional sustentavel   made in forest mar13
Desenvolvimento regional sustentavel made in forest mar13
Made in Forest
 
Engenharia Ambiental
Engenharia AmbientalEngenharia Ambiental
Engenharia Ambiental
jefferson143wallace
 
Plano de gerenciamento de resíduos gravataí
Plano de gerenciamento de resíduos gravataíPlano de gerenciamento de resíduos gravataí
Plano de gerenciamento de resíduos gravataí
rosemariah
 
Edivan Poliana E Outros
Edivan Poliana E OutrosEdivan Poliana E Outros
Edivan Poliana E Outros
rosilane32
 
Plano de gerenciamento de resíduos sólidos
Plano de gerenciamento de resíduos sólidosPlano de gerenciamento de resíduos sólidos
Plano de gerenciamento de resíduos sólidos
rosemariah
 
Cartilha PNRS
Cartilha PNRSCartilha PNRS
Cartilha PNRS
Amanda Selivon
 
Texto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio Ambiente
Texto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio AmbienteTexto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio Ambiente
Texto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio Ambiente
sauloflorentino
 
Consorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio Ambiente
Consorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio AmbienteConsorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio Ambiente
Consorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio Ambiente
Jessica R.
 
Ciis 2013 anais- Evento Lixo Zero
Ciis 2013 anais- Evento Lixo ZeroCiis 2013 anais- Evento Lixo Zero
Ciis 2013 anais- Evento Lixo Zero
Novaterra Ambiental
 
ARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdf
ARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdfARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdf
ARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdf
SimoneHelenDrumond
 
PGRS Arroio dos Ratos
PGRS Arroio dos RatosPGRS Arroio dos Ratos
PGRS Arroio dos Ratos
Sâmara Gomes
 

Semelhante a Curso sobre a Gestao de residuos solidos urbanos (20)

Publicação residuos-solidos desafios-e-oportunidades
Publicação residuos-solidos desafios-e-oportunidadesPublicação residuos-solidos desafios-e-oportunidades
Publicação residuos-solidos desafios-e-oportunidades
 
Política Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresas
Política Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresasPolítica Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresas
Política Nacional de Resíduos Sólidos: Desafios e oportunidades para empresas
 
Gestão de resíduos sólidos unidade 1
Gestão de resíduos sólidos   unidade 1Gestão de resíduos sólidos   unidade 1
Gestão de resíduos sólidos unidade 1
 
Residuos solidos 1
Residuos solidos 1Residuos solidos 1
Residuos solidos 1
 
E-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na IndústriaE-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na Indústria
 
E-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na IndústriaE-Book sobre PGRS na Indústria
E-Book sobre PGRS na Indústria
 
V17n6a14
V17n6a14V17n6a14
V17n6a14
 
Manual de educação ambiental vol 4
Manual de educação ambiental vol 4Manual de educação ambiental vol 4
Manual de educação ambiental vol 4
 
Gestão Ambiental 05 - politica nacional para resíduos sólidos e reciclagem
Gestão Ambiental 05 -  politica nacional para resíduos sólidos e reciclagemGestão Ambiental 05 -  politica nacional para resíduos sólidos e reciclagem
Gestão Ambiental 05 - politica nacional para resíduos sólidos e reciclagem
 
Desenvolvimento regional sustentavel made in forest mar13
Desenvolvimento regional sustentavel   made in forest mar13Desenvolvimento regional sustentavel   made in forest mar13
Desenvolvimento regional sustentavel made in forest mar13
 
Engenharia Ambiental
Engenharia AmbientalEngenharia Ambiental
Engenharia Ambiental
 
Plano de gerenciamento de resíduos gravataí
Plano de gerenciamento de resíduos gravataíPlano de gerenciamento de resíduos gravataí
Plano de gerenciamento de resíduos gravataí
 
Edivan Poliana E Outros
Edivan Poliana E OutrosEdivan Poliana E Outros
Edivan Poliana E Outros
 
Plano de gerenciamento de resíduos sólidos
Plano de gerenciamento de resíduos sólidosPlano de gerenciamento de resíduos sólidos
Plano de gerenciamento de resíduos sólidos
 
Cartilha PNRS
Cartilha PNRSCartilha PNRS
Cartilha PNRS
 
Texto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio Ambiente
Texto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio AmbienteTexto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio Ambiente
Texto Orientador - IV Conferência Nacional do Meio Ambiente
 
Consorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio Ambiente
Consorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio AmbienteConsorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio Ambiente
Consorcio realiza 4º Conferencia Nacional do Meio Ambiente
 
Ciis 2013 anais- Evento Lixo Zero
Ciis 2013 anais- Evento Lixo ZeroCiis 2013 anais- Evento Lixo Zero
Ciis 2013 anais- Evento Lixo Zero
 
ARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdf
ARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdfARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdf
ARTIGO SILVIA COLETA SELETIVA E RESÍDUOS.pdf
 
PGRS Arroio dos Ratos
PGRS Arroio dos RatosPGRS Arroio dos Ratos
PGRS Arroio dos Ratos
 

Mais de Grupo Treinar

Curso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOK
Curso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOKCurso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOK
Curso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOK
Grupo Treinar
 
Webcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRM
Webcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRMWebcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRM
Webcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRM
Grupo Treinar
 
Webcast Interativo sobre Gestao Estrategica de Marketing
Webcast Interativo sobre Gestao Estrategica de MarketingWebcast Interativo sobre Gestao Estrategica de Marketing
Webcast Interativo sobre Gestao Estrategica de Marketing
Grupo Treinar
 
Curso Microsoft Access 2007 Basico para Executivos
Curso Microsoft Access 2007 Basico para ExecutivosCurso Microsoft Access 2007 Basico para Executivos
Curso Microsoft Access 2007 Basico para Executivos
Grupo Treinar
 
Consultoria sobre Posicionamento e Conteudo
Consultoria sobre Posicionamento e ConteudoConsultoria sobre Posicionamento e Conteudo
Consultoria sobre Posicionamento e Conteudo
Grupo Treinar
 
Curso de Engenharia de Requisitos
Curso de Engenharia de RequisitosCurso de Engenharia de Requisitos
Curso de Engenharia de Requisitos
Grupo Treinar
 
Curso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMO
Curso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMOCurso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMO
Curso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMO
Grupo Treinar
 
Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...
Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...
Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...
Grupo Treinar
 
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...
Grupo Treinar
 
Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp
Grupo Treinar
 
Curso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - SynercorpCurso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - Synercorp
Grupo Treinar
 
Curso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - SynercorpCurso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - Synercorp
Grupo Treinar
 
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...
Grupo Treinar
 
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e MudancaCurso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Grupo Treinar
 
Curso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e SynercorpCurso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e Synercorp
Grupo Treinar
 
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e MudancaCurso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Grupo Treinar
 
Curso Minitab em Analise Estatistica
Curso Minitab em Analise EstatisticaCurso Minitab em Analise Estatistica
Curso Minitab em Analise Estatistica
Grupo Treinar
 
Curso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo CorporativoCurso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo Corporativo
Grupo Treinar
 
Curso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo CorporativoCurso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo Corporativo
Grupo Treinar
 
Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010
Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010
Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010
Grupo Treinar
 

Mais de Grupo Treinar (20)

Curso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOK
Curso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOKCurso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOK
Curso Pratico em Analise de Negocios BABOK CBOK
 
Webcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRM
Webcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRMWebcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRM
Webcast Interativo Gestao Estrategica de Servicos e CRM
 
Webcast Interativo sobre Gestao Estrategica de Marketing
Webcast Interativo sobre Gestao Estrategica de MarketingWebcast Interativo sobre Gestao Estrategica de Marketing
Webcast Interativo sobre Gestao Estrategica de Marketing
 
Curso Microsoft Access 2007 Basico para Executivos
Curso Microsoft Access 2007 Basico para ExecutivosCurso Microsoft Access 2007 Basico para Executivos
Curso Microsoft Access 2007 Basico para Executivos
 
Consultoria sobre Posicionamento e Conteudo
Consultoria sobre Posicionamento e ConteudoConsultoria sobre Posicionamento e Conteudo
Consultoria sobre Posicionamento e Conteudo
 
Curso de Engenharia de Requisitos
Curso de Engenharia de RequisitosCurso de Engenharia de Requisitos
Curso de Engenharia de Requisitos
 
Curso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMO
Curso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMOCurso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMO
Curso Basico em Gestao de Projetos com MS Project, PMBOK e PMO
 
Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...
Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...
Gestao Estrategica de Marketing, Vendas e Servicos para Empresas de TI C Basi...
 
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Alphaville - Unil...
 
Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Alphaville - EXIN e Synercorp
 
Curso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - SynercorpCurso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Alphaville - Synercorp
 
Curso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - SynercorpCurso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - Synercorp
Curso COBIT 4.1 Foundation em Sao Paulo - Synercorp
 
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...
Curso PMIP - Project Management Information Professional em Sao Paulo - Unilo...
 
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e MudancaCurso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
 
Curso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e SynercorpCurso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e Synercorp
Curso Green IT Citizen em Sao Paulo - EXIN e Synercorp
 
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e MudancaCurso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
Curso Pratico e Workshop de Lideranca e Mudanca
 
Curso Minitab em Analise Estatistica
Curso Minitab em Analise EstatisticaCurso Minitab em Analise Estatistica
Curso Minitab em Analise Estatistica
 
Curso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo CorporativoCurso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo Corporativo
 
Curso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo CorporativoCurso Empreendedorismo Corporativo
Curso Empreendedorismo Corporativo
 
Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010
Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010
Curso Desenvolvimento de Dashboards com o Excel 2007 e 2010
 

Último

RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Dantas
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Renan Batista Bitcoin
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
AlfeuBuriti1
 
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Carlos Eduardo Coan Junior
 

Último (8)

RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoedaRevolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
Revolução da inclusão financeira: Benefícios da criptomoeda
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
 
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfilApostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
Apostila GOOGLE MEU NEGÓCIO-Passo a passo detalhado para criar um novo perfil
 

Curso sobre a Gestao de residuos solidos urbanos

  • 1. Curso sobre a Gestão de resíduos sólidos urbanos Consideram-se resíduos sólidos como sendo rejeitos resultantes das diversas atividades humanas. Podem ser de diversas origens: industrial, doméstica, hospitalar, comercial, agrícola, de limpeza de vias públicas e outras e a Gestão Integrada de Resíduos Sólidos é um conjunto de ações coordenadas tendo como objetivo a redução não só da produção e eliminação de resíduos, como também do melhor acompanhamento durante todo o seu ciclo produtivo. Tem como finalidade reduzir ou eliminar a produção de resíduos na origem e interferir, alterando o processo produtivo dos mesmos no sentido de atingir um equilíbrio entre a necessidade de produção de resíduos, e o seu impacto ambiental A intensificação das atividades humanas nas cidades sem uma preocupação com a eliminação ou redução da geração de resíduos sólidos tem gerado um acelerado aumento no desequilíbrio do meio ambiente, que constitui um grande problema para a sociedade e um imenso desafio para a administração pública. nnnnnnnnnnnnnnnn O crescimento e a concentração demográfica de forma desordenada contribui sobre maneira para piorar o nível de vida com o aumento de resíduos sólidos, bem como desenvolvimento industrial e uma série de outros fatores são responsáveis por alterações nas características dos resíduos, contribuindo para agravar o problema de sua destinação final, daí a necessidade de um sistema de gerenciamento. Um sistema de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos prevê fases que envolvem desde a sua geração até a disposição final. www.grupotreinar.com.br
  • 2. Veja, na figura a seguir, o esquema de um sistema de gerenciamento de resíduos: Fonte: http://homologa.ambiente.sp.gov.br/lixominimo/gerenciamento.asp De acordo com a pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE – , realizada em 2000 (Pesquisa Nacional do Saneamento Básico – PNSB), dos 5 507 municípios brasileiros, 4 026, ou seja, 73,1%, têm população até 20 000 habitantes. Nestes municípios, 68,5% dos resíduos gerados são vazados em lixões e em alagados. Se tomarmos, entretanto, como referência, a quantidade de lixo por eles gerada, em relação ao total da produção brasileira, a situação é menos grave, pois em conjunto coletam somente 12,8 % do total brasileiro (20 658 t/dia). Isto é menos do que o gerado pelas 13 maiores cidades brasileiras, com população acima de 1 milhão de habitantes. www.grupotreinar.com.br
  • 3. Ainda tendo como base informações baseadas em dados disponíveis no portal do Governo Federal (www.brasil.gov.br), o Brasil produz 161.084 mil toneladas de resíduos sólidos urbanos (lixo) por dia. O País vive hoje uma situação em que exige soluções eficazes e emergentes para a destinação final do resíduo no sentido de aumentar a reciclagem e diminuir a sua quantidade, ou seja, é preciso ter menos lixo e só enviar para os aterros os rejeitos. Pode-se dizer que é bastante fértil o terreno para a construção de políticas neste sentido já que o País apresenta uma boa cobertura de coleta dos resíduos sólidos urbanos, da ordem de 97%, embora o destino inadequado dos mesmos seja elevado. Atualmente, 59% dos municípios brasileiros dispõem seus resíduos em lixões. E dos 97% dos resíduos sólidos domésticos recolhidos, somente 12% são reciclados. A Lei de Saneamento Básico, de 2007, é um marco para a criação de possíveis iniciativas públicas com relação aos resíduos sólidos. A Política Nacional de Resíduos Sólidos – Lei nº 12.305/2010, aprovada pelo presidente Lula em 2 de agosto de 2010, vem para disciplinar a coleta, o destino final e o tratamento de resíduos urbanos, perigosos e industriais, entre outros. O texto da lei estabelece diretrizes para reduzir a geração de lixo e combater a poluição e o desperdício de materiais descartados pelo comércio, pelas residências, pelas indústrias, por empresas e hospitais. OBJETIVO Determinar os princípios de classificação tratamento, coleta e destinação de resíduos urbanos, conferindo conhecimentos teóricos referentes às tecnologias de tratamento e disposição final de resíduos sólidos urbanos, abordando ainda aspectos pessoais que auxiliam no gerenciamento destes resíduos, e as principais doenças associadas ao manejo inadequado deste material. www.grupotreinar.com.br
  • 4. PÚBLICO ALVO Servidores Públicos atuantes nas pastas de Desenvolvimento e Meio Ambiente, executivos da indústria, comércio e terceiro setor, auditores e demais profissionais envolvidos no processo de gestão de Resíduos Sólidos Urbanos, além dos cidadãos que tenham interesse em ampliar seus conhecimentos sobre a área. BENEFÍCIOS Ao final deste curso o participante poderá: Compreender como se classificam os diferentes tipos de lixo, os principais procedimentos para os diferentes tipos de resíduos. Interpretar as novas Leis Federais sobre a produção, descarte e armazenamento dos resíduos sólidos, residenciais, comerciais, industriais e rurais, com possibilidades de aplicá-las em programas como ISO14000 e outras normas. Superar os principais problemas relacionados aos resíduos sólidos, como as poluições e doenças transmissíveis, podendo servir como parâmetro de políticas de melhoria da qualidade de vida em casa e no trabalho. Utilizar as práticas de gestão dos resíduos sólidos em oportunidades de renda em comunidades de baixa renda. METODOLOGIA DE ENSINO Exposição interativa com apresentação de estudos de casos e exercícios práticos. PRÉ-REQUISITOS Não há. www.grupotreinar.com.br
  • 5. MATERIAL DIDÁTICO Apostila fornecida com os slides do curso e espaço para as anotações CONTEÚDO PROGRAMÁTICO 1. Definição e Classificação de Resíduos sólidos Os diferentes tipos de lixo Seleção e descarte adequados dos diferentes tipos de resíduos 2. Situação da Gestão de Resíduos Sólidos no Brasil e no mundo 3. Política Nacional de resíduos e gestão de Resíduos Sólidos Urbanos As novas Leis Federais sobre a produção, descarte e armazenamento dos resíduos sólidos, residenciais, comerciais, industriais e rurais 4. Etapas: geração, acondicionamento, coleta, transporte, tratamento e disposição final Os novos modelos de embalagens Como proceder no acondicionamento de resíduos sólidos até o momento do descarte 5. O gerenciamento integrado dos RSU; O envolvimento de diferentes órgãos da administração pública e da sociedade civil com o propósito de realizar a limpeza urbana www.grupotreinar.com.br
  • 6. 6. Princípios de sustentabilidade aplicados ao gerenciamento dos RSU Problemas relacionados aos resíduos sólidos Poluição ambiental, poluição visual e o surgimento de pragas urbanas transmissoras de doenças infecciosas Principais doenças relacionadas ao acúmulo de Resíduos Sólidos: Saúde pública e o processo de Inclusão social Como as usinas de transformação dos resíduos sólidos podem se transformar em oportunidades de renda Material desenvolvido para o treinamento promovido pelo GrupoTreinar. É proibida a cópia deste conteúdo, no todo ou em parte, sem autorização prévia. www.grupotreinar.com.br