A Plenitude do Reino de Deus

1.537 visualizações

Publicada em

Estudo da 13ª Lição da Revista Jovens e Adultos da CPAD - A Missão Integral da Igreja.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.537
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
110
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Plenitude do Reino de Deus

  1. 1. Lição 13 | 25 de setembro de 2011 Assembléia de Deus em Amarante (Pólo - Setor 12)
  2. 2. <ul><li>“ Porque brotará um rebento do tronco de Jessé, e das suas raízes um renovo frutificará.” </li></ul><ul><li>(Isaías 11.1) </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Na consumação de todas as coisas, Deus estabelecerá plenamente o seu Reino e o entregará como herança aos que tiverem recebido a Jesus Cristo como o seu Salvador. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>Reino de Deus </li></ul><ul><li>A soma de “todas as bênçãos, promessas e alianças que o Todo Poderoso destinou aos que recebem a Cristo Jesus”. </li></ul>
  5. 11. <ul><li>O Deus eterno “habitou entre nós” e pelo seu sangue vertido na cruz, trouxe-nos a esperança de um novo e extraordinário futuro. </li></ul>E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade.  João 1.14
  6. 12. <ul><li>Aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do grande Deus e nosso Salvador Jesus Cristo. Tito 2.13 </li></ul>
  7. 13. <ul><li>O mundo perece na imoralidade, corrupção e violência. </li></ul>Viva antecipadamente a realidade do reino. (Mt. 5.20) Você quer realmente fazer a diferença? A ESPERANÇA DO REINO PARA A IGREJA
  8. 14. <ul><li>O REINO DE DEUS: </li></ul><ul><li>UMA SUBLIME REALIDADE </li></ul><ul><li>Nas Escrituras: Assunto central do AT. </li></ul><ul><li>No NT grande parte das parábolas refere-se diretamente ao Reino de Deus. </li></ul><ul><ul><li>AS PARÁBOLAS DE JESUS </li></ul></ul><ul><ul><li>Perspectiva terrena: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Parábola do bom samaritano (Lc 10: 30-37) </li></ul></ul></ul><ul><ul><li>Perspectiva escatológica: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>O trigo e o joio (Mt 13: 24-30) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>A rede (Mt 13:47-50) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>As bodas (Mt 22: 1-14) </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Os talentos (Mt 25: 14-30) </li></ul></ul></ul>
  9. 15. <ul><li>O REINO DE DEUS: </li></ul><ul><li>UMA SUBLIME REALIDADE </li></ul><ul><li>No Presente: Jesus Cristo efetiva o estabelecimento do Reino de Deus no mundo. Deus fez-se carne. (Jo 1.14) </li></ul>A igreja como parte do Reino de Deus, não proclama a si própria nem é um fim em si mesma, mas apresenta o Senhor do Reino ao mundo todo. Eis porque proclamar ousadamente o Evangelho do Reino até aos confins da terra.
  10. 16. <ul><li>O REINO DE DEUS: </li></ul><ul><li>UMA SUBLIME REALIDADE </li></ul><ul><li>No Futuro: O Reino de Deus será espiritual e universalmente pleno. </li></ul>Nesse período, será restabelecida a perfeita comunhão da humanidade com Deus. E o Senhor Jesus reinará eternamente com justiça. ( 1 Co 15.24-28; Ap. 11.15)
  11. 17. <ul><li>A CONSUMAÇÃO FINAL DO REINO DE DEUS </li></ul>1. O Arrebatamento.  A palavra “arrebatar” quer dizer “raptar”, “levar com ímpeto”, “arrancar”, “resgatar”, “tirar”. (Mt 24.44). 2. O Tribunal de Cristo.  Ocorrerá nas regiões celestiais, por ocasião do arrebatamento, onde os salvos estarão presentes para a prestação de contas de suas obras, bem como para recebimento dos galardões (Rm 14.10; 2 Co 5.10). 3. As Bodas do Cordeiro.  A expressão “Bodas do Cordeiro” define o encontro da noiva (a Igreja) com o seu noivo (Jesus), agora unidos para sempre. (Ap 19.7). 4. A Grande Tribulação.  Será o período de maior angústia da história da humanidade (Mt 24.22). A Grande Tribulação terá início após o arrebatamento da Igreja. 5. A Vinda de Jesus em Glória.  Sete anos após o arrebatamento, o Senhor Jesus voltará visivelmente, na Segunda Fase da Sua Vinda (At 1.11; Mt 24.30) para ressuscitar os mártires da Grande Tribulação (Ap 13.15; 20.4); julgar as nações (Mt 25.31); prender Satanás (20.1,2) e implantar o Reino Milenial aqui na terra (Ap 20.3).
  12. 18. 6. O Julgamento das Nações.  O propósito deste julgamento será determinar quais as nações que terão parte no Milênio. 7. O Reino Milenial.  O milênio é o maravilhoso reinado de Cristo na terra por mil anos (Ap 20.1-6). Jesus reinará sobre todas as nações. Seu reino será literal e universal, pois, todos os reinos do mundo estarão sob o senhorio de Cristo. Israel será uma bênção para o mundo (Is 26.7). Jerusalém será a sede do governo mundial (Is 2.3; 60.3; 66.2; Je 3.17). Neste período, a vida humana será prolongada como no princípio da história humana (Is 65.20,22; Zc 8.4). Haverá abundância de saúde para todos. 8. O Juízo Final.  Nesta ocasião, ressuscitarão os ímpios falecidos de todas as épocas, bem como os justos que morrerem no Milênio (Mt 10.28; Ap 20.11-15). Os livros do céu serão abertos e os mortos serão julgados pelo que está escrito nos livros (Ap 20.11,12). 9. O Estado Eterno.  Tem início, então, a eternidade. A Santa cidade de Jerusalém celestial descerá do céu (Ap 21.2,10). A igreja, em estado de glória e felicidade eterna estará para sempre com o Senhor Jesus por toda a eternidade (Ap 21.3) e não haverá mais pranto, nem morte e nem dor (Ap 21.3-5).
  13. 19. <ul><li>GRÁFICO DEMONSTRATIVO DOS EVENTOS ESCATOLÓGICOS </li></ul>
  14. 20. <ul><li>O tempo está passando. </li></ul><ul><li>Você está esperando a volta de Jesus? </li></ul><ul><li>BREVE ELE VOLTARÁ! </li></ul><ul><li>Não acredita? </li></ul><ul><li>Então veja o cumprimento da palavra. </li></ul>
  15. 22. SANTIFIQUE-SE MAIS.
  16. 23. O Reino de Deus traz esperança para os desalentados. A morte não é o fim, pois aguardamos o arrebatamento iminente da Igreja. Para aqueles que já se foram, resta a certeza da ressurreição (I Ts. 4.13-17). Conforme instrui Paulo aos crentes de Tessalônica, essa é uma verdade confortadora. Na glorificação do Corpo e no estabelecimento do Milênio, a igreja verá a plenitude do Reino de Deus, o qual já experimentamos, ainda que em parte. Louvamos a Deus pelas lições deste trimestre, pela percepção integral de Reino que o Senhor nos possibilitou por meio desses estudos.  CONCLUSÃO
  17. 25. A paz do Senhor! Então conheçamos, e prossigamos em conhecer ao SENHOR . Oséias 6.3a Em Cristo, Frederico Fonseca
  18. 26. A equipe da EBD em Amarante I – Setor XII parabeniza a todos os professores e alunos pela dedicação em aprender MAIS DA PALAVRA DE DEUS na Maior Escola do Mundo.
  19. 27. Já adquiriu a sua lição? Então não perca tempo. Domingo inicia um novo trimestre para nosso crescimento espiritual.

×