SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 47
Baixar para ler offline
Aula 15
Prof. Gracon Lima
Introdução ao Pascal
Prof. Gracon Lima
Histórico
• Pascal é uma linguagem muito bem estruturada criada em 1968
– desenvolvida por Niklaus Wirth, no Technical University, em Zurique, na Suíça,
com o objetivo de ensinar aos seus alunos a programar em ALGOL e PLI.
– Seu nome trata -se de uma homenagem ao matemático e filósofo francês,
Blaise Pascal (1623-1662), criador da primeira calculadora mecânica.
– destina-se à programação de computadores.
– ideal para o ensino de linguagens e lógica de programação.
• Originou uma enorme gama de “dialetos”,
– pode ser considerada uma família de linguagens de programação.
• Turbo Pascal: Grande parte do sucesso
– O primeiro compilador desenvolvido em Zurique em 1970
• hoje a linguagem PASCAL não é mais utilizada
– aplicações comerciais, sistemas acadêmicos ou científicos comum nos anos 70
e 80
Prof. Gracon Lima
Histórico
• Algumas características vantajosas (é cedo
para dizer que ela “morreu”):
– continua sendo uma das mais didáticas de todas
as linguagens;
– A linguagem Object Pascal adotada pelo Delphi
desde 1995.
– estilo Pascal-Like (sintaxe parecida com o Pascal)
ainda é utilizado (PL/SQL)
Prof. Gracon Lima
Histórico
• A criação da Pascal teve por objetivo
– a obtenção de uma linguagem simples, capaz de
incentivar a confecção de programas claros e
facilmente legíveis, favorecendo a utilização de
boas técnicas de programação.
– Suas características foram criteriosamente
escolhidas visando a permitir a obtenção de
programas confiáveis, modularizados e bem
estruturados, processáveis por compiladores
compactos, eficientes e econômicos.
Prof. Gracon Lima
Histórico
• Pascal inovou
– criação de novos tipos e subtipos dentro de um programa
– manipulação de tipos enumeráveis
– a estruturação de dados, que permite criar e manipular,
além de arranjos, também registros, conjuntos e arquivos
– a alocação dinâmica de variáveis, com o auxílio de
ponteiros
– declaração de identificadores para constantes
– utilização de procedimentos que lêem e escrevem em
campos individuais em vez de registros completos
– uso de procedimentos e função recursivos, etc.
Prof. Gracon Lima
Instalação do Pascal
Prof. Gracon Lima
Desenvolvendo programas
• Para fazer um programa em pascal:
– Analizar o enunciado do problema, desenvolver o
algoritmo e a codificação, utilizando o ambiente
– Compilar, com o compilador do ambiente
– Executar
Prof. Gracon Lima
Compiladores
• Vários compiladores disponíveis (destaque
para):
– Free Pascal (Dev-Pascal)
– Pascal Zim
– Turbo Pascal
Prof. Gracon Lima
Pascal Zim!
Prof. Gracon Lima
Pascal Zim
• O uso do programa
– Baixar o arquivo ZIP ->
descompactar a pasta
“pascalzim” para qualquer
diretório -> executar o
arquivo “PZIM”.
• Duas janelas serão
abertas:
– o programa propriamente
dito
– uma janela de console do
Windows (exibindo os
resultados e impressões do
programa desenvolvido)
Prof. Gracon Lima
Pascal Zim
• A tela principal do programa
– há uma barra de ferramentas com funções como recortar, colar,
exibir janela em cascata ou lado a lado, etc.
– atalhos para aplicativos do Windows como: calculadora, bloco
de notas, navegador web, do MS-DOS e Windows Explorer.
– funções de compilar e executar direto ou ainda executar o
programa no debug, o que ajuda muito para encontrar algum
problema ou erro que esteja ocorrendo com o programa
desenvolvido.
• Pascal Zim! permite o uso de três “temas”:
– Clássico, Dark Pascal ou Moderno.
• A única alteração que estes temas proporcionam é na cor de fundo na
tela de edição, que pode ficar azul, preta ou branca.
• Tais temas estão acessível no menu “Janela”.
Prof. Gracon Lima
Dev-Pascal
Prof. Gracon Lima
Conceito
• Bloodshed Dev-Pascal é um ambiente de
desenvolvimento integrado (IDE) que permite
a criação e desenvolvimento de programas na
linguagem Pascal baseados no Windows, DLLs
ou console através do compilador Free Pascal
(integrado no pacote).
Prof. Gracon Lima
Dev-Pascal
• um ambiente integrado de desenvolvimento (IDE)
– permite a elaboração de aplicações em Pascal, tanto em estilo
console como Windows.
• ferramenta open source (software livre de código aberto),
desenvolvida dentro das especificações GNU (General
Public License),
– que pode ser obtida, juntamente com seu código fonte no site
– http://www.bloodshed.net/devpascal.html.
• Curiosidades
– Dev-Pascal foi desenvolvido na Linguagem Delphi;
– a ferramenta utiliza o compilador Free Pascal
(http://www.freepascal.org/), para compilar os programas
desenvolvidos.
Prof. Gracon Lima
Dev-Pascal
• Instalação do Dev Pascal
PASSO 1: Efetuar o Download
– http://www.bloodshed.net/dev/devpas192.exe.
• PASSO 2: Instalação
– Execute o arquivo devpas192.exe
– extensão “.dp” e “.pas” serão associados ao Dev-Pascal
– depois o ambiente de desenvolvimento do Dev-Pascal será aberto.
– Caso você não tenha selecionado um outro diretório, o programa será instalado em C:Dev-
Pas.
• PASSO 3: Correção do Bug de Instalação
– Primeiro feche o Dev-Pascal. Depois use o Windows Explorer e vá até o diretório C:Dev-Pas
(ou para o diretório onde você tenha instalado a ferramenta). Para que o programa possa
funcionar corretamente, é preciso RENOMEAR a pasta “Icons” para “Icon” (ou seja, tem que
tirar a letra “s” do final).
– Se esta operação não for realizada o Dev-Pascal não consegue associar, de forma automática,
um ícone default para os projetos, obrigando o programador a fazer isso de forma manual
para todo projeto criado.
Prof. Gracon Lima
Criando um Programa no Dev Pascal
• PASSO 1: Criar um Projeto.
– abrir o Dev-Pascal,
– clicar no menu FILE / NEW PROJECT.
• Escolha, para este exemplo, a opção CONSOLE
APPLICATION, na aba Project.
– O Dev-Pascal vai pedir para você escolher um
nome para o seu projeto e irá salva-lo numa
pasta.
• PASSO 2: Criar o Programa PASCAL
– Faça o seu programa na janela
– Compilar -> “visto” verde
• PASSO 3: Primeira compilação:
– Escolha um nome (tem que ser um nome
diferente do nome do projeto) e salve o
programa no mesmo diretório do projeto.
– compilar corretamente -> executa-lo usando o
botão “Execute”
– “Continue”: fechar essa janelinha.
– Erro de compilação: mensagens serão
exibidas na parte inferior da tela
– Sem erro exibe-se a mensagem “... compiled
successfully”).
Prof. Gracon Lima
Dev-Pascal
• 4. Conclusões
– Dev-Pascal: uma IDE para o
desenvolvimento
de aplicações na
Linguagem Pascal (Console e
Windows).
– Ferramenta muito simples de
ser instalada e manipulada e
possui interface agradável.
– Está se tornando bastante
popular tanto em ambiente
acadêmico, como entre os
admiradores da linguagem
Pascal.
Prof. Gracon Lima
Turbo Pascal
Prof. Gracon Lima
Turbo Pascal
• Ambiente oficial da linguagem
• Características
– Apresenta um editor para digitar, salvar e modificar o código
– Possui um compilador que converte o código de em instruções
de máquina, verificando a existência de erros de sintaxe sem
precisar voltar ao sistema operacional
– Um depurador para inspecionar o programa durante a execução
facilitando a localização de erros
– Sistema de ajuda que oferece diferentes níveis de informação
– Ambiente de execução, para executar os programas sem sair do
turbo pascal (.PAS), e gerar arquivos para serem executados fora
do ambiente (.EXE)
Prof. Gracon Lima
Turbo Pascal
• 1970: primeiro compilador para a Linguagem Pascal ->
cunho acadêmico.
• novembro de 1983: primeira versão do Turbo Pascal ->
Borland International,
– Logo saiu versão 2.0 época, a Borland era uma pequena e
desconhecida empresa de Scotts Valley.
– Ainda na década de 80 outras versões: 3.0, 4.0, 5.0, 5.5,
6.0, e o 7.0.
• O nosso objetivo de estudo é a versão 7.0.
– características importantes:
• uma linguagem extremamente rápida, tanto no tempo de
compilação quanto no tempo de execução dos programas.
Prof. Gracon Lima
Turbo Pascal
• Edição do código
– Arquivos podem ser criados por quaisquer editores de texto
– o editor do TP está diretamente ligado às rotinas de manipulação de
erros do compilador.
– Quando detecta um erro, o controle é automaticamente transferido
para o editor e o cursor indica a localização do erro juntamente com
uma mensagem de descrição.
• O Turbo Pascal permite
– utilizar com eficiência os recursos de hardware do seu computador
• por exemplo, utilizando declarações do Pascal, você pode desenhar na tela e
compor músicas.
– combinar programas em Pascal com subrotinas em linguagem de
máquina e se comunicarem diretamente com os terminais de entrada
e de saída (I/O) e com o sistema operacional do computador.
Prof. Gracon Lima
Ambiente do Turbo Pascal
Prof. Gracon Lima
Ambiente de Desenvolvimento
• Composto por
– um editor de texto, um compilador, um programa
ligador (link) e um depurador (debugger)
– O janelas podem ser abertas simultaneamente na
área de trabalho limitado pelo espaço na memória
RAM do equipamento;
• Cada janela pode conter um arquivo.
• Um mesmo arquivo pode ser colocado em várias janelas
diferentes, caso haja necessidade de visualizar
simultaneamente áreas diferentes.
• Apenas a janela ativa é completamente visível.
Prof. Gracon Lima
Ambiente de Desenvolvimento
• Execução de um Programa
– editar um arquivo, compilá-lo e rodá-lo, para ver os
resultados do programa.
• Para executar um programa, ative a opção RUN do Menu RUN ou
pressione Ctrl+F9.
• Ao terminar a execução volta para a janela de edição.
• Para ver os resultados do programa, basta pressionar Alt+F5.
• A compilação normalmente é feita na memória.
– Se desejar compilar o programa para um disco em um arquivo
executável, mude a opção DESTINATION do menu COMPILE para DISK.
– Pascal irá procurar erros em tempo de compilação.
• Senão houver erros, o programa rodará normalmente.
• Caso contrário, o processo de compilação será interrompido e o
compilador indicará o erro e a sua posição.
Prof. Gracon Lima
Ambiente de Desenvolvimento
Prof. Gracon Lima
Estrutura de um programa Pascal
Prof. Gracon Lima
Algoritmos Estrutura Sequencial
• Logica de programação
• Sequencia logica
Prof. Gracon Lima
Algoritmos Estrutura Sequencial
• Algoritmo
algoritmo “nome”
var
<seção de declarações>
inicio
<seção de comandos>
fim_algoritmo
• Pascal
program nome;
var
<seção de declarações>
begin
<seção de comandos>
end.
Prof. Gracon Lima
Instruções
Saída
Prof. Gracon Lima
Tipos de instrução
• Escrita (ESCREVA): utilizado para mostrar
dados na saída (monitor ou impressora)
Algoritmo leia
ESCREVA (“Olá Mundo”)
Fim_Algoritmo
Busca o espaço na memória do identificador Envia os dados para a saída
Prof. Gracon Lima
Instruções - Escreva
• Algoritmo
Algoritmo “OiMundo”
Inicio
escreva (“OiMundo”)
fim_algoritmo
• Pascal
program OiMundo;
Begin
writeln (‘OiMundo’);
end.
Prof. Gracon Lima
Instruções - Escreva
• Formatando a Saída
• writeln(b:n)
• b -> parâmetro;
• n-> numero de
caracteres de espaço
• tipo INTEGER, REALM,
CHAR, STRING ou
BOOLEAN,
• constante ou uma
expressão.
• writeln(b:n:m);
• Tipo: Real
• m: numero de casas
decimais
Prof. Gracon Lima
Instruções
Entrada
Prof. Gracon Lima
Tipos Primitivos no Pascal
• Palavra-reservada: Integer
– variáveis numéricas sem casas decimais
Prof. Gracon Lima
Tipos Primitivos no Pascal
• Palavra-reservada: Real
– variáveis numéricas com casas decimais
Prof. Gracon Lima
Tipos Primitivos no Pascal
• Palavra-reservada: Boolean
– variáveis do tipo booleano
• TRUE ou FALSE
• Palavra-reservada: String
– variáveis do tipo cadeia de caracteres
• Entre ‘’ -> x := ‘Ola mundo’
• Palavra-reservada: Char
– variáveis com um caractere
• Entre ‘’ -> b := ‘a’
Prof. Gracon Lima
Tipos de instrução
• Leitura (LEIA): utilizado para receber dados digitados pelo usuário
que serão armazenados em variáveis:
– A CPU busca o endereço na memória das variáveis
– Espera o envio dos dados
– Grava os dados no endereço de memória
Algoritmo leia
LEIA (Identificador1, Identificador2)
Fim_Algoritmo
Espera Envido de Dado
Busca o espaço na memória do identificador
Grava no espaço na memória o dado passado
Prof. Gracon Lima
Instruções - Leia
• Algoritmo
Algoritmo “TesteVariavel”
var
x:inteiro
Inicio
leia(x)
escreva (“vc digitou”, x)
fim_algoritmo
• Pascal
program TesteVariavel;
var
x:integer;
begin
readln(x);
writeln (‘vc digitou’, x);
end.
Prof. Gracon Lima
Instruções
Atribuição
Prof. Gracon Lima
Aritmética
• Operações com informações do tipo
numérico e que tem como resultado um
valor numérico.
Prof. Gracon Lima
Precedência (Hierarquia nas
operações)
Prof. Gracon Lima
Relacional
• Operações de comparação entre dois valores
de mesmo tipo e que tem como resultado um
valor lógico.
Prof. Gracon Lima
Lógica
• Operações lógicas entre valores lógicos, e
que tem com resultado um valor lógico.
Operador
and
or
not
Prof. Gracon Lima
Tipos de instrução
• Atribuição (← ou :=): Algum valor é colocado numa
posição de memória;
– Concede valores ou operações a variáveis;
– Define o valor de uma variável sem a necessidade de ler
Algoritmo atribuicao
x ← 7
y ← 8
z ← x+y
Fim_Algoritmo
Busca o espaço na memória do identificador
Grava no espaço na memória o dado passado
Prof. Gracon Lima
Instruções - Atribuição
• Algoritmo
Algoritmo “Atribuicao”
var
x, y, z :inteiro
inicio
x ← 7
y ← 8
z ← x+y
fim_algoritmo
• Pascal
program Atribuicao;
var
x:integer;
begin
x := 7;
y := 8;
z := x+y;
end.
Prof. Gracon Lima
Instruções - Comentários
• Algoritmo
Algoritmo “OiMundo”
Inicio
escreva (“OiMundo”)
//escreve uma linha
fim_algoritmo
• Pascal
program OiMundo;
Begin
writeln (‘OiMundo’);
//escreve uma linha
{para um bloco maior
de comentario}
end.
Prof. Gracon Lima

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando Programas
Sistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando ProgramasSistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando Programas
Sistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando ProgramasLuiz Arthur
 
Facebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do Facebook
Facebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do FacebookFacebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do Facebook
Facebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do FacebookRafael Alves
 
Lab python django - parte 2 - python + virtualenv
Lab python django - parte 2 - python + virtualenvLab python django - parte 2 - python + virtualenv
Lab python django - parte 2 - python + virtualenvPedro Fernandes Vieira
 
ESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no Linux
ESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no LinuxESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no Linux
ESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no LinuxJorge Pereira
 
Desenvolvimento multiplataforma
Desenvolvimento multiplataformaDesenvolvimento multiplataforma
Desenvolvimento multiplataformastonefull
 
Estrutura de Programas
Estrutura de ProgramasEstrutura de Programas
Estrutura de ProgramasSidney Roberto
 
Ruby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João Pessoa
Ruby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João PessoaRuby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João Pessoa
Ruby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João PessoaWomen Techmakers João Pessoa
 
php orientado_a_objetos
php orientado_a_objetosphp orientado_a_objetos
php orientado_a_objetosFer Nando
 
40 php orientado a objetos
40 php orientado a objetos40 php orientado a objetos
40 php orientado a objetosFrancisco Santos
 
Engenharia rever sa mentebinaria
Engenharia rever sa   mentebinariaEngenharia rever sa   mentebinaria
Engenharia rever sa mentebinariaPatrese Renan
 
Aprenda a programar python
Aprenda a programar pythonAprenda a programar python
Aprenda a programar pythonLourenço Junior
 

Mais procurados (19)

Sistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando Programas
Sistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando ProgramasSistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando Programas
Sistemas Operacionais - Gnu/Linux Instalando Programas
 
Facebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do Facebook
Facebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do FacebookFacebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do Facebook
Facebook's Hack programming language / Linguagem de programação Hack do Facebook
 
Introdução à linguagem python
Introdução à linguagem pythonIntrodução à linguagem python
Introdução à linguagem python
 
Lab python django - parte 2 - python + virtualenv
Lab python django - parte 2 - python + virtualenvLab python django - parte 2 - python + virtualenv
Lab python django - parte 2 - python + virtualenv
 
ESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no Linux
ESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no LinuxESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no Linux
ESLPE 2008 - Desenvolvendo aplicações no Linux
 
Desenvolvimento multiplataforma
Desenvolvimento multiplataformaDesenvolvimento multiplataforma
Desenvolvimento multiplataforma
 
Estrutura de Programas
Estrutura de ProgramasEstrutura de Programas
Estrutura de Programas
 
Ruby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João Pessoa
Ruby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João PessoaRuby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João Pessoa
Ruby: Simples e Expressivo - Women Techmakers João Pessoa
 
Pascal
PascalPascal
Pascal
 
Compilando em java
Compilando em javaCompilando em java
Compilando em java
 
Tutorial javac
Tutorial javacTutorial javac
Tutorial javac
 
Linguagens de programação
Linguagens de programaçãoLinguagens de programação
Linguagens de programação
 
EVOLUÇÃO DA LINGUAGEM DELPHI - ARTIGO
EVOLUÇÃO DA LINGUAGEM DELPHI - ARTIGOEVOLUÇÃO DA LINGUAGEM DELPHI - ARTIGO
EVOLUÇÃO DA LINGUAGEM DELPHI - ARTIGO
 
Frameworks PHP
Frameworks PHPFrameworks PHP
Frameworks PHP
 
php orientado_a_objetos
php orientado_a_objetosphp orientado_a_objetos
php orientado_a_objetos
 
40 php orientado a objetos
40 php orientado a objetos40 php orientado a objetos
40 php orientado a objetos
 
José Ramom Campos - Opentrad
José Ramom Campos - OpentradJosé Ramom Campos - Opentrad
José Ramom Campos - Opentrad
 
Engenharia rever sa mentebinaria
Engenharia rever sa   mentebinariaEngenharia rever sa   mentebinaria
Engenharia rever sa mentebinaria
 
Aprenda a programar python
Aprenda a programar pythonAprenda a programar python
Aprenda a programar python
 

Semelhante a Introdução ao Pascal

Linguagem C Entendendo a Programação
Linguagem C Entendendo a ProgramaçãoLinguagem C Entendendo a Programação
Linguagem C Entendendo a ProgramaçãoMonike Santos
 
Introdução ao Java_14Agosto2012.pdf
Introdução ao Java_14Agosto2012.pdfIntrodução ao Java_14Agosto2012.pdf
Introdução ao Java_14Agosto2012.pdfRubenManhia
 
Aula 02 informática aplicada - sistemas operacionais
Aula 02  informática aplicada - sistemas operacionaisAula 02  informática aplicada - sistemas operacionais
Aula 02 informática aplicada - sistemas operacionaisRobson Ferreira
 
Swift na linha de comando
Swift na linha de comandoSwift na linha de comando
Swift na linha de comandoTales Andrade
 
Visualg 1231617089791929-2
Visualg 1231617089791929-2Visualg 1231617089791929-2
Visualg 1231617089791929-2jaoozinhoqi123
 
Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)
Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)
Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)Manoel Campos da Silva Filho
 
Automação de Aplicativos: Scripting com Python
Automação de Aplicativos: Scripting com PythonAutomação de Aplicativos: Scripting com Python
Automação de Aplicativos: Scripting com PythonFabio Spanhol
 
Programação em Shell Script
Programação em Shell ScriptProgramação em Shell Script
Programação em Shell ScriptReinaldo Lima
 
Apostila php
Apostila phpApostila php
Apostila phpfelgamer
 
Apostila básica de PHP
Apostila básica de PHPApostila básica de PHP
Apostila básica de PHPKratos879
 
Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...
Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...
Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...Luís Gustavo Martins
 
Tutorial Django + Python
Tutorial Django + PythonTutorial Django + Python
Tutorial Django + PythonMateus Padua
 
Introdução à Programação Python e Tk
Introdução à Programação Python e TkIntrodução à Programação Python e Tk
Introdução à Programação Python e TkCarlos Campani
 

Semelhante a Introdução ao Pascal (20)

Pascal 70
Pascal 70Pascal 70
Pascal 70
 
Linguagem C Entendendo a Programação
Linguagem C Entendendo a ProgramaçãoLinguagem C Entendendo a Programação
Linguagem C Entendendo a Programação
 
Introdução ao Java_14Agosto2012.pdf
Introdução ao Java_14Agosto2012.pdfIntrodução ao Java_14Agosto2012.pdf
Introdução ao Java_14Agosto2012.pdf
 
Aula 02 informática aplicada - sistemas operacionais
Aula 02  informática aplicada - sistemas operacionaisAula 02  informática aplicada - sistemas operacionais
Aula 02 informática aplicada - sistemas operacionais
 
Swift na linha de comando
Swift na linha de comandoSwift na linha de comando
Swift na linha de comando
 
Introdução ao java Alo Mundo
Introdução ao java Alo MundoIntrodução ao java Alo Mundo
Introdução ao java Alo Mundo
 
Visualg 1231617089791929-2
Visualg 1231617089791929-2Visualg 1231617089791929-2
Visualg 1231617089791929-2
 
Visualg
VisualgVisualg
Visualg
 
Iniciando com django
Iniciando com djangoIniciando com django
Iniciando com django
 
Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)
Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)
Introdução à Programação em Java - Aula 1 (PT-PT)
 
Isc aula 7
Isc   aula 7Isc   aula 7
Isc aula 7
 
Automação de Aplicativos: Scripting com Python
Automação de Aplicativos: Scripting com PythonAutomação de Aplicativos: Scripting com Python
Automação de Aplicativos: Scripting com Python
 
Arch Linux
Arch LinuxArch Linux
Arch Linux
 
Programação em Shell Script
Programação em Shell ScriptProgramação em Shell Script
Programação em Shell Script
 
Apostila php
Apostila phpApostila php
Apostila php
 
Apostila básica de PHP
Apostila básica de PHPApostila básica de PHP
Apostila básica de PHP
 
Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...
Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...
Introdução à programação em Android e iOS - Conceitos fundamentais de program...
 
Tutorial Django + Python
Tutorial Django + PythonTutorial Django + Python
Tutorial Django + Python
 
Introdução à Programação Python e Tk
Introdução à Programação Python e TkIntrodução à Programação Python e Tk
Introdução à Programação Python e Tk
 
SlackWare - Leonel
SlackWare - LeonelSlackWare - Leonel
SlackWare - Leonel
 

Mais de graconlima (12)

Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
 
Aula 17
Aula 17Aula 17
Aula 17
 
Aula 16
Aula 16Aula 16
Aula 16
 
Aula 14
Aula 14Aula 14
Aula 14
 
Aula 13
Aula 13Aula 13
Aula 13
 
Aula 12
Aula 12Aula 12
Aula 12
 
Aula 11
Aula 11Aula 11
Aula 11
 
Aula 10
Aula 10Aula 10
Aula 10
 
Aula 09
Aula 09Aula 09
Aula 09
 
Aula 06
Aula 06Aula 06
Aula 06
 
Aula 05
Aula 05Aula 05
Aula 05
 
Aula 04
Aula 04Aula 04
Aula 04
 

Introdução ao Pascal

  • 3. Histórico • Pascal é uma linguagem muito bem estruturada criada em 1968 – desenvolvida por Niklaus Wirth, no Technical University, em Zurique, na Suíça, com o objetivo de ensinar aos seus alunos a programar em ALGOL e PLI. – Seu nome trata -se de uma homenagem ao matemático e filósofo francês, Blaise Pascal (1623-1662), criador da primeira calculadora mecânica. – destina-se à programação de computadores. – ideal para o ensino de linguagens e lógica de programação. • Originou uma enorme gama de “dialetos”, – pode ser considerada uma família de linguagens de programação. • Turbo Pascal: Grande parte do sucesso – O primeiro compilador desenvolvido em Zurique em 1970 • hoje a linguagem PASCAL não é mais utilizada – aplicações comerciais, sistemas acadêmicos ou científicos comum nos anos 70 e 80 Prof. Gracon Lima
  • 4. Histórico • Algumas características vantajosas (é cedo para dizer que ela “morreu”): – continua sendo uma das mais didáticas de todas as linguagens; – A linguagem Object Pascal adotada pelo Delphi desde 1995. – estilo Pascal-Like (sintaxe parecida com o Pascal) ainda é utilizado (PL/SQL) Prof. Gracon Lima
  • 5. Histórico • A criação da Pascal teve por objetivo – a obtenção de uma linguagem simples, capaz de incentivar a confecção de programas claros e facilmente legíveis, favorecendo a utilização de boas técnicas de programação. – Suas características foram criteriosamente escolhidas visando a permitir a obtenção de programas confiáveis, modularizados e bem estruturados, processáveis por compiladores compactos, eficientes e econômicos. Prof. Gracon Lima
  • 6. Histórico • Pascal inovou – criação de novos tipos e subtipos dentro de um programa – manipulação de tipos enumeráveis – a estruturação de dados, que permite criar e manipular, além de arranjos, também registros, conjuntos e arquivos – a alocação dinâmica de variáveis, com o auxílio de ponteiros – declaração de identificadores para constantes – utilização de procedimentos que lêem e escrevem em campos individuais em vez de registros completos – uso de procedimentos e função recursivos, etc. Prof. Gracon Lima
  • 8. Desenvolvendo programas • Para fazer um programa em pascal: – Analizar o enunciado do problema, desenvolver o algoritmo e a codificação, utilizando o ambiente – Compilar, com o compilador do ambiente – Executar Prof. Gracon Lima
  • 9. Compiladores • Vários compiladores disponíveis (destaque para): – Free Pascal (Dev-Pascal) – Pascal Zim – Turbo Pascal Prof. Gracon Lima
  • 11. Pascal Zim • O uso do programa – Baixar o arquivo ZIP -> descompactar a pasta “pascalzim” para qualquer diretório -> executar o arquivo “PZIM”. • Duas janelas serão abertas: – o programa propriamente dito – uma janela de console do Windows (exibindo os resultados e impressões do programa desenvolvido) Prof. Gracon Lima
  • 12. Pascal Zim • A tela principal do programa – há uma barra de ferramentas com funções como recortar, colar, exibir janela em cascata ou lado a lado, etc. – atalhos para aplicativos do Windows como: calculadora, bloco de notas, navegador web, do MS-DOS e Windows Explorer. – funções de compilar e executar direto ou ainda executar o programa no debug, o que ajuda muito para encontrar algum problema ou erro que esteja ocorrendo com o programa desenvolvido. • Pascal Zim! permite o uso de três “temas”: – Clássico, Dark Pascal ou Moderno. • A única alteração que estes temas proporcionam é na cor de fundo na tela de edição, que pode ficar azul, preta ou branca. • Tais temas estão acessível no menu “Janela”. Prof. Gracon Lima
  • 14. Conceito • Bloodshed Dev-Pascal é um ambiente de desenvolvimento integrado (IDE) que permite a criação e desenvolvimento de programas na linguagem Pascal baseados no Windows, DLLs ou console através do compilador Free Pascal (integrado no pacote). Prof. Gracon Lima
  • 15. Dev-Pascal • um ambiente integrado de desenvolvimento (IDE) – permite a elaboração de aplicações em Pascal, tanto em estilo console como Windows. • ferramenta open source (software livre de código aberto), desenvolvida dentro das especificações GNU (General Public License), – que pode ser obtida, juntamente com seu código fonte no site – http://www.bloodshed.net/devpascal.html. • Curiosidades – Dev-Pascal foi desenvolvido na Linguagem Delphi; – a ferramenta utiliza o compilador Free Pascal (http://www.freepascal.org/), para compilar os programas desenvolvidos. Prof. Gracon Lima
  • 16. Dev-Pascal • Instalação do Dev Pascal PASSO 1: Efetuar o Download – http://www.bloodshed.net/dev/devpas192.exe. • PASSO 2: Instalação – Execute o arquivo devpas192.exe – extensão “.dp” e “.pas” serão associados ao Dev-Pascal – depois o ambiente de desenvolvimento do Dev-Pascal será aberto. – Caso você não tenha selecionado um outro diretório, o programa será instalado em C:Dev- Pas. • PASSO 3: Correção do Bug de Instalação – Primeiro feche o Dev-Pascal. Depois use o Windows Explorer e vá até o diretório C:Dev-Pas (ou para o diretório onde você tenha instalado a ferramenta). Para que o programa possa funcionar corretamente, é preciso RENOMEAR a pasta “Icons” para “Icon” (ou seja, tem que tirar a letra “s” do final). – Se esta operação não for realizada o Dev-Pascal não consegue associar, de forma automática, um ícone default para os projetos, obrigando o programador a fazer isso de forma manual para todo projeto criado. Prof. Gracon Lima
  • 17. Criando um Programa no Dev Pascal • PASSO 1: Criar um Projeto. – abrir o Dev-Pascal, – clicar no menu FILE / NEW PROJECT. • Escolha, para este exemplo, a opção CONSOLE APPLICATION, na aba Project. – O Dev-Pascal vai pedir para você escolher um nome para o seu projeto e irá salva-lo numa pasta. • PASSO 2: Criar o Programa PASCAL – Faça o seu programa na janela – Compilar -> “visto” verde • PASSO 3: Primeira compilação: – Escolha um nome (tem que ser um nome diferente do nome do projeto) e salve o programa no mesmo diretório do projeto. – compilar corretamente -> executa-lo usando o botão “Execute” – “Continue”: fechar essa janelinha. – Erro de compilação: mensagens serão exibidas na parte inferior da tela – Sem erro exibe-se a mensagem “... compiled successfully”). Prof. Gracon Lima
  • 18. Dev-Pascal • 4. Conclusões – Dev-Pascal: uma IDE para o desenvolvimento de aplicações na Linguagem Pascal (Console e Windows). – Ferramenta muito simples de ser instalada e manipulada e possui interface agradável. – Está se tornando bastante popular tanto em ambiente acadêmico, como entre os admiradores da linguagem Pascal. Prof. Gracon Lima
  • 20. Turbo Pascal • Ambiente oficial da linguagem • Características – Apresenta um editor para digitar, salvar e modificar o código – Possui um compilador que converte o código de em instruções de máquina, verificando a existência de erros de sintaxe sem precisar voltar ao sistema operacional – Um depurador para inspecionar o programa durante a execução facilitando a localização de erros – Sistema de ajuda que oferece diferentes níveis de informação – Ambiente de execução, para executar os programas sem sair do turbo pascal (.PAS), e gerar arquivos para serem executados fora do ambiente (.EXE) Prof. Gracon Lima
  • 21. Turbo Pascal • 1970: primeiro compilador para a Linguagem Pascal -> cunho acadêmico. • novembro de 1983: primeira versão do Turbo Pascal -> Borland International, – Logo saiu versão 2.0 época, a Borland era uma pequena e desconhecida empresa de Scotts Valley. – Ainda na década de 80 outras versões: 3.0, 4.0, 5.0, 5.5, 6.0, e o 7.0. • O nosso objetivo de estudo é a versão 7.0. – características importantes: • uma linguagem extremamente rápida, tanto no tempo de compilação quanto no tempo de execução dos programas. Prof. Gracon Lima
  • 22. Turbo Pascal • Edição do código – Arquivos podem ser criados por quaisquer editores de texto – o editor do TP está diretamente ligado às rotinas de manipulação de erros do compilador. – Quando detecta um erro, o controle é automaticamente transferido para o editor e o cursor indica a localização do erro juntamente com uma mensagem de descrição. • O Turbo Pascal permite – utilizar com eficiência os recursos de hardware do seu computador • por exemplo, utilizando declarações do Pascal, você pode desenhar na tela e compor músicas. – combinar programas em Pascal com subrotinas em linguagem de máquina e se comunicarem diretamente com os terminais de entrada e de saída (I/O) e com o sistema operacional do computador. Prof. Gracon Lima
  • 23. Ambiente do Turbo Pascal Prof. Gracon Lima
  • 24. Ambiente de Desenvolvimento • Composto por – um editor de texto, um compilador, um programa ligador (link) e um depurador (debugger) – O janelas podem ser abertas simultaneamente na área de trabalho limitado pelo espaço na memória RAM do equipamento; • Cada janela pode conter um arquivo. • Um mesmo arquivo pode ser colocado em várias janelas diferentes, caso haja necessidade de visualizar simultaneamente áreas diferentes. • Apenas a janela ativa é completamente visível. Prof. Gracon Lima
  • 25. Ambiente de Desenvolvimento • Execução de um Programa – editar um arquivo, compilá-lo e rodá-lo, para ver os resultados do programa. • Para executar um programa, ative a opção RUN do Menu RUN ou pressione Ctrl+F9. • Ao terminar a execução volta para a janela de edição. • Para ver os resultados do programa, basta pressionar Alt+F5. • A compilação normalmente é feita na memória. – Se desejar compilar o programa para um disco em um arquivo executável, mude a opção DESTINATION do menu COMPILE para DISK. – Pascal irá procurar erros em tempo de compilação. • Senão houver erros, o programa rodará normalmente. • Caso contrário, o processo de compilação será interrompido e o compilador indicará o erro e a sua posição. Prof. Gracon Lima
  • 27. Estrutura de um programa Pascal Prof. Gracon Lima
  • 28. Algoritmos Estrutura Sequencial • Logica de programação • Sequencia logica Prof. Gracon Lima
  • 29. Algoritmos Estrutura Sequencial • Algoritmo algoritmo “nome” var <seção de declarações> inicio <seção de comandos> fim_algoritmo • Pascal program nome; var <seção de declarações> begin <seção de comandos> end. Prof. Gracon Lima
  • 31. Tipos de instrução • Escrita (ESCREVA): utilizado para mostrar dados na saída (monitor ou impressora) Algoritmo leia ESCREVA (“Olá Mundo”) Fim_Algoritmo Busca o espaço na memória do identificador Envia os dados para a saída Prof. Gracon Lima
  • 32. Instruções - Escreva • Algoritmo Algoritmo “OiMundo” Inicio escreva (“OiMundo”) fim_algoritmo • Pascal program OiMundo; Begin writeln (‘OiMundo’); end. Prof. Gracon Lima
  • 33. Instruções - Escreva • Formatando a Saída • writeln(b:n) • b -> parâmetro; • n-> numero de caracteres de espaço • tipo INTEGER, REALM, CHAR, STRING ou BOOLEAN, • constante ou uma expressão. • writeln(b:n:m); • Tipo: Real • m: numero de casas decimais Prof. Gracon Lima
  • 35. Tipos Primitivos no Pascal • Palavra-reservada: Integer – variáveis numéricas sem casas decimais Prof. Gracon Lima
  • 36. Tipos Primitivos no Pascal • Palavra-reservada: Real – variáveis numéricas com casas decimais Prof. Gracon Lima
  • 37. Tipos Primitivos no Pascal • Palavra-reservada: Boolean – variáveis do tipo booleano • TRUE ou FALSE • Palavra-reservada: String – variáveis do tipo cadeia de caracteres • Entre ‘’ -> x := ‘Ola mundo’ • Palavra-reservada: Char – variáveis com um caractere • Entre ‘’ -> b := ‘a’ Prof. Gracon Lima
  • 38. Tipos de instrução • Leitura (LEIA): utilizado para receber dados digitados pelo usuário que serão armazenados em variáveis: – A CPU busca o endereço na memória das variáveis – Espera o envio dos dados – Grava os dados no endereço de memória Algoritmo leia LEIA (Identificador1, Identificador2) Fim_Algoritmo Espera Envido de Dado Busca o espaço na memória do identificador Grava no espaço na memória o dado passado Prof. Gracon Lima
  • 39. Instruções - Leia • Algoritmo Algoritmo “TesteVariavel” var x:inteiro Inicio leia(x) escreva (“vc digitou”, x) fim_algoritmo • Pascal program TesteVariavel; var x:integer; begin readln(x); writeln (‘vc digitou’, x); end. Prof. Gracon Lima
  • 41. Aritmética • Operações com informações do tipo numérico e que tem como resultado um valor numérico. Prof. Gracon Lima
  • 43. Relacional • Operações de comparação entre dois valores de mesmo tipo e que tem como resultado um valor lógico. Prof. Gracon Lima
  • 44. Lógica • Operações lógicas entre valores lógicos, e que tem com resultado um valor lógico. Operador and or not Prof. Gracon Lima
  • 45. Tipos de instrução • Atribuição (← ou :=): Algum valor é colocado numa posição de memória; – Concede valores ou operações a variáveis; – Define o valor de uma variável sem a necessidade de ler Algoritmo atribuicao x ← 7 y ← 8 z ← x+y Fim_Algoritmo Busca o espaço na memória do identificador Grava no espaço na memória o dado passado Prof. Gracon Lima
  • 46. Instruções - Atribuição • Algoritmo Algoritmo “Atribuicao” var x, y, z :inteiro inicio x ← 7 y ← 8 z ← x+y fim_algoritmo • Pascal program Atribuicao; var x:integer; begin x := 7; y := 8; z := x+y; end. Prof. Gracon Lima
  • 47. Instruções - Comentários • Algoritmo Algoritmo “OiMundo” Inicio escreva (“OiMundo”) //escreve uma linha fim_algoritmo • Pascal program OiMundo; Begin writeln (‘OiMundo’); //escreve uma linha {para um bloco maior de comentario} end. Prof. Gracon Lima