Como os espíritos podem penetrar os nossos pensamentos

30.215 visualizações

Publicada em

Publicada em: Espiritual
1 comentário
21 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
30.215
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20.223
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
953
Comentários
1
Gostaram
21
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Como os espíritos podem penetrar os nossos pensamentos

  1. 1. Os Espíritos constantemente nos rodeiam... Por isso, podem ver tudo o que fazemos... Cada um, porém, só vê aquilo a que dá atenção... Não se ocupam com o que lhes é indiferente. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 456
  2. 2. 457. Os Espíritos podem conhecer os nossos pensamentos mais secretos? » — Conhecem, muitas vezes, aquilo que desejaríeis ocultar a vós mesmos; ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 457
  3. 3. » (...) por serem invisíveis aos nossos olhos materiais, nem por isso deixam de estar no espaço, ao redor de nós, ao nosso lado, espiando nossas ações, lendo os nossos pensamentos, uns para nos fazerem o bem, outros para nos induzirem ao mal, conforme sejam bons ou maus. ALLAN KARDEC – REVISTA ESPÍRITA – OUTUBRO DE 1858. OBSEDIADOS E SUBJUGADOS
  4. 4. 457 a) Assim sendo, pareceria mais fácil ocultar-se uma coisa a uma pessoa viva, pois não o podemos fazer a essa mesma pessoa depois de morta? ALLAN KARDEC – O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 457ª .
  5. 5. » R – Certamente, e, quando acreditais estarem bem escondidos, ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 457A
  6. 6. ALLAN KARDEC – O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 458
  7. 7. LE – 459. Influem os Espíritos em nossos pensamentos e em nossos atos? ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 459
  8. 8. ESPÍRITOS Temos a impressão de que alguém nos fala... ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 461
  9. 9. NOSSOS Geralmente são os que acontecem em primeiro lugar... ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 461
  10. 10. » Sobre este assunto, esclarecem os Espíritos: » – Não nos é de grande interesse fazer esta distinção. » – Aliás, muitas vezes é útil que não saibamos fazê-la. » – Não fazendo distinção, o homem age com mais liberdade. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 461
  11. 11. • É voluntariamente que o pratica. • Demonstra a solidez de suas convicções. Quando o homem se decide pelo bem... ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 461
  12. 12. Se toma o mau caminho... Responde pela sua escolha. Maior será a sua responsabilidade. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 461.
  13. 13. » – Pode ser bom ou mau, . É sempre bom para aquele que ouve as boas inspirações. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 463.
  14. 14. » – ―Estudai o caso. Os bons Espíritos só para o bem aconselham. Compete-vos discernir.‖ ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 464
  15. 15. » – São instrumentos próprios a pôr em prova a fé e a constância dos homens na prática do bem. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 466
  16. 16. » – Têm como missão nos colocar no bom caminho. » •Como Espírito que somos, temos que progredir na ciência do infinito. Daí passarmos pelas provas, para chegarmos ao bem. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 466
  17. 17. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 466 Quando as más influências agem sobre vós. É que as atraístes pelo desejo do mal. Porque os espíritos inferiores vêm vos auxiliar no mal, quando tendes a vontade de praticá-lo; eles não podem vos ajudar no mal senão quando quereis o mal.
  18. 18. » LE – 467. Pode o homem eximir-se da influência dos Espíritos que procuram arrastá-lo ao mal? » – ―Pode, visto que tais Espíritos só se apegam aos que, pelos , ou aos que, ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 467
  19. 19. » LE – 468. Renunciam às suas tentativas os Espíritos cuja influência a vontade do homem repele? » – ―Que querias que fizessem? Entretanto, como o gato que tocaia o rato.‖ ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 468
  20. 20. COMO ME PROTEGER? PRATICAR O BEM DESCONFIAR DO ORGULHO REJEITAR MAUS PENSAMENTOS CONFIAR EM DEUS ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 469
  21. 21. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 470
  22. 22. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 470
  23. 23. LE – 525. Exercem os Espíritos alguma influência nos acontecimentos da vida? – ―Certamente, pois que vos aconselham.‖ ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 525
  24. 24. » – ―Sim, mas nunca atuam fora das leis da Natureza.‖ ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 525ª .
  25. 25. » ☼ Assim, por exemplo, provocarão a reunião de duas pessoas que inspirarão a alguém o pensamento de passar por determinado lugar; chamarão sua atenção sobre um certo ponto, se isso deve causar o resultado que tenham em vista obter, de tal modo que o homem, acreditando seguir somente um impulso próprio, conserva sempre seu livre-arbítrio. COMENTÁRIO DE ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 525ª .
  26. 26. » – Aproveitam as circunstâncias, mas frequentemente as provocam, oferecendo-vos ou levando-vos inconscientemente ao objeto de vossa cobiça. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 472 .
  27. 27. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 472 .
  28. 28. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 472 .
  29. 29. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 472 .
  30. 30. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 472 .
  31. 31. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 526
  32. 32. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 526
  33. 33. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 526
  34. 34. O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 527
  35. 35. O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 527
  36. 36. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 527
  37. 37. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 527
  38. 38. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 527
  39. 39. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 528
  40. 40. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 528
  41. 41. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 528
  42. 42. » – Eles se satisfazem em causar aborrecimentos que são provas para exercitar vossa paciência, mas se cansam quando não conseguem nada. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 530
  43. 43. » Entretanto, não seria justo nem exato acusá-los de todas as vossas decepções, de que sois os primeiros responsáveis pela vossa leviandade. » Acreditai, portanto, que, se a vossa baixela de louça se quebra, é antes pela vossa falta de jeito do que por culpa dos Espíritos. ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 530.
  44. 44. » – ―Algumas vezes, como prova. Quase sempre, porém, recusam, como se recusa à criança a satisfação de um pedido inconsiderado.‖ ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 533
  45. 45. » – ―Uns e outros. Depende da intenção. As mais das vezes, entretanto, os que os concedem são os Espíritos que vos querem arrastar para o mal e que encontram meio fácil de o conseguirem, facilitando- vos os gozos que a riqueza proporciona.‖ ALLAN KARDEC - O LIVRO DO ESPÍRITOS – Q. 533ª .
  46. 46. LE – 551. Pode um homem mau, com o auxílio de um mau Espírito que lhe seja dedicado, fazer mal ao seu próximo? – ―Não; Deus não o permitiria.‖

×