Introdução a Banco de Dados 03 - UFMG BIBL 2014/02

361 visualizações

Publicada em

Aula 03 [29/08/2014] da disciplina "Introdução a Banco de Dados", no curso de Biblioteconomia na UFMG, 2o período, 2014/02.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
361
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução a Banco de Dados 03 - UFMG BIBL 2014/02

  1. 1. Níveis de Modelagem Mundo Real Modelo Conceitual Modelo Lógico Modelo Físico O que existe no domínio? Nível de abstração mais alto Nível Intermediário Nível mais baixo de abstração Objetos, seres, fatos e interpretações Representação precisa dos conceitos Estruturas de Dados que representam os conceitos Recursos computacionais, códigos, BD
  2. 2. Ciclo de um SI Análise de Necessidades Projeto Conceitual Projeto Lógico Projeto Físico Modificação e adaptação Operação e monitoramento Implementação
  3. 3. (1) Modelagem Conceitual Mais importante para Biblioteconomia!
  4. 4. O que é? • Modelo mental • Captação de ideias pelo usuário • “Contar uma história” (a) Representação gráfica da história • Representação da realidade • Ligações entre conceitos (“coisas")
  5. 5. O que não é? • Não é "Modelo de dados" • Como eles serão armazenados? • Não armazena NADA! • Não é o BD (dados) • Não é arquitetura de software Modelo Conceitual <DIFERENTE> Modelo Lógico
  6. 6. Onde está o Modelo Conceitual?
  7. 7. Elementos Básicos (1) Conceitos • Representar a "história" (2) Atributos • Características dos Conceitos ("coisas" ) (3) Associações • Relacionamentos / Relações entre os Conceitos
  8. 8. Conceitos e Atributos • Como identificar? • Verificação dos textos da especificação • "Casos de Uso" (histórias curtas) * • Selecionar termos que representem alguma informação necessária ao SI (dica: substantivos) • Agrupar sinônimos e detalhes • Evitar redundância
  9. 9. O que é um “Caso de Uso”? SI (Todo o Sistema de Informação) Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso Caso de Uso …
  10. 10. Exemplo de Caso de Uso • "Pegar livro emprestado na biblioteca" • Faz parte do sistema da Biblioteca 1. O cliente chega no balcão e se identifica; 2. O cliente entrega o livro desejado ao funcionário; 3. O funcionário registra o livro; 4. O funcionário finaliza o empréstimo, devolve o livro ao cliente e informa a data de devolução; 5. O cliente vai embora com o livro. Caso de Uso Caso de Uso
  11. 11. Exceções 1. "O cliente chega no balcão e se identifica"! a) O cliente ainda não possui cadastro 2. "O funcionário registra cada um dos livros"! 1. O livro ainda não está cadastrado no sistema 2. O livro está danificado ou com algum problema físico 3. "O funcionário finaliza o empréstimo, devolve os livros ao cliente e informa a data de devolução dos livros"! a) Cliente está com livros pendentes de devolução; b) Cliente está com o número máximo de livros permitido;
  12. 12. Identificando os Elementos • Conceitos? • Atributos/Propriedades? • Associações/Relacionamentos?
  13. 13. Elementos • Conceitos + Atributos • Cliente • Nome, endereço, telefone, e-mail, etc • Livro • Título, autor, ISBN, etc • Empréstimo • Data do empréstimo, data da devolução
  14. 14. Representação Visual ?
  15. 15. Associações • Associação: relação estática que pode existir entre dois conceitos complexos, complementando a informação que se tem sobre eles em um determinado instante, ou referenciando informação associativa nova. • Operação: ato de transformar a informação, passando de um estado para outro, mudando, por exemplo, a configuração das associações, destruindo e/ou criando novas associações ou objetos, ou modificando o valor dos atributos
  16. 16. Exemplos Associação
  17. 17. Exemplos Operação (Transação)
  18. 18. Descobrindo Associações • Observar cada Conceito • Se pergunte se a informação representada por ele é completa. • Se não for… • Criar associação entre os Conceitos para complementar a informação e fazer sentido.
  19. 19. Tipos de Conceitos • Dependentes • Precisam estar ligados a outros Conceitos para fazer sentido. • Independentes • Não precisam estar ligados a outros Conceitos para fazer sentido.
  20. 20. Atributos como Associações • No Modelo Conceitual… • Não se deve colocar atributos (?) “simulando" associações. • Exemplo: • Não colocar “nome do cliente” como atributo do conceito “Empréstimo". Este pensamento é errado na Modelagem Conceitual.
  21. 21. Incluindo Cardinalidade • Relação de “quantidade" • “Cliente faz quantos empréstimos?” * = mais de um Opções: 1 ou *
  22. 22. Nosso Exemplo
  23. 23. Conjuntos e Coleções

×