Porque cada ser humano é único
Teste Farmacogenético TDAH
www.gntechtests.com.br
MISSÃO
Disponibilizar aos médicos
e às pessoas todos os
benefícios da tecnologia
farmacogenética, a...
Adequação da abordagem terapêutica de acordo com subgrupos
definidos de pacientes:
Respondem
Normalmente
Efeito diminuído
...
Farmacogenética = Farmacologia + Genética
Estuda como a constituição genética de um indivíduo afeta sua
resposta a drogas....
Indicação Clínica para o Teste
 O Teste é indicado para pacientes que usam ou possuem
a indicação de usar medicamentos pa...
 Promovem mais segurança e confiança no tratamento prescrito;
 Reduzem os riscos de efeitos adversos e ineficácia dos
me...
 Conhecer o perfil de metabolização dos medicamentos de cada
paciente;
 Evitar as tentativas com diferentes drogas em di...
 Realidade clínica da medicina personalizada;
 Rápidos e indolores;
 Fáceis de realizar com um simples swab bucal;
 De...
 Existe uma variação elevada na resposta às medicações
psiquiátricas devido à variabilidade genética individual. O teste
...
www.gntechtests.com.br
Acesso aos testes:
www.gntechtests.com.br
Suporte ao médico:
Dr. Paulo Sérgio Schlogl – Ph.D.
Responsável Técnico - CRF/SC 2454
paulo@gntecht...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

TESTE FARMACOGENÉTICO TDAH

398 visualizações

Publicada em

O transtorno de déficit de atenção e hiperatividade (TDAH) é um dos transtornos mentais mais comuns na infância e na adolescência. É caracterizado por desatenção, atividade motora excessiva e impulsividade, inadequados à etapa do desenvolvimento e presente em ao menos dois ambientes distintos. Tende a ter um curso crônico e está associado a uma série de complicações na infância, na adolescência e na vida adulta, fases em que 10 a 60% destas crianças seguem sintomáticas.

Ao contrário do que se pensava, o TDAH não é superado na adolescência. Os sintomas, em alguns casos parecem ser minimizados nesta fase pelo fato de algumas pessoas desenvolverem estratégias para lidar com essa condição, e dessa maneira acabam por atenuar os sintomas. Porém cerca de 65% das crianças diagnosticadas como portadoras do Transtorno, continuam com os sintomas ao atingirem a idade adulta.

O Tratamento do TDAH deve ser multimodal, ou seja, uma combinação de medicamentos, orientação aos pais e professores, além de técnicas específicas que são ensinadas ao portador. A medicação, na maioria dos casos, faz parte do tratamento.

Existe uma variação elevada na resposta às medicações psiquiátricas devido à variabilidade genética individual. O teste contribui para respostas mais assertivas no uso de medicamentos, minimizando os efeitos adversos.

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
398
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TESTE FARMACOGENÉTICO TDAH

  1. 1. Porque cada ser humano é único Teste Farmacogenético TDAH
  2. 2. www.gntechtests.com.br MISSÃO Disponibilizar aos médicos e às pessoas todos os benefícios da tecnologia farmacogenética, além de incentivar e promover o avanço científico no Brasil. VALORES  Confiança nos resultados;  Comprometimento e ética com as pessoas;  O conhecimento e a ciência são essenciais para a promoção da saúde. VISÃO Ser referência em testes farmacogenéticos no Brasil e na América Latina.
  3. 3. Adequação da abordagem terapêutica de acordo com subgrupos definidos de pacientes: Respondem Normalmente Efeito diminuído Efeito exacerbado www.gntechtests.com.br Dois pacientes com a mesma doença não são iguais. Por que o tratamento seria?
  4. 4. Farmacogenética = Farmacologia + Genética Estuda como a constituição genética de um indivíduo afeta sua resposta a drogas. Farmacogenética www.gntechtests.com.br
  5. 5. Indicação Clínica para o Teste  O Teste é indicado para pacientes que usam ou possuem a indicação de usar medicamentos para o tratamento de TDAH . www.gntechtests.com.br
  6. 6.  Promovem mais segurança e confiança no tratamento prescrito;  Reduzem os riscos de efeitos adversos e ineficácia dos medicamentos;  Possibilitam economia de recursos com o tratamento mais assertivo;  Comodidade e conforto na coleta de material.  Aumentam a satisfação e a adesão ao tratamento; Os tratamentos guiados pelos Testes Farmacogenéticos: www.gntechtests.com.br
  7. 7.  Conhecer o perfil de metabolização dos medicamentos de cada paciente;  Evitar as tentativas com diferentes drogas em diferentes doses;  Reduzir a falta de adesão ou falhas de tratamento;  Minimizar efeitos adversos indesejáveis;  Diminuir o período entre o início do tratamento e o resultado clínico desejado;  Ter pacientes mais satisfeitos com seus tratamentos;  Aumentar o número de pacientes provindos de indicações por bons resultados. www.gntechtests.com.br
  8. 8.  Realidade clínica da medicina personalizada;  Rápidos e indolores;  Fáceis de realizar com um simples swab bucal;  Detectam variações genéticas que podem influenciar na metabolização das drogas. www.gntechtests.com.br
  9. 9.  Existe uma variação elevada na resposta às medicações psiquiátricas devido à variabilidade genética individual. O teste contribui para respostas mais assertivas no uso de medicamentos, minimizando os efeitos adversos. www.gntechtests.com.br
  10. 10. www.gntechtests.com.br Acesso aos testes:
  11. 11. www.gntechtests.com.br Suporte ao médico: Dr. Paulo Sérgio Schlogl – Ph.D. Responsável Técnico - CRF/SC 2454 paulo@gntechtests.com.br Skype: paulo.schlogl Dr. Guido Boabaid May Diretor Médico – CRM/SC 5432 guido@gntechtests.com.br Skype:guidobm1 +55 (48) 3028-9788

×