Uso educacional da Web 2.0

709 visualizações

Publicada em

Palestra realizada em 2011 no SESI Bahia para os professores da EJA Unidade EJA RMS.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
709
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
127
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Uso educacional da Web 2.0

  1. 1. Uso educacional da Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  2. 2. • Velhas perguntas ... Novas respostas• O que oferece a tecnologia à pedagogia?• O que oferece a pedagogia à tecnologia? Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  3. 3. Para que aprender? O que aprender? Com que aprender? Como se aprende? Quando se aprende? Onde se aprende?Com quem se aprende? Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  4. 4. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  5. 5. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  6. 6. Sociedade em Rede “Internet constitui atualmente a basetecnológica da forma organizativa quecaracteriza a era da informação: arede”. (Castells, 2001). Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  7. 7. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  8. 8. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  9. 9. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  10. 10. Onde está a diferença? Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  11. 11. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  12. 12. A WEB 2.0 a evolução social da Internet• A Web 2.0 é um conceito capaz de identificar o nível de desenvolvimento sociotecnológico da Internet. A Web 2.0 representa a evolução social da Internet. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  13. 13. Orientações para o uso formativo Web 2.0• Incorporar as aplicações Web 2.0 em processos formativos implica incorporar novos estilos de comunicação, novos papéis, novas formas de intervenção, novos cenários, um leque amplo de atividades, em geral, implica abrir uma série de desafios educativos. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  14. 14. • Abraçar uma tecnologia implica assumir uma mudança de ordem social e formativa. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  15. 15. Ferramentas da Web 2.0 Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  16. 16. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  17. 17. Compartir recursosO que são?• Família de serviços Web 2.0 que se usam para compartilhar recursos multimídia através de plataformas especializadas que permitem aos usuários armazenar e distribuir material fotográfico, vídeos, apresentações, áudio, etc. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  18. 18. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  19. 19. Criar recursos• Conjuntos de serviços Web 2.0 que permitem a comunidade de usuários gerar conteúdos para serem compartidos e difundidos apoiando o desenvolvimento da inteligência coletiva. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  20. 20. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  21. 21. Recuperar informação• São ferramentas para organizar recursos a partir de necessidades informativas do usuário, isto permite um acesso seletivo aos conteúdos Web, assim como uma distribuição massiva, para isso se usam ferramentas de atualização continua, recuperando notícias, entradas em Blogs, anotações sociais, fotografias, etc. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  22. 22. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  23. 23. Redes Sociais• Família de ferramentas desenhadas para criar e gerir comunidades virtuais. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  24. 24. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  25. 25. WEB 3.0• A Web 3.0 se anuncia como uma base de dados global capaz de proporcionar recomendações personalizadas aos usuários perante perguntas do tipo: a partir de minhas características psicológicas, físicas, culturais, etc. O que deveria visitar nesta cidade? Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  26. 26. Por: Gisele Marcia Freitasadelantegisele@yahoo.com.br
  27. 27. Ferramentas da Web 2.0Blog – Weblog• Diário pessoal: é um espaço na web periodicamente atualizado que recopila cronologicamente textos ou artigos.• Principais características:• Ordem cronológica das entradas, dos conteúdos.• Caráter informal e pessoal.• Atualização periódica.• Não requer intervenção de profissionais ou Web design.• O estilo e conteúdos são escolhidos pelo autor. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  28. 28. Vantagens:• Permitem criar espaços na Web sem conhecimento de html, com um desenho atrativo.• Permite por etiquetas (tags) a cada conteúdos, de modo que possamos facilmente encontra a todos os conteúdos etiquetados com um mesmo termo.• Possibilitam a integração com o leitor através da possibilidade de incluir comentários. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  29. 29. • Blogger (http://www.blogger.com). Serviço completo oferecido pelo Google.• LiveJournal (http://livejournal.com). Parecido com o Blogger mas com ênfase na criação de comunidades.• Wordpress (http://wordpress.com/). Similar aos anteriores, com a particularidade de que a empresa que o oferece, o faz também de forma de software livre.• Como evolução dos Blogs, existem os chamados planetas de blog, que são sitios web cujo conteúdo está exclusivamente composto pelas mensagens de um conjunto de blogs que normalmente compartem uma temática comum. Isto é possível graças ao RSS. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  30. 30. Para saber +• Exemplos de blogs, planetas de blogs e recursos no setor educativo em: http://blog.educastur.es/blogs-y-educacion/biblogteca/ Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  31. 31. Wikis• É uma palavra hawaiana que quer dizer <rápido>. Um WikiWikiWeb ou siplesmente Wiki é uma coleção de páginas Web entrelaçadas entre si, cada uma das quais pode ser visitada por qualquer pessoa, e editada por quem desejamos (com ou sem registro prévio). Wiki é uma forma de sitio web onde se aceita que usuários criem, editem, apaguem ou modifiquem o conteúdo de uma página web, de uma forma dinâmica, fácil e rápida. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  32. 32. Um exemplo mais conhecido é a Wikipedia.• Alguns exemplos de serviços de Wikis.• Wikispaces: http://www.wikispaces.com/• Wetpaint: http://www.wetpaint.com/• Nirewiki: http://nirewiki.com/es• Seedwiki: http://www.seedwiki.com/• Pbwiki: http://pbwiki.com/• Tiddlywiki (híbrido entre wiki e blog): http://www.tiddlywiki.com/• Wikimedia: http://wikimedia.org/• Wikipedia: http://es.wikipedia.org Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  33. 33. Webcast Um Webcast é similar a um ‘programa de televisão’, mas desenhado para ser transmitido por Internet. Consiste na retransmissão ao vivo de um evento, no que uma pessoa realiza uma explicação, que pode ser apoiada por uma apresentação, além de áudio e vídeo. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  34. 34. Exemplos de webcast:• http://www.un.org/webcast/#• http://www.qualitynet.es/webcast.htm Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  35. 35. Webinar• A palavra” Webinar” vem da combinação das palavras Web e Seminário. Um Webinar é um tipo de conferência, oficina ou seminário que se transmite por Web. O palestrante se dirige aos participantes, que sua vez pode ter um papel ativo nas discussões, perguntas, debates, etc. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  36. 36. Mundos virtuais• Estes mundos reproduzem um “lugar digital” onde o aluno dispõe de sua própria identidade ou avatar, que se move livremente por esse espaço e pode interagir com avatares de outras pessoas ou entidades que se encontra em seu caminho, conhecer os objetos a seu alcance (conteúdos, vídeos) ou ir a diferentes lugares virtuais (bares, salas de exposições etc...) Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  37. 37. Second Life9http://secondlife.com/• Foi desenvolvido em 2003 por Linden Research Inc. Além das características já comentadas dos mundos virtuais, está a possibilidade de criar objetos e trocar um diversidade de produtos virtuais através de um mercado aberto que tem como moeda local o Linder Dólar ($L). Vale lembrar que também está crescendo seu uso concreto em educação.• Para facilitar esta integração como outros lugares de aprendizagem, SecondLife oferece um módulo que permite integrá-lo com Moodle, denominado “Sllodle”. Ver www.sloodle.org. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  38. 38. Marcadores sociais• São serviços web 2.0 que permitem guardar, compartir e categorizar diferentes recursos da web como endereços de sites web, blogs, vídeos, wikis, etc.• Num sistema de marcadores sociais os usuários guardam uma lista de recursos da Internet que consideram úteis. As listas podem ser acessíveis publicamente ou de forma privada. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  39. 39. • Os recursos se categorizam com “tags” ou “etiquetas” que são palavras escolhidas pelos usuários relacionadas com o recurso.• Exemplos:• Delicious• Mister Wong, onde existem grupos temáticos como o e-learning -• Diigo Webgenio (em espanhol) Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  40. 40. Calendários• São ferramentas que permitem a gestão de eventos. Há diferentes páginas que oferecem calendários: Mozilla Sunbird, Calendar project for Mozilla Thunderbird, Mozilla Firefox, iCal, Google Calendar, 30 Boxes…• Um dos mais utilizados é o calendário Google Calendar (http://www.google.com/calendar) que permite organizar a agenda pessoal e compartir eventos com outras pessoas. É útil para a fixação de datas de reuniões em grupo de trabalho, e envio de alertas a todos os membros do grupo. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  41. 41. Apresentações• Recursos na web para criar apresentações, disponíveis na rede, comparti-las entre usuários e poder incluí-las na página web. Entre estas ferramentas podemos encontrar:• 280 slides, http://280slides.com permite criar apresentações de forma simples.• SlideShare www.slideshare.com permite compartí- las ou incluí-las em tuas próprias páginas.• ScreenToaster http://www.screentoaster.com/ permite fazer gravações para demonstrações de uso de aplicações e ferramentas na tela. Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  42. 42. Algumas páginas de interesse:• http://www.slideshare.net/janehart/25-tools- presentation, apresentação onde poderá ver a proposta das 25 melhores ferramentas do ano 2009.• http://www.c4lpt.co.uk/recommended/ ranking com as cem melhores ferramentas do ano 2009.• http://www.c4lpt.co.uk/recommended/top100.html apresentação com 100 ferramentas utilizadas no e- learning durante o ano de 2008.• Uso de 2.0 na formação: http://zaidlearn.blogspot.com/2008/04/free-learning-too• Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  43. 43. • Todos conhecemos em que consiste o mundo web 2.0 e as oportunidades que abre em muitos setores da Sociedade em Rede? Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  44. 44. • Além das ferramentas, o adjetivo 2.0 implica modos de fazer, pensar e pensar com essa forma de fazer 2.0... Por isto: O que podemos esperara da cultura 2.0 na aprendizagem? Ou melhor o que fazer pela aprendizagem num mundo 2.0? Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br
  45. 45. Bibliografia• SCOPEO (2009) Formación Web 2.0, Monográfico SCOPEO, nº 1. En: http://scopeo.usal.es/images/documentoscopeo/scopeom001.pdf• Suárez, Cristóbal (2010a) “La oportunidad 2.0 de la educación”. En: http://www.slideshare.net/cristobalsuarez/oportunidad-20-de-la-educacin• De Haro, Juan José (2010a) “Redes sociales en educación”. En: http://www.slideshare.net/jjdeharo/redes-sociales-en-educacin-4237119• Santamaría, Fernando (2010) “Redes sociales educativas”, en Nuevas tendencias de e- learning y actividades didácticas innovadoras. En: http://www.libro-elearning.com/redes- sociales-educativas.html• Suárez, Cristóbal (2008) “El potencial educativo de la interacción cooperativa”, Investigación Educativa, vol. 11 N.º 20. En: http://sisbib.unmsm.edu.pe/bibvirtualdata/publicaciones/inv_educativa/2007_n20/a06v11n 20.pdf• Suárez, Cristóbal (2010b) “Dimensiones cooperativas del uso educativo de las redes sociales”. En: http://www.slideshare.net/cristobalsuarez/redes-sociales-aprendizaje-y- cooperacin-2068213• Schuschny, Andrés (2010) “Guía para la colaboración emergente”. En: http://humanismoyconectividad.wordpress.com/2010/07/20/colaboracion-emergente/ Por: Gisele Marcia Freitas adelantegisele@yahoo.com.br

×