Sqlite

320 visualizações

Publicada em

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
320
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sqlite

  1. 1. Joao Johanes
  2. 2. SQLite introdução
  3. 3. Características: •SQLite é uma •biblioteca compacta.
  4. 4. Características: •o tamanho da biblioteca pode ser inferior a 500KiB, dependendo da plataforma de destino e configurações de otimização do compilador
  5. 5. Características: Transações são atômicas, consistentes, isoladas e duráveis (ACID), mesmo depois​​ de falhas no sistema e falhas de energia.
  6. 6. Características: Zero-Configuração - nenhuma configuração ou administração necessário.
  7. 7. Características: Implementa a maioria de SQL92.
  8. 8. Características: Um banco de dados completo é armazenado em um arquivo de disco multi-plataforma unica.
  9. 9. Características: Suporta bancos de dados de terabytes e strings e blobs de tamanho gigabyte.
  10. 10. Características: Mais rápido do que os engine de banco de dados cliente/servidor populares para operações mais comuns.
  11. 11. Características: Simples, fácil de usar API
  12. 12. SQLite, escrita em Linguagem C, que implementa SQL.
  13. 13. é uma biblioteca, programada em linguagem C que implementa um banco de dados SQL embutido.
  14. 14. Não é um biblioteca cliente usada para conectar com um servidor de BD, mas sim o proprio servidor.
  15. 15. É usado e recomendado onde a simplicidade da administração, implementação e manutenção.
  16. 16. Exemplos de uso do SQLite são: Sites com menos de cem mil requisições por dia; Disposotivos e sistemas embarcados; Apliacações desktop; Ferramentas de BD; Aprendizado de BD; Implementação de novas extensões de SQL;
  17. 17. TCL - Transaction Control Language controlar o processamento e exposição de mudanças; Possui comandos DDL e DML como todos SGBD’s.
  18. 18. ntroles de transações: autocommit comando BEGIN
  19. 19. BEGIN[ DEFERRED | IMMEDIATE | EXCLUSIVE] [TRANSACTION] DEFERRED= permite que outros clientes para continuar acessando e usando o banco de dados até que a transação não tem outra escolha a não ser bloqueia-los; palavras-chaves DEFERRED, IMMEDIATE ou EXCLUSIVE IMMEDIATE= adquirir um bloqueio imediatamente; garante bloqueio para write; Libera para operações somente leitura; EXCLUSIVE= bloquear todos os outros clientes, incluindo read-only dos clientes.
  20. 20. SAVE-POINT marcar pontos específicos da transação; commit ou rollback para indivíduo save-points ex.: SAVEPOINT savepoint_name; Caso você quiser liberar e aceitar todas as mundaças Command RELEASE: ex.: RELEASE[SAVEPOINT] savepoint_name;
  21. 21. System Catalogs (Sistema de Catálogos) estruturas de dados; prefixo sqlite_.; eles podem ser consultados, usando SELECT, como se fossem tabelas padrão;
  22. 22. Árvores R e Módulo de indexação espacial árvore R é uma extensão do padrão para SQLite; estrutura de índice que é otimizado para multi-dimensional de dados; organizar e consultar os dados armazenados;
  23. 23. Database Administration Controle Operação
  24. 24. Attaching Databases Comandos para administrar BD comando “attch” Anexar com vários DataBase; attach[database] filename as database_name; Cleaning Databases dois comandos para a limpeza: reindex e vacuum reindex : é usado para reconstruir os índices ex.:reindex collation_name; reindex table_name|index_name; VACUUM elimina quaisquer espaço não utilizado no banco de dados atravé da reconstrução do arquivo de banco de dados.
  25. 25. Referências bibliográficas: The Definitive Guide to SQLite Second Edition Using SQLite – grande livro http://www.sqlite.org Wikipedia também

×