SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
1º)Separação de gases:
a) Liquefação fracionada: a mistura de gases passa por um processo de liquefação e,
posteriormente, pela destilação fracionada.
Obs.: Uma aplicação desse processo consiste na separação dos componentes do ar atmosférico: N2 e
O2. Após a liquefação do ar, a mistura líquida é destilada e o primeiro componente a ser obtido é o N2,
pois apresenta menor PE (-195,8 ° C); posteriormente, obtém-se o O2, que possui maior PE (-183 °
C).
b) Adsorção: Consiste na retenção superficial de gases.
Alguma substâncias, tais como o carvão ativo, têm a propriedade de reter, na sua superfície,
substâncias no estado gasoso. Uma das principais aplicações da adsorção são as máscaras contra
gases venenosos.
c) Criogenia: Todo processo criogênico consiste de 5 etapas
1) Filtragem e compressão do ar;
2) Remoção de contaminantes, como vapor de água e dióxido de carbono, que congelaria durante o
processo;
3) Resfriamento do ar até temperaturas bem baixas através de processos de troca de calor e
refrigeração;
4) Destilação do ar parcialmente condensado (-185ºC) para produção dos produtos desejáveis;
5) Reaquecimento do produto gasoso bem como todo o líquido do sistema de troca de calor, que serve
para resfriar o ar que entra no sistema.
2º) EXEMPLO DA SEPARAÇÃO DE ALGUNS GASES
Oxigênio e Nitrogênio:A produção industrial de oxigênio é feita por meio de um processo de destilação
que retira o ar da atmosfera, que é então filtrado, comprimido e resfriado. Por meio destes processos são
extraídos os teores de água, gases indesejados e impurezas. O ar purificado passa então por uma coluna
onde são separados oxigênio, nitrogênio e argônio, no estado líquido.
3º) Argônio: Dentro do grupo dos gases raros, o argônio é o mais fácil de ser encontrado.
Está presente na atmosfera em uma concentração de 0,934% (do volume do ar) ao nível da superfície
terrestre. O ar é a única fonte conhecida para a extração de argônio puro, por esta razão sua produção se
realiza pela destilação em uma planta de separação de gases do ar.
4º) Criptônio: O criptônio tem ponto de ebulição cerca de 30°C acima dos pontos de ebulição
da maioria dos outros componentes do ar. Assim, ele é prontamente separado por destilação fracionada,
acumulando-se junto do xenônio na parcela menos volátil, ou seja, que evapora mais facilmente. Ambos os
gases são purificados por absorção em sílica-gel (dióxido de silício, substância semi-metal, em forma de
gel), separados por nova destilação e tratados com titânio (substância metálica) aquecido para remover
demais impurezas.
5º) Xenônio: Se encontra traços de xenônio na atmosfera terrestre. O elemento é obtido
comercialmente por extração dos resíduos do ar líquido. Este gás nobre é encontrado naturalmente nos
gases emitidos por alguns mananciais naturais.
6º) Os isótopos (são átomos de um mesmo elemento que apresentam mesmo número atômico e
diferentes números de massa, pois têm diferentes números de nêutrons) Xenônio-133 e Xenônio-135 são
sintetizados mediante irradiação de nêutrons (partícula do átomo sem carga elétrica) em reatores
nucleares refrigerados a ar.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica
Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica
Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica Arthur Maciel Leão
 
Relatório prática do manganês química
Relatório  prática do manganês químicaRelatório  prática do manganês química
Relatório prática do manganês químicaPaula Spera
 
A importância do ar para os seres vivos
A importância do ar para os seres vivosA importância do ar para os seres vivos
A importância do ar para os seres vivosMariaJoão Agualuza
 
Acido sulfurico manual de acido sulfurico
Acido sulfurico    manual de acido sulfuricoAcido sulfurico    manual de acido sulfurico
Acido sulfurico manual de acido sulfuricozetec10
 
O Ar - David Paiva!!
O Ar - David Paiva!!O Ar - David Paiva!!
O Ar - David Paiva!!ShadowProPT
 
38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]
38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]
38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]Marcos Da Eli
 
Uso de oxigênio na hidrometalurgia do ouro
Uso de oxigênio na hidrometalurgia do ouroUso de oxigênio na hidrometalurgia do ouro
Uso de oxigênio na hidrometalurgia do ouroRoberto Yoshida
 

Mais procurados (17)

Amônia
AmôniaAmônia
Amônia
 
Amoníaco 11º
Amoníaco 11ºAmoníaco 11º
Amoníaco 11º
 
Al 1.2 química
Al 1.2   químicaAl 1.2   química
Al 1.2 química
 
Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica
Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica
Ácido Sulfúrico Industrial - Tecnologia Inorganica
 
Relatório prática do manganês química
Relatório  prática do manganês químicaRelatório  prática do manganês química
Relatório prática do manganês química
 
A importância do ar para os seres vivos
A importância do ar para os seres vivosA importância do ar para os seres vivos
A importância do ar para os seres vivos
 
3°aula produção da amônia
3°aula   produção da amônia3°aula   produção da amônia
3°aula produção da amônia
 
1 amoniaco
1  amoniaco1  amoniaco
1 amoniaco
 
Acido sulfurico manual de acido sulfurico
Acido sulfurico    manual de acido sulfuricoAcido sulfurico    manual de acido sulfurico
Acido sulfurico manual de acido sulfurico
 
Processo de haber
Processo de haberProcesso de haber
Processo de haber
 
Exerc fis-qui-i-n1
Exerc fis-qui-i-n1Exerc fis-qui-i-n1
Exerc fis-qui-i-n1
 
Amoniaco inicio
Amoniaco inicioAmoniaco inicio
Amoniaco inicio
 
O Ar - David Paiva!!
O Ar - David Paiva!!O Ar - David Paiva!!
O Ar - David Paiva!!
 
Gv 10 tratamento de água
Gv 10 tratamento de águaGv 10 tratamento de água
Gv 10 tratamento de água
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
 
38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]
38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]
38881922 apostila-de-ventilacao-higiene-iii[1]
 
Uso de oxigênio na hidrometalurgia do ouro
Uso de oxigênio na hidrometalurgia do ouroUso de oxigênio na hidrometalurgia do ouro
Uso de oxigênio na hidrometalurgia do ouro
 

Destaque

Revisão de Química 2°EM
Revisão de Química 2°EMRevisão de Química 2°EM
Revisão de Química 2°EMmaadalk
 
ENEM 2013 QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREU
ENEM 2013   QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREUENEM 2013   QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREU
ENEM 2013 QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREUFernando Abreu
 
Destilac3a7c3a3o fracionada
Destilac3a7c3a3o fracionadaDestilac3a7c3a3o fracionada
Destilac3a7c3a3o fracionadaJeová Corrêa
 
Fuga das galinhas
Fuga das galinhasFuga das galinhas
Fuga das galinhasgil junior
 
MéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeas
MéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeasMéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeas
MéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeasLucas Nogueira
 
Lista de exerccios
Lista de exercciosLista de exerccios
Lista de exercciosSabrina Abud
 
ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...
ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...
ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...Rodrigo Penna
 
Química ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvador
Química   ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvadorQuímica   ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvador
Química ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvadorLara Barbosa
 
VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2
VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2
VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2Isaquel Silva
 
Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017
Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017
Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017Diogo Santos
 
REVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANO
REVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANOREVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANO
REVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANOSilvaprado
 
Respostas corretas ciências sociais - aulas 1 2 3 4
Respostas corretas   ciências sociais - aulas 1 2 3 4Respostas corretas   ciências sociais - aulas 1 2 3 4
Respostas corretas ciências sociais - aulas 1 2 3 4Nathália Fogagnoli Lima
 
Química orgânica 3º ano COMPLETO
Química orgânica 3º ano   COMPLETOQuímica orgânica 3º ano   COMPLETO
Química orgânica 3º ano COMPLETOEliando Oliveira
 
Como colocar as referências segundo a abnt
Como colocar as referências segundo a abntComo colocar as referências segundo a abnt
Como colocar as referências segundo a abntitqturma201
 
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escritoComo redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escritoBiblioteca Escolar Ourique
 

Destaque (20)

2000 - Pas
2000 - Pas2000 - Pas
2000 - Pas
 
Revisão 3º ano a
Revisão 3º ano aRevisão 3º ano a
Revisão 3º ano a
 
Revisão 3º bimestre
Revisão 3º bimestreRevisão 3º bimestre
Revisão 3º bimestre
 
Revisão de Química 2°EM
Revisão de Química 2°EMRevisão de Química 2°EM
Revisão de Química 2°EM
 
ENEM 2013 QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREU
ENEM 2013   QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREUENEM 2013   QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREU
ENEM 2013 QUÍMICA - PROF. FERNANDO ABREU
 
Destilac3a7c3a3o fracionada
Destilac3a7c3a3o fracionadaDestilac3a7c3a3o fracionada
Destilac3a7c3a3o fracionada
 
Fuga das galinhas
Fuga das galinhasFuga das galinhas
Fuga das galinhas
 
MéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeas
MéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeasMéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeas
MéTodos De SeparaçãO De Mistura HomogêNeas
 
Ar atmosférico
Ar atmosférico Ar atmosférico
Ar atmosférico
 
Trabalho - Apresentações
Trabalho -   ApresentaçõesTrabalho -   Apresentações
Trabalho - Apresentações
 
Lista de exerccios
Lista de exercciosLista de exerccios
Lista de exerccios
 
ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...
ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...
ENEM 2009 vazado: a Física, corrigida e comentada, em Word - Conteúdo vincula...
 
Química ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvador
Química   ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvadorQuímica   ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvador
Química ensino médio - volume único - joão usberco e edgard salvador
 
VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2
VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2
VESTIBULAR 2014 DA UPE - PROVAS DO SEGUNDO DIA SSA 2
 
Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017
Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017
Caderno do aluno química 3 ano vol 1 2014 2017
 
REVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANO
REVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANOREVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANO
REVISÃO DE QUÍMICA DO 3º ANO
 
Respostas corretas ciências sociais - aulas 1 2 3 4
Respostas corretas   ciências sociais - aulas 1 2 3 4Respostas corretas   ciências sociais - aulas 1 2 3 4
Respostas corretas ciências sociais - aulas 1 2 3 4
 
Química orgânica 3º ano COMPLETO
Química orgânica 3º ano   COMPLETOQuímica orgânica 3º ano   COMPLETO
Química orgânica 3º ano COMPLETO
 
Como colocar as referências segundo a abnt
Como colocar as referências segundo a abntComo colocar as referências segundo a abnt
Como colocar as referências segundo a abnt
 
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escritoComo redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
Como redigir a introdução e a conclusão de um trabalho escrito
 

Semelhante a Separação de gases

Combustao e-combustiveis ii
Combustao e-combustiveis iiCombustao e-combustiveis ii
Combustao e-combustiveis iitatifortini
 
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptxFunções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptxDanielleReisLucas
 
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3Hamilton Hermes de Oliveira
 
Capítulo 06 a atmosfera
Capítulo 06   a atmosferaCapítulo 06   a atmosfera
Capítulo 06 a atmosferaIgor Brant
 
A Atmosfera Terrestre
A Atmosfera TerrestreA Atmosfera Terrestre
A Atmosfera Terrestredulcemarr
 
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01Beatriz Ferreira
 
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7   grupo 5 a eng. ambientalAula 7   grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7 grupo 5 a eng. ambientalYuri José
 

Semelhante a Separação de gases (13)

Química ambiental - poluição ambiental
 Química ambiental - poluição ambiental Química ambiental - poluição ambiental
Química ambiental - poluição ambiental
 
Ciclos biogeoquimicos (2)
Ciclos biogeoquimicos (2)Ciclos biogeoquimicos (2)
Ciclos biogeoquimicos (2)
 
Quimica Atmosfera
Quimica AtmosferaQuimica Atmosfera
Quimica Atmosfera
 
Combustao e-combustiveis ii
Combustao e-combustiveis iiCombustao e-combustiveis ii
Combustao e-combustiveis ii
 
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptxFunções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
Funções inorgânicas_oxidos_meioambiente.pptx
 
04 PREPARAÇÃO DO AR.ppt
04 PREPARAÇÃO DO AR.ppt04 PREPARAÇÃO DO AR.ppt
04 PREPARAÇÃO DO AR.ppt
 
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
Atmosfera.smog fotoquímico e chuva ácida.aula.nº3
 
Capítulo 06 a atmosfera
Capítulo 06   a atmosferaCapítulo 06   a atmosfera
Capítulo 06 a atmosfera
 
A Atmosfera Terrestre
A Atmosfera TerrestreA Atmosfera Terrestre
A Atmosfera Terrestre
 
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
Qumicaambiental 120607214812-phpapp01
 
Química Ambiental
Química AmbientalQuímica Ambiental
Química Ambiental
 
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7   grupo 5 a eng. ambientalAula 7   grupo 5 a eng. ambiental
Aula 7 grupo 5 a eng. ambiental
 
Seminário (1)
Seminário (1)Seminário (1)
Seminário (1)
 

Mais de gil junior

Tensão superficial da água
Tensão superficial da águaTensão superficial da água
Tensão superficial da águagil junior
 
Sermão da sexagésima padre antonio vieira
Sermão da sexagésima   padre antonio vieiraSermão da sexagésima   padre antonio vieira
Sermão da sexagésima padre antonio vieiragil junior
 
Ligas metlicas
Ligas metlicasLigas metlicas
Ligas metlicasgil junior
 
Leis de kepler
Leis de keplerLeis de kepler
Leis de keplergil junior
 
Estilo arte gótica
Estilo arte góticaEstilo arte gótica
Estilo arte góticagil junior
 
Cartas chilenas tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas   tomaz antonia gonzagaCartas chilenas   tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas tomaz antonia gonzagagil junior
 
Arte na idade media
Arte na idade mediaArte na idade media
Arte na idade mediagil junior
 
química - alimentos
química - alimentosquímica - alimentos
química - alimentosgil junior
 
Fala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismoFala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismogil junior
 
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis   breve biografia em 1ª pessoaMachado de assis   breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoagil junior
 
Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis gil junior
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporâneagil junior
 
Trigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondidaTrigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondidagil junior
 
Revisão da história da arte
Revisão da história da arteRevisão da história da arte
Revisão da história da artegil junior
 
Fotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celularFotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celulargil junior
 
Tycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes keplerTycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes keplergil junior
 
Japao - economia
Japao - economiaJapao - economia
Japao - economiagil junior
 

Mais de gil junior (20)

Tensão superficial da água
Tensão superficial da águaTensão superficial da água
Tensão superficial da água
 
Sermão da sexagésima padre antonio vieira
Sermão da sexagésima   padre antonio vieiraSermão da sexagésima   padre antonio vieira
Sermão da sexagésima padre antonio vieira
 
Ligas metlicas
Ligas metlicasLigas metlicas
Ligas metlicas
 
Leis de kepler
Leis de keplerLeis de kepler
Leis de kepler
 
Fermentação
FermentaçãoFermentação
Fermentação
 
Estilo arte gótica
Estilo arte góticaEstilo arte gótica
Estilo arte gótica
 
Cartas chilenas tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas   tomaz antonia gonzagaCartas chilenas   tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas tomaz antonia gonzaga
 
Arte na idade media
Arte na idade mediaArte na idade media
Arte na idade media
 
química - alimentos
química - alimentosquímica - alimentos
química - alimentos
 
Fala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismoFala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismo
 
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis   breve biografia em 1ª pessoaMachado de assis   breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoa
 
Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Trigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondidaTrigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondida
 
Revisão da história da arte
Revisão da história da arteRevisão da história da arte
Revisão da história da arte
 
Ptolomeu
PtolomeuPtolomeu
Ptolomeu
 
Fotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celularFotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celular
 
Tycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes keplerTycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes kepler
 
Macbeth
MacbethMacbeth
Macbeth
 
Japao - economia
Japao - economiaJapao - economia
Japao - economia
 

Separação de gases

  • 1. 1º)Separação de gases: a) Liquefação fracionada: a mistura de gases passa por um processo de liquefação e, posteriormente, pela destilação fracionada. Obs.: Uma aplicação desse processo consiste na separação dos componentes do ar atmosférico: N2 e O2. Após a liquefação do ar, a mistura líquida é destilada e o primeiro componente a ser obtido é o N2, pois apresenta menor PE (-195,8 ° C); posteriormente, obtém-se o O2, que possui maior PE (-183 ° C). b) Adsorção: Consiste na retenção superficial de gases. Alguma substâncias, tais como o carvão ativo, têm a propriedade de reter, na sua superfície, substâncias no estado gasoso. Uma das principais aplicações da adsorção são as máscaras contra gases venenosos. c) Criogenia: Todo processo criogênico consiste de 5 etapas 1) Filtragem e compressão do ar; 2) Remoção de contaminantes, como vapor de água e dióxido de carbono, que congelaria durante o processo; 3) Resfriamento do ar até temperaturas bem baixas através de processos de troca de calor e refrigeração; 4) Destilação do ar parcialmente condensado (-185ºC) para produção dos produtos desejáveis; 5) Reaquecimento do produto gasoso bem como todo o líquido do sistema de troca de calor, que serve para resfriar o ar que entra no sistema. 2º) EXEMPLO DA SEPARAÇÃO DE ALGUNS GASES Oxigênio e Nitrogênio:A produção industrial de oxigênio é feita por meio de um processo de destilação que retira o ar da atmosfera, que é então filtrado, comprimido e resfriado. Por meio destes processos são extraídos os teores de água, gases indesejados e impurezas. O ar purificado passa então por uma coluna onde são separados oxigênio, nitrogênio e argônio, no estado líquido. 3º) Argônio: Dentro do grupo dos gases raros, o argônio é o mais fácil de ser encontrado. Está presente na atmosfera em uma concentração de 0,934% (do volume do ar) ao nível da superfície terrestre. O ar é a única fonte conhecida para a extração de argônio puro, por esta razão sua produção se realiza pela destilação em uma planta de separação de gases do ar. 4º) Criptônio: O criptônio tem ponto de ebulição cerca de 30°C acima dos pontos de ebulição da maioria dos outros componentes do ar. Assim, ele é prontamente separado por destilação fracionada, acumulando-se junto do xenônio na parcela menos volátil, ou seja, que evapora mais facilmente. Ambos os gases são purificados por absorção em sílica-gel (dióxido de silício, substância semi-metal, em forma de gel), separados por nova destilação e tratados com titânio (substância metálica) aquecido para remover demais impurezas. 5º) Xenônio: Se encontra traços de xenônio na atmosfera terrestre. O elemento é obtido comercialmente por extração dos resíduos do ar líquido. Este gás nobre é encontrado naturalmente nos gases emitidos por alguns mananciais naturais. 6º) Os isótopos (são átomos de um mesmo elemento que apresentam mesmo número atômico e diferentes números de massa, pois têm diferentes números de nêutrons) Xenônio-133 e Xenônio-135 são sintetizados mediante irradiação de nêutrons (partícula do átomo sem carga elétrica) em reatores nucleares refrigerados a ar.