SlideShare uma empresa Scribd logo
Era Vargas!
        Qual o contexto?
        Crise de 29 EUA;
  Crise na economia brasileira;
 República velha em decadência ;
  Oligarquias mineira x paulista;
Que partidos comandavam?
•   PRP – Partido Republicano Paulista
•   PRM- Partido Republicano mineiro
•   Oligarquia gaucha – 3ª força
•   PRM + OL. Gaucha = Aliança Liberal + partido
    democrata paulista
A corrupção de todos os lados!
• O mais corrupto levou a melhor! Julio Preste
• População fica insatisfeita/ descontente
• Antonio Carlos Andrade – lider do PRM
  • “ façamos a revolução antes que o povo a
                       faça”.
Pivô da crise!
   • Morre assasinado João Pessoa – vice de
           Getúlio ...... PUM!!!PUM!!!!
                         •
                Revolução de 30 !
           • Getúlio chega ao poder!
• Ao tomar posse getulio garantiu que não tinha
    nenhuma ambição pelo poder. Só queria “
       colaborar com o Brasil” sua pequena
          colaboração durou 15 anos.....
Podemos falar em Revolução de 30?
•   O que mudou no país?
•   A autoridade do estado foi ampliada
•   O governo passou a intervim na economia
•   Cafeicultura – industrialização
•   A vida urbana aumentou ;
•   Criação de leis sociais
•   Busca do apoio do proletariado.
Governo Provisório – 1930 - 1934
• Rasgou a constituição de 1891... A ordem de
  Getulio é que valia;
• Congresso nacional fechado...
• Governadores destituidos... Vargas colocou seus
  interventores ( tenentes)
• Leis feitas diretamente por Getulio – decretos...
• 1º decreto - Limitados os sindicatos
• Interventor paulista – era odiado pelos paulistas
Democracia para quê?


• Intelectuais e políticos liberais sentiram-se
  traídos....
• Eleições já.....Assembléia constituinte
• Constituição leberal....
• O povo estava descontente e os membros da
  velha oligarquia cafeeira (PRP) também ...
  Apoiavam o movimento antigetulista.
Os protestos aumentaram!!!
• Passeatas – estudantes mortos..
• São Paulo declarou guerra ao Governo
  Getúlio:
• Revolução Constitucionalista de São Paulo –
  32
• Blommmm.........BLOMMMMMM.....
• São Paulo ficou isalado e terminou se
  rendendo as tropas do governo federal.
Vencedor Getúlio ...soube negociar
•   Fez concessões aos cafeicultores paulistas;
•   Fez emprestimos bancários;
•   Fez eleição de uma assembleia constituinte;
•   1934 – o Brasil ganhou nova carta.
O que mudou com a nova constituição
• Equilibrio entre os três poderes...
• Eleições diretas e secretas para presidente;
• Voto feminino;
• Criaram-se os tribunais eleitorais – evitar
  fraude;
• Leis trabalhistas
Cheiro do facismo chegou aqui!
• Partido facista – A ação integralista Brasileiro.
• Ditadura nacionalista x comunistas;
• Apoio de membros da Igreja catolica
  conservadora.
• Gelúlio era simpatizante do integralismo
Para combater o cheiro verde e o
          getulismo surgiu...
• Aliança Nacional Libertadora
• União de comunistas, social-democratas e
  tenentes com ideias de esquerda.
• ANL – desejavam mudanças radicais:
• Reforma agrária = dominio Oligárquio
• Capitalismo industrial;
• Nacionalização das empresas de minerais,
  eletricidade e petróleo.
Aliança Nacional Libertadora
                 combatia;
•   Latifundio ;
•   Imperalismo;
•   Facismo , integralismo e Getúlio Vargas;
•   Vargas reagiu:
•   ANL – fechadas/ lacradas – em todo o país.
•   ANL – lutou contra Vargas
Intentona comunista:
• Perseguição aos comunista – Luis carlos Preste
• Olga Benário
Golpe de 37 e o Estado Novo:
• Vargas parecia respeita a constituição –
  eleição direta para um novo presidente;
• Plano Cohen = plano forjado – golpe
  antidemocrático
• Fechou o congresso = impos uma ditadura.
Constituição de 37: Polaca
• Poder executivo super poderoso e os estados
  perderam a autonomia;
• Não havia partidos politicos;
• Fechou o congresso;
• Imprensa censurada;
• Greve era proibido;
• Controle do sindicatos;
• Prisoes arbitrárias;
• Proibio o integralismo também – frustou os
  aliados; prisão e exílio.
Vargas = economia
•   Estado passou a controlar a economi;
•   Economia agroexportadora – café
•   Apoio a industrialização;
•   Faltou investidores – governo fez a parte dele;
•   Criação de empresas estatais;
•   Industria de base e infraestrutura
Fim da era Vargas:
• A partir do governo Collor 89-92
• Itamar Franco – 92-94
• Fernando Henrique – 95
• O estado começou a diminuir sua participação
  na economia:
• Venda das empresas estatais:
Visão nacionalista
• Mercado e industrias brasileiras protegidas da
  concorrência.
• Prioridade as industrias do sudeste.
Populismo de Vargas:
•   Pacto com os trabalhadores:
•   Repressão e concessão de direitos:
•   Jornada de trabalho reduzida;
•   13º sálario;
•   Proibido crianças menores de 14 anos trabalhar;
•   Criação da previdência social;
•   Criação da CLT – consolidação das leis
    trabalhistas; - trabalhadores urbanos.
Continuação;
• Controle da imprensa – DIP – departamento
  de imprensa e propaganda
• A guerra mudou a visão do mundo e do Brasil:
• As potencias facistas foram derrotadas;

• Após a 2ª guerra a opinião publica rejeitava a
  ditadura de Vargas. Redemocratização

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

9º ano história rafa - era vargas
9º ano   história   rafa  - era vargas9º ano   história   rafa  - era vargas
9º ano história rafa - era vargasRafael Noronha
 
Período regencial (1831 1840)
Período regencial (1831  1840)Período regencial (1831  1840)
Período regencial (1831 1840)Marilia Pimentel
 
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO carlosbidu
 
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na AméricaIndependência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na Américaeiprofessor
 
O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)Edenilson Morais
 
O Governo Dutra (1946-1950)
O Governo Dutra (1946-1950)O Governo Dutra (1946-1950)
O Governo Dutra (1946-1950)Edenilson Morais
 
Ditadura Militar (1964-1985)
Ditadura Militar (1964-1985)Ditadura Militar (1964-1985)
Ditadura Militar (1964-1985)Edenilson Morais
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistaseiprofessor
 
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASILABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASILIsabel Aguiar
 
Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo
Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo
Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo Valéria Shoujofan
 
O populismo; a república liberal, período democrático 1946 - 1964
O populismo; a república liberal, período democrático   1946 - 1964O populismo; a república liberal, período democrático   1946 - 1964
O populismo; a república liberal, período democrático 1946 - 1964Claudio Apolinário
 
O REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IO REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IIsabel Aguiar
 

Mais procurados (20)

Crise do sistema colonial
Crise do sistema colonialCrise do sistema colonial
Crise do sistema colonial
 
8 2º reinado
8  2º reinado8  2º reinado
8 2º reinado
 
A Era Vargas
A Era Vargas A Era Vargas
A Era Vargas
 
9º ano história rafa - era vargas
9º ano   história   rafa  - era vargas9º ano   história   rafa  - era vargas
9º ano história rafa - era vargas
 
9º ano Brasil República
9º ano Brasil República9º ano Brasil República
9º ano Brasil República
 
Período regencial (1831 1840)
Período regencial (1831  1840)Período regencial (1831  1840)
Período regencial (1831 1840)
 
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
BRASIL REPÚBLICA: O INÍCIO
 
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na AméricaIndependência das 13 Colônias Inglesas na América
Independência das 13 Colônias Inglesas na América
 
O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)O governo João Goulart (1961-1964)
O governo João Goulart (1961-1964)
 
Período regencial
Período regencialPeríodo regencial
Período regencial
 
O Governo Dutra (1946-1950)
O Governo Dutra (1946-1950)O Governo Dutra (1946-1950)
O Governo Dutra (1946-1950)
 
Ditadura Militar (1964-1985)
Ditadura Militar (1964-1985)Ditadura Militar (1964-1985)
Ditadura Militar (1964-1985)
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
Governos Populistas
Governos PopulistasGovernos Populistas
Governos Populistas
 
Primeiro Reinado
Primeiro ReinadoPrimeiro Reinado
Primeiro Reinado
 
A Redemocratização do Brasil
A Redemocratização do BrasilA Redemocratização do Brasil
A Redemocratização do Brasil
 
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASILABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
ABOLIÇÃO E REPÚBLICA NO BRASIL
 
Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo
Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo
Era Vargas – 1937-1945 – O Estado Novo
 
O populismo; a república liberal, período democrático 1946 - 1964
O populismo; a república liberal, período democrático   1946 - 1964O populismo; a república liberal, período democrático   1946 - 1964
O populismo; a república liberal, período democrático 1946 - 1964
 
O REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO IO REINADO DE D. PEDRO I
O REINADO DE D. PEDRO I
 

Semelhante a Era vargas (20)

Era vargas1
Era vargas1Era vargas1
Era vargas1
 
Era vargas1
Era vargas1Era vargas1
Era vargas1
 
Brasil República
Brasil RepúblicaBrasil República
Brasil República
 
Getulio Dorneles Vargas
Getulio Dorneles VargasGetulio Dorneles Vargas
Getulio Dorneles Vargas
 
A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas
 
Era vargas- 3º d
Era vargas- 3º d Era vargas- 3º d
Era vargas- 3º d
 
Getulio vargas
Getulio vargasGetulio vargas
Getulio vargas
 
A Era Vargas
A Era Vargas A Era Vargas
A Era Vargas
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
Brasil Era Vargas (1930 - 45)
Brasil Era Vargas (1930 - 45)Brasil Era Vargas (1930 - 45)
Brasil Era Vargas (1930 - 45)
 
ERA VARGAS (1930-1945).pptx
ERA VARGAS (1930-1945).pptxERA VARGAS (1930-1945).pptx
ERA VARGAS (1930-1945).pptx
 
Era vargas forte militar aula 9
Era vargas forte militar   aula 9Era vargas forte militar   aula 9
Era vargas forte militar aula 9
 
Getúlio Vargas: Governo Provisório (1930-34)
Getúlio Vargas: Governo Provisório (1930-34)Getúlio Vargas: Governo Provisório (1930-34)
Getúlio Vargas: Governo Provisório (1930-34)
 
Era vargas
Era vargas Era vargas
Era vargas
 
Slides (G.V.) - 3ºC - História
Slides (G.V.) - 3ºC - HistóriaSlides (G.V.) - 3ºC - História
Slides (G.V.) - 3ºC - História
 
Era Vargas Prof. Elvis John
Era Vargas  Prof. Elvis JohnEra Vargas  Prof. Elvis John
Era Vargas Prof. Elvis John
 
Principais temas: ENEM 2013
Principais temas: ENEM 2013Principais temas: ENEM 2013
Principais temas: ENEM 2013
 
Era Vargas e o Período Populista
Era Vargas e o Período PopulistaEra Vargas e o Período Populista
Era Vargas e o Período Populista
 
A Era Vargas: 1930-1945
A Era Vargas: 1930-1945A Era Vargas: 1930-1945
A Era Vargas: 1930-1945
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 

Mais de gil junior

Fuga das galinhas
Fuga das galinhasFuga das galinhas
Fuga das galinhasgil junior
 
Tensão superficial da água
Tensão superficial da águaTensão superficial da água
Tensão superficial da águagil junior
 
Sermão da sexagésima padre antonio vieira
Sermão da sexagésima   padre antonio vieiraSermão da sexagésima   padre antonio vieira
Sermão da sexagésima padre antonio vieiragil junior
 
Separação de gases
Separação de gasesSeparação de gases
Separação de gasesgil junior
 
Ligas metlicas
Ligas metlicasLigas metlicas
Ligas metlicasgil junior
 
Leis de kepler
Leis de keplerLeis de kepler
Leis de keplergil junior
 
Estilo arte gótica
Estilo arte góticaEstilo arte gótica
Estilo arte góticagil junior
 
Cartas chilenas tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas   tomaz antonia gonzagaCartas chilenas   tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas tomaz antonia gonzagagil junior
 
Arte na idade media
Arte na idade mediaArte na idade media
Arte na idade mediagil junior
 
química - alimentos
química - alimentosquímica - alimentos
química - alimentosgil junior
 
Fala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismoFala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismogil junior
 
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis   breve biografia em 1ª pessoaMachado de assis   breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoagil junior
 
Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis gil junior
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporâneagil junior
 
Trigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondidaTrigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondidagil junior
 
Revisão da história da arte
Revisão da história da arteRevisão da história da arte
Revisão da história da artegil junior
 
Fotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celularFotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celulargil junior
 
Tycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes keplerTycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes keplergil junior
 

Mais de gil junior (20)

Fuga das galinhas
Fuga das galinhasFuga das galinhas
Fuga das galinhas
 
Tensão superficial da água
Tensão superficial da águaTensão superficial da água
Tensão superficial da água
 
Sermão da sexagésima padre antonio vieira
Sermão da sexagésima   padre antonio vieiraSermão da sexagésima   padre antonio vieira
Sermão da sexagésima padre antonio vieira
 
Separação de gases
Separação de gasesSeparação de gases
Separação de gases
 
Ligas metlicas
Ligas metlicasLigas metlicas
Ligas metlicas
 
Leis de kepler
Leis de keplerLeis de kepler
Leis de kepler
 
Fermentação
FermentaçãoFermentação
Fermentação
 
Estilo arte gótica
Estilo arte góticaEstilo arte gótica
Estilo arte gótica
 
Cartas chilenas tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas   tomaz antonia gonzagaCartas chilenas   tomaz antonia gonzaga
Cartas chilenas tomaz antonia gonzaga
 
Arte na idade media
Arte na idade mediaArte na idade media
Arte na idade media
 
química - alimentos
química - alimentosquímica - alimentos
química - alimentos
 
Fala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismoFala sobre a sociedade na época do realismo
Fala sobre a sociedade na época do realismo
 
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis   breve biografia em 1ª pessoaMachado de assis   breve biografia em 1ª pessoa
Machado de assis breve biografia em 1ª pessoa
 
Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis Tudo sobre Machado de Assis
Tudo sobre Machado de Assis
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Trigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondidaTrigonometria - questao respondida
Trigonometria - questao respondida
 
Revisão da história da arte
Revisão da história da arteRevisão da história da arte
Revisão da história da arte
 
Ptolomeu
PtolomeuPtolomeu
Ptolomeu
 
Fotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celularFotossintese e respiração celular
Fotossintese e respiração celular
 
Tycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes keplerTycho brahé e johannes kepler
Tycho brahé e johannes kepler
 

Era vargas

  • 1. Era Vargas! Qual o contexto?  Crise de 29 EUA;  Crise na economia brasileira;  República velha em decadência ;  Oligarquias mineira x paulista;
  • 2. Que partidos comandavam? • PRP – Partido Republicano Paulista • PRM- Partido Republicano mineiro • Oligarquia gaucha – 3ª força • PRM + OL. Gaucha = Aliança Liberal + partido democrata paulista
  • 3. A corrupção de todos os lados! • O mais corrupto levou a melhor! Julio Preste • População fica insatisfeita/ descontente • Antonio Carlos Andrade – lider do PRM • “ façamos a revolução antes que o povo a faça”.
  • 4. Pivô da crise! • Morre assasinado João Pessoa – vice de Getúlio ...... PUM!!!PUM!!!! • Revolução de 30 ! • Getúlio chega ao poder! • Ao tomar posse getulio garantiu que não tinha nenhuma ambição pelo poder. Só queria “ colaborar com o Brasil” sua pequena colaboração durou 15 anos.....
  • 5. Podemos falar em Revolução de 30? • O que mudou no país? • A autoridade do estado foi ampliada • O governo passou a intervim na economia • Cafeicultura – industrialização • A vida urbana aumentou ; • Criação de leis sociais • Busca do apoio do proletariado.
  • 6. Governo Provisório – 1930 - 1934 • Rasgou a constituição de 1891... A ordem de Getulio é que valia; • Congresso nacional fechado... • Governadores destituidos... Vargas colocou seus interventores ( tenentes) • Leis feitas diretamente por Getulio – decretos... • 1º decreto - Limitados os sindicatos • Interventor paulista – era odiado pelos paulistas
  • 7. Democracia para quê? • Intelectuais e políticos liberais sentiram-se traídos.... • Eleições já.....Assembléia constituinte • Constituição leberal.... • O povo estava descontente e os membros da velha oligarquia cafeeira (PRP) também ... Apoiavam o movimento antigetulista.
  • 8. Os protestos aumentaram!!! • Passeatas – estudantes mortos.. • São Paulo declarou guerra ao Governo Getúlio: • Revolução Constitucionalista de São Paulo – 32 • Blommmm.........BLOMMMMMM..... • São Paulo ficou isalado e terminou se rendendo as tropas do governo federal.
  • 9. Vencedor Getúlio ...soube negociar • Fez concessões aos cafeicultores paulistas; • Fez emprestimos bancários; • Fez eleição de uma assembleia constituinte; • 1934 – o Brasil ganhou nova carta.
  • 10. O que mudou com a nova constituição • Equilibrio entre os três poderes... • Eleições diretas e secretas para presidente; • Voto feminino; • Criaram-se os tribunais eleitorais – evitar fraude; • Leis trabalhistas
  • 11. Cheiro do facismo chegou aqui! • Partido facista – A ação integralista Brasileiro. • Ditadura nacionalista x comunistas; • Apoio de membros da Igreja catolica conservadora. • Gelúlio era simpatizante do integralismo
  • 12. Para combater o cheiro verde e o getulismo surgiu... • Aliança Nacional Libertadora • União de comunistas, social-democratas e tenentes com ideias de esquerda. • ANL – desejavam mudanças radicais: • Reforma agrária = dominio Oligárquio • Capitalismo industrial; • Nacionalização das empresas de minerais, eletricidade e petróleo.
  • 13. Aliança Nacional Libertadora combatia; • Latifundio ; • Imperalismo; • Facismo , integralismo e Getúlio Vargas; • Vargas reagiu: • ANL – fechadas/ lacradas – em todo o país. • ANL – lutou contra Vargas
  • 14. Intentona comunista: • Perseguição aos comunista – Luis carlos Preste • Olga Benário
  • 15. Golpe de 37 e o Estado Novo: • Vargas parecia respeita a constituição – eleição direta para um novo presidente; • Plano Cohen = plano forjado – golpe antidemocrático • Fechou o congresso = impos uma ditadura.
  • 16. Constituição de 37: Polaca • Poder executivo super poderoso e os estados perderam a autonomia; • Não havia partidos politicos; • Fechou o congresso; • Imprensa censurada; • Greve era proibido; • Controle do sindicatos; • Prisoes arbitrárias; • Proibio o integralismo também – frustou os aliados; prisão e exílio.
  • 17. Vargas = economia • Estado passou a controlar a economi; • Economia agroexportadora – café • Apoio a industrialização; • Faltou investidores – governo fez a parte dele; • Criação de empresas estatais; • Industria de base e infraestrutura
  • 18. Fim da era Vargas: • A partir do governo Collor 89-92 • Itamar Franco – 92-94 • Fernando Henrique – 95 • O estado começou a diminuir sua participação na economia: • Venda das empresas estatais:
  • 19. Visão nacionalista • Mercado e industrias brasileiras protegidas da concorrência. • Prioridade as industrias do sudeste.
  • 20. Populismo de Vargas: • Pacto com os trabalhadores: • Repressão e concessão de direitos: • Jornada de trabalho reduzida; • 13º sálario; • Proibido crianças menores de 14 anos trabalhar; • Criação da previdência social; • Criação da CLT – consolidação das leis trabalhistas; - trabalhadores urbanos.
  • 21. Continuação; • Controle da imprensa – DIP – departamento de imprensa e propaganda • A guerra mudou a visão do mundo e do Brasil: • As potencias facistas foram derrotadas; • Após a 2ª guerra a opinião publica rejeitava a ditadura de Vargas. Redemocratização