Cia Minas Uilo

573 visualizações

Publicada em

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
573
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
15
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cia Minas Uilo

  1. 1. REDE “MINAS É INOVACÃO” CIA MINAS CIA DE INOVAÇÃO APLICADA EMPREENDENDO A INOVAÇÃO
  2. 2. OBJETIVOS ESTRATÉGICOS Como parte integrante da Rede ‘MINAS É INOVAÇÃO”, o objetivo da CIA MINAS é facilitar a criação de novos empreendimentos comercializando os resultados da pesquisa universitária com vistas a gerar retorno econômico para as partes. Ao aproximar empresas com as tecnologias e recursos da Universidade, cria-se parcerias entre pesquisadores e empreendedores nos mercados local e global. Estes vínculos geram novos investimentos e benefícios econômicos de longo- prazo para a universidade, seus parceiros corporativos e a comunidade. Dotar o setor produtivo/mercado de fonte de interface e provisão de serviços capazes de atender as suas demandas tecnológicas. Apoiar o potencial do Estado de Minas Gerais numa Parceria Público-Privada inovadora e atuar como catalizadora da inovação- buscando oportunidades para criar parcerias comerciais entre o setores Público, acadêmico e privado.
  3. 3. META E RESULTADO META: Articular a criação de parcerias (spin-offs) entre a universidade e o Mercado para comercializar os resultados da pesquisa das universidades e Centros de pesquisa do Estado de Minas Gerais, com vistas a trazer retorno econômico para os sócios do novo empreendimento. RESULTADO ESPERADO: Gerar investimentos em novos negócios e benefícios para a universidade, seus parceiros industriais e a comunidade. Gerar uma interface altamente eficaz, em que as demandas do mercado sejam atendidas pela produção da pesquisa universitária. Aumentar significativamente o índice histórico (6%) de comercialização das patentes registradas pelas universidades
  4. 4. PRINCÍPIOS A CIA MINAS deve buscar alianças de colaboração a longo-prazo entre a universidade e os investidores para desenvolver e comercializar suas tecnologias. A universidade não cria produtos prontos para o mercado e não tem as capacidades empresariais para comercializar as tecnologias em estágio inicial. Na condição de central de ferramentas e capacitações de comercialização da inovação, A CIA MINAS detém a capacidade de articular competências para aproximar o mercado no atendimento de suas demandas junto aos centros geradores da inovação. A universidade detém as propriedades e direitos dos resultados de pesquisa produzidos em sua estrutura, as quais são disponibilizadas para serem comercializadas de forma estruturada.
  5. 5. BENEFÍCIOS Spin-off empresarial Versus Start-Up acadêmico • Características de Spin-off empresarial • Mais experiência negocial • Mais acesso ao capital • Mais acesso aos mercados • Mais capacidade para correr riscos Failure Rate % 50 45 • Características de Start-up acadêmico 40 • Desenvolve-se em ritmo próprio 30 • Comercialização prejudicada 20 pela burocracia 15 10 • Abordagem empresarial tímida • Restrições orçamentárias 0 Corporate spin-offs University start-ups
  6. 6. DESAFIOS Muitos agentes com objetivos diferentes, mas metas convergentes!! INDÚSTRIA mercado lucro Comercialização GOVERNO PD&I • Educação •Desenvolvimento econômico sustentávelPolíticas Formação •Melhoria de vida Programas pesquisa ACADEMIA
  7. 7. AMEAÇAS UNIVERSIDADE MERCADO Entendimento precário do ambiente de Entendimento precário da natureza negócios da academia Falta de domínio da necessidade de velocidade – Estratégias financeiras: Avaliação sub-dimensionada do • Baixa destinação de trabalho de comercialização recursos para pesquisa • Baixa capacidade de gerar Necessidade de proteger a educação e produto de pesquisa a descoberta – Subestimação da importância da produção científica Vulnerabilidade a litígio Falta de recursos para fazer frente Trata a universidade como uma às obrigações contratuais “pesquisa contratada” e não como um parceiro potencial. Falta de flexibilidade Falta de estratégia empresarial na Regulamentos governamentais educação científica. Entraves burocráticos Resistência para financiar estágios iniciais de risco do processo de P&DI.
  8. 8. FUNÇÕES CIA MINAS Análise Preparação Investimento Lançamento Análise de Oportunidade do negócio: Após um acordo de trabalho (Statement of Work), CIA MINAS começa a trabalhar com o pesquisador para entender o potencial da pesquisa e sua aplicabilidade ao mercado. Um documento de oportunidade é preparado descrevendo: a oportunidade (como o produto vai fazer dinheiro); a tecnologia; a situação de propriedade intelectual; os produtos/serviços decorrentes da tecnologia; os mercados; o processo de comercialização e próximos passos.
  9. 9. FUNÇÕES CIA MINAS Análise Preparação Investimento Lançamento Preparação do Plano de Comercialização: documento breve descrevendo porque uma empresa “start-up” é conveniente, como a sociedade pode ser distribuída, incorporação legal, financiamento, preparação do plano de negócio e gestão da nova empresa. Preparação do Plano de Negócio: o plano tem uma série de ações para o desenvolvimento do produto; desenvolvimento do mercado, obtenção de financiamento, alianças estratégias etc.
  10. 10. FUNÇÕES CIA MINAS Análise Preparação investimento Lançamento Identificação do investidor/parceiro certo: capital semente para projetos em estágio inicial e capital de risco e fundos privados para projetos avançados
  11. 11. FUNÇÕES CIA MINAS Análise Preparação investimento Lançamento Lançamento das Atividades da Companhia: à medida que as atividades corporativas aumentam, o envolvimento mão-na-massa da CIA MINAS diminui: quanto mais cedo a companhia tiver sua própria gestão, mais chances terá de êxito.

×