SlideShare uma empresa Scribd logo

liderança para resultados

Saiba mais em www.giezischneider.com.br

1 de 58
Liderança
   para
resultados
Giezi Schneider
Liderança para resultados


        Giezi Schneider
Liderança para resultados
1) Introdução: relacionamento interpessoal e competências
                       comportamentais
         2) Liderança: conceito, estilos e importância
        3) Aspectos essenciais para a liderança eficaz:
                           -motivação
                     - trabalho em equipe
               -comunicação (rituais e reuniões)
                    -negociação e conflitos
                     -avaliação e feedback
Parte 1

Introdução
Introdução
  Competências comportamentais
                X
     competências técnicas


A gestão das pessoas é uma atribuição
        do gerente de “linha”.
Destruindo a crença do líder nato.

Recomendados

Adriano rosanellicomo descobrir o seu estilo de liderança 2014set09dia
Adriano rosanellicomo descobrir o seu estilo de liderança 2014set09diaAdriano rosanellicomo descobrir o seu estilo de liderança 2014set09dia
Adriano rosanellicomo descobrir o seu estilo de liderança 2014set09diaAdriano Rosanelli
 
Estilos de Liderança - Postura do Líder
Estilos de Liderança - Postura do LíderEstilos de Liderança - Postura do Líder
Estilos de Liderança - Postura do LíderRenato Martinelli
 
Aula chefia e liderança - 24.04.2010
Aula   chefia e liderança - 24.04.2010Aula   chefia e liderança - 24.04.2010
Aula chefia e liderança - 24.04.2010Michel Moreira
 
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na GestãoTreinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na GestãoGrupo E. Fabris
 
Modelos de liderança 2a aula- 24/02/2011
Modelos de liderança 2a aula- 24/02/2011Modelos de liderança 2a aula- 24/02/2011
Modelos de liderança 2a aula- 24/02/2011Unip e Uniplan
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13
Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13
Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13Prof. Randes Enes, M.Sc.
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDertati_spazziano
 
Apresentação liderança autocrática
Apresentação liderança autocráticaApresentação liderança autocrática
Apresentação liderança autocráticaMarcus Leal
 
Liderança situacional apresentação
Liderança situacional   apresentaçãoLiderança situacional   apresentação
Liderança situacional apresentaçãoAllan Barros
 
Os Segredos dos Líderes Campeões
Os Segredos dos Líderes CampeõesOs Segredos dos Líderes Campeões
Os Segredos dos Líderes CampeõesRoberto Shinyashiki
 
Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança lider coach, feedback, des ...
Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança   lider coach, feedback, des ...Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança   lider coach, feedback, des ...
Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança lider coach, feedback, des ...Janaina Ferreira
 
Treinamento aos Empresários
Treinamento aos EmpresáriosTreinamento aos Empresários
Treinamento aos Empresáriosmanskinho
 
Liderança e gestão de pessoas em ambientes competitivos
Liderança e gestão de pessoas em ambientes competitivosLiderança e gestão de pessoas em ambientes competitivos
Liderança e gestão de pessoas em ambientes competitivosLuciana Rezende
 
Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1
Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1
Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1Cátia Mateus
 

Mais procurados (20)

Liderança 01
Liderança 01Liderança 01
Liderança 01
 
Estilos lideranca
Estilos liderancaEstilos lideranca
Estilos lideranca
 
Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13
Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13
Ppt apostila liderança de equipes_prof. randes_13.02.13
 
Como tornar-se um lider
Como tornar-se um liderComo tornar-se um lider
Como tornar-se um lider
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
 
Workshop Pilares da Liderança
Workshop Pilares da LiderançaWorkshop Pilares da Liderança
Workshop Pilares da Liderança
 
Lideranca e gestão de equipas
Lideranca  e gestão de equipasLideranca  e gestão de equipas
Lideranca e gestão de equipas
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Apresentação liderança autocrática
Apresentação liderança autocráticaApresentação liderança autocrática
Apresentação liderança autocrática
 
Liderança situacional apresentação
Liderança situacional   apresentaçãoLiderança situacional   apresentação
Liderança situacional apresentação
 
4 estilos de liderança
4 estilos de liderança4 estilos de liderança
4 estilos de liderança
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Os Segredos dos Líderes Campeões
Os Segredos dos Líderes CampeõesOs Segredos dos Líderes Campeões
Os Segredos dos Líderes Campeões
 
Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança lider coach, feedback, des ...
Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança   lider coach, feedback, des ...Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança   lider coach, feedback, des ...
Aula 03, 04, 05 e 06 gestao pessoas e liderança lider coach, feedback, des ...
 
Treinamento aos Empresários
Treinamento aos EmpresáriosTreinamento aos Empresários
Treinamento aos Empresários
 
Sustentabilidade da Liderança
Sustentabilidade da Liderança Sustentabilidade da Liderança
Sustentabilidade da Liderança
 
Liderança e gestão de pessoas em ambientes competitivos
Liderança e gestão de pessoas em ambientes competitivosLiderança e gestão de pessoas em ambientes competitivos
Liderança e gestão de pessoas em ambientes competitivos
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1
Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1
Manual ufcd-7844-gestao-de-equipas-manual-1
 
Apostila 04 -_2011
Apostila 04 -_2011Apostila 04 -_2011
Apostila 04 -_2011
 

Semelhante a liderança para resultados

Liderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetosLiderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetosDimitri Campana, PMP
 
Liderança coaching e mentoring apresentação
Liderança coaching e mentoring   apresentaçãoLiderança coaching e mentoring   apresentação
Liderança coaching e mentoring apresentaçãoMBIANCHINI CONSULTING
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxVanildaCapinam
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegieHOME
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegieHOME
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegieHOME
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegieHOME
 
FERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptx
FERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptxFERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptx
FERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptxAlessandroTrappel
 
Você está pronto para liderar?!
Você está pronto para liderar?!Você está pronto para liderar?!
Você está pronto para liderar?!Larissa Turchio
 
Liderança - Características do líder
Liderança - Características do líderLiderança - Características do líder
Liderança - Características do líderDeise Rocha
 
LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPES
LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPESLIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPES
LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPESRutileia Feliciano
 
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDerLiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDerCarlos Silva
 
Liderança - A arte do saber de um líder
Liderança - A arte do saber de um líderLiderança - A arte do saber de um líder
Liderança - A arte do saber de um líderFarah Serra
 
Curso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazesCurso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazesNathalie Maicá
 

Semelhante a liderança para resultados (20)

Liderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetosLiderança para equipes de projetos
Liderança para equipes de projetos
 
Liderança coaching e mentoring apresentação
Liderança coaching e mentoring   apresentaçãoLiderança coaching e mentoring   apresentação
Liderança coaching e mentoring apresentação
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
 
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
1572544318 e book--_aprenda_a_pensar_e_agir_como_um_grande_lder_-_dale_carnegie
 
Que é uma liderança
Que é uma liderançaQue é uma liderança
Que é uma liderança
 
FERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptx
FERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptxFERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptx
FERRAMENTAS DE COACHING PARA CONDUÇÃO DE EQUIPES.pptx
 
Aula 3 lgc
Aula 3 lgcAula 3 lgc
Aula 3 lgc
 
Você está pronto para liderar?!
Você está pronto para liderar?!Você está pronto para liderar?!
Você está pronto para liderar?!
 
TREINAMENTO LIDERES ADM.pdf
TREINAMENTO LIDERES ADM.pdfTREINAMENTO LIDERES ADM.pdf
TREINAMENTO LIDERES ADM.pdf
 
Liderança - Características do líder
Liderança - Características do líderLiderança - Características do líder
Liderança - Características do líder
 
Liderança
Liderança Liderança
Liderança
 
LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPES
LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPESLIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPES
LIDERANÇA E MOTIVAÇÃO DE EQUIPES
 
LIDERANÇA.pdf
LIDERANÇA.pdfLIDERANÇA.pdf
LIDERANÇA.pdf
 
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDerLiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
 
Liderança - A arte do saber de um líder
Liderança - A arte do saber de um líderLiderança - A arte do saber de um líder
Liderança - A arte do saber de um líder
 
Liderança 8
Liderança 8Liderança 8
Liderança 8
 
Curso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazesCurso formação de líderes eficazes
Curso formação de líderes eficazes
 

Último

2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;azulassessoriaacadem3
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...apoioacademicoead
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...azulassessoriaacadem3
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...azulassessoriaacadem3
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Mary Alvarenga
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba InicialTeresaCosta92
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...azulassessoriaacadem3
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Jean Carlos Nunes Paixão
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...excellenceeducaciona
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...azulassessoriaacadem3
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...excellenceeducaciona
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...azulassessoriaacadem3
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...azulassessoriaacadem3
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...azulassessoriaacadem3
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024excellenceeducaciona
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...azulassessoriaacadem3
 

Último (20)

GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docxGABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
GABARITO CRUZADINHA PATRIM E FONTES.docx
 
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
2 – A data de implantação de cada tendência pedagógica no Brasil;
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
3. Como você (aluno) relaciona as informações coletadas na entrevista com o c...
 
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
B) Discorra sobre o que contempla cada uma das cinco dimensões da sustentabil...
 
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
3 – As principais características de cada tendência pedagógica, na ordem: o p...
 
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006Acróstico - Maria da Penha    Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
Acróstico - Maria da Penha Lei nº 11.340, de 7 de agosto de 2006
 
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba InicialDomínio da Linguagem  Oral Classificação Sílaba Inicial
Domínio da Linguagem Oral Classificação Sílaba Inicial
 
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
5. Na sua opinião, em que medida os princípios da ORT de Taylor ainda são rel...
 
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
Atividades sobre as Fontes Históricas e Patrimônio.
 
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
Sendo assim, desenvolva um breve texto que possa evidenciar a importância da ...
 
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
2) Descreva os princípios fundamentais para uma prescrição de exercícios físi...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
1. Solicitar ao entrevistado uma breve apresentação da organização, mencionan...
 
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoriaAtividade sobre o anacronismo na HIstoria
Atividade sobre o anacronismo na HIstoria
 
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, O Batismo – A Primeira Ordenança da Igreja, 1Tr24.pptx
 
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
A partir desse panorama, suponha, então, que você foi contratado(a) pela Natu...
 
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
c) A fosforilação oxidativa é a etapa da respiração celular que mais produz A...
 
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
ATIVIDADE 1 - TEORIAS DA ADMINISTRAÇÃO - 51/2024
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 

liderança para resultados

  • 1. Liderança para resultados Giezi Schneider
  • 2. Liderança para resultados Giezi Schneider
  • 3. Liderança para resultados 1) Introdução: relacionamento interpessoal e competências comportamentais 2) Liderança: conceito, estilos e importância 3) Aspectos essenciais para a liderança eficaz: -motivação - trabalho em equipe -comunicação (rituais e reuniões) -negociação e conflitos -avaliação e feedback
  • 5. Introdução Competências comportamentais X competências técnicas A gestão das pessoas é uma atribuição do gerente de “linha”.
  • 6. Destruindo a crença do líder nato.
  • 7. Mudança do foco... • O foco das pesquisas se dirige para o sentido de buscar responder questionamentos referentes à possibilidade do... ...aprendizado e treinamento da habilidade da liderança.
  • 9. Conceito de liderança • A maior parte dos autores apresenta, na estrutura do conceito atribuído à liderança, a presença de três elementos principais: influência, pessoas e resultados.
  • 10. Conceito de liderança • Portanto, liderança é a capacidade de influenciar as pessoas na busca de determinados resultados.
  • 12. Liderança Transmite uma visão clara para o crescimento da organização.
  • 13. Dinâmica É hora de escrever uma carta dando notícias de como está a minha vida em... 2016
  • 14. Liderança Estimula os subordinados a atingirem excelentes resultados.
  • 15. Liderança Desenvolve uma equipe forte para alcançar o potencial da unidade ou da organização.
  • 16. Liderança Aloca tarefas com clareza para os subordinados atingirem os objetivos.
  • 17. Liderança Inspira e cria condições para que os subordinados tenham atuação exemplar.
  • 18. Liderança Reforça e reconhece os esforços de seus subordinados.
  • 19. Liderança Tem visão do potencial e desafia a equipe a realiza-lo.
  • 20. Dinâmica Construção de torres • Dois construtores vendados • Um líder • Um fiscal • Só os dois primeiros palitos podem encostar na mesa • Só conta pontos a torre que tiver, no mínimo, 5 palitos • Pontuação: 5 palitos = 5 pontos, 6 palitos = 6 pontos, ..., 10 palitos = 10 pontos, ..., 20 palitos = 20 pontos
  • 21. Liderança É capaz de reconhecer e exigir de cada um o que tem de melhor.
  • 22. Liderança Dedica-se ao desenvolvimento e aperfeiçoamento dos subordinados.
  • 23. Liderança Enfatiza o acerto e não o erro.
  • 24. Liderança Faz as coisas acontecerem.
  • 25. Terremoto • Inquilino procura casa • Casa procura inquilino • Terremoto
  • 26. Mas tome muito cuidado com as “tentações” da liderança...
  • 27. Liderança • É paternalista e protetor com os subordinados.
  • 28. Liderança Indicadores negativos Não motiva nem reconhece os esforços dos subordinados.
  • 29. Liderança Indicadores negativos Só sabe o que NÃO se deve fazer...
  • 30. Liderança Indicadores negativos Não cria ambiente de participação e de equipe.
  • 31. Liderança Indicadores negativos Não exige muito dos subordinados.
  • 32. Liderança Indicadores negativos Tem dificuldade em manter objetividade profissional e em direcionar e motivar pessoas.
  • 33. Liderança Indicadores negativos Pratica favoritismo, sendo inconsistente no desenvolvimento dos subordinados.
  • 34. Liderança Indicadores negativos x Não enfoca desenvolvimento como um objetivo- chave.
  • 35. Estilos de liderança: – Autoritária – Liberal – Democrática – Situacional
  • 36. Liderança Situacional Nível de desenvolvimento Estilo apropriado de liderança D1 Baixa competência E1 DIRIGIR Comprometimento alto Estruturar, controlar e supervisionar D2 Alguma competência E2 TREINAR Comprometimento baixo Dirigir e apoiar D3 Alta competência E3 APOIAR Comportamento variável Elogiar, ouvir e facilitar E4 DELEGAR D4 Alta competência Transferir responsabilidade pela Comprometimento alto tomada de decisões rotineiras
  • 37. Abordagens recentes da liderança • Liderança transacional • Liderança transformacional • Liderança visionária – (ROBBINS, 2006)
  • 38. Seminário de leitura • www.giezischneider.com.br • Clique em “Dicas” e escolha a opção “desenvolvimento da sua equipe de trabalho”
  • 39. Parte 3 Aspectos essenciais para a liderança eficaz
  • 41. MOTIVAÇÃO Motivo para a ação. São as emoções que impulsionam as pessoas e influenciam o seu jeito de perceber os fatos e de agir.
  • 42. MOTIVAÇÃO Qual é o combustível da motivação? Qual é o papel do salário? Motivação e estímulo são a mesma coisa?
  • 44. TRABALHO EM EQUIPE • Grupo: conjunto de pessoas praticando atividades comuns, com objetivos idênticos, porém, individualizados. • Equipe: conjunto de pessoas que COMPARTILHAM AÇÕES na busca do alcance de OBJETIVOS e RESULTADOS.
  • 45. Antes do grupo, existe o EU
  • 46. Antes de existir a equipe, existe o GRUPO
  • 47. Para se ter equipe é preciso:
  • 48. Passos para a formação da equipe: É papel do líder... • Seleção • Desenvolvimento • Sistema de recompensas • Estabelecimento dos objetivos/projetos
  • 49. Passos para a formação da equipe: É papel do líder... • Criar condições • Oferecer feedback constante • Empowerment
  • 50. COMUNICAÇÃO Processo pelo qual dois ou mais agentes transmitem e/ou recebem mensagens, por meio de um sistema compartilhado de sinais, símbolos e comportamentos. Líder: atenção para a ESCUTA ATIVA.
  • 51. Barreiras à comunicação -Dificuldade de expressão -Medo de expressar opiniões -Falta de carisma -Suposições e preconceitos -Juízos precipitados -Desinteresse -Distração
  • 52. Dicas para uma boa comunicação -Querer escutar -Julgar o conteúdo e não a forma -Evitar hostilidades -Prestar atenção -Ser flexível -Resistir às distrações -Colocar-se no lugar do outro -Não ser preconceituoso -Ouvir a mensagem completa
  • 53. NEGOCIAÇÃO “Negociação é o processo por meio do qual buscamos um acordo para obtermos o que queremos de alguém que quer algo de nós” Gavin Kennedy
  • 54. Obstáculos à negociação Ocorrem quando as pessoas: -Não sabem que poderiam negociar -Vêem a negociação como algo desconfortável ou desagradável -Não dão a devida atenção e cuidado ao processo de negociação (não percebem que já estão negociando ou acham desnecessário maiores cuidados) -Possuem habilidades negociais pouco desenvolvidas -Não buscam aprender com as negociações passadas
  • 55. Estilos de negociação Evitação (O-, R-) Competição (O+, R-) Compromisso (O e R intermediários) Acomodação (O-, R+) Colaboração (O+, R+) O estilo de negociar tem relação direta com o OBJETIVO que se tem com ela e a necessidade do indivíduo em estabelecer RELACIONAMENTO.
  • 56. Algumas táticas -Adicionar itens -Bom moço e mau moço -Criar um prazo -Dividir para conquistar -Silêncio -Investimento “Sua habilidade em negociar determina se pode ou não influenciar seu ambiente”. (Herb Cohen)
  • 57. AVALIAÇÃO E FEEDBACK É a informação sobre o modo como uma pessoa percebe ou sente o comportamento e o desempenho de outra. Feedback positivo = repetição de comportamento Feedback corretivo = mudança de comportamento
  • 58. Ao dar feedback: 1. Seja específico 2. Procure descrever os fatos e não julgar a pessoa 3. Seja sincero Ao receber feedback: 1. Ouça com atenção 2. Encare o feedback como uma oportunidade de aprendizado 3. Peça exemplos específicos