Eu sou o culpado?
Gerente Consciente (gestão de pequenas e
médias empresas)
Porque não cresço?
• Cada vez mais empresários de
pequenas e médias empresas
parecem ver seus negócios
estagnarem. A empre...
Equívocos mais comuns!
Erros Comuns dos Donos
• Acumulo de pequenas tarefas,
inviabilizando o tempo necessário
para as grandes e importantes
tare...
Erros Comuns dos Donos
• Acumular as atividades referente a linha de
produção, deixando a empresa do tamanho da
sua própri...
Erros Comuns dos Donos
• O fato da empresa crescer, aumenta o atrito
entre setores, e o dono pode não conseguir
administra...
Erros Comuns dos Donos
• Não ter um direcionamento coerente
quanto a expansão da empresa (se
especializa-se em um produto ...
Cuidados a serem
tomados
Cuidados a serem tomados
• Delegar funções
burocráticas para
pessoas mais
preparadas, por
exemplo, passar o setor
administ...
Cuidados a serem tomados
• Definir claramente os papéis e responsabilidades
dos sócios e os resultados esperados de cada u...
Cuidados a serem tomados
• Se aproximar do cliente para poder
aprimorar sua linha de produtos e serviços;
• Definir com ma...
Planejamento de
expansão
Definindo os rumos da organização
• A definição clara da forma de expansão
ajuda a empresa a crescer de maneira
sustentáve...
Definindo os rumos da organização
• Defina a estratégia de expansão:
– Especialização: vai atender a determinado
segmento ...
Definindo os rumos da organização
• Defina a estratégia de expansão:
– Diversificação: vai aumentar o leque de
produtos ou...
Definindo os rumos da organização
• Defina a estratégia de expansão:
– Expansão geográfica: definir alianças e
parcerias l...
Definindo os rumos da organização
• Defina a estratégia de expansão:
– Business to business: atender as especificações
téc...
Planejamento estratégico
Planejamento estratégico
• Defina de verdade:
– Missão : a razão de ser da organização;
– Visão: a visão de futuro (clara ...
Definir os clientes
• Grandes empresas;
• Médias empresas;
• Pequenas empresas;
• Consumidor final;
• Governo.
Fatores a serem tratados
• Relacionamento com clientes e fidelidade;
• Qualidade dos produtos e serviços;
• Controle de cu...
Resumindo...
Não adianta querer ver a sua empresa hoje com
200 funcionários da mesma forma de quando
ela tinha 10 funcioná...
Para finalizar
De maneira nenhuma esse material serve com
um modelo de planejamento estratégico (que
exige um grau de deta...
Para mais informações acesse:
Site: http://gerenteconsciente.blogspot.com/
Twitter: @gerenteok;
Central de Slides: http://...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Eu sou o culpado!

1.740 visualizações

Publicada em

Entenda porque donos de pequenas e médias empresas não conseguem entender porque seus negócios pararam de crescer de repente. Material direto, objetivo e esclarecedor sobre o assunto.

Publicada em: Negócios, Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.740
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
281
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Eu sou o culpado!

  1. 1. Eu sou o culpado? Gerente Consciente (gestão de pequenas e médias empresas)
  2. 2. Porque não cresço? • Cada vez mais empresários de pequenas e médias empresas parecem ver seus negócios estagnarem. A empresa para de crescer ou as vezes até mesmo começa a encolher. • O que acontece é que na maioria dos casos a culpa é deles mesmos e até descobrirem isso todo o negócio pode entrar em uma zona de risco.
  3. 3. Equívocos mais comuns!
  4. 4. Erros Comuns dos Donos • Acumulo de pequenas tarefas, inviabilizando o tempo necessário para as grandes e importantes tarefas; • Não pensar a médio e longo prazo; • Centralização de tarefas mecânicas ou burocráticas em detrimentos das atividades estratégicas;
  5. 5. Erros Comuns dos Donos • Acumular as atividades referente a linha de produção, deixando a empresa do tamanho da sua própria capacidade produtiva; • Centraliza decisões em áreas que não tem pleno domínio (ex.: um programador dono do negócio que toma decisões da área financeira e logística – áreas que poderiam ser delegadas a profissionais mais competentes);
  6. 6. Erros Comuns dos Donos • O fato da empresa crescer, aumenta o atrito entre setores, e o dono pode não conseguir administrar os conflitos internos; • A falta de um plano de carreira que dê um horizonte aos empregados talentosos pode fazer com que o dono os perca para os concorrentes;
  7. 7. Erros Comuns dos Donos • Não ter um direcionamento coerente quanto a expansão da empresa (se especializa-se em um produto ou diversifica a produção); • Não definir claramente os papéis do sócios nas atividades da empresa; • Se afastar dos clientes para focar em atividades rotineiras da empresa.
  8. 8. Cuidados a serem tomados
  9. 9. Cuidados a serem tomados • Delegar funções burocráticas para pessoas mais preparadas, por exemplo, passar o setor administrativo- financeiro aos cuidados de um administrador; Dentre as ações a serem tomadas pelo empresário para a empresa voltar a crescer destacam-se:
  10. 10. Cuidados a serem tomados • Definir claramente os papéis e responsabilidades dos sócios e os resultados esperados de cada um, bem como a remuneração; • Criar uma linha de produção mais eficiente e independente; • Criar um plano de carreiras coerente e eficiente de maneira a reter os talentos da empresa (recomendo fazer uma pesquisa salarial para saber o que mercado esta pagando, antes de iniciar o seu plano de carreira);
  11. 11. Cuidados a serem tomados • Se aproximar do cliente para poder aprimorar sua linha de produtos e serviços; • Definir com maior clareza qual a estratégia empresarial a ser tomada; • Estudar, ler, se informar, fazer visitas a empresas parceiras ou de ramo parecidos para revigorar as sua próprias ideias.
  12. 12. Planejamento de expansão
  13. 13. Definindo os rumos da organização • A definição clara da forma de expansão ajuda a empresa a crescer de maneira sustentável e a fazer com que todos os colaboradores e sócios possam seguir na mesma direção.
  14. 14. Definindo os rumos da organização • Defina a estratégia de expansão: – Especialização: vai atender a determinado segmento de mercado para poder aumentar o valor agregado do produto com menor custo (ou seja, ao invés de comercializar todo tipo de leite, vai focar em leite desnatado light, buscando assim aumentar a sua fatia desse mercado)
  15. 15. Definindo os rumos da organização • Defina a estratégia de expansão: – Diversificação: vai aumentar o leque de produtos ou serviços buscando atingir uma gama de clientes diferentes. (ou seja, vender leite desnato, natural, light, achocolato, de soja e etc.)
  16. 16. Definindo os rumos da organização • Defina a estratégia de expansão: – Expansão geográfica: definir alianças e parcerias locais para poder penetrar no mercado de maneira mais eficiente e segura; – Fazer regras claras de representação da marca que seja tão lucrativo para empresa quanto para o representante.
  17. 17. Definindo os rumos da organização • Defina a estratégia de expansão: – Business to business: atender as especificações técnicas através de certificados de qualidade (de produção, da saúde financeira e de sustentabilidade ambiental) para poder fornecer produtos e serviços a grandes cadeias produtivas de grandes empresas; – Atender pequenos revendedores especializados, cujo a tecnologia seja praticamente via telefone ou contato pessoal – Outros...
  18. 18. Planejamento estratégico
  19. 19. Planejamento estratégico • Defina de verdade: – Missão : a razão de ser da organização; – Visão: a visão de futuro (clara e alcançável); – Valores: o que a empresa preza; – Metas estratégicas: quais as metas a serem alcançadas e plano de ação.
  20. 20. Definir os clientes • Grandes empresas; • Médias empresas; • Pequenas empresas; • Consumidor final; • Governo.
  21. 21. Fatores a serem tratados • Relacionamento com clientes e fidelidade; • Qualidade dos produtos e serviços; • Controle de custos; • Força de vendas; • Acesso a novas tecnologias; • Aumento de capital ou reinvestimento de lucros; • Aumento da capacidade produtiva; • Investimento em pesquisas e desenvolvimento; • Melhoria de governança; • Etc.
  22. 22. Resumindo... Não adianta querer ver a sua empresa hoje com 200 funcionários da mesma forma de quando ela tinha 10 funcionários. Os problemas e os desafios são muitos mais complexos, e superá- los será a única forma da empresa retomar o caminho do crescimento.
  23. 23. Para finalizar De maneira nenhuma esse material serve com um modelo de planejamento estratégico (que exige um grau de detalhamento muito maior). Ele na verdade tem o objetivo de te sensibilizar e fazê-lo começar a buscar alternativas para colocar seu pequeno ou médio negócio nos trilhos novamente.
  24. 24. Para mais informações acesse: Site: http://gerenteconsciente.blogspot.com/ Twitter: @gerenteok; Central de Slides: http://www.slideshare.net/gerenteconsciente Canal de Vídeos: http://www.youtube.com/user/gerenteconsciente

×