SlideShare uma empresa Scribd logo

Atividade discursiva ava john locke

Atividade discursiva ava john locke

1 de 2
Baixar para ler offline
Atividade Discursiva AVA - U4 - SEÇÃO 4
Ideias de Locke e o desenvolvimento do capitalismo
Aluno: Geraldo - Curso de Direito Pitágoras.
Visite o Site: www.geraldofadipa.comunidades.net
Questão Proposta
Para a burguesia em ascensão na época, era necessária uma teoria para aferir
sua legitimidade fazendo frente à hereditariedade que legitimava a nobreza. Tal
teoria é a da propriedade privada – como direito natural – elaborada de forma
coerente pela primeira vez pelo filósofo inglês John Locke (1632-1704).
Segundo ele, o trabalho é o que assegura o direito natural – como direito à vida,
à liberdade e aos bens necessários para manter e conservar a vida e a liberdade.
Locke defende que a organização das leis e do Estado deve ser feita com o
objetivo de assegurar o respeito aos direitos naturais: a proteção da vida, da
liberdade e da propriedade de todos. Essa é a única razão de ser de um governo.
Explique a relação entre as ideias de Locke e o desenvolvimento do capitalismo
na transição do século XIX ao século XX e algumas de suas consequências:
Resposta
Toda forma de dominação necessita de uma ideologia que a torne legitima
perante todos. Com o desenvolvimento das atividades mercantis e em
consequência o surgimento de uma nova classe social (burguesia), a ideia até
então vigente travava a evolução de suas atividades e o alcance ao poder político
da época.
Era necessária uma “nova ideia” para contrapor os fundamentos do antigo
regime que afirmava o pressuposto divino das monarquias (apoiado pelo poder
da Igreja Católica) e que nenhum homem nascia livre.
Locke, um dos teóricos do contrato social, ao afirmar que qualquer tipo de
governo tem poderes limitados e que todo ser humano nasce livre, atende aos
anseios dos novos senhores e com isso afeta profundamente a legitimidade dos
regimes absolutistas europeus. Tornou-se símbolo para as batalhas na
Inglaterra, para a constituição de um governo civil e sem a autoridade absoluta
dos monarcas, e que eles estariam sujeitos ao Parlamento que representava a
vontade da sociedade, ou seja, sujeito ao consentimento dos governados.
Defendia a tese de que se o governo não estivesse atendendo os interesses da
sociedade, deveria então ser retirado do poder.
Com a imposição do Soberano ao poder do Parlamento, que era composto, em
sua maioria, por elementos da burguesia, teve como consequências o
fortalecimento do capitalismo nascente, fato que permitiu o rápido crescimento
econômico e o crescente desenvolvimento das diferenças culturais e
econômicas (Capitalistas e Proletariados).
Bibliografia
Livro Didático: Ética, Política e Sociedade. Sonelise Auxiliadora Cizoto Daniela
Maria Cartoni

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Democracia e Cidadania: participação política e social
Democracia e Cidadania: participação política e socialDemocracia e Cidadania: participação política e social
Democracia e Cidadania: participação política e socialCarlos Benjoino Bidu
 
O texto publicitario_2015
O texto publicitario_2015O texto publicitario_2015
O texto publicitario_2015André Bomfim
 
História da mídia no Brasil
História da mídia no BrasilHistória da mídia no Brasil
História da mídia no BrasilLaércio Góes
 
Comunidade sociedade e cidadania
Comunidade sociedade e cidadaniaComunidade sociedade e cidadania
Comunidade sociedade e cidadaniaPaulo Alexandre
 
Sociologia direitos humanos e a cidadania
Sociologia   direitos humanos e a cidadaniaSociologia   direitos humanos e a cidadania
Sociologia direitos humanos e a cidadaniaGustavo Soares
 
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...Prof. Noe Assunção
 
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOSINTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOSIsabela Espíndola
 
Palestra Inclusao Digital[1]
 Palestra   Inclusao Digital[1] Palestra   Inclusao Digital[1]
Palestra Inclusao Digital[1]jamillerodrigues
 
Teoria de oligopolio
Teoria de oligopolioTeoria de oligopolio
Teoria de oligopolioJosimar Luiz
 
O CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe Assunção
O CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe AssunçãoO CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe Assunção
O CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe AssunçãoProf. Noe Assunção
 
Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Over Lane
 
Roteiro para Projeto de Vida
Roteiro para Projeto de VidaRoteiro para Projeto de Vida
Roteiro para Projeto de VidaIvanilson Lima
 
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoProf. Noe Assunção
 
INTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdf
INTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdfINTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdf
INTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdfConsulPereira
 

Mais procurados (20)

Democracia e Cidadania: participação política e social
Democracia e Cidadania: participação política e socialDemocracia e Cidadania: participação política e social
Democracia e Cidadania: participação política e social
 
O texto publicitario_2015
O texto publicitario_2015O texto publicitario_2015
O texto publicitario_2015
 
História da mídia no Brasil
História da mídia no BrasilHistória da mídia no Brasil
História da mídia no Brasil
 
Direito trabalhista
Direito trabalhistaDireito trabalhista
Direito trabalhista
 
Comunidade sociedade e cidadania
Comunidade sociedade e cidadaniaComunidade sociedade e cidadania
Comunidade sociedade e cidadania
 
Sociologia direitos humanos e a cidadania
Sociologia   direitos humanos e a cidadaniaSociologia   direitos humanos e a cidadania
Sociologia direitos humanos e a cidadania
 
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
AVALIAÇÃO DE SOCIOLOGIA - CIDADANIA- DEMOCRACIA- PARTICIPAÇÃO CIDADÃ - Prof. ...
 
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOSINTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
INTRODUÇÃO AOS DIREITOS HUMANOS
 
Palestra Inclusao Digital[1]
 Palestra   Inclusao Digital[1] Palestra   Inclusao Digital[1]
Palestra Inclusao Digital[1]
 
Teoria de oligopolio
Teoria de oligopolioTeoria de oligopolio
Teoria de oligopolio
 
Sociedade do consumo
Sociedade do consumoSociedade do consumo
Sociedade do consumo
 
Aula 4 lindb
Aula 4 lindbAula 4 lindb
Aula 4 lindb
 
O CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe Assunção
O CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe AssunçãoO CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe Assunção
O CONCEITO DE ESTADO - Prof. Noe Assunção
 
Neoliberalismo
NeoliberalismoNeoliberalismo
Neoliberalismo
 
Slide sociologia 1
Slide sociologia 1Slide sociologia 1
Slide sociologia 1
 
Roteiro para Projeto de Vida
Roteiro para Projeto de VidaRoteiro para Projeto de Vida
Roteiro para Projeto de Vida
 
Introdução à Economia
Introdução à EconomiaIntrodução à Economia
Introdução à Economia
 
cultura geek.pdf
cultura geek.pdfcultura geek.pdf
cultura geek.pdf
 
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
 
INTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdf
INTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdfINTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdf
INTRODUÇÃO AO MUNDO DO TRABALHO 01.pdf
 

Semelhante a Atividade discursiva ava john locke

Semelhante a Atividade discursiva ava john locke (20)

Relação entre filosofia e democracia
Relação entre filosofia e democraciaRelação entre filosofia e democracia
Relação entre filosofia e democracia
 
Liberalismo clássico e contemporâneo
Liberalismo clássico e contemporâneoLiberalismo clássico e contemporâneo
Liberalismo clássico e contemporâneo
 
John locke
John lockeJohn locke
John locke
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
Ideias revolucionárias dos séculos XVII e XVIII
Ideias revolucionárias dos séculos XVII e XVIIIIdeias revolucionárias dos séculos XVII e XVIII
Ideias revolucionárias dos séculos XVII e XVIII
 
Filo 25 tp augusto
Filo 25 tp augustoFilo 25 tp augusto
Filo 25 tp augusto
 
Apresentação de jhon locke (2)
Apresentação de jhon locke (2)Apresentação de jhon locke (2)
Apresentação de jhon locke (2)
 
Filosofia para-o-enem-8ª-semana
Filosofia para-o-enem-8ª-semanaFilosofia para-o-enem-8ª-semana
Filosofia para-o-enem-8ª-semana
 
I seminário da disciplina estado e política educacional
I seminário da disciplina estado e política educacionalI seminário da disciplina estado e política educacional
I seminário da disciplina estado e política educacional
 
Resumo sobre John Locke
Resumo sobre John LockeResumo sobre John Locke
Resumo sobre John Locke
 
Artigo sobre John locke (Ciência Política)
Artigo sobre John locke (Ciência Política)Artigo sobre John locke (Ciência Política)
Artigo sobre John locke (Ciência Política)
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
O Iluminismo
O Iluminismo  O Iluminismo
O Iluminismo
 
O Iluminismo
O IluminismoO Iluminismo
O Iluminismo
 
Constitucionalismo
ConstitucionalismoConstitucionalismo
Constitucionalismo
 
Nicolau Maquiavel
Nicolau MaquiavelNicolau Maquiavel
Nicolau Maquiavel
 
Ética e bioética - ética moderna - cap 1 aula 3
Ética e bioética - ética moderna - cap 1 aula 3Ética e bioética - ética moderna - cap 1 aula 3
Ética e bioética - ética moderna - cap 1 aula 3
 
Iluminismo power point
Iluminismo power pointIluminismo power point
Iluminismo power point
 
Iluminismo
IluminismoIluminismo
Iluminismo
 
Ilumimismo
IlumimismoIlumimismo
Ilumimismo
 

Mais de Pitágoras

Arbitragem resumo
Arbitragem resumoArbitragem resumo
Arbitragem resumoPitágoras
 
Viagem pela estrada de ferro leopoldina
Viagem pela estrada de ferro leopoldinaViagem pela estrada de ferro leopoldina
Viagem pela estrada de ferro leopoldinaPitágoras
 
Caminhonete do senhor filomeno
Caminhonete do senhor filomenoCaminhonete do senhor filomeno
Caminhonete do senhor filomenoPitágoras
 
Estorias do vo jaco
Estorias do vo jacoEstorias do vo jaco
Estorias do vo jacoPitágoras
 
Bom jesus nos meus tempos de crianca
Bom jesus nos meus  tempos de criancaBom jesus nos meus  tempos de crianca
Bom jesus nos meus tempos de criancaPitágoras
 
Familia batista
Familia batistaFamilia batista
Familia batistaPitágoras
 
Meus avos maternos
Meus avos maternosMeus avos maternos
Meus avos maternosPitágoras
 
Familia paterna os genuinos
Familia paterna os genuinosFamilia paterna os genuinos
Familia paterna os genuinosPitágoras
 
As terras de francisco jacob
As terras de francisco jacobAs terras de francisco jacob
As terras de francisco jacobPitágoras
 
Curso de direito penal
Curso de direito penalCurso de direito penal
Curso de direito penalPitágoras
 
Atividade discursiva ava adocao homoafetiva
Atividade discursiva ava adocao homoafetivaAtividade discursiva ava adocao homoafetiva
Atividade discursiva ava adocao homoafetivaPitágoras
 
Atividade discursiva ava alienacao parental
Atividade discursiva ava alienacao parentalAtividade discursiva ava alienacao parental
Atividade discursiva ava alienacao parentalPitágoras
 
Direito constitucional competencias
Direito constitucional competenciasDireito constitucional competencias
Direito constitucional competenciasPitágoras
 
Direito constitucional introducao
Direito constitucional introducaoDireito constitucional introducao
Direito constitucional introducaoPitágoras
 
Perspectivas sociologicas
Perspectivas sociologicasPerspectivas sociologicas
Perspectivas sociologicasPitágoras
 
Previdenciario aposentadorias
Previdenciario aposentadoriasPrevidenciario aposentadorias
Previdenciario aposentadoriasPitágoras
 
Processo penal resumo provas no processo penal
Processo penal resumo provas no processo penalProcesso penal resumo provas no processo penal
Processo penal resumo provas no processo penalPitágoras
 
Teoria geral dos contratos
Teoria geral dos contratosTeoria geral dos contratos
Teoria geral dos contratosPitágoras
 

Mais de Pitágoras (20)

Arbitragem resumo
Arbitragem resumoArbitragem resumo
Arbitragem resumo
 
Viagem pela estrada de ferro leopoldina
Viagem pela estrada de ferro leopoldinaViagem pela estrada de ferro leopoldina
Viagem pela estrada de ferro leopoldina
 
Caminhonete do senhor filomeno
Caminhonete do senhor filomenoCaminhonete do senhor filomeno
Caminhonete do senhor filomeno
 
Tio Altivo
Tio AltivoTio Altivo
Tio Altivo
 
Bom crioulo
Bom criouloBom crioulo
Bom crioulo
 
Estorias do vo jaco
Estorias do vo jacoEstorias do vo jaco
Estorias do vo jaco
 
Bom jesus nos meus tempos de crianca
Bom jesus nos meus  tempos de criancaBom jesus nos meus  tempos de crianca
Bom jesus nos meus tempos de crianca
 
Familia batista
Familia batistaFamilia batista
Familia batista
 
Meus avos maternos
Meus avos maternosMeus avos maternos
Meus avos maternos
 
Familia paterna os genuinos
Familia paterna os genuinosFamilia paterna os genuinos
Familia paterna os genuinos
 
As terras de francisco jacob
As terras de francisco jacobAs terras de francisco jacob
As terras de francisco jacob
 
Curso de direito penal
Curso de direito penalCurso de direito penal
Curso de direito penal
 
Atividade discursiva ava adocao homoafetiva
Atividade discursiva ava adocao homoafetivaAtividade discursiva ava adocao homoafetiva
Atividade discursiva ava adocao homoafetiva
 
Atividade discursiva ava alienacao parental
Atividade discursiva ava alienacao parentalAtividade discursiva ava alienacao parental
Atividade discursiva ava alienacao parental
 
Direito constitucional competencias
Direito constitucional competenciasDireito constitucional competencias
Direito constitucional competencias
 
Direito constitucional introducao
Direito constitucional introducaoDireito constitucional introducao
Direito constitucional introducao
 
Perspectivas sociologicas
Perspectivas sociologicasPerspectivas sociologicas
Perspectivas sociologicas
 
Previdenciario aposentadorias
Previdenciario aposentadoriasPrevidenciario aposentadorias
Previdenciario aposentadorias
 
Processo penal resumo provas no processo penal
Processo penal resumo provas no processo penalProcesso penal resumo provas no processo penal
Processo penal resumo provas no processo penal
 
Teoria geral dos contratos
Teoria geral dos contratosTeoria geral dos contratos
Teoria geral dos contratos
 

Atividade discursiva ava john locke

  • 1. Atividade Discursiva AVA - U4 - SEÇÃO 4 Ideias de Locke e o desenvolvimento do capitalismo Aluno: Geraldo - Curso de Direito Pitágoras. Visite o Site: www.geraldofadipa.comunidades.net Questão Proposta Para a burguesia em ascensão na época, era necessária uma teoria para aferir sua legitimidade fazendo frente à hereditariedade que legitimava a nobreza. Tal teoria é a da propriedade privada – como direito natural – elaborada de forma coerente pela primeira vez pelo filósofo inglês John Locke (1632-1704). Segundo ele, o trabalho é o que assegura o direito natural – como direito à vida, à liberdade e aos bens necessários para manter e conservar a vida e a liberdade. Locke defende que a organização das leis e do Estado deve ser feita com o objetivo de assegurar o respeito aos direitos naturais: a proteção da vida, da liberdade e da propriedade de todos. Essa é a única razão de ser de um governo. Explique a relação entre as ideias de Locke e o desenvolvimento do capitalismo na transição do século XIX ao século XX e algumas de suas consequências: Resposta Toda forma de dominação necessita de uma ideologia que a torne legitima perante todos. Com o desenvolvimento das atividades mercantis e em consequência o surgimento de uma nova classe social (burguesia), a ideia até então vigente travava a evolução de suas atividades e o alcance ao poder político da época. Era necessária uma “nova ideia” para contrapor os fundamentos do antigo regime que afirmava o pressuposto divino das monarquias (apoiado pelo poder da Igreja Católica) e que nenhum homem nascia livre. Locke, um dos teóricos do contrato social, ao afirmar que qualquer tipo de governo tem poderes limitados e que todo ser humano nasce livre, atende aos anseios dos novos senhores e com isso afeta profundamente a legitimidade dos regimes absolutistas europeus. Tornou-se símbolo para as batalhas na
  • 2. Inglaterra, para a constituição de um governo civil e sem a autoridade absoluta dos monarcas, e que eles estariam sujeitos ao Parlamento que representava a vontade da sociedade, ou seja, sujeito ao consentimento dos governados. Defendia a tese de que se o governo não estivesse atendendo os interesses da sociedade, deveria então ser retirado do poder. Com a imposição do Soberano ao poder do Parlamento, que era composto, em sua maioria, por elementos da burguesia, teve como consequências o fortalecimento do capitalismo nascente, fato que permitiu o rápido crescimento econômico e o crescente desenvolvimento das diferenças culturais e econômicas (Capitalistas e Proletariados). Bibliografia Livro Didático: Ética, Política e Sociedade. Sonelise Auxiliadora Cizoto Daniela Maria Cartoni