Como elaborar um artigo científico

933 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
933
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
127
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Como elaborar um artigo científico

  1. 1. CAMPUS URUGUAIANA CURSO DE MEDICINA VETERINÁRIA Prof. Ricardo Pedroso Oaigen Médico Veterinário, Doutor em Zootecnia oaigenricardo@terra.com.br COMO ELABORAR UM ARTIGO CIENTÍFICO ? Grupo de Estudos em Produção Animal GEPA/UNIPAMPA – 21/08/2013 1
  2. 2. •Processo sistemático de construção do conhecimento. –Metas principais: •Gerar novos conhecimentos; •Corroborar ou refutar algum conhecimento pré-existente. •Processo de aprendizagem tanto do indivíduo que a realiza quanto da sociedade na qual esta se desenvolve. •A pesquisa como atividade regular também pode ser definida como o conjunto de atividades orientadas e planejados pela busca do conhecimento. 2
  3. 3. •Projetos de Pesquisa •Revisão de literatura •Relatórios •Resumos simples (abstracts) •Resumos expandidos •Artigos científicos (papers) •Monografia/TCC/Relatório de Estágio •Dissertação (mestrado) •Tese (doutorado) 3
  4. 4. 4 • Tema que está sendo discutido no projeto, artigo, dissertação, tese. O que está sendo estudado? Ex.: Competitividade em pecuária de corte. • # objetivo da pesquisa: o que pretende-se "saber" através da pesquisa em execução. Ex.: Determinar quais fatores internos que afetam a competitividade em pecuária de corte no Norte do Brasil.
  5. 5.  Linha de Pesquisa:  Gestão de sistemas pecuários.  Temática:  Custos de produção.  Redação do Projeto: com todas suas subdivisões.  Levantamento do custo de produção da pecuária leiteira  Revisão bibliográfica.  Apoio via editais e órgãos de fomento:  Busca de recursos financeiros;  CNPq, FAPESPA, UFPA, MEC....  Execução do projeto:  Coordenador, Bolsistas de I.C. ou PPG., Colaboradores,...  Compilação e Análise dos resultados:  Testes estatísticos, tabelas, gráficos,...  Geração de publicações científicas  Resumos simples, Resumos expandidos e Artigos completos;  Dissertações de mestrado e Teses de doutorado; 5
  6. 6. • Produto final de um projeto de pesquisa! • Deve expressar uma idéia nova sem opiniões prontas. • Periódico (revista) têm função de captar e armazenar para a posteridade os conhecimentos gerados pela ciência. • Meta do pesquisador! • Atualmente: produção em massa... • Avalia-se o número de artigos publicados/pesquisador e o fator de impacto da revista. • Qualis A (internacional),B (B1,B2,B3,B4 e B5),C. • Quantidade X Qualidade. 6
  7. 7. • Relevância do tema é fundamental! • Contribuição ao conhecimento originado a partir da pesquisa desenvolvida. • Dados inéditos ou analisados sob diferentes perspectivas são de interesse e portanto publicáveis! 7
  8. 8. • Tipos de artigo científico: • Artigos de revisão de literatura • Temática qualquer (necessário experiência do autor!). • Artigo de resultados de pesquisa : • Experimentação • Diferentes tipos de tratamentos. (saúde animal e zootecnia) • Pesquisa descritiva • Artigos de conjuntura (ciências sociais e agronegócio). • Estudos de caso • comuns na área de saúde animal. 8 VER EXEMPLOS!
  9. 9. • Avaliar, criteriosamente, se os dados são publicáveis ou não; • Redigir o artigo; • Obedecer as normas da revista (periódico); • Respeitar as regras de redação científica; • Encaminhar o artigo para periódico da área do conhecimento que o pesquisador atua; • Aguardar o parecer favorável ou desfavorável para publicação. 9 Passos para a publicação:
  10. 10. • Preliminares: • Cabeçalho – titulo (e subtitulo) do trabalho • Autor(es) • Credenciais do(s) autor(es) • Local de atividades • Sinopse • Resumo • Palavras-chaves • Corpo do artigo • Introdução (apresentação do assunto, objetivo, metodologia, limitações e proposição) • Texto (exposição, explicação e demonstração do material; avaliação dos resultados e comparação com obras anteriores) • Comentários e Conclusões (dedução lógica, baseada e fundamentada no texto, de forma resumida). • Parte referencial • Bibliografia • Apêndices ou anexos (se houver necessidade) • Agradecimentos (se houver necessidade) 10
  11. 11. • Título: • Português e Inglês. • Autores: • Notas de rodapé. • Resumo: • Português e Inglês (abstract). • Palavras-Chaves: • Português e Inglês (key words). • Introdução. • Material e Métodos. • Resultados e Discussão. • Conclusões ou Considerações. • Referências bibliográficas. 11
  12. 12. • Expressar com clareza e de maneira sucinta o objeto de pesquisa; • CLARO, OBJETIVO E BEM DELIMITADO; • Não deve conter caracteres indesejáveis: • Pontuações • Sinais • Chamadas • Não deve conter informações de local e quantidade (numerais); • Relação direta com o objetivo do trabalho. 12
  13. 13. • Redação de maneira clara, concisa, coerente e lógica (seqüência de idéias); • Máximo duas laudas (págs.); • Conhecimentos sobre o objeto de pesquisa devem ser expressos na forma de conceitos; • Premissas devidamente apontadas e com as hipóteses condizentes com essas premissas; • Objetivos devem estar expressos com clareza no último parágrafo da introdução. 13
  14. 14. • Verbos no pretérito (passado); • Deve expressar conceitos e NÃO fatos; • Evitar erros tautológicos (vício de linguagem, redundância,..); • Evitar excesso de adjetivos (expressa conceitos abstratos); • Redigido seguindo-se a técnica de redação dissertativa e NÃO descritiva (metodologia e resultados). 14
  15. 15. • Sua elaboração guarda estreita relação com a seqüência do fazer, ou seja, com o que foi feito; • Descrição do método (experimentação, revisão bibliográfica, modelagem, estudo de caso, entrevistas, questionários,...); • Seqüência lógica do trabalho deve ser descrita; • Descrição do delineamento experimental, descrição do manejo, dos modelos, das técnicas e processos utilizados; • Como ocorreu a coleta de dados e obtenção dos resultados? Como foram analisados os dados? • Descrito sem sub-divisões. 15
  16. 16. • Descrição detalhada dos resultados, enfatizando os principais; • Foram condizentes com o método proposto? São inovadores? • Devem ser corretamente apresentados e elaborados: • Gráficos • Tabelas • Figuras • Diagramas 16
  17. 17. • Discussão dos resultados; • Estabelecer relações entre diferentes resultados (fundamental a revisão de literatura); • Comparar resultados (porém em condições similares); • Diferenças entre trabalhos devem levar a uma nova verdade (passar de premissas para a conclusão); • Foi possível a construção de novos conhecimentos? 17
  18. 18. • Deve responder as hipóteses do trabalho; • Verbo no presente; • Frases diretas e precisas; • Nunca na forma hipotética; • Não deve conter resultados. 18
  19. 19. • Deve ser feito ao final do trabalho; • Redigido com clareza e objetividade; • Em geral 250 a 300 palavras (ver normas); • Deve conter o conteúdo sucinto do trabalho: • Pequena introdução ao assunto(?) • Objetivo • Metodologia • Discussão (pouca) • Resultados • Conclusões • Redigido em um parágrafo único, sem abreviaturas; 19 VER EXEMPLO!
  20. 20. • Palavras-chave: • Não podem estar contidas no título (ambos são indexadores); • Não utilizar marcas comerciais; • Agradecimento (opcional); • Autores com a devida identificação; • Não utilizar citações tipo: ...citado por....apud... 20
  21. 21. 21 "O conhecimento chega, mas a sabedoria demora" (Alfred Tennyson) "O conhecimento é o único bem que se adquire por toda a eternidade”
  22. 22. 22 Propor um trabalho: • The top 10 Publishing Do´s and Don´ts • 10 Dicas de um editor de periódico americano. • Quais são?? • Apresentação na próxima reunião...
  23. 23. 23 Conhecimento 1 Verdade 2 Evidência 3 Certeza •Nunca conheceremos toda a verdade absoluta; •Necessidade de método e instrumentos sólidos; •Verdade relativa  expressa na introdução. •É a manifestação clara do objeto; •A verdade só resulta quando houver evidência; •Expressa nos resultados e discussão. •Havendo evidência, isto é, se o objeto se desvelar ou se manifestar como suficiente clareza pode-se afirmar com certeza, ou seja, sem temor de engano, uma verdade; •Expressa na conclusão.

×