EDUARDO BAQUEIRO
Eduardo nasceu numa manhã de primavera, em 10 de outubro, napequena cidade de Itajubá, sul de Minas Gerais. Primogênito de...
Na escola suas notas eram sempre as melhores. Já na adolescência a famíliamudou-se para Volta Redonda, onde ele fez o curs...
Eduardo é um grande amigo, um filho que só me dá     alegria. Para alguns o Edu é apenas mais uminternauta, mas para nós, ...
TIPOS DE POEMAS          Eduardo Baqueiro          escreve poemas de         Reflexão, Românticos,          Sensuais, Amiz...
INSPIRAÇÃO       És como um dia de verão ensolarado      Com leve perfume das flores de outonoPétalas caídas, escondendo s...
Como se o tempo nada significasse       Ha uma sensação que sai de teus poros     Como se a eternidade não fosse um sonho ...
EDUARDO BAQUEIRO     E. E. S. FILINTO MULLER         Disciplina: Literatura            Docente: QueliDiscentes: Alessandro...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Eduardo baqueiro

1.296 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.296
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Eduardo baqueiro

  1. 1. EDUARDO BAQUEIRO
  2. 2. Eduardo nasceu numa manhã de primavera, em 10 de outubro, napequena cidade de Itajubá, sul de Minas Gerais. Primogênito de seis filhos, desde pequeno já demonstrava sua inteligência. Sua infância foi marcada por travessuras, desde nadar no rio que atravessa a cidade, até passeios de bicicleta que lhe custaram alguns arranhões e cicatrizes.
  3. 3. Na escola suas notas eram sempre as melhores. Já na adolescência a famíliamudou-se para Volta Redonda, onde ele fez o curso de Eletrônica. Após aformatura foi morar no Rio de janeiro.Trabalhou numa empresa de assistência técnica em computadores, numa épocaem que computador era usado somente em empresas. Casou-se com sua prima e teve somente um filho que é tão bom quanto ao pai.
  4. 4. Eduardo é um grande amigo, um filho que só me dá alegria. Para alguns o Edu é apenas mais uminternauta, mas para nós, seus irmãos e amigos, que o conhecemos bem, é uma pessoa generosa, comprometida com seus ideais e que agorapode mostrar ao mundo as estórias, poesias e poemas que o impulsionaram até aqui.
  5. 5. TIPOS DE POEMAS Eduardo Baqueiro escreve poemas de Reflexão, Românticos, Sensuais, Amizade, Prosa, etc. A seguir, o poema Inspiração.
  6. 6. INSPIRAÇÃO És como um dia de verão ensolarado Com leve perfume das flores de outonoPétalas caídas, escondendo sua verdadeira natureza Eis que as flores de verão chegam ao fim Perdendo consigo o perfume e toda ternura Mas em ti o perfume e a ternura permanecem Por vezes vejo teus olhos brilhando ardente Outras, desfazendo em arco-íris de sentimentosDa beleza que carrega em teu rosto nada se perde Na dor, na alegria, ou no sossego de teu canto O verão ficou aprisionado na tua face Presos pelo teu olhar inocente,
  7. 7. Como se o tempo nada significasse Ha uma sensação que sai de teus poros Como se a eternidade não fosse um sonho Tudo em você soa simplicidade e alegriaInspirando meu caminhar, preenchendo meus vazios Ao te olhar imagino que estou sonhando Que ha um pesadelo a minha espera, do outro ladoMas teu sorriso e teu olhar me diz que esta tudo bem Que não ha nada a temer; a vida é só uma escolaÉ só acreditar na perfeição que as coisas estarão bem Assim vou caminhando para o futuro Fazendo no meu presente o melhor possível Acreditando que tudo esta como deveria estar. Eduardo Baqueiro
  8. 8. EDUARDO BAQUEIRO E. E. S. FILINTO MULLER Disciplina: Literatura Docente: QueliDiscentes: Alessandro, Gesielli, Francieli, Rosimeire e Vanger 3 EM

×