2º Trimestre de 2006
                           Apresentação da Teleconferência de Resultados




Lançamentos do 2T06




...
Visão Geral do 2T06 e Eventos Recentes

Wilson Amaral – Presidente




                                         2
Estratégia bem Definida



                                         Nossa Estratégia

      Criar a companhia líder no set...
Destaques

   Crescimento de 151% nos Lançamentos no 2T06 vs 2T05
     Lançamentos aumentaram de R$ 109 milhões no 1T05 pa...
Gafisa Encerra Segundo Trimestre de 2006 com Aumento de 151%
em Lançamentos e 168% em Vendas Contratadas
    Lançamentos (...
Perspectivas de Crescimento para o mercado imobiliário em São Paulo

                            Core Market – Região Metr...
Perspectivas de Crescimento para o mercado imobiliário no Rio de Janeiro

                            Core Market - Rio de...
Perspectivas de Crescimento para o mercado imobiliário em Novos Mercados

                           Estratégia bem defini...
Aumento Expressivo da Carteira de Crédito Imobiliário dos Bancos

   Disponibilidade de Crédito Imobiliário dos Bancos Com...
Land Bank
 Land Bank representando 2-3 anos de vendas futuras


   Land Bank


                  Unidades potenciais
     ...
Performance Operacional e Financeira

Duílio Calciolari – Diretor Financeiro




                                         ...
Destaques Operacionais


    Receita Líquida (R$ mm)                          Lucro Bruto (R$ mm)



                     ...
Destaques Operacionais


    Receita Líquida (R$ milhões)                                           Lucro Bruto (R$ milhõe...
Apesar do expressivo crescimento de vendas contratadas, ainda
estamos reconhecendo receita de anos anteriores
 Vendas Cont...
Forte performance de Vendas Contratadas deverá impactar positivamente
os resultados futuros
 Atualmente, a Gafisa possui a...
Sólida Posição Financeira...
 ...juntamente com foco na administração do capital de giro.



        (R$ million)         ...
Nossos Objetivos para 2006

        Continuidade do Ritmo de Crescimento
    ►   Crescimento em Lançamentos para 2006 de 2...
Oportunidade Diferenciada de Crescimento




                                               Administração
          Lidera...
“Safe-Harbor” Statement

  Nós fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais de...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação 2T06

354 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
354
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
16
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação 2T06

  1. 1. 2º Trimestre de 2006 Apresentação da Teleconferência de Resultados Lançamentos do 2T06 Blue Land – Rio de Janeiro Belle Vue – Porto Alegre Paço das Águas – São Paulo Vistta Ibirapuera – São Paulo Beach Park Living - Fortaleza Relações com Investidores: Gustavo Felizzola ir@gafisa.com.br 2T06 Teleconferência de Resultados São Paulo, 8 de Agosto de 2006 10:00 (Horário de Brasília), 9:00 (US-ET) 1 Phone: +55 (11) 2101-4848 Code: GAFISA Webcast: http://www.gafisa.com.br/ri
  2. 2. Visão Geral do 2T06 e Eventos Recentes Wilson Amaral – Presidente 2
  3. 3. Estratégia bem Definida Nossa Estratégia Criar a companhia líder no setor de incorporação residencial no Brasil com base em vendas, rentabilidade e qualidade Manter Manter land política de bank que Forte Foco em Continuar endividamento corresponda a crescimento oportunidades expansão de 40% - 60% 2 – 3 anos de de receita de alto retorno geográfica dívida líquida / vendas patrimônio futuras líquido 3
  4. 4. Destaques Crescimento de 151% nos Lançamentos no 2T06 vs 2T05 Lançamentos aumentaram de R$ 109 milhões no 1T05 para R$ 274 milhões no 2T06 Crescimento de 168% nas Vendas Contratadas no 2T06 vs 2T05 Vendas Contratadas cresceram de R$85 milhões no 2T05 para R$229 milhões no 2T06 Nível recorde de 43,3% de margens a apropriar no 2T06 vs 33,1% no 2T05 O saldo de receitas a apropriar atingiu R$561 milhões no 2T06 vs R$383 milhões no 2T05 A Receita líquida no 2T06 foi de R$ 152,5 milhões, um aumento de 47.5% com relação ao 2T05 e o lucro por ação ajustado foi de 0,21, aumento de 600% no mesmo período S&P elevou o ratings da Gafisa de BBB pata BBB+ A agência elevou a perspectiva da Gafisa para ‘Positiva’ Reforço de nossa penetração geográfica com duas novas parcerias em mercados estratégicos, Bahia, Rio Grande do Sul e Alagoas. Expressivo aumento de 104% no volume de crédito imobiliário em Junho de 2006. 4
  5. 5. Gafisa Encerra Segundo Trimestre de 2006 com Aumento de 151% em Lançamentos e 168% em Vendas Contratadas Lançamentos (R$ mm) Vendas Contratadas (R$ mm) 274 Novos Mercados 229 Novos Mercados Rio de Janeiro 16 Rio de Janeiro São Paulo São Paulo 46 % 58 % 8% 68 1% 16 51 15 1 109 1 79 11 85 12 154 54 35 83 44 39 2T05 2T06 2T05 2T06 Mix de Vendas Contratadas – 2T06 5% 3%1% 22% 22% Alto Médio-Alto 69% Médio Baixa Renda Lotes Comercial Segmentos (Preço Médio por metro quadrado) Alto – Alta Renda: > R$3,600 Médio- alto – Renda Média Alta: R$2,800 < > R$3,600 Médio – Renda Média: R$2,000 < > R$2,800 Baixa Renda – Médio Baixa e Baixa Renda: R$1,800 < > R$2,000 5 Comercial – Comercial: R$4,000 < > R$7,000 Lotes – Loteamento: R$150< >R$800
  6. 6. Perspectivas de Crescimento para o mercado imobiliário em São Paulo Core Market – Região Metropolitana de São Paulo 6% população total brasileira e 10% do PIB do país São Paulo também possui um dos maiores PIB per capita do país (72% acima da média brasileira) Aproximadamente 4 milhões de residências (8% do total de residências do país) Oportunidades na região metropolitana de São Paulo: A região metropolitana de São Paulo apresenta diversas oportunidades no segmento residencial, especialmente para os empreendimentos voltados para a classe média Apesar da menor demanda para empreendimentos de alto padrão, existe demanda para projetos inovadores e diferenciados Para o segmento de baixo padrão, a demanda é enorme, devido a falta de regulamentação 6
  7. 7. Perspectivas de Crescimento para o mercado imobiliário no Rio de Janeiro Core Market - Rio de Janeiro 3% da população brasileira e 5% do PIB do país Rio de Janeiro também possui um dos maiores PIB per capita do país (38% acima da média brasileira) Aproximadamente 2 milhões de residências (4% do total de residências do país) Launching of 2 billion per year Oportunidades: Projetos voltados para classe média - média alta na Barra da Tijuca e em Jacarepaguá, que são as regiões que mais crescem na cidade Terrenos para o desenvolvimento de projetos com preços em torno de R$ 150.000 Diversificação pelo subúrbio do Rio de Janeiro 7
  8. 8. Perspectivas de Crescimento para o mercado imobiliário em Novos Mercados Estratégia bem definida Desenvolver parcerias locais visando adquirir conhecimento local e legal, redução dos riscos e das barreiras de entrada pela redução das aprovações dos órgão locais Buscar novos mercados que oferecem potencial de crescimento atrativo para as nossas operações (aumento da renda per capita, crescimento populacional, ex.) Os diferentes drivers dos novos mercados reduzem o risco de crescimento Recently signed Estrutura organizacional formada por “Donos de Negócio” resulta partnerships em administração integrada totalmente focada e suportada pela Estrutura Gafisa local de São Paulo Quais são os diferenciais da Gafisa para o Desenvolvimento de Projetos bem sucedidos em Novos Mercados? Reputação amplamente reconhecida em São Paulo e no Rio de Janeiro em projetos com a nossa marca Gafisa Projetos e conceitos inovadores Projetos de design diferenciados Entrega de produtos no prazo e condição de pagamento adequada a demanda Estratégia de marketing agressiva 8
  9. 9. Aumento Expressivo da Carteira de Crédito Imobiliário dos Bancos Disponibilidade de Crédito Imobiliário dos Bancos Comerciais + CEF (2003-2006E) R$ bilhões Santander oferece financiamento a taxas fixas com prazo de 20 anos Gafisa, HSBC e Santander oferecem financiamento 20,3 com crédito pré-aprovado Bradesco planeja triplicar o volume de financiamento imobiliário este ano - para quase R$2 bilhões. Itaú espera emprestar R$1,4 bilhões em 2006. Prazo de financiamento passou de 15 para 20 anos 10,3 13,9 CEF planeja direcionar R$10,3 bilhões para setor 13% imobiliário em 2006 utilizando recursos do FGTS e FAT 9,0 9,4 ABECIP aumenta a estimativa de financiamento do 9,1 bancos comerciais de R$7 bilhões para R$10 bilhões em 2006. Com isso o volume total de recursos 6,7 (incluindo CEF) poderá atingir R$20 bilhões 5,3 6,0 4,9 Banco Central pode aprovar o financiamento com 10,0 83% desconto em folha 4,5 109% 2,9 Banco Central poderá dar permissão para os bancos 4,8 104% 4,1 operarem com taxas de juros fixas, para os 2,2 3,0 financiamentos do SBPE, cuja origem dos recursos é a 2,0 poupança. 2003 2004 2005 2006E 1S05 1S06 ABECIP ¹ CEF Fontes: BC, Gafisa e Estimativas ABECIP. ¹ Total de financiamentos com 9 recursos de poupança privada dos bancos comerciais.
  10. 10. Land Bank Land Bank representando 2-3 anos de vendas futuras Land Bank Unidades potenciais por segmento Potencial de % em vendas permuta Lots & Alto Médio Popular (R$ mm) Com São Paulo 336 2.118 - 8 846 67% Rio de 1.032 1.080 - 418 604 90% São Paulo Janeiro Other 444 2.125 - 270 638 92% Cities Total 1.812 5.313 - 696 2.089 84% % 23% 68% 0% 9% Rio de Janeiro 10
  11. 11. Performance Operacional e Financeira Duílio Calciolari – Diretor Financeiro 11
  12. 12. Destaques Operacionais Receita Líquida (R$ mm) Lucro Bruto (R$ mm) 32% 26% 153 % 40 % 48 % 19 % 19 103 48 33 2T05 2T06 2T05 2T06 Receita Líquida Lucro Bruto Margem Bruta EBITDA Ajustado (R$ mm) Lucro Líquido Ajustado (R$ mm) 1%% 14% 66 1 66 15% 13% 19 15 % 25 % 25 21,1 3% 2,8 2T05 2T06 2T05 2T06 12 EBITDA Ajustado Margem EBITDA Lucro Líquido Ajustado Margem Liq.
  13. 13. Destaques Operacionais Receita Líquida (R$ milhões) Lucro Bruto (R$ milhões) 34% 32% 32% 34% 28% 27% 26% 142 139 9.6% 494 114 124 440 436 334 34% 75 285 67 68 197 212 2001 2002 2003 2004 2005 1S05 1S06 2001 2002 2003 2004 2005 1S05 1S06 Lucro Bruto Margem Bruta EBITDA (R$ milhões) Lucro Líquido (R$ milhões) 19% 19% 12% 17% 12% 11% 14% 14% 13% 13% 8% 84 64 66 65 51 -7.9% 42 6% 36 38 4% 4% 32 27 26 20 265% 15 9 2001 2002 2003 2004 2005 1S05 1S06¹ 2001 2002 2003 2004 2005 1S05 1S06¹ 13 EBITDA Ajustado Margem EBITDA Lucro Líquido Ajustado Margem Líquida ¹ Adjusted EBITDA ¹ Adjusted Net Income
  14. 14. Apesar do expressivo crescimento de vendas contratadas, ainda estamos reconhecendo receita de anos anteriores Vendas Contratadas x Receita Reconhecida (R$000) Vendas % de Vendas Empreendimentos Contratadas Contratadas Receitas % de Receitas 143,699 84% 16,042 11% Lançados em 2006 63% Lançados em 2005 48,347 21% 44,542 29% Lançados em 2004 16,557 7% 33,951 22% 59% Lançados em 2003 13,832 6% 36,963 24% Lançados em 2002 6,436 3% 8,240 5% Outros na na 12,809 8% Total 228,870 100% 152,547 100% 14
  15. 15. Forte performance de Vendas Contratadas deverá impactar positivamente os resultados futuros Atualmente, a Gafisa possui aproximadamente R$243 milhões de receitas a reconhecer (um aumento de 91% vs 2T05)… Receitas a apropriar e Resultados a Reconhecer (R$ mm) Margem a Apropriar (%) 43.3% 41.1% 2T05 1T06 2T06 (c)/(a) (c)/(b) (a) (b) (c) % % Receitas a Apropriar 383.2 473.4 560.7 46% 33.6% 18% Custo de unidades Vendidas a ser (256.3) (278.9) (317.8) 24% 14% reconhecido 1 Resultados a 91% 126.6 194.5 242.8 25% Reconhecer Margem a 33.6% 41.1% 43.3% Reconhecer 2T05 1T06 2T06 Nota: 1 Inclui apenas custos de terreno e construção … com margens restauradas próximas de 43.3% 15
  16. 16. Sólida Posição Financeira... ...juntamente com foco na administração do capital de giro. (R$ million) 2T06 2T05 1T06 Dívida de Curto Prazo 85 38 86 Dívida de Longo Prazo 191 102 199 Dívida Total 276 140 285 Caixa e Disponibilidades 423 119 481 Dívida Líquida (Caixa Líquido) (147) 21 (196) Patrimônio Líquido 806 321 788 Capitalização Total 1.082 461 1.073 Dívida Líquida/ Patrimônio Líquido -18% 7% -25% Para otimizar o uso capital de giro da companhia, a Gafisa tem demandado novos produtos dos bancos privados: Gafisa e o Banco HSBC oferecem financiamento pré-aprovado em Santo André (São Paulo) Gafisa e o Banco Santander Banespa lançam crédito imobiliário facilitado no Rio de Janeiro Gafisa e o Banco Santander Banespa oferecem financiamento com desconto do aluguel no período da obra. Mais recentemente, o conselho de administração da Gafisa aprovou a securitização de R$ 100 milhões de recebíveis de clientes. 16
  17. 17. Nossos Objetivos para 2006 Continuidade do Ritmo de Crescimento ► Crescimento em Lançamentos para 2006 de 25-28%, em termos nominais (em R$) Expansão das Margens ► Margem EBITDA esperada para 2006 é 16-17% da receita operacional líquida. 17
  18. 18. Oportunidade Diferenciada de Crescimento Administração Liderança no setor e forte profissional e estrutura reconhecimento da marca organizacional estabelecida Acionistas de classe Diversificação mundial e elevados Geográfica padrões de governança corporativa 18
  19. 19. “Safe-Harbor” Statement Nós fazemos declarações sobre eventos futuros que estão sujeitas a riscos e incertezas. Tais declarações têm como base crenças e suposições de nossa Administração e informações a que a Companhia atualmente tem acesso. Declarações sobre eventos futuros incluem informações sobre nossas intenções, crenças ou expectativas atuais, assim como aquelas dos membros do Conselho de Administração e Diretores da Companhia. As ressalvas com relação a declarações e informações acerca do futuro também incluem informações sobre resultados operacionais possíveis ou presumidos, bem como declarações que são precedidas, seguidas ou que incluem as palavras "acredita", "poderá", "irá", "continua", "espera", "prevê", "pretende", "planeja", "estima" ou expressões semelhantes. As declarações e informações sobre o futuro não são garantias de desempenho. Elas envolvem riscos, incertezas e suposições porque se referem a eventos futuros, dependendo, portanto, de circunstâncias que poderão ocorrer ou não. Os resultados futuros e a criação de valor para os acionistas poderão diferir de maneira significativa daqueles expressos ou sugeridos pelas declarações com relação ao futuro. Muitos dos fatores que irão determinar estes resultados e valores estão além da nossa capacidade de controle ou previsão. 19

×