Carl gustav jung

5.296 visualizações

Publicada em

0 comentários
12 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.296
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
65
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
281
Comentários
0
Gostaram
12
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Carl gustav jung

  1. 1. Carl Gustav Jung
  2. 2. Nasceu em 26 de julho de 1875, na aldeia de Kesswil, Suiça. Filho de Joham Paul Anchilles e Emile PreisWerk. Seu pai era pastor luterano.
  3. 3. Na infância atraia-se por assuntos relacionado a Filosofia e Arqueologia. Jung foi uma criança muito sensível com um grau intelectual notável, porém isso não o livrou de muitos conflitos pessoais, assim como uma infância muito solitária. Alguns nomes que influenciaram a carreira de Jung começando por: Fausto Goethe, Nietzsche e Freud.
  4. 4. Aos 20 anos em 1895 ingressa em Medicina na Universidade da Basiléia, Suíça. 1900 concluiu o curso de medicina e sentiu-se atraído pela psiquiatria, com o estudo das doenças da personalidades. À partir dai Jung começa uma carreira promissora no ramo da psiquiatria. De 1900 à 1915 há um avanço significativo na carreira de Jung incluindo o cargo de Chefe de Clínica Burghölzhi.
  5. 5. A eleição o primeiro Presidente da Associação Internacional de Psicanalítica. Abertura de sua clínica particular. Lança sua primeira obra “Metamorfoses e Símbolos da Libido”(posteriormente editado com o título Símbolos da Transformação). Começa a ser estruturada Psicologia Analítica. Leciona na Faculdade de Medicina de Zurique.
  6. 6. Em 14 de fevereiro de 1903 Carl Jung casou-se com Emma Rauschenbach (1882-1955) com quem teve quatro filhas e um filho.
  7. 7. Gradualmente Jung desenvolve suas teorias influenciado a partir correlação como Alquimia e Pensamentos orientais, Gnose, Mandala, Símbolos, Sonhos. Em 1944 Jung sofre um grave ataque do coração, vivenciou neste período intensas visões. Em 1957 apresentou no Congresso Internacional de Psiquiatria um estudo reverente a esquizofrenia, começa a escrever “Memorias, Sonhos e Reflexões”. Morre Jung no dia 6 de junho de 1961.
  8. 8. Psicologia Analítica: Conceitos principais: Introversão: energia focada em seu interior. Extroversão: energia focada em seu mundo externo. Funções Psíquicas: O Pensamento: É a razão, classifica, julga O Sentimento: Logica da emoção. A Sensação: Mecanismo sensorial, percepção. A Intuição: A informações é processada muito rápida e relacionam com experiências passadas e processos inconsciente.
  9. 9. Estrutura do Aparelho psíquico: Consciente: o “eu”, Ego como núcleo, Sentidos conscientes, memórias e experiências, raciocínio. Inconsciente Pessoal: Surge após ao nascimento, formada pela camada mais superficial do inconsciente. Inconsciente Coletivo: Herança psicológica somada à herança biológica, incluindo heranças da humanidade desde seu surgimento, formado por arquétipos.
  10. 10. Arquétipos: Tratam-se de núcleos instintivos passados de forma psicobiologia de geração a geração, imitindo padrões de comportamento herdados da humanidade, todos arquétipos se originam do inconsciente coletivo. Ego: Um dos maiores arquétipos da personalidade, Fornece o sentido de consciência e direção em nossa vida consciente, Planeja e Analisa conscientemente. A Persona: Papéis Sociais, Nossas “máscaras”, Possui aspectos positivos e negativos, Nosso caráter.
  11. 11. A Sombra: Centro do inconsciente pessoal, Contém material reprimido da consciência, Aquilo que consideramos inferior em nossa personalidade, Perigosa se não reconhecida, Positivamente podemos dizer que a sombra é instintiva, qualidades positivas e virtudes. Anima: A personificação da natureza feminina do inconsciente masculino. Animus: A personificação da natureza masculina do inconsciente feminino O Self: A junção do individuo como um todo união do consciente e inconsciente, Arquétipo central, Arquétipo da ordem e totalidade da personalidade.
  12. 12. O Processo de Individuação: Trata-se do eixo central da Psicologia Analítica, É a busca do ser pelo seu autoconhecimento, É um processo de desenvolvimento da totalidade psíquica. Etapas do Processo de Individuação: Confronto com a Persona: Reconhecimento do eu da persona, consciência das “máscaras”. Confronto com a Sombra: A pessoa consciência das qualidades positivas e negativas inconscientes. Confronto com a Anima: Personaliza as tendências psicológicas femininas na psique do homem.
  13. 13. Confronto com Animus: Personaliza as tendência psicológicas masculinas na psique da mulher. Confronto com Self: Busca a integração do inconsciente e consciente. Obstáculo: O processo de individuação nem sempre é uma tarefa fácil e agradável , é preciso uma saúde mental estável para dar inicio ao processo. O ego precisa ser forte para aguentar as grandes mudanças.
  14. 14. Terapia: A terapia é um processo que exige esforços de analista e analisado , os dois formam um única unidade dinâmica. Segundo Jung a terapia é uma questão de da interação do inconsciente do analista e o analisado. Jung tentava despertar autonomia no analisado. Jung estabeleceu dois estágios terapêuticos, cada um divide-se em outras duas partes: Estágio analítico: confissão e elucidação Estágio sintético: educação e transformação.

×