RELATÓRIO DE VISITA
A INDÚSTRIA PRÉ
FABRICAR
Gabriela Fronza Zluhan
Profa. Eliete Auxiliadora Assunção Ourives
Centro Univ...
A empresa foi fundada em 02 de maio de 2002 e conta com instalações situadas em
IBIRAMA –SC, às margens da Rodovia BR 470 ...
A segunda maquina que acompanhamos vimos as dobras para estribos, trabalha com
aço 4,2 até 8mm, aplicando dobra nos mais d...
(Setor onde é produzida toda a parte de concretagem)
(Espaço onde é fabricado a viga protendida)
(Viga protendida sendo executada.)
(Vigas “T” protendida.)
(Identificação das vigas.)
(Setor onde é produzida toda a parte de concretagem)
(Placas pré-moldadas)
(Placa de informações da produção sobre o mês)
(Estacas pré moldadas)
(Laje alveolar sendo cortada)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Visita pré fabricar

317 visualizações

Publicada em

VISITA A PRÉ FABRICAR - IBIRAMA

Publicada em: Engenharia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
317
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Visita pré fabricar

  1. 1. RELATÓRIO DE VISITA A INDÚSTRIA PRÉ FABRICAR Gabriela Fronza Zluhan Profa. Eliete Auxiliadora Assunção Ourives Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI Faculdade Metropolitana de Rio do Sul – FAMESUL Graduação em Engenharia Civil 16/16/2015
  2. 2. A empresa foi fundada em 02 de maio de 2002 e conta com instalações situadas em IBIRAMA –SC, às margens da Rodovia BR 470 no KM 125. Hoje a Pré Fabricar é constituída por duas empresa, a Pré-Fabricar Construções e Pré Fabricar Concretos, num parque industrial de 20.330m2. Juntas, produzem cerca de 100.000m3 de estruturas armadas, protendidas e concreto usinado por ano, em um moderno parque fabril, dotado de tecnologia atualizada e profissionais habilitados para execução da obra. Neste ano de 2015 foi atingido a marca de dois milhões e meio de metros quadrados de construções, totalizando 1800 obras em 13 anos de existência. Seus produtos são estacas protendidas, pilares, pilares emendado, escadas, Lages alveolares, lajes PII, produzidas tanto em concreto armado, quanto em concreto protendido, painel alveolar, painel de ventilação, painel system, vigas “T” protendidas, vigas “I” protendidas; Terças “T” protendidas, terças “I” protendidas. Produzem também concreto usinado, que serve para concretagem de Lajes, vigas, pilares, sapatas, estadas e argamassa para aceitamentoe rebococomvida útil parauso de até 72 horas. Neste ano adquiriu uma máquina italiana, Euro 25, estribadeira-dobradeira bidirecional para ferros em bobina de Ø 10 a Ø 25 mm (ou duplo diâmetro 20mm). As duas cabeças de dobra permitem a produção de estribos ou moldes também com dobras nas duas extremidades. A versão ‘a ponte’ pode abrigar um carro móvel situado abaixo da máquina para a coleta e classificação das peças produzidas. Equipada com grupo de inserção de fio, corretor de rotação ferro (ANTI TWIST) e Tecnologia Sapiens que automatiza totalmente o sistema de endireitamento. Arraste patenteado que permite oavançoindependente de 1ou2 fios. (Eura 25)
  3. 3. A segunda maquina que acompanhamos vimos as dobras para estribos, trabalha com aço 4,2 até 8mm, aplicando dobra nos mais diversos tipos de estribos. Em seguida vimos a solda por eletrofusão ( o aço se funde através do calor) assim podendo soldar estribo com armadura, podendo retribuir com mais resistência e fazendo que que o vão de armadura seja maior. Nas figuras abaixo podemos observar que no lugar de isopor é colocado ferro de consolonasvigas. (Maquina onde é feito a eletrofusão e mostra os ferros de consolo) O cobrimento é respeitado em 2,5cm com expansor normal podendo chegar até 5cm conforme a necessidade. (Foto do expansor ultilizado com 2,5cm)
  4. 4. (Setor onde é produzida toda a parte de concretagem) (Espaço onde é fabricado a viga protendida)
  5. 5. (Viga protendida sendo executada.) (Vigas “T” protendida.)
  6. 6. (Identificação das vigas.) (Setor onde é produzida toda a parte de concretagem)
  7. 7. (Placas pré-moldadas) (Placa de informações da produção sobre o mês)
  8. 8. (Estacas pré moldadas) (Laje alveolar sendo cortada)

×