O fascismo

15.052 visualizações

Publicada em

Trabalho efectuado nas aulas de história

1 comentário
7 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.052
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
98
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O fascismo

  1. 1. PEQUENA HISTÓRIA DO FASCISMO E DO NAZISMO
  2. 2. <ul><li>A SUBIDA AO PODER DA EXTREMA DIREITA NA EUROPA </li></ul>
  3. 3. A SUBIDA AO PODER DA EXTREMA DIREITA <ul><li>CRISE DAS DEMOCRACIAS CLÁSSICAS </li></ul><ul><li>DESENVOLVIMENTO DE FORÇAS DE CARIZ AUTORITÁRIO </li></ul><ul><li>O TERMO QUE DESIGNA ESSAS FORÇAS TEM A SUA ORIGEM NA EXPERIÊNCIA POLÍTICA ITALIANA : TOMARAM O NOME DE FASCIO AS ASSOCIAÇÕES COMPOSTAS POR ANTIGOS COMBATENTES FORMADOS A SEGUIR À GUERRA E CONQUISTARAM O PODER EM 1922. O NOME ALARGA-SE DA ORGANIZAÇÃO AO REGIME, DENOMINANDO-SE ENTÃO DE FASCISMO. </li></ul>
  4. 4. <ul><li>NA ALEMANHA O NACIONAL SOCIALISMO SURGE JÁ CONSTITUIDO, A SUA IDEOLOGIA É ANTERIOR AO MOVIMENTO. DESDE 1923 QUE HITLER DISPÕE DO SEU CORPO DOUTRINÁRIO FORMULADO NO MEIN KAMPF ( SÓ A 30 DE NOVEMBRO DE 1933 ASCENDE AO PODER) </li></ul><ul><li>O FASCISMO É UM PROTESTO DO INSTINTO, É UM CONJUNTO DE ASPIRAÇÕES, POUCO RACIONAL, É UM MOVIMENTO PRAGMÁTICO QUE PÕE A TÓNICA NA EFICÁCIA, NOS VALORES DA ACÇÃO. O FASCISMO ITALIANO SÓ SE DEFINE DEPOIS DA TOMADA DO PODER. O FASCISMO É UM COMBATE. </li></ul>
  5. 5. PORQUE TEM SUCESSO A EXTREMA DIREITA? <ul><li>DIFICULDADES ECONÓMICAS APÓS A GUERRA </li></ul><ul><li>- DESEMPREGO </li></ul><ul><li>- BAIXO NÍVEL DE VIDA </li></ul><ul><li>FLORESCIMENTO DOS SINDICATOS OPERÁRIOS, APARECIMENTO DE PARTIDOS DE ESQUERDA ( A BURGUESIA PASSOU A APOIAR A EXTREMA DIREITA) </li></ul>
  6. 6. OS MEIOS UTILIZADOS <ul><li>A VIOLÊNCIA CONTRA OS PARTIDOS E SINDICATOS DE ESQUERDA (APARECIMENTO DAS MILÍCIAS ARMADAS) </li></ul><ul><li>A PROPAGANDA COM O FIM DE CONQUISTAR ADEPTOS </li></ul>
  7. 7. O QUE É O FASCISMO <ul><li>FASCISMO - SISTEMA DE GOVERNO SEMELHANTE AO DE MUSSOLINI, EXALTA A NAÇÃO E MUITAS VEZES A RAÇA ACIMA DO INDIVÍDUO, EMBORA DE FORMA NÃO TÃO EXPLÍCITA COMO NO NAZISMO, USA DA VIOLÊNCIA, DE MODERNAS TÉCNICAS DE PROPAGANDA E CENSURA PARA SUPRIMIR PELA FORÇA A OPOSIÇÃO POLÍTICA, EMPREGA UMA ARREGIMENTAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL SEVERA, E SUSTENTA O NACIONALISMO E POR VEZES A XENOFOBIA (NACIONALISMO ÉTNICO), TENDO EM CONTA QUE SE PRIVILEGIA PREFERENCIALMENTE OS NASCIDOS NO PRÓPRIO PAÍS, DESENVOLVENDO-SE DESSA FORMA UMA CERTA APATIA PARA COM OS IMIGRANTES. </li></ul>
  8. 8. CARACTERÍSTICAS DO FASCISMO <ul><li>COMBATE AO SOCIALISMO E COMUNISMO </li></ul><ul><li>REJEIÇÃO DO PARLAMENTARISMO </li></ul><ul><li>DESPREZO PELA LIBERDADE INDIVIDUAL </li></ul><ul><li>ULTRANACIONALISMO </li></ul><ul><li>ENALTECIMENTO DO CHEFE ( A PALAVRA FASCISMO DERIVA DE 'FASCES LICTORIS' (LATIM) OU DE 'FASCIO LITTORIO' (ITALIANO). TRATA-SE DE UMA ESPÉCIE DE CILINDRO, COMPOSTO DE UM FEIXE DE VARAS LIGADAS À VOLTA DE UM MACHADO. SIMBOLIZA A FORÇA DA UNIÃO EM TORNO DO CHEFE) </li></ul><ul><li>EXISTÊNCIA DE UM PARTIDO ÚNICO </li></ul><ul><li>CORPORATIVISMO </li></ul>
  9. 9. SUBIDA AO PODER DE MUSSOLINI
  10. 10. A TOMADA DO PODER E O SEU EXERCÍCIO <ul><li>TOMADA DO PODER APOIADO POR INDUSTRIAIS E PROPRIETÁRIOS, TENDO POR BASE O PARTIDO NACIONAL FASCISTA </li></ul><ul><li>DISPUNHA DE MILÍCIAS ARMADAS “OS CAMISAS NEGRAS” </li></ul><ul><li>USAVA DE VIOLÊNCIA CONTRA OS SEUS INIMIGOS </li></ul><ul><li>EM 1922, O REI DE ITÁLIA VÍTOR MANUEL III CONFIA A BENITO MUSSOLINI O GOVERNO. </li></ul><ul><li>EM 1924 REALIZAM-SE ELEIÇÕES E ATRAVÉS DE FRAUDES E VIOLÊNCIA CONQUISTA O PODER ABSOLUTO DE ITÁLIA </li></ul>
  11. 11. <ul><li>PROIBIÇÃO DE TODA A OPOSIÇÃO EXCEPTUANDO-SE O PARTIDO NACIONAL FASCISTA </li></ul><ul><li>INSTITUIÇÃO DA POLÍCIA POLÍTICA </li></ul><ul><li>IMPOSIÇÃO DA CENSURA </li></ul><ul><li>PROIBIÇÃO DAS GREVES E SUBSTITUIÇÃO DOS SINDICATOS PELAS CORPORAÇÕES </li></ul><ul><li>DOUTRINADAMENTO DA AJUVENTUDE NO SENTIDO DA DISCIPLINA E DA OBEDIÊNCIA EM ORGANIZAÇÕES DE CARIZ MILITAR </li></ul><ul><li>POLÍTICA EXTERNA DE CARACTERÍSTICAS IMPERIALISTAS </li></ul><ul><li>CONQUISTA DA ETIÓPIA, E INTERVENÇÃO NA GUERRA CIVIL DE ESPANHA AO LADO DOS NACIONALISTAS DE FRANCO EM 1936 </li></ul><ul><li>ALINHAMENTO AO LADO DA ALEMANHA NAZI NA II GUERRA MUNDIAL. </li></ul>
  12. 12. <ul><li>(PARADOXALMENTE A ITÁLIA, PAÍS VENCEDOR DA 1º GUERRA MUNDIAL, ALINHA COM A ALEMANHA PORQUE POR UM LADO FOI RELEGADA PARA UM PAPEL SEGUNDÁRIO NOS TRATADOS DE PÓS GUERRA, E POR OUTRO TER SEMPRE CRITICADO A FORMA COMO SE ESBANJAVA OS RECURSOS DISPONÍVEIS PARA A RECONSTRUÇÃO EUROPEIA – esta situação foi plenamente aproveitada pela propaganda de extrema direita) </li></ul>
  13. 13. O QUE É O NAZISMO? <ul><li>O Nazismo ou o Nacional Socialismo é a política da ditadura que governou a Alemanha de 1933 a 1945. O nazismo é frequentemente associado ao fascismo , embora os nazistas dissessem praticar uma forma nacionalista e totalitária de socialismo (oposta ao socialismo internacional marxista). </li></ul><ul><li>FUNDADO NO RACISMO </li></ul><ul><li>O ANTISEMITISMO UMA REGRA A CUMPRIR (ESTE CONCEITO LEVOU AO EXTERMÍNIO DE MILHÕES DE JUDEUS) </li></ul><ul><li>A IDEIA DE “ESPAÇO VITAL” NUMA LÓGICA EXPANSIONISTA LEVOU A ALEMANHA À GUERRA NO INTUITO DE CONQUISTA DE NOVOS TERRITÓRIOS. </li></ul>
  14. 14. A IMPLANTAÇÃO DO NAZISMO NA ALEMANHA <ul><li>APÓS A DERROTA NA I GRANDE GUERRA ESTABELECEU-SE NA ALEMANHA A REPÚBLICA DE WEIMAR </li></ul><ul><li>OS ALEMÃES SENTIRAM-SE HUMILHADOS COM TRATADO DE VERSALHES </li></ul><ul><li>A SITUAÇÃO ECONÓMICA ERA GRAVE </li></ul><ul><li>A INFLAÇÃO GALOPANTE </li></ul><ul><li>AS FALÊNCIAS EM SÉRIE </li></ul><ul><li>MUITOS CULPAVAM OS PARTIDOS </li></ul><ul><li>COMUNISTAS E PRINCIPALMENTE OS NACIONAL SOCIALISTAS (HITLER ERA O SEU LÍDER) ESTAVAM NA LINHA DA FRENTE DESTAS ACUSAÇÕES </li></ul>
  15. 15. <ul><li>MUITOS ALEMÃES ACREDITAVAM NAS PROMESSAS DE HITLER NÃO SÓ PARA A RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS ECONÓMICOS MAS TAMBÉM PARA BARRAR O CRESCIMENTO DO PARTIDO COMUNISTA </li></ul>
  16. 16. A SUBIDA DE HITLER AO PODER
  17. 17. <ul><li>HITLER ASCENDE AO PODER COM O APOIO DE GRANDES INDUSTRIAIS </li></ul><ul><li>A PROPAGANDA FOI UM MEIO PODEROSO </li></ul><ul><li>A VIOLÊNCIA UMA IMAGEM DE MARCA DAS MILÍCIAS ARMADAS (“SA” E “SS”) CONTRA OS SEUS INIMIGOS </li></ul><ul><li>EM 1932 HITLER TOMA O PODER EM ELEIÇÕES DEMOCRÁTICAS </li></ul><ul><li>INSTALADO NO PODER INSTITUI UM GOVERNO ANTIDEMOCRÁTICO DE PARTIDO ÚNICO, A PARTIR DE 1934 HITLER ACUMULA OS CARGOS DE PRESIDENTE DA REPÚBLICA E DE CHANCELER </li></ul><ul><li>PARA VER UM DISCURSO DE HITLER AOS JOVENS ALEMÃES CLIQUE AQUI </li></ul><ul><li>PARA VER UM EXEMPLO DE PROPAGANDA NAZI CLIQUE AQUI </li></ul><ul><li>PARA VER UM DISCURSO DE HITLER SOBRE A PROPAGANDA NAZI CLIQUE AQUI </li></ul>
  18. 18. O TOTALITARISMO NAZISTA <ul><li>O ESTADO DETINHA O PODER ABSOLUTO </li></ul><ul><li>HITLER ERA TODO PODEROSO </li></ul><ul><li>A PROPAGANDA E O TERROR DOMINAVAM (GESTAPO E “SS”) </li></ul><ul><li>OS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO ERAM UMA REALIDADE DONDE POUCOS REGRESSAVAM </li></ul><ul><li>PARTIDOS POLÍTICOS, SINDICATOS E GREVES COMPLETAMENTE ABOLIDOS </li></ul><ul><li>A JUVENTUDE HITLERIANA DESTINADA AO DOUTRINAMENTO DOS JOVENS (OBEDIÊNCIA E CULTO PELO CHEFE) </li></ul><ul><li>ECONOMICAMENTE A ALEMANHA SEGUIU O PRINCÍPIO DA AUTO-SUFICIÊNCIA </li></ul>

×