Escatologia do antigo testamento

1.288 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.288
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
86
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Escatologia do antigo testamento

  1. 1. Escatologia doAntigo Testamento FONTE http://www.igrejasementeda vida.com.br/docs/escatologi a5/aula01.html
  2. 2. • I- Introdução: Queridos irmãos; nesta aula estaremos falando sobre a escatologia no Antigo Testamento, entretanto, para que possamos entender o assunto da nossa aula, bem como o da próxima, é necessário falarmos um pouquinho sobre a profecia Bíblica.
  3. 3. • Podemos dizer que “Profecia” é a mensagem de Deus; a Palavra do Senhor escrita ou expressa verbalmente sob a inspiração divina do Espírito Santo. A profecia declara os propósitos de Deus; e não apenas se refere ao futuro, mas também admoesta ou reprova o iníquo, consola e exorta os santos e refere-se à vontade de Deus. A profecia revela coisas escondidas, especialmente pelo prenunciar dos eventos futuros.
  4. 4. • Podemos observar ainda de forma clara a diferença entre o Antigo Testamento e o Novo Testamento na forma que Deus trata a profecia revelada a Daniel e a João no Apocalipse.•
  5. 5. • Para Daniel, o Senhor disse: Daniel 12:4  “Tu, porém, Daniel, encerra as palavras e sela o livro, até ao tempo do fim; muitos o esquadrinharão, e o saber se multiplicará.”. Para João, o Senhor disse: Apocalipse 22:10 “Disse-me ainda: Não seles as palavras da profecia deste livro, porque o tempo está próximo.”
  6. 6. • Porque devemos então estudar as profecias do Antigo Testamento? Simples: 1º - Ensino e exemplo para a Igreja (I Co 10.11,12). 2º - Esclarecem o plano de Deus em relação a Israel e a Igreja, mostrando o papel de cada um e a diferença das promessas feitas a Israel e a Igreja. 3º-  Mostram a soberania e a fidelidade de Deus.
  7. 7. • 4º - A observação dos textos proféticos do Antigo Testamento serve de ânimo e consolo para a nossa alma, pois se muitas promessas de Deus já se cumpriram com exatidão, certamente que as restantes também se cumprirão a seu tempo. 5º-  Revelam que o desfecho de todas as coisas ocorrerá em breve. 
  8. 8. • - O teor escatológico da profecia do Antigo Testamento Os profetas falaram sobre a vinda do Messias, sua obra, sua morte expiatória, sua ressurreição e o seu reino. Quanto a Israel; eles profetizaram sobre a apostasia da nação, o cativeiro, o retorno, a dispersão, o ressurgimento da nação e a sua futura conversão e posição no reino de Cristo.
  9. 9. • Podemos concluir, portanto, que os textos escatológicos do Antigo Testamento se referem literalmente a Israel e ao reino milenar de Cristo, embora possamos, em termos práticos, aplicar vários textos a Igreja. Exemplo: Em Isaías 55.1-13, o Senhor convida Israel a tomar parte da sua graça maravilhosa, ele chama a nação ao arrependimento
  10. 10. • - A escatologia do Antigo Testamento (Analisando alguns textos do Antigo Testamento)• A)- Muitas profecias se cumpriram em relação a vinda do Messias; selecionei alguns textos:
  11. 11. • • Gn 3.15- Seria um homem, ou seja, um homem venceria a Satanás!• Gn 49.9-12- Viria da tribo de Judá. Sl 1.1, 8.4-6, 16.10, 22.7-8 Seu sofrimento na cruz e o resultado de sua morte.• Is 7.14- Nasceria de uma virgem
  12. 12. • Is 11.1,2- Descendente de Davi e habitará nele a plenitude de Deus• Is 9.1,2- Seu ministério na Galiléia• Is 9.6- Seria entregue pelo Pai. Sua humanidade, filiação divina e autoridade, reveladas através do seu nome poderoso.• Is 52.13-15; 53.1-12; 61.1-3- Sua obra Obs: O texto de Is 61.1-3 foi lido pelo próprio Senhor em uma sinagoga de Nazaré (Lc 4.16-21).• Mq 5.2- Nasceria em Belém• Zc 9.9- A entrada triunfal do rei em Jerusalém
  13. 13. • Zc 11.12,13- A traição• O Messias viria para Israel, mas seria rejeitado. Pelos pactos feitos por Deus com Abraão e Davi, sabemos que o reino do Messias precisa acontecer, entretanto Israel necessita ser purificado das suas iniqüidades primeiramente. As profecias tratam do agir de Deus em relação ao seu povo até a conversão e restauração do mesmo.
  14. 14. • O seu reino milenar foi profetizado, bem como a restauração final de Israel:• Is 11.1-10; 65.17-25- Neste reino não haverá mal algum. Jesus reinará e o seu reino será justo. A ferocidade dos animais será retirada, a Terra será reconstruída e Jerusalém será a capital das nações; quem praticar o mal morrerá, visto que não poderá haver mal algum no seu reino; os homens terão a “idade das árvores
  15. 15. • Is 66.7-9- Criação do Estado de Israel (cumpriu-se em 1948).• Ez 37.1-10-A restauração espiritual de Israel em duas fases. Primeiramente o retorno e ressurgimento da nação, porém sem vida espiritual (já aconteceu). v.1-8 Depois a restauração espiritual; a plenitude do Espírito será dada também aos judeus. v.9,10
  16. 16. • Obs: Entre os versículos 8 e 9 encaixa- se o arrebatamento da igreja e a tribulação para Israel, quando serão purificados os judeus para que se convertam e recebam a plenitude do Espírito.
  17. 17. • Zc 8.22,23- Israel será a principal nação da Terra.• Zc 9.16, 10.6,9,10- Salvação, retorno e restauração de Israel.• Zc 12.1-14- Armagedom, volta de Jesus e arrependimento de Israel.• Zc 13.8,9- Purificação na tribulação, salvação do remanescente e arrependimento.• Zc 14.1-21- Tribulação, volta de Jesus e milênio
  18. 18. • C)- O texto de Joel 2.28-32 Deixei este texto por último para mostrar aos amados como realmente as profecias escatológicas no Antigo Testamento se referiam à Israel. Muitos usam esta passagem como se o profeta estivesse se dirigindo à Igreja; na verdade ela se aplica em parte à Igreja, no entanto, literalmente e na íntegra, o texto é dirigido à Israel.
  19. 19. • Joel estava profetizando para Israel, basta olhar o contexto inteiro do livro. O livro fala sobre o arrependimento nacional e as bênçãos decorrentes deste arrependimento. O derramamento do Espírito viria sobre a nação de Israel. Repare que este derramamento é acompanhado de sinais (v.30,31) e está ligado a volta do Senhor e ao arrependimento de Israel (v. 32).
  20. 20. • Quando Pedro cita esta passagem em At 2.15,16 referindo-se ao Pentecostes, ele está querendo dizer o seguinte: Isto que vocês estão presenciando é o que foi dito que seria dado a vocês, o Espírito foi concedido aos gentios que creram em Jesus; este era o Messias prometido a Israel, entretanto vocês o rejeitaram, portanto a plenitude do Espírito que foi dita por Joel veio primeiramente sobre a Igreja e não sobre vocês.
  21. 21. • Somente através de Jesus podemos obter o perdão dos pecados e recebermos a plenitude do Espírito Santo. Israel somente receberá a plenitude após o arrebatamento da Igreja, esta plenitude será antecedida de muitas lutas, acompanhada de sinais e da volta do Senhor.
  22. 22. • A escatologia do Antigo Testamento tem como alvo principal a nação de Israel. Os profetas falaram sobre a vinda do rei (Jesus), seu nascimento, obra, morte, ressurreição e reino. Falaram sobre os planos de Deus para com Israel e o futuro arrependimento e restauração da nação; mostraram Israel como cabeça das nações no reino do Messias e a plenitude do Espírito sendo derramada
  23. 23. • PRÓXIMA AULA FALAREMOS SOBRE DANIEL.

×