SlideShare uma empresa Scribd logo
Estudo de novembro 2011   www.forumespirita.net
Compreendermos     através
a justiça divina   das
                   aflições
   Por que uns sofrem mais que os outros?
   Por que uns nascem na miséria e outros na
    opulência, sem coisa alguma haverem feito
    que justifique essas posições?
   Por que os bens e males, estão desigualmente
    repartidos entre o vício e a virtude?
   Por que os homens virtuosos sofrem ao lado
    dos maus que prosperam?
3- Justiça das aflições
Somente na vida futura podem efetivar-se as
compensações que Jesus promete aos
aflitos da Terra
Mesmo com essa certeza, dificilmente
se compreende a conveniência de
sofrer para ser feliz. E, dizem, para se
ter maior mérito.
e outros na opulência?
                              Por que nascem uns na miséria?




 sem coisa alguma haverem feito que justifique essas posições?
Todavia, o que ainda menos se compreende é que
os bens e males, sejam tão desigualmente
repartidos entre..

O vicio             e           A virtude
,
Por meio dos ensinos de Jesus, Deus
pôs os homens na direção dessa
causa, e hoje, julgando-os
suficientemente maduros para
compreendê-la, lhes revela
completamente a aludida causa, por
meio do Espiritismo,



isto é, pela palavra dos Espíritos
.
Justica das aflicoes
Justica das aflicoes

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A dor na nossa evolução
A dor na nossa evoluçãoA dor na nossa evolução
A dor na nossa evolução
Izabel Cristina Fonseca
 
Evangeliza - Infortúnios Ocultos
Evangeliza - Infortúnios OcultosEvangeliza - Infortúnios Ocultos
Evangeliza - Infortúnios Ocultos
Antonino Silva
 
A piedade
A piedadeA piedade
A piedade
Dalila Melo
 
ReconciliaçãO Com Os AdversáRios
ReconciliaçãO Com Os AdversáRiosReconciliaçãO Com Os AdversáRios
ReconciliaçãO Com Os AdversáRios
Grupo Espírita Cristão
 
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dorTormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Danilo Galvão
 
O CARÁTER EDUCATIVO DA DOR
O CARÁTER EDUCATIVO DA DORO CARÁTER EDUCATIVO DA DOR
O CARÁTER EDUCATIVO DA DOR
Jorge Luiz dos Santos
 
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
RobertoAilton
 
A afabilidade e a Doçura
A afabilidade e a DoçuraA afabilidade e a Doçura
A afabilidade e a Doçura
igmateus
 
Apresentação do Esde
Apresentação do Esde Apresentação do Esde
Apresentação do Esde
Edna Costa
 
Aula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de Espiritismo
Aula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de EspiritismoAula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de Espiritismo
Aula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de Espiritismo
liliancostadias
 
Finalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãOFinalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãO
Grupo Espírita Cristão
 
Palestra Espírita - A caridade material e a caridade moral
Palestra Espírita - A caridade material e a caridade moralPalestra Espírita - A caridade material e a caridade moral
Palestra Espírita - A caridade material e a caridade moral
Divulgador do Espiritismo
 
Pecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultérioPecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultério
Lorena Dias
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Marcos Antônio Alves
 
Mundos de Regeneração
Mundos de RegeneraçãoMundos de Regeneração
Mundos de Regeneração
Leonardo Araújo
 
Alegria de Viver
Alegria de Viver Alegria de Viver
Alegria de Viver
Ricardo Azevedo
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
Izabel Cristina Fonseca
 
O maior mandamento
O maior mandamentoO maior mandamento
O maior mandamento
Lorena Dias
 
O Poder da Fé
O Poder da FéO Poder da Fé
O Poder da Fé
igmateus
 

Mais procurados (20)

A dor na nossa evolução
A dor na nossa evoluçãoA dor na nossa evolução
A dor na nossa evolução
 
Evangeliza - Infortúnios Ocultos
Evangeliza - Infortúnios OcultosEvangeliza - Infortúnios Ocultos
Evangeliza - Infortúnios Ocultos
 
A piedade
A piedadeA piedade
A piedade
 
ReconciliaçãO Com Os AdversáRios
ReconciliaçãO Com Os AdversáRiosReconciliaçãO Com Os AdversáRios
ReconciliaçãO Com Os AdversáRios
 
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dorTormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dor
 
O CARÁTER EDUCATIVO DA DOR
O CARÁTER EDUCATIVO DA DORO CARÁTER EDUCATIVO DA DOR
O CARÁTER EDUCATIVO DA DOR
 
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
A lei de amor (ESE, Cap XI, item 8)
 
A afabilidade e a Doçura
A afabilidade e a DoçuraA afabilidade e a Doçura
A afabilidade e a Doçura
 
Apresentação do Esde
Apresentação do Esde Apresentação do Esde
Apresentação do Esde
 
Aula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de Espiritismo
Aula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de EspiritismoAula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de Espiritismo
Aula 15_Lei de Causa e Efeito_Curso Básico de Espiritismo
 
Finalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãOFinalidade Da EncarnaçãO
Finalidade Da EncarnaçãO
 
Palestra Espírita - A caridade material e a caridade moral
Palestra Espírita - A caridade material e a caridade moralPalestra Espírita - A caridade material e a caridade moral
Palestra Espírita - A caridade material e a caridade moral
 
Pecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultérioPecado por pensamento e adultério
Pecado por pensamento e adultério
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
 
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
Ressurreição e Reencarnação (Palestra Espírita)
 
Mundos de Regeneração
Mundos de RegeneraçãoMundos de Regeneração
Mundos de Regeneração
 
Alegria de Viver
Alegria de Viver Alegria de Viver
Alegria de Viver
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
 
O maior mandamento
O maior mandamentoO maior mandamento
O maior mandamento
 
O Poder da Fé
O Poder da FéO Poder da Fé
O Poder da Fé
 

Destaque

Causas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshareCausas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshare
Almir Silva
 
Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ
Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ
Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ
Danilo Galvão
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
Eduardo Ottonelli Pithan
 
Bem aventurados os aflitos!
Bem aventurados os aflitos! Bem aventurados os aflitos!
Bem aventurados os aflitos!
Leonardo Pereira
 
Causas anteriores das aflições
Causas anteriores das afliçõesCausas anteriores das aflições
Causas anteriores das aflições
Marcos Antônio Alves
 
Palestra Espírita - Lei de amor
Palestra Espírita - Lei de amorPalestra Espírita - Lei de amor
Palestra Espírita - Lei de amor
Divulgador do Espiritismo
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
Luciane Belchior
 
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrerPalestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Divulgador do Espiritismo
 

Destaque (8)

Causas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshareCausas das aflições slideshare
Causas das aflições slideshare
 
Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ
Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ
Causas anteriores das aflições - palestra espírita - Danilo Galvão SAJ
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
 
Bem aventurados os aflitos!
Bem aventurados os aflitos! Bem aventurados os aflitos!
Bem aventurados os aflitos!
 
Causas anteriores das aflições
Causas anteriores das afliçõesCausas anteriores das aflições
Causas anteriores das aflições
 
Palestra Espírita - Lei de amor
Palestra Espírita - Lei de amorPalestra Espírita - Lei de amor
Palestra Espírita - Lei de amor
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
 
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrerPalestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
 

Semelhante a Justica das aflicoes

16 Doenças e Desequilíbrios no Lar
16 Doenças e Desequilíbrios no Lar16 Doenças e Desequilíbrios no Lar
16 Doenças e Desequilíbrios no Lar
JPS Junior
 
Por que comigo
Por que comigoPor que comigo
Por que comigo
Lisete B.
 
Bem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptx
Bem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptxBem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptx
Bem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptx
LeonardoGuedes42
 
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Leonardo Pereira
 
Sermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdfSermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdf
M.R.L
 
Vencendo as ilusões da matéria
Vencendo as ilusões da matériaVencendo as ilusões da matéria
Vencendo as ilusões da matéria
Helio Cruz
 
Spinoza
Spinoza Spinoza
Spinoza
grupodepais
 
Evangelho Cap. 5 - Bem aventurados os Aflitos
Evangelho Cap. 5 - Bem aventurados os AflitosEvangelho Cap. 5 - Bem aventurados os Aflitos
Evangelho Cap. 5 - Bem aventurados os Aflitos
Patricia Farias
 
A dor.pptx
A dor.pptxA dor.pptx
A dor.pptx
M.R.L
 
Da lei de igualdade
Da lei de igualdadeDa lei de igualdade
Da lei de igualdade
Helio Cruz
 
Penas E Gozos Terrenos
Penas E  Gozos  TerrenosPenas E  Gozos  Terrenos
Penas E Gozos Terrenos
meebpeixotinho
 
2.4.4 Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos
2.4.4   Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos2.4.4   Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos
2.4.4 Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos
Marta Gomes
 
Motivos de resignação
Motivos de resignaçãoMotivos de resignação
Motivos de resignação
Ponte de Luz ASEC
 
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.pptA Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
EdsonAguiar30
 
O homem a caminho da evolução
O homem a caminho da evoluçãoO homem a caminho da evolução
O homem a caminho da evolução
Helio Cruz
 
Idiotismo, Loucura
Idiotismo, LoucuraIdiotismo, Loucura
Idiotismo, Loucura
Sergio Menezes
 
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos OutrosSérie Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Ricardo Azevedo
 
Estudos do evangelho 5
Estudos do evangelho 5Estudos do evangelho 5
Estudos do evangelho 5
Leonardo Pereira
 
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
Núcleo de Promoção Humana Vinha de Luz
 
O porque da dor!!!
O porque da dor!!!O porque da dor!!!
O porque da dor!!!
Izabel Cristina Fonseca
 

Semelhante a Justica das aflicoes (20)

16 Doenças e Desequilíbrios no Lar
16 Doenças e Desequilíbrios no Lar16 Doenças e Desequilíbrios no Lar
16 Doenças e Desequilíbrios no Lar
 
Por que comigo
Por que comigoPor que comigo
Por que comigo
 
Bem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptx
Bem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptxBem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptx
Bem_Mal_Sofrer_03_JUN_2023.pptx
 
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
Estudos do evangelho - Bem Aventurados os Aflitos
 
Sermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdfSermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdf
 
Vencendo as ilusões da matéria
Vencendo as ilusões da matériaVencendo as ilusões da matéria
Vencendo as ilusões da matéria
 
Spinoza
Spinoza Spinoza
Spinoza
 
Evangelho Cap. 5 - Bem aventurados os Aflitos
Evangelho Cap. 5 - Bem aventurados os AflitosEvangelho Cap. 5 - Bem aventurados os Aflitos
Evangelho Cap. 5 - Bem aventurados os Aflitos
 
A dor.pptx
A dor.pptxA dor.pptx
A dor.pptx
 
Da lei de igualdade
Da lei de igualdadeDa lei de igualdade
Da lei de igualdade
 
Penas E Gozos Terrenos
Penas E  Gozos  TerrenosPenas E  Gozos  Terrenos
Penas E Gozos Terrenos
 
2.4.4 Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos
2.4.4   Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos2.4.4   Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos
2.4.4 Destino das criancas depois da morte - sexo nos espiritos
 
Motivos de resignação
Motivos de resignaçãoMotivos de resignação
Motivos de resignação
 
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.pptA Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
A Felicidade, As Leis Divinas e A Reforma Íntima.ppt
 
O homem a caminho da evolução
O homem a caminho da evoluçãoO homem a caminho da evolução
O homem a caminho da evolução
 
Idiotismo, Loucura
Idiotismo, LoucuraIdiotismo, Loucura
Idiotismo, Loucura
 
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos OutrosSérie Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
Série Evangelho no Lar - Cap. 43 - Problema dos Outros
 
Estudos do evangelho 5
Estudos do evangelho 5Estudos do evangelho 5
Estudos do evangelho 5
 
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
ESDE - Roteiro complementar. Módulo I, roteiro 5: sorte das crianças depois d...
 
O porque da dor!!!
O porque da dor!!!O porque da dor!!!
O porque da dor!!!
 

Mais de Fórum Espírita

+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais
Fórum Espírita
 
Estudo mensal amais os vossos inimigos
Estudo mensal amais os vossos inimigosEstudo mensal amais os vossos inimigos
Estudo mensal amais os vossos inimigos
Fórum Espírita
 
Estudo mensal orai e vigiai
Estudo mensal orai e vigiaiEstudo mensal orai e vigiai
Estudo mensal orai e vigiai
Fórum Espírita
 
Estudo mensal vida espirita
Estudo mensal vida espiritaEstudo mensal vida espirita
Estudo mensal vida espirita
Fórum Espírita
 
Processo reencarnatório
Processo reencarnatórioProcesso reencarnatório
Processo reencarnatório
Fórum Espírita
 
Meu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundoMeu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundo
Fórum Espírita
 
Estudo Espírita
Estudo EspíritaEstudo Espírita
Estudo Espírita
Fórum Espírita
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
Fórum Espírita
 
Transicao
TransicaoTransicao
Transicao
Fórum Espírita
 
Livre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.net
Livre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.netLivre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.net
Livre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.net
Fórum Espírita
 
A divina aventura do espírito na matéria
A divina aventura do espírito na matériaA divina aventura do espírito na matéria
A divina aventura do espírito na matéria
Fórum Espírita
 
Paixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita net
Paixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita netPaixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita net
Paixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita net
Fórum Espírita
 
Vacina contra depressão
Vacina contra depressãoVacina contra depressão
Vacina contra depressão
Fórum Espírita
 
Espiritismo
EspiritismoEspiritismo
Espiritismo
Fórum Espírita
 
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho  reforma íntima www forumespirita netEstudo junho  reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
Fórum Espírita
 
Indulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.netIndulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.net
Fórum Espírita
 
Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo   música espírita - www.forumespirita.net - webEstudo   música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
Fórum Espírita
 
Homossexualismo
HomossexualismoHomossexualismo
Homossexualismo
Fórum Espírita
 
Homossexualismo
HomossexualismoHomossexualismo
Homossexualismo
Fórum Espírita
 
Pluralidade Dos Mundos Habitados
Pluralidade Dos Mundos HabitadosPluralidade Dos Mundos Habitados
Pluralidade Dos Mundos Habitados
Fórum Espírita
 

Mais de Fórum Espírita (20)

+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais+Amor.um pedido dosanimais
+Amor.um pedido dosanimais
 
Estudo mensal amais os vossos inimigos
Estudo mensal amais os vossos inimigosEstudo mensal amais os vossos inimigos
Estudo mensal amais os vossos inimigos
 
Estudo mensal orai e vigiai
Estudo mensal orai e vigiaiEstudo mensal orai e vigiai
Estudo mensal orai e vigiai
 
Estudo mensal vida espirita
Estudo mensal vida espiritaEstudo mensal vida espirita
Estudo mensal vida espirita
 
Processo reencarnatório
Processo reencarnatórioProcesso reencarnatório
Processo reencarnatório
 
Meu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundoMeu reino não é deste mundo
Meu reino não é deste mundo
 
Estudo Espírita
Estudo EspíritaEstudo Espírita
Estudo Espírita
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
 
Transicao
TransicaoTransicao
Transicao
 
Livre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.net
Livre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.netLivre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.net
Livre arbitrio estudo mensal www.forumespirita.net
 
A divina aventura do espírito na matéria
A divina aventura do espírito na matériaA divina aventura do espírito na matéria
A divina aventura do espírito na matéria
 
Paixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita net
Paixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita netPaixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita net
Paixões - Estudo agosto 2011 www forumespirita net
 
Vacina contra depressão
Vacina contra depressãoVacina contra depressão
Vacina contra depressão
 
Espiritismo
EspiritismoEspiritismo
Espiritismo
 
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho  reforma íntima www forumespirita netEstudo junho  reforma íntima www forumespirita net
Estudo junho reforma íntima www forumespirita net
 
Indulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.netIndulgencia www.forumespirita.net
Indulgencia www.forumespirita.net
 
Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo   música espírita - www.forumespirita.net - webEstudo   música espírita - www.forumespirita.net - web
Estudo música espírita - www.forumespirita.net - web
 
Homossexualismo
HomossexualismoHomossexualismo
Homossexualismo
 
Homossexualismo
HomossexualismoHomossexualismo
Homossexualismo
 
Pluralidade Dos Mundos Habitados
Pluralidade Dos Mundos HabitadosPluralidade Dos Mundos Habitados
Pluralidade Dos Mundos Habitados
 

Último

MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Lourhana
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
ESCRIBA DE CRISTO
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
ESCRIBA DE CRISTO
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Celso Napoleon
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
AlessandroSanches8
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
ESCRIBA DE CRISTO
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
André Ricardo Marcondes
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Nilson Almeida
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Celso Napoleon
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
WELITONNOGUEIRA3
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
ESCRIBA DE CRISTO
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
JonasRibeiro61
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
ayronleonardo
 

Último (16)

MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO      [MUSEOLOGIA]
MUSEU EGÍPCIO DO CAIRO [MUSEOLOGIA]
 
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxasMalleus Maleficarum: o martelo das bruxas
Malleus Maleficarum: o martelo das bruxas
 
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
1984 DE GEORGE ORWELL ILUSTRADO E COMENTADO
 
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptxBíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
Bíblia Sagrada - Jonas - slides testamento3 (1).pptx
 
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOSDIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
DIDÁTICA MAGNA DE COMENIUS COM COMENTÁRIOS
 
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Odabias - slides powerpoint.pptx
 
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptxLição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
Lição 10 - Desenvolvendo Uma Consciência de Santidade.pptx
 
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução AnimicaEscola de A E Aula 96 Evolução Animica
Escola de A E Aula 96 Evolução Animica
 
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]PEDRO NUNCA FOI PAPA   [COM COMENTÁRIOS]
PEDRO NUNCA FOI PAPA [COM COMENTÁRIOS]
 
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino FinalTornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
Tornar se Como Deus - A Cabala E Nosso Destino Final
 
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos AgricultoresOração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
Oração Para Pedir Bênçãos Aos Agricultores
 
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptxLição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
Lição 11 - A Realidade Bíblica do Inferno.pptx
 
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdfO-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
O-livro-de-Jasher-O-Justo, the book of jasher.pdf
 
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
DIDASCALIA APOSTOLORUM [ HISTÓRIA DO CRISTIANISMO]
 
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptxA CRUZ DE CRISTO-  ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
A CRUZ DE CRISTO- ELE MORREU PARA NOS SALVAE.pptx
 
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimentoHabacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
Habacuque.docx estudo bíblico, conhecimento
 

Justica das aflicoes

  • 1. Estudo de novembro 2011 www.forumespirita.net
  • 2.
  • 3. Compreendermos através a justiça divina das aflições
  • 4. Por que uns sofrem mais que os outros?  Por que uns nascem na miséria e outros na opulência, sem coisa alguma haverem feito que justifique essas posições?  Por que os bens e males, estão desigualmente repartidos entre o vício e a virtude?  Por que os homens virtuosos sofrem ao lado dos maus que prosperam?
  • 5.
  • 6. 3- Justiça das aflições Somente na vida futura podem efetivar-se as compensações que Jesus promete aos aflitos da Terra
  • 7.
  • 8. Mesmo com essa certeza, dificilmente se compreende a conveniência de sofrer para ser feliz. E, dizem, para se ter maior mérito.
  • 9.
  • 10. e outros na opulência? Por que nascem uns na miséria? sem coisa alguma haverem feito que justifique essas posições?
  • 11.
  • 12. Todavia, o que ainda menos se compreende é que os bens e males, sejam tão desigualmente repartidos entre.. O vicio e A virtude
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17. ,
  • 18. Por meio dos ensinos de Jesus, Deus pôs os homens na direção dessa causa, e hoje, julgando-os suficientemente maduros para compreendê-la, lhes revela completamente a aludida causa, por meio do Espiritismo, isto é, pela palavra dos Espíritos
  • 19. .