ACEITABILIDADE DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NAS ESCOLAS PÚBLICAS                    MUNICIPAIS DE IGARASSU PE    Iolanda Cleide ...
2 MATERIAL E MÉTODOS        Dentre as 48 escolas municipais existentes, 28 foram escolhidas aleatoriamente para receber a ...
No quadro 3 a identificação da preferência dos alunos quanto aos itens servidos noatual cardápio.         QUADRO 3 – itens...
O quadro 6 apresenta o percentual da satisfação e insatisfação das merendeirasdurante o atendimento aos alunos.         QU...
6 REFERÊNCIASMANUAL DE GESTÃO EFICIENTE DA MERENDA ESCOLAR Apoio Fome Zero 2ª ediçãomarço 2005SITE DO FNDE www.fnde.org.br
ANEXO 1     QUESTIONÁRIO PARA ALUNOS DAS ESCOLAS     NA SUA OPNIÃO:          1. A Merenda é:             Gostosa         ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Resumo Fenerc 2011 - Igarassu

775 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
775
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
57
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Resumo Fenerc 2011 - Igarassu

  1. 1. ACEITABILIDADE DA ALIMENTAÇÃO ESCOLAR NAS ESCOLAS PÚBLICAS MUNICIPAIS DE IGARASSU PE Iolanda Cleide Alves Andrade1, Kallina Siqueira Duarte2, Maria Iolanda de Souza Gadelha3 1 Economista Doméstica CRED 0240 – Equipe técnica da Alimentação Escolar de Igarassu PE 2 Nutricionista CRN6 4098 - Resp. Técnica Alimentação Escolar de Igarassu - PE 3 Diretora do Departamento de Apoio ao Aluno (Setor Alimentação Escolar) da SEDUC Igarassu PE1 INTRODUÇÃO O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) é responsável pelaalimentação dos alunos das escolas da Educação Infantil, Ensino Fundamental e EnsinoMédio da rede pública durante todo o ano letivo, e objetiva suprir no mínimo 15% dasnecessidades nutricionais diárias dos alunos para uma melhor aprendizagem efavorecimento na formação de bons hábitos alimentares em crianças e adolescentes.Dessa forma cabe aos Municípios planejar os cardápios, adquirir os gêneros e controlar aqualidade das refeições oferecidas aos alunos. No Município de Igarassu, litoral norte de Pernambuco, o acompanhamento desseserviço é desenvolvido pela Equipe Técnica da Alimentação Escolar da Secretaria Municipalde Educação em parceria com o CAE – Conselho de Alimentação Escolar. A alimentação adequada e saudável constitui requisito básico para a promoção e aproteção da saúde, possibilitando um potencial de crescimento e desenvolvimento humano,com qualidade de vida e cidadania, considerando a necessidade de garantir a esse públicoescolar, além de uma alimentação segura e de qualidade, também pratos atraentes edesejáveis, essa pesquisa tem como objetivos destacar as preparações mais aceitas dentrodo cardápio servido; identificar sugestões de preparações por parte dos alunos paraacréscimo ao cardápio da alimentação escolar; monitorar o atendimento e forma deapresentação das merendeiras na hora de serví-los.
  2. 2. 2 MATERIAL E MÉTODOS Dentre as 48 escolas municipais existentes, 28 foram escolhidas aleatoriamente para receber a pesquisa. A amostra é representativa de 58% do universo total das escolas, conforme quadro 1 que representa a relação escola existente e escola pesquisada. QUADRO 1 – Representação Escolas existentes e Escolas PesquisadasESCOLAS EXISTENTES ESCOLAS PESQUISADAS PERCENTUAL DE AMOSTRA 48 28 58% Esta pesquisa foi realizada no período de junho a setembro de 2010, durante visitas da equipe técnica da Alimentação Escolar as 28 escolas no horário de funcionamento das aulas sendo abordadas duas salas de aula de séries diferentes do ensino fundamental por escola. No questionário (ANEXO 1) foram consideradas questões referentes a satisfação dos alunos, em relação ao cardápio servido, pratos desejados e ao atendimento da merendeira. 3 RESULTADOS E DISCUSSÃO Os resultados apresentados referem-se aos questionários tabulados conforme consta nos quadros. No quadro 2 a apresentação da satisfação dos alunos em relação as características organolépticas dos alimentos (sabor, cor, cheiro, temperatura, consistência, estética). QUADRO 2 – Características organolépticas dos alimentos - satisfação dos alunos SABOR APARÊNCIA DO PRATO Boa/Gostosa 92% Agradável 77% Ruim 8% Não agradável 23% O percentual de 92% sugere que o cardápio é bem aceito entre os alunos, pois, na sua elaboração leva-se em conta além dos aspectos técnicos como a composição química dos alimentos, a compatibilidade entre ingredientes procurando atender às exigências nutricionais, a apresentação das refeições saborosas e agradáveis ao paladar dos alunos. Na mesma importância segue os 77% referente às considerações quanto ao aspecto do prato, a combinação de cores, a consistência dos alimentos.
  3. 3. No quadro 3 a identificação da preferência dos alunos quanto aos itens servidos noatual cardápio. QUADRO 3 – itens mais aceitos do cardápio atual Frutas 36% Cachorro quente 26% Biscoito com suco ou achocolatado 22% Sopa/Canja 15% Um aspecto fundamental é que cada refeição deve ter pelo menos, um ítem de cadagrupo alimentar; construtores, energéticos e reguladores. Na preferência dos alunospesquisados observamos esse equilíbrio: do grupo dos reguladores, as vitaminas das frutas(com maior preferência 36%); do grupo dos construtores, a proteína da carne e da soja nocachorro quente (26%); do grupo dos energéticos os carboidratos do biscoito, pão emacarrão. O quadro 4 apresenta a sugestão dos alunos para acréscimo de itens no cardápio. QUADRO 4 – Sugestão para acréscimo no cardápio Pizza 47% Lasanha 26,5% Observando que o carboidrato tem maior proporção (45 a 65%) no Cardápio, pode-se considerar de grande importância as sugestões de pizza e lasanha. O quadro 5 apresenta o percentual de merendeiras em relação ao uso do uniformede trabalho. QUADRO 5 – Apresentação das merendeiras no local de trabalho Uniforme completo 61,5% Uniforme incompleto 22% Sem uniforme 16,5% Torna-se um dado preocupante os 22% e 16,% de merendeiras que não fazem usodo uniforme completo, devido ao risco de contaminações que os alimentos tornam-sevulneráveis. O uso do uniforme (avental, touca, sapato fechado) faz parte do conjunto dasBPF - boas práticas de fabricação e manipulação dos alimentos instituída pela ANVISA(Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para os manipuladores de alimentos que tambémproporcionam a segurança contra acidentes e demais contaminações.
  4. 4. O quadro 6 apresenta o percentual da satisfação e insatisfação das merendeirasdurante o atendimento aos alunos. QUADRO 6 – Percentual de Satisfação das merendeiras no servir a alimentação escolar Satisfeitas 83% Não satisfeitas 16,5% Convém destacar que o percentual de 83% de satisfação das merendeiras aoservirem os alunos interagindo com eles no ambiente escolar, é relevante, devido a empatiadesenvolvida que colabora para a aceitação da alimentação por parte dos alunos.5 CONSIDERAÇÕES Diante das evidências é relevante afirmar que a monotonia do cardápio podeprejudicar a aceitação da alimentação escolar, por isso as receitas devem ser variadas, comnovas formas de apresentação e preparo. Na mesma importância segue-se a combinaçãocom um cardápio balanceado a fim de atender as necessidades nutricionais dos alunos. Considerando as sugestões recebidas analisar a possibilidade da inclusão daspreparações mais citadas, levando em conta o desejo dos alunos, porém dentro de umtrabalho de educação nutricional, destacando a importância de uma alimentação equilibradae variada. Para isso destaca-se a necessidade de formações e campanhas educativas voltadaspara as merendeiras a fim de orientá-las na preparação de pratos com característicasorganolépticas atraentes e no atendimento ao uso do uniforme conforme as recomendaçõesda ANVISA garantindo a comunidade escolar uma alimentação segura e de sabor desejável,configurando-se fatores críticos de sucesso na sua aceitabilidade.
  5. 5. 6 REFERÊNCIASMANUAL DE GESTÃO EFICIENTE DA MERENDA ESCOLAR Apoio Fome Zero 2ª ediçãomarço 2005SITE DO FNDE www.fnde.org.br
  6. 6. ANEXO 1 QUESTIONÁRIO PARA ALUNOS DAS ESCOLAS NA SUA OPNIÃO: 1. A Merenda é: Gostosa Boa Ruim 2. A Merenda que eu mais gosto é: FRUTA BISCOITO COM SUCO OU ACHOCOLATADO SOPA OU CANJA MUNGUZÁ CACHORRO QUENTE MACARRÃO COM CARNE  BAIÃO DE DOIS ARROZ COM GALINHA BOLO OUTRA _ _______________________. 3. Gostaria que fosse servida a seguinte merenda:  IOGURTE OVO PIZZA LAZANHA COZIDO PAPA OUTRA_________________________. 4. A Merendeira serve a merenda  Satisfeita  Insatisfeita 5. A aparência do prato  È agradável  Não é agradável. 6. A Merendeira se apresenta com: Uniforme completo  Uniforme incompleto  Sem uniforme

×