NEOADJUVÂNCIAADENOCARCINOMA DE CABEÇA DE         PÂNCREAS       ALEXANDRE MENEZES DE BRITO
Câncer de Pâncreas• Cirurgia único tratamento que pode curar• Sobrevida é baixa• Ressecabilidade por volta de 20%• Novos m...
Neoadjuvância                      Irressecáveis/Ressecáveis                      Borderlines                      • Irres...
NeoadjuvânciaRessecáveis          Irressecáveis/borderlines                     • Aumentar ressecabilidade                ...
Diminuir ressecções R1/R2• Em recente publicação não controlada (coorte)  – 173 pacientes (CRT neoadjuvante x Cirurgia)  –...
Diminuir ressecções R1/R2• Pingpank et al, em 2001 (coorte)  – 100 pacientes (neoadjuvância x cirurgia)  – Margens positiv...
Diminuir ressecções R1/R2• Adenocarcinomas de cabeça de pâncreas  ressecáveis (durante estadiamento inicial)  – Parece hav...
Há Aumento de Sobrevida Global?• Em recente publicação não controlada  (coorte)  – 173 pacientes (CRT neoadjuvante x Cirur...
Há Aumento de Sobrevida Global?• Estudo de fase II com 86 pacientes  – Neoadjuvância (quimioradioterapia)(gencitabina)  – ...
Há Aumento de Sobrevida Global?• Estudo fase II, neoadjuvância• Pacientes tratados com gencitabina +  radioterapia  – Sobr...
Há Aumento de Sobrevida Global?• Adenocarcinomas de cabeça de pâncreas  ressecáveis (durante estadiamento inicial)  – Prog...
NeoadjuvânciaRessecáveis                       Irressecáveis/borderlines• Melhorar sobrevida global       • Aumentar resse...
Há aumento da Taxa de               Ressecabilidade?• Estudo de coorte com 39 pacientes• Irressecáveis + Borderlines• GEMO...
Há aumento da Taxa de            Ressecabilidade?• Coorte de 129 pacientes• Adenocarcinoma pancreático borderline  – Quimi...
Há aumento da Taxa de             Ressecabilidade?• Coorte com 103 pacientes• Localmente avançados/borderlines• Quimioradi...
Há aumento da Taxa de            Ressecabilidade?• Estudo com 360 pacientes• Terapia neoadjuvante (quimioradioterapia)  – ...
Há aumento em da Taxa de                Ressecabilidade?• Coorte de 245 pacientes• Quimioradioterapia x cirurgiaTaxa de re...
Cancer Control 2008;15:295-307
Há aumento da Taxa de            Ressecabilidade?• Estudos ruins• Porém há uma taxa de ressecabilidade alta na  maioria do...
Sobrevida Global• Estudo com 68 pacientes   – 27 pacientes quimioradioterapia   – 41 pacientes cirurgia   – Sobrevida glob...
Sobrevida Global• Coorte de 160 pacientes  – Quimioradioterapia  – Sobrevida global:          IRESSECÁVEIS   KATZ    RESSE...
Sobrevida Global• Coorte de 245 pacientes• Quimioradioterapia x cirurgia  – Sobrevida global                    Quimioradi...
PLoS Med 2010;7(4):e1000267
Sobrevida Global• Recente publicação de experiência inicial• FOLFIRINOX + RADIOQUIMIOTEAPIA    – Taxa de ressecção R0 de 4...
Sobrevida Global• O tratamento neoadjuvante proporciona  possibilidade de resgate de pacientes até  então irressecáveis .•...
NeoadjuvânciaIrressecáveis                     Irressecáveis/Borderlines• Melhorar sobrevida global         • Aumentar res...
Agradecimentos• Associação de Combate ao Câncer em  Goiás/Hospital Araújo Jorge  – Instituto de Ensino e Pesquisa  – Servi...
Obrigado
14   neoadjuvância adenocarcinoma de cabeça de pâncreas
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

14 neoadjuvância adenocarcinoma de cabeça de pâncreas

1.132 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.132
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Estacombinação de cores é muitoperigosa. É perigosonão ser visível o amareloouvermelhosobre um fundoazul. Sugiroescolhermelhorestacombinação de cores.O tamanho das letrastambém é muitoimportante. Eviteusarletraspequenas. Dependendo do tipo do auditório, nãoserápossíveller o queestáescrito.
  • Novamente amaioria das letrasestãopequenas. Siga um padrãoúnico de citaçãobibliográfica. Porexemplo: Revista, ano, ponto e vírgula, volume, doispontos, páginas.
  • Este artigosófoipublicado on line. A referênciabibliográficadeveincluir, nestecaso, o número do DOI (Identificador de Objeto Digital).
  • 14 neoadjuvância adenocarcinoma de cabeça de pâncreas

    1. 1. NEOADJUVÂNCIAADENOCARCINOMA DE CABEÇA DE PÂNCREAS ALEXANDRE MENEZES DE BRITO
    2. 2. Câncer de Pâncreas• Cirurgia único tratamento que pode curar• Sobrevida é baixa• Ressecabilidade por volta de 20%• Novos métodos estão sendo testados para tentar a melhora destes dados ruins
    3. 3. Neoadjuvância Irressecáveis/Ressecáveis Borderlines • Irressecáveis/bordl 20% 30-40%
    4. 4. NeoadjuvânciaRessecáveis Irressecáveis/borderlines • Aumentar ressecabilidade com cirurgias R0 • Aumentar sobrevida global
    5. 5. Diminuir ressecções R1/R2• Em recente publicação não controlada (coorte) – 173 pacientes (CRT neoadjuvante x Cirurgia) – Margens positivas CRT Cirurgia 8% 33% – Obs: somente 42% do grupo da neoadjuvância foi ressecado. HPB 2011; 13:64–69
    6. 6. Diminuir ressecções R1/R2• Pingpank et al, em 2001 (coorte) – 100 pacientes (neoadjuvância x cirurgia) – Margens positivas CRT Cirurgia 7,5% 44% J Gastrointest Surg 2001;5:121-130
    7. 7. Diminuir ressecções R1/R2• Adenocarcinomas de cabeça de pâncreas ressecáveis (durante estadiamento inicial) – Parece haver uma diminuição de margens positivas quando é utilizado tratamento neoadjuvante com radioquimioterapia – Principalmente as margens retroperitoneais
    8. 8. Há Aumento de Sobrevida Global?• Em recente publicação não controlada (coorte) – 173 pacientes (CRT neoadjuvante x Cirurgia) – Sobrevida global em pacientes operados (DPC) – P=ns 21 meses 18 meses – Conclusão : não há melhora na sobrevida HPB 2011;13:64-69
    9. 9. Há Aumento de Sobrevida Global?• Estudo de fase II com 86 pacientes – Neoadjuvância (quimioradioterapia)(gencitabina) – Sobrevida global (5 anos) de 36 % – Sobrevida mediana de 34 meses – Houve progressão de doença em 15% dos pacientes – Conclusão: sobrevida muito boa, porém são necessárias mais investigações J Clin Oncol 2008;26:3496-3502.
    10. 10. Há Aumento de Sobrevida Global?• Estudo fase II, neoadjuvância• Pacientes tratados com gencitabina + radioterapia – Sobrevida global (2 anos): 61% – Sobrevida mediana 26 meses – Progressão em 15% dos pacientes – Conclussão: toxidade aceitável, sobrevida razoável, porém são necessários estudos controlados Ann Surg Oncol 2006;13:150-158
    11. 11. Há Aumento de Sobrevida Global?• Adenocarcinomas de cabeça de pâncreas ressecáveis (durante estadiamento inicial) – Progressão de doença elevada – Porém sobrevida mediana animadora – São necessários estudos controlados para elucidação do verdadeiro papel da neoadjuvância
    12. 12. NeoadjuvânciaRessecáveis Irressecáveis/borderlines• Melhorar sobrevida global • Aumentar ressecabilidade – Sem evidências conclusivas com cirurgias R0• Diminuir ressecções R1/R2 • Aumentar sobrevida global – Provável , mais são necessários mais estudos
    13. 13. Há aumento da Taxa de Ressecabilidade?• Estudo de coorte com 39 pacientes• Irressecáveis + Borderlines• GEMOX seguido de Radioterapia + Gencitabina – Taxa de ressecabilidade de 60% nos tumores Borderlines – Taxa de ressecabilidade (irressecáveis no início do tratamento) de apenas 8,3% – Conclusão: há um provável benefício em termos de ressecabilidade Cancer 2012 Jul 6. doi: 10.1002/cncr.27736.
    14. 14. Há aumento da Taxa de Ressecabilidade?• Coorte de 129 pacientes• Adenocarcinoma pancreático borderline – Quimioradioterapia (CRT)(2 diferentes regimes) – Taxa de ressecabilidade de 66% – Alto índice de ressecção vascular(60%) – Progressão de doença: 19% – Conclusão: houve uma alta taxa de ressecabilidade Cancer 2012 May 17. doi: 10.1002/cncr.27636.
    15. 15. Há aumento da Taxa de Ressecabilidade?• Coorte com 103 pacientes• Localmente avançados/borderlines• Quimioradioterapia – Taxa de ressecabilidade de 20,38% – Conclusão: aceitável taxa de ressecabilidade Eur J Surg Oncol 2008;34:756-764
    16. 16. Há aumento da Taxa de Ressecabilidade?• Estudo com 360 pacientes• Terapia neoadjuvante (quimioradioterapia) – Margens positivas em pacientes submetidos à neoadjuvância =13% – Margens positivas em pacientes não submetidos à neoadjuvância =19% – Conclusão: neoadjuvância parece aumentar cirurgias R0 Ann Surg 2007;246:52-60
    17. 17. Há aumento em da Taxa de Ressecabilidade?• Coorte de 245 pacientes• Quimioradioterapia x cirurgiaTaxa de ressecabilidade Cirurgias R0Inicialmente ressecáveis bordelines Inicialmente ressecáveis bordelines83% 76% 84,7% 72,7%• Conclusão: a neoadjuvância resgata pacientes iressecáveis , tornando alta a taxa de ressecabilidade margens livres J Gastrointest Surg 2008;12:91-100
    18. 18. Cancer Control 2008;15:295-307
    19. 19. Há aumento da Taxa de Ressecabilidade?• Estudos ruins• Porém há uma taxa de ressecabilidade alta na maioria dos estudos• São necessários centros de referência, que estejam habilitados em ressecção vascular• Aparentemente com menores taxas de cirurgias R1• Parece ser uma boa opção de tratamento
    20. 20. Sobrevida Global• Estudo com 68 pacientes – 27 pacientes quimioradioterapia – 41 pacientes cirurgia – Sobrevida global: 24,5 meses x 18,5 meses• Conclusão: nos pacientes submetidos a ressecção R0, a sobrevida foi maior no grupo da neoadjuvância Pancreas 2009;38:282-288
    21. 21. Sobrevida Global• Coorte de 160 pacientes – Quimioradioterapia – Sobrevida global: IRESSECÁVEIS KATZ RESSECÁVEIS 15 MESES A 40 MESES 12 MESES B 29 MESES 13 MESES C 39 MESES – Conclusão: a neoadjuvância torna a chance de ressecabilidade maior, o que pode propiciar sobrevida melhor J Am Coll Surg 2008;206:833-46
    22. 22. Sobrevida Global• Coorte de 245 pacientes• Quimioradioterapia x cirurgia – Sobrevida global Quimioradioterapia Cirurgia Iressecáveis 6,4 MESES Ressecáveis 16,7 MESES 16,6 MESES – Conclusão: nos pacientes resgatados, a sobrevida é similar aos ressecáveis de início J Gastrointest Surg 2008;12:91-100
    23. 23. PLoS Med 2010;7(4):e1000267
    24. 24. Sobrevida Global• Recente publicação de experiência inicial• FOLFIRINOX + RADIOQUIMIOTEAPIA – Taxa de ressecção R0 de 44% – 100% de sobrevida no final do primeiro anoBMC Cancer 2012;12:199
    25. 25. Sobrevida Global• O tratamento neoadjuvante proporciona possibilidade de resgate de pacientes até então irressecáveis .• A sobrevida dos pacientes que são submetidos a ressecção é similar à dos pacientes inicialmente sem doença avançada• É uma boa opção de tratamento
    26. 26. NeoadjuvânciaIrressecáveis Irressecáveis/Borderlines• Melhorar sobrevida global • Aumentar ressecabilidade – Sem evidências conclusivas com cirurgias R0 – Provavelmente• Diminuir ressecções R1/R2 – Provável , mais são • Aumentar sobrevida global necessários mais estudos – Provavelmente
    27. 27. Agradecimentos• Associação de Combate ao Câncer em Goiás/Hospital Araújo Jorge – Instituto de Ensino e Pesquisa – Serviço de Aparelho Digestivo – Unidade Oncológica de Anápolis
    28. 28. Obrigado

    ×