Daniel pinheiro

222 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
222
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Daniel pinheiro

  1. 1. Realizado por Tiago Fonseca 30729
  2. 2. Daniel Pinheiro é um realizador de documentários de vidaselvagem. Nascido em Anadia em 1980, foi técnico deaudiovisual na Fundação Gulbenkian entre 2008 e 2010,onde desempenhou funções de operador de som e video,participou em exposições no Centro de Arte Moderna,congressos e cerimónias oficiais.Licenciatura: Comunicação e Design Multimédia (Coimbra)Mestrado: Produção documental de vida selvagem (Univ. de Salford)
  3. 3. Habilidadeso Câmerao Gravação de somo Final Cut Proo Pro Toolso Comportamento animalo Ediçãoo Equipamentos de campo para captação áudioo Fotografiao Timelapses
  4. 4. o Planos aproximados (alguns muito detalhados)o Planos geraiso Intervenção direta no habitat do animal em estudoo Documentarios em HD
  5. 5. Projetos• Entre o céu e as marés - Documentário sobre as aves do estuário do Sado na Reserva Natural do Estuário do Sado.• Wildlife Showreel 2011 – Filmado em Inglaterra,Portugal e Peru.• Mondego - vida selvagem do rio português.• As enigmáticas Araras de Tambopata – Realização de Declercq e som de Daniel.• Spring in Salford Woodlands – Curta documental.
  6. 6. Mondego transporta-nos numa viagem de 15 minutos pelorio e pela sua vida selvagem desde as montanhas até aooceano. Daniel quis mostrar o rio Mondego para além daagricultura que caracteriza aquela zona, como a culturade arrozal.Foi filmado na primavera2011 e para captaralguns dos animais, comopor exemplo, o melro deágua demorou cerca deuma semana para conseguir.
  7. 7. O trabalho exigiu quatro meses depesquisa científica. Seguiram-seas filmagens com algumas atribulações,principalmente nos 15 dias na Serrada Estrela, nos quais se perdeu váriasvezes, e mais dois meses para ediçãodas imagens.Mondego foi classificado com distinçãoe, além de ser cinematograficamente apelativo é um singulardocumento científico sobre a fauna do rio Mondego.
  8. 8. O documentário foi gravado com amáquina DSLR Cannon 7D.A utilização deste tipo de câmara temvindo a aumentar dada a boa relaçãoqualidade/preço. Pelo documentário científico Mondego, Daniel Pinheiro foi distinguido com um Seed of Science.
  9. 9. Este documentário consistiu dar a conhecer estuário doSado. O estuário proporciona características excepcionaisà vida selvagem, principalmente às aves aquáticas,podendo-se observar cerca de metade das espécies deaves existentes em todo opaís. O documentário revelaa vida das aves nos várioshabitats do estuário e aforma como é condicionadapela grande força motriz deste ecosistema - as marés.
  10. 10. Daniel afirma que filmar ouma ave ameaçada como ocolhereiro foi um dos momentosmais fascinantes deste trabalho.Infelizmente a desvastação deárvores junto às margens de riose lagoas, a drenagem de zonashúmidas e o uso de pesticidas,são os principais fatores deameaça para esta ave.
  11. 11. Neste trabalho abordei o realizador Daniel Pinheiro,suas técnicas e seu principal fascínio pelo reinoanimal.O principal motivo de eu escolher este realizador é ofacto de estar relacionado com o meu trabalho final –ELOGIO Á NATUREZA. Após uma pesquista exaustivaidentifiquei-me com o seu gosto, pelas suas técnicas ehabilidades tais como fotografia e timelapse.
  12. 12. http://boasnoticias.clix.pt/mobile/noticias.php?id=9124http://www.new4media.net/pt/?id=2432&det=12385http://www.cienciahoje.pthttp://vimeo.com/danielpinheiro

×