O slideshow foi denunciado.
Seu SlideShare está sendo baixado. ×

Motherboard.pdf

Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Anúncio
Carregando em…3
×

Confira estes a seguir

1 de 28 Anúncio

Mais Conteúdo rRelacionado

Mais recentes (20)

Anúncio

Motherboard.pdf

  1. 1. M8 - Análisede equipamentos informáticos 3º ano Curso técnico de gestão de equipamentos informáticos
  2. 2. Placa-mãe, também denominada mainboard ou motherboard, é uma placa de circuito impresso, que serve como base para a instalação dos demais componentes de um computador, como o processador, memória RAM, os circuitos de apoio, as placas controladoras, os slots do barramento e o chipset.
  3. 3. A placa-mãe realiza a interligação das peças componentes domicrocomputador. Assim, processador, memória, placa de vídeo, HD, teclado, mouse, etc. estão ligados diretamente à placa-mãe.
  4. 4. AT é a sigla para (Advanced Technology). Trata-se de um tipo de placa-mãe já antiga. O seu uso foi constante de 1983 até 1996. Um dos fatores que contribuíram para que o padrão AT deixasse de ser usado, é o espaço interno reduzido, que com a instalação dos vários cabos do computador (flat cable, alimentação), dificultavam a circulação de ar, acarretando, em alguns casos danos permanentes à máquina devidoao super aquecimento.
  5. 5. Encaixes para os módulos de memórias estão ao lado do encaixe da fonte, dificultando a sua instalação. A posição do processador dificulta a inserção de placas nos slots de expansão. As ligações para o disco rígido, drives de disquetes, … faz com que a caixa fique cheia de cabos,dificultandoa circulaçãode ar.
  6. 6. ATX é a sigla para (Advanced Technology Extended). O objetivo do ATX foi solucionar os problemas do padrão AT (citados anteriormente), o padrão apresenta uma série de melhorias em relação ao anterior. Atualmentea maioria doscomputadores novosvêm baseados nestepadrão. Entre as principais caraterísticas doATX, estão: ▪ o maior espaço interno, proporcionando uma ventilação adequada; ▪ conectoresdetecladoe rato no formatomini-DINPS/2; ▪ conectores serial e paralelo ligados diretamente na placa- mãe, sem a necessidadedecabos; ▪ melhor posicionamento do processador, evitando que o mesmo impeça a instalação de placas de expansão por falta de espaço.
  7. 7. BTX é um formato de placas-mãe criado pela intel e lançado em 2003 para substituir o formato ATX. O objetivo do BTX foi otimizar o desempenho do sistema e melhorar a ventilação interna. Atualmente, o desenvolvimento dessepadrão está parado.
  8. 8. LPX formato de placas-mãe usado por alguns PCs "de marca" como por exemplo Compaq. A principal diferença é não ter slots. Os slots estão localizados numa placa a parte, também chamada "backplane", que é encaixada à placa-mãe através de um conectorespecial. Esse padrão foi criado para permitir PCs mais "finos", já que as placas de expansão em vez de ficarem perpendiculares à placa-mãe, como é o normal, ficam paralelas.
  9. 9. ITX é um padrão de placa-mãe criado em 2001 pela VIATechnologies. Destinada a computadores altamente integrados e compactos, com a filosofia de oferecer não o computador mais rápido do mercado,massim o mais barato. A intenção da placa-mãe ITX é ter tudo on-board, ou seja, vídeo, áudio, modem e rede integrados na placa- mãe. Outra diferença dessa placa-mãe está na fonte de alimentação. Como possui menos periféricos, reduzindo assimo consumodeenergia.
  10. 10. Apesar da constituição de uma placa-mãe poder variar conforme o modelo e o fabricante, há componentesquese mantêm, nomeadamente: ▪ Slotspara o encaixedas placas de vídeo, som, modems e outros periféricos; ▪ Conectorespara o encaixe de módulos de memória e também do processador; ▪ Portasserie, paralela,USB e outras; ▪ Conectorespara o tecladoe fontede alimentação; ▪ BIOS (Basic Input/Output System) ou “sistema básico de entrada e saída” – pequeno chip responsável pelo reconhecimento dos componentes de hardware instalados e pelo fornecimento de informações básicas para o funcionamentodocomputador; ▪ Chipset – componente que comanda todo o fluxo de dados entre o processador, as memórias e os demais componentes.
  11. 11. Encaixe do processador Conectoresde Memória (RAM) Slots deExpansão (PCI) Portasde Comunicação Pilha Encaixes IDE Encaixe da fontede alimentação
  12. 12. É o cérebro da placa mãe. Divide-se normalmente entre “ponte norte” (controlador central) e “ponte sul” (controladordeperiféricos). A ponte norte faz a comunicação do processador com as memórias e em alguns casos com os barramentos dealta velocidade:AGP,PCI-E. A pontesul faz a comunicação entreperiféricos, discos,portasUSB, Paralela, PS/2,etc. O Chipset está tambémrelacionadocomo clock externo do processadore das memórias.
  13. 13. Slots ISA Slots PCI-Express Slots PCI Slots AGP
  14. 14. 1 – PCI 2 – PCI Express x1 3 - PCI Express x16 1 –AGP 2- PCI-Expressx16
  15. 15. 1 - PCI-Expressx4 2 - PCI-Expressx16 3 - PCI-Express x1 4 - PCI-Expressx16 5 - PCI
  16. 16. Estesconectores têm comofunçãoligar discosrígidose drives óticas. Os conectores para os cabos são usados para controlar os dispositivos de armazenamento no padrão Serial ATA, também chamado de SATA. Este modelo de placa-mãe usado com exemplo possuium chipadicional responsável pelo controledos dispositivosSATA.
  17. 17. 1 – ConectorIDE (Discosrígidose drives óticas) 2 – ConectorFDD(Disquetes)
  18. 18. Estesconectores fazem a ligação da fonte de alimentaçãoà motherboard. Através deste conector a placa-mãe recebe energia da fonte de alimentação para que ela possa funcionar. Em algumas placas existem conectores “extras” que devem receber alimentação da fonte para o corretofuncionamentoda placa.
  19. 19. Neste slot são encaixados os módulos dememória. O manual da placa-mãe normalmente indica as regras de como estes slots devem ser preenchidos, mas, na maioria das vezes, podemos colocar os módulosdememória em qualquer um dosslots.
  20. 20. Estas conexões existem para ligarmos as ventoinhas do cooler da CPU, da caixa, etc. Nas placas- mãe maisrecentes estes conectores permitem tambémmonitorara velocidadedas ventinhas.
  21. 21. É neste soquete que o processador é encaixado. Existe uma pequena alavanca no lado direito do soquete. Ao levantarmos esta alavanca, liberamos o soquete para que possamos encaixar a CPU. Após a CPU ser encaixada no soquete, a alavanca é abaixada e o processador fica preso no soquete. O desenho dasatuaisCPUse de seus respectivossoquetessó permite o encaixe na posiçãocorreta.
  22. 22. Para a ligação dos USB’s frontais e/ou traseiros. Este conector permite aumentar o número de portasUSBda placa-mãe
  23. 23. Neste conjunto de conectores conectamos os fios que saem dos leds (led do HD, led de energia, etc.) e botões (botãodereset, botãoliga/desliga, etc.) existentes no gabinete domicro.
  24. 24. As motherboardstêm em diferentes tamanhoseformas. A forma, tamanho e disposição dos componentes de uma motherboard é designada de “form factor”. O “form factor” afecta a disposição dos componentes individuais e a forma da caixa docomputador. Existem vários “form factors” específicos que a maioria das motherboards dos PCs usa para que todas elas possam caber em caixas padrão e que é apenas uma das muitasnormas aplicadasàs motherboards. Principais fabricantesde motherboards:
  25. 25. Colocar componentes de topo de gama numa motherboard de baixa qualidade é semelhante a guiar um Ferrari em horas de ponta.

×