Ecologia Global &Desenvolvimento Econômico              Fábio Brandão & Flávio Pacelli                       Dptos de Biol...
Ecologia
(ENEM) Suponha que o chefe do departamento de   administração de uma empresa tenha feito um discurso   defendendo a ideia ...
(ENEM) Suponha que o chefe do departamento de   administração de uma empresa tenha feito um discurso   defendendo a ideia ...
Sobre Meio Ambiente Meio ambiente pode ser entendido como oconjunto de fatores naturais, sociais e culturais  que envolvem...
Cheiro do suor, da          urina e do esterco,          além de partículas           de esterco seco,          restos de ...
‘Big Smoke’ – o Grande Nevoeiro de 1952,               em Londres
(ENEM) A poluição e outras ofensas ambientais ainda não tinham esse nome,  mas já eram largamente notadas no século XIX, n...
(ENEM) A poluição e outras ofensas ambientais ainda não tinham esse nome,  mas já eram largamente notadas no século XIX, n...
(ENEM) A poluição e outras ofensas ambientais ainda não tinham esse nome,  mas já eram largamente notadas no século XIX, n...
Aspectos básicos da crise ambiental Crescimento populacional Demanda de energia e de materiais Geração de resíduos - Po...
Os impactos humanos no mundo tem se tornado     crescentemente um foco da Ecologia       Conservação de sistemas ecológic...
(ENEM) Diretores de uma grande indústria siderúrgica, para   evitar o desmatamento e adequar a empresa às normas de   prot...
(ENEM) Diretores de uma grande indústria siderúrgica, para   evitar o desmatamento e adequar a empresa às normas de   prot...
Uma Biosfera sustentável é implorável enquanto  a população humana continua a crescer.                                  • ...
Conferência das Nações Unidas Sobre o Meio     Ambiente e  Desenvolvimento      CNUMAD
CNUMAD – Estocolmo SUÉCIA 1972
CNUMAD – Rio de Janeiro ECO 1992
ECO 92 – Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e           Desenvolvimento – Rio de JaneiroVisão política da ...
O Relatório Brundtland (1987), definia desenvolvimentosustentável como:"(... ) desenvolvimento que satisfaz as necessidade...
Desenvolvimento Sustentável
AGENDA 21 Dimensões Sociais e Econômicas: combate à miséria, mudançasnos padrões de consumo, melhoria da saúde e da qualid...
Na ECO 92 ficou estabelecido a criação de trêsgrupos de discussão sobre temas específicos:Convenção das Nações Unidas Sobr...
(ENEM) A interferência do homem no meio ambiente tem feito  com que espécies de seres vivos desapareçam muito mais  rapida...
(ENEM) A interferência do homem no meio ambiente tem feito  com que espécies de seres vivos desapareçam muito mais  rapida...
CNUMAD 2012 – Rio de Janeiro RIO +20
“(...) todos se contentam com o mínimo,    quando o mais razoável é buscar o                  máximo.”
‘vamos em passos incrementais’
‘vamos em passos incrementais’• Decisões globais
‘vamos em passos incrementais’• Decisões globais• Crise ambiental e climática
Reportagem sobre RESULTADOS da Rio + 20
Discurso de Pepe Mujica(Presidente do Uruguai) na Rio + 20
Sobre-ExploraçãoSUCÇÃO DOS NUTRIENTES DA TERRA LEVA À PERDA DA BASE   DOS PRÓPRIOS RECURSOS.
A Expansão do Desmatamento
• Em grande parte da Bacia Amazônica, áreas de  floresta desmatada para pasto de gado tornam-se  tão inférteis que devem s...
(ENEM) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido     motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho naci...
(ENEM) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido     motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho naci...
(ENEM) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido     motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho naci...
(ENEM) As florestas tropicais estão entre os maiores, mais diversos e complexos   biomas do planeta. Novos estudos sugerem...
(ENEM) As florestas tropicais estão entre os maiores, mais diversos e complexos   biomas do planeta. Novos estudos sugerem...
Como reduzir estes problemas?• Produtividade máxima sustentável, mas... Planejar para uso sustentável reduz os retornos  ...
O Avanço da Desertificação
Desertificação: Expansão de Terras Áridas emAmbientes Secos ou Semi-Secos.       Arenização:Expansão de Terras Áridas em  ...
São Gonçalo do Gurguéia - PE     Gilbués - PI             Gilbués - PI      Jeridó - PB
Desertificação – PECUÁRIA O pastoreio causa compactação do solo. Impermeabilização do solo
Desertificação – PECUÁRIA Medida preventiva  Rodízio da pastos ou Piquetes
Desertificação – EXTRAÇÃO         VEGETAL               Aumento do escoamento                 superficial da água        ...
Desertificação – QUEIMADAS      Eliminação da microbiota do solo     Redução da ciclagem de nutrientes
2012
Os 10 maiores emissores de      gás carbônico
Problemática do Lixo
Lixão
(ENEM) Os lixões são o pior tipo de disposição final dos resíduos sólidos de   uma cidade, representando um grave problema...
(ENEM) Os lixões são o pior tipo de disposição final dos resíduos sólidos de   uma cidade, representando um grave problema...
Aterro Sanitário
Sorocaba SP
Aterro Sanitário Macaúbas –                 Sabará/MG
(ENEM) A biodigestão anaeróbica, que se processana ausência de ar, permite a obtenção de energia emateriais que podem ser ...
O material produzido pelo processo esquematizado e  utilizado para geração de energia é oA) biodiesel, obtido a partir da ...
O material produzido pelo processo esquematizado e  utilizado para geração de energia é oA) biodiesel, obtido a partir da ...
Incineração do Lixo
(ENEM) Um dos processos usados no tratamento do lixo é a     incineração, que apresenta vantagens e desvantagens. Em São  ...
(ENEM) Um dos processos usados no tratamento do lixo é a     incineração, que apresenta vantagens e desvantagens. Em São  ...
• LIXÕESFormas ou práticas de     • ATERRO SANITÁRIOdispersão e tratamento    •USINA DE INCINERAÇÃO     de resíduos       ...
Poluição dos Recursos Hídricos
Eutrofização
(ENEM) O despejo de dejetos de esgotos domésticos e industriais  vem causando sérios problemas aos rios brasileiros. Esses...
(ENEM) O despejo de dejetos de esgotos domésticos e industriais  vem causando sérios problemas aos rios brasileiros. Esses...
SOCIEDADE DE CONSUMO      DIRIGIDO
O que Podemos Fazer???                • Sustentabilidade                        • Equidade                      • Lixo “Ze...
Fim
O ENEM tá chegando!!!
EuN ãoE stouM edrosoo E N E M é de vocês !!
Dicas
Semana da Prova• Leia os resumos;          resumos• Cuidado com alimentação, principalmente  comidas pesadas;• Descanse ba...
Como fazer a prova            Antes da prova: • Repita mentalmente frases positivas;      mentalize coisas dando certo;• E...
Durante a prova: • Não se preocupe em resolver a prova na      sequência, “passeie” pela prova; • Deixe as questões mais t...
“Quem quer arruma um jeito... quem não quer arruma uma         desculpa.”   Declare guerra às suas DESCULPITES;      Evite...
Os outros
VocêOs outros
Você                   Olhe para o                   alvo certoOs outros
Pode até parecer  difícil, mas o seu  sonho interessa avocê mesmo e cabe a   você alcançá-lo.
Os outros            Vc é foda!!
No final, tudo  será umarecompensa!!
Basta uma voadora...
Boaprova!
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Aula bio geo 27 10-2012
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula bio geo 27 10-2012

910 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
910
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula bio geo 27 10-2012

  1. 1. Ecologia Global &Desenvolvimento Econômico Fábio Brandão & Flávio Pacelli Dptos de Biologia/ Geografia 2012. ASSOCIAÇÃO PRÉ-FEDERAL
  2. 2. Ecologia
  3. 3. (ENEM) Suponha que o chefe do departamento de administração de uma empresa tenha feito um discurso defendendo a ideia de que os funcionários deveriam cuidar do meio ambiente no espaço da empresa. Um dos funcionários levantou-se e comentou que o conceito de meio ambiente não era claro o suficiente para se falar sobre esse assunto naquele lugar. Considerando que o chefe do departamento de administração entende que a empresa é parte do meio ambiente, a definição que mais se aproxima dessa concepção é:a) Região que inclui somente cachoeiras, mananciais e florestas.b) Apenas locais onde é possível o contato direto com a natureza.c) Locais que servem como áreas de proteção onde fatores bióticos são preservados.d) Apenas os grandes biomas, por exemplo, Mata Atlântica, Mata Amazônica, Cerrado e Caatinga.e) Qualquer local em que haja relação entre fatores bióticos e abióticos, seja ele natural ou urbano.
  4. 4. (ENEM) Suponha que o chefe do departamento de administração de uma empresa tenha feito um discurso defendendo a ideia de que os funcionários deveriam cuidar do meio ambiente no espaço da empresa. Um dos funcionários levantou-se e comentou que o conceito de meio ambiente não era claro o suficiente para se falar sobre esse assunto naquele lugar. Considerando que o chefe do departamento de administração entende que a empresa é parte do meio ambiente, a definição que mais se aproxima dessa concepção é:a) Região que inclui somente cachoeiras, mananciais e florestas.b) Apenas locais onde é possível o contato direto com a natureza.c) Locais que servem como áreas de proteção onde fatores bióticos são preservados.d) Apenas os grandes biomas, por exemplo, Mata Atlântica, Mata Amazônica, Cerrado e Caatinga.e) Qualquer local em que haja relação entre fatores bióticos e abióticos, seja ele natural ou urbano.
  5. 5. Sobre Meio Ambiente Meio ambiente pode ser entendido como oconjunto de fatores naturais, sociais e culturais que envolvem um indivíduo, população ou comunidade e com os quais eles interagem, influenciando e sendo influenciado por eles.
  6. 6. Cheiro do suor, da urina e do esterco, além de partículas de esterco seco, restos de comida, muitas moscas...Séc XIX
  7. 7. ‘Big Smoke’ – o Grande Nevoeiro de 1952, em Londres
  8. 8. (ENEM) A poluição e outras ofensas ambientais ainda não tinham esse nome, mas já eram largamente notadas no século XIX, nas grandes cidades inglesas e continentais. E a própria chegada ao campo das estradas de ferro suscitou protestos. A reação antimaquinista, protagonizada pelos diversos ludismos, antecipa a batalha atual dos ambientalistas. Esse era, então, o combate social contra os miasmos urbanos. SANTOS, M. A natureza do espaço: técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: EDUSP, 2002 (adaptado). O crescente desenvolvimento técnico-produtivo impõe modificações na paisagem e nos objetos culturais vivenciados pelas sociedades. De acordo com o texto, pode-se dizer que tais movimentos sociais emergiram e se expressaram por meioA) das ideologias conservacionistas, com milhares de adeptos no meio urbano.B) das políticas governamentais de preservação dos objetos naturais e culturais.C) das teorias sobre a necessidade de harmonização entre técnica e natureza.D) dos boicotes aos produtos das empresas exploradoras e poluentes.E) da contestação à degradação do trabalho, das tradições e da natureza.
  9. 9. (ENEM) A poluição e outras ofensas ambientais ainda não tinham esse nome, mas já eram largamente notadas no século XIX, nas grandes cidades inglesas e continentais. E a própria chegada ao campo das estradas de ferro suscitou protestos. A reação antimaquinista, protagonizada pelos diversos luddismos, antecipa a batalha atual dos ambientalistas. Esse era, então, o combate social contra os miasmas urbanos. SANTOS, M. A natureza do espaço: técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: EDUSP, 2002 (adaptado). O crescente desenvolvimento técnico-produtivo impõe modificações na paisagem e nos objetos culturais vivenciados pelas sociedades. De acordo com o texto, pode-se dizer que tais movimentos sociais emergiram e se expressaram por meioA) das ideologias conservacionistas, com milhares de adeptos no meio urbano.B) das políticas governamentais de preservação dos objetos naturais e culturais.C) das teorias sobre a necessidade de harmonização entre técnica e natureza.D) dos boicotes aos produtos das empresas exploradoras e poluentes.E) da contestação à degradação do trabalho, das tradições e da natureza.
  10. 10. (ENEM) A poluição e outras ofensas ambientais ainda não tinham esse nome, mas já eram largamente notadas no século XIX, nas grandes cidades inglesas e continentais. E a própria chegada ao campo das estradas de ferro suscitou protestos. A reação antimaquinista, protagonizada pelos diversos luddismos, antecipa a batalha atual dos ambientalistas. Esse era, então, o combate social contra os miasmas urbanos. SANTOS, M. A natureza do espaço: técnica e tempo, razão e emoção. São Paulo: EDUSP, 2002 (adaptado). O crescente desenvolvimento técnico-produtivo impõe modificações na paisagem e nos objetos culturais vivenciados pelas sociedades. De acordo com o texto, pode-se dizer que tais movimentos sociais emergiram e se expressaram por meioA) das ideologias conservacionistas, com milhares de adeptos no meio urbano.B) das políticas governamentais de preservação dos objetos naturais e culturais.C) das teorias sobre a necessidade de harmonização entre técnica e natureza.D) dos boicotes aos produtos das empresas exploradoras e poluentes.E) da contestação à degradação do trabalho, das tradições e da natureza.
  11. 11. Aspectos básicos da crise ambiental Crescimento populacional Demanda de energia e de materiais Geração de resíduos - Poluição.
  12. 12. Os impactos humanos no mundo tem se tornado crescentemente um foco da Ecologia  Conservação de sistemas ecológicos Manejo dos processos ecológicos em larga escala Compreensão dos mecanismos responsáveis auxiliam no gerenciamento de impactos das atividades antrópicas.
  13. 13. (ENEM) Diretores de uma grande indústria siderúrgica, para evitar o desmatamento e adequar a empresa às normas de proteção ambiental, resolveram mudar o combustível dos fornos da indústria. O carvão vegetal foi então substituído pelo carvão mineral. Entretanto, foram observadas alterações ecológicas graves em um riacho das imediações, tais como a morte dos peixes e dos vegetais ribeirinhos. Tal fato pode ser justificado em decorrênciaa) da diminuição de resíduos orgânicos na água do riacho, reduzindo a demanda de oxigênio na água.b) do aquecimento da água do riacho devido ao monóxido de carbono liberado na queima do carvão.c) da formação de ácido clorídrico no riacho a partir de produtos da combustão na água, diminuindo o pH.d) do acúmulo de elementos no riacho, tais como, ferro, derivados do novo combustível utilizado.e) da formação de ácido sulfúrico no riacho a partir dos óxidos de enxofre liberados na combustão.
  14. 14. (ENEM) Diretores de uma grande indústria siderúrgica, para evitar o desmatamento e adequar a empresa às normas de proteção ambiental, resolveram mudar o combustível dos fornos da indústria. O carvão vegetal foi então substituído pelo carvão mineral. Entretanto, foram observadas alterações ecológicas graves em um riacho das imediações, tais como a morte dos peixes e dos vegetais ribeirinhos. Tal fato pode ser justificado em decorrênciaa) da diminuição de resíduos orgânicos na água do riacho, reduzindo a demanda de oxigênio na água.b) do aquecimento da água do riacho devido ao monóxido de carbono liberado na queima do carvão.c) da formação de ácido clorídrico no riacho a partir de produtos da combustão na água, diminuindo o pH.d) do acúmulo de elementos no riacho, tais como, ferro, derivados do novo combustível utilizado.e) da formação de ácido sulfúrico no riacho a partir dos óxidos de enxofre liberados na combustão.
  15. 15. Uma Biosfera sustentável é implorável enquanto a população humana continua a crescer. • Moradia • Produção de alimento • Extrações vegetais • Caça e pesca • Extrações minerais • Recreação • Consumismo
  16. 16. Conferência das Nações Unidas Sobre o Meio Ambiente e Desenvolvimento CNUMAD
  17. 17. CNUMAD – Estocolmo SUÉCIA 1972
  18. 18. CNUMAD – Rio de Janeiro ECO 1992
  19. 19. ECO 92 – Conferência das Nações Unidas para o Meio Ambiente e Desenvolvimento – Rio de JaneiroVisão política da biodiversidade
  20. 20. O Relatório Brundtland (1987), definia desenvolvimentosustentável como:"(... ) desenvolvimento que satisfaz as necessidades dopresente, sem comprometer a capacidade das geraçõesvindouras satisfazerem as suas próprias necessidades".
  21. 21. Desenvolvimento Sustentável
  22. 22. AGENDA 21 Dimensões Sociais e Econômicas: combate à miséria, mudançasnos padrões de consumo, melhoria da saúde e da qualidade de vida. Conservação e Gestão de Recursos Naturais: disciplina o uso da água e o controle de resíduos e substâncias tóxicas.O Papel da Sociedade: educação e participação de toda a sociedade.Meio de Implementação: instrumentos financeiros e legais para que projetos e programas sejam executados.
  23. 23. Na ECO 92 ficou estabelecido a criação de trêsgrupos de discussão sobre temas específicos:Convenção das Nações Unidas Sobre Mudanças Climáticas**** Convenção das Nações Unidas Sobre Desertificação Convenção das Nações Unidas Sobre Biodiversidade As reuniões são chamadas de: Conferência das Partes (COP)
  24. 24. (ENEM) A interferência do homem no meio ambiente tem feito com que espécies de seres vivos desapareçam muito mais rapidamente do que em épocas anteriores. Vários mecanismos de proteção ao planeta têm sido discutidos por cientistas, organizações e governantes. Entre esses mecanismos, destaca- se o acordado na Convenção sobre a Diversidade Biológica durante a Rio 92, que afirma que a nação tem direito sobre a variedade de vida contida em seu território e o dever de conservá-la utilizando-se dela de forma sustentável. A dificuldade encontrada pelo Brasil em seguir o acordo da Convenção sobre a Diversidade Biológica decorre, entre outros fatores, do fato de aA) extinção de várias espécies ter ocorrido em larga escala.B) alta biodiversidade no país impedir a sua conservação.C) utilização de espécies nativas de forma sustentável ser utópica.D) grande extensão de nosso território dificultar a sua fiscalização.E) classificação taxonômica de novas espécies ocorrer de forma lenta.
  25. 25. (ENEM) A interferência do homem no meio ambiente tem feito com que espécies de seres vivos desapareçam muito mais rapidamente do que em épocas anteriores. Vários mecanismos de proteção ao planeta têm sido discutidos por cientistas, organizações e governantes. Entre esses mecanismos, destaca- se o acordado na Convenção sobre a Diversidade Biológica durante a Rio 92, que afirma que a nação tem direito sobre a variedade de vida contida em seu território e o dever de conservá-la utilizando-se dela de forma sustentável. A dificuldade encontrada pelo Brasil em seguir o acordo da Convenção sobre a Diversidade Biológica decorre, entre outros fatores, do fato de aA) extinção de várias espécies ter ocorrido em larga escala.B) alta biodiversidade no país impedir a sua conservação.C) utilização de espécies nativas de forma sustentável ser utópica.D) grande extensão de nosso território dificultar a sua fiscalização.E) classificação taxonômica de novas espécies ocorrer de forma lenta.
  26. 26. CNUMAD 2012 – Rio de Janeiro RIO +20
  27. 27. “(...) todos se contentam com o mínimo, quando o mais razoável é buscar o máximo.”
  28. 28. ‘vamos em passos incrementais’
  29. 29. ‘vamos em passos incrementais’• Decisões globais
  30. 30. ‘vamos em passos incrementais’• Decisões globais• Crise ambiental e climática
  31. 31. Reportagem sobre RESULTADOS da Rio + 20
  32. 32. Discurso de Pepe Mujica(Presidente do Uruguai) na Rio + 20
  33. 33. Sobre-ExploraçãoSUCÇÃO DOS NUTRIENTES DA TERRA LEVA À PERDA DA BASE DOS PRÓPRIOS RECURSOS.
  34. 34. A Expansão do Desmatamento
  35. 35. • Em grande parte da Bacia Amazônica, áreas de floresta desmatada para pasto de gado tornam-se tão inférteis que devem ser abandonadas apenas 3 anos de exploração.• Após a vegetação ter sido cortada e queimada, a pastagem do gado remove os últimos nutrientes remanescentes do solo.
  36. 36. (ENEM) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho nacional está na região — e que pelo menos 50 milhões de hectares de pastos são pouco produtivos. Enquanto o custo médio para aumentar a produtividade de 1 hectare de pastagem é de 2 mil reais, o custo para derrubar igual área de floresta é estimado em 800 reais, o que estimula novos desmatamentos. Adicionalmente, madeireiras retiram as árvores de valor comercial que foram abatidas para a criação de pastagens. Os pecuaristas sabem que problemas ambientais como esses podem provocar restrições à pecuária nessas áreas, a exemplo do que ocorreu em 2006 com o plantio da soja, o qual, posteriormente, foi proibido em áreas de floresta. Época, 3/3/2008 e 9/6/2008 (com adaptações). A partir da situação-problema descrita, conclui-se quea) o desmatamento na Amazônia decorre principalmente da exploração ilegal de árvores de valor comercial.b) um dos problemas que os pecuaristas vêm enfrentando na Amazônia é a proibição do plantio de soja.c) a mobilização de máquinas e de força humana torna o desmatamento mais caro que o aumento da produtividade de pastagens.d) o superavit comercial decorrente da exportação de carne produzida na Amazônia compensa a possível degradação ambiental.e) a recuperação de áreas desmatadas e o aumento de produtividade das pastagens podem contribuir para a redução do desmatamento na Amazônia.
  37. 37. (ENEM) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho nacional está na região — e que pelo menos 50 milhões de hectares de pastos são pouco produtivos. Enquanto o custo médio para aumentar a produtividade de 1 hectare de pastagem é de 2 mil reais, o custo para derrubar igual área de floresta é estimado em 800 reais, o que estimula novos desmatamentos. Adicionalmente, madeireiras retiram as árvores de valor comercial que foram abatidas para a criação de pastagens. Os pecuaristas sabem que problemas ambientais como esses podem provocar restrições à pecuária nessas áreas, a exemplo do que ocorreu em 2006 com o plantio da soja, o qual, posteriormente, foi proibido em áreas de floresta. Época, 3/3/2008 e 9/6/2008 (com adaptações). A partir da situação-problema descrita, conclui-se quea) o desmatamento na Amazônia decorre principalmente da exploração ilegal de árvores de valor comercial.b) um dos problemas que os pecuaristas vêm enfrentando na Amazônia é a proibição do plantio de soja.c) a mobilização de máquinas e de força humana torna o desmatamento mais caro que o aumento da produtividade de pastagens.d) o superavit comercial decorrente da exportação de carne produzida na Amazônia compensa a possível degradação ambiental.e) a recuperação de áreas desmatadas e o aumento de produtividade das pastagens podem contribuir para a redução do desmatamento na Amazônia.
  38. 38. (ENEM) Calcula-se que 78% do desmatamento na Amazônia tenha sido motivado pela pecuária — cerca de 35% do rebanho nacional está na região — e que pelo menos 50 milhões de hectares de pastos são pouco produtivos. Enquanto o custo médio para aumentar a produtividade de 1 hectare de pastagem é de 2 mil reais, o custo para derrubar igual área de floresta é estimado em 800 reais, o que estimula novos desmatamentos. Adicionalmente, madeireiras retiram as árvores de valor comercial que foram abatidas para a criação de pastagens. Os pecuaristas sabem que problemas ambientais como esses podem provocar restrições à pecuária nessas áreas, a exemplo do que ocorreu em 2006 com o plantio da soja, o qual, posteriormente, foi proibido em áreas de floresta. Época, 3/3/2008 e 9/6/2008 (com adaptações). A partir da situação-problema descrita, conclui-se quea) o desmatamento na Amazônia decorre principalmente da exploração ilegal de árvores de valor comercial.b) um dos problemas que os pecuaristas vêm enfrentando na Amazônia é a proibição do plantio de soja.c) a mobilização de máquinas e de força humana torna o desmatamento mais caro que o aumento da produtividade de pastagens.d) o superavit comercial decorrente da exportação de carne produzida na Amazônia compensa a possível degradação ambiental.e) a recuperação de áreas desmatadas e o aumento de produtividade das pastagens podem contribuir para a redução do desmatamento na Amazônia.
  39. 39. (ENEM) As florestas tropicais estão entre os maiores, mais diversos e complexos biomas do planeta. Novos estudos sugerem que elas sejam potentes reguladores do clima, ao provocarem um fluxo de umidade para o interior dos continentes, fazendo com que essas áreas de floresta não sofram variações extremas de temperatura e tenham umidade suficiente para promover a vida. Um fluxo puramente físico de umidade do oceano para o continente, em locais onde não há florestas, alcança poucas centenas de quilômetros. Verifica-se, porém, que as chuvas sobre florestas nativas não dependem da proximidade do oceano. Esta evidência aponta para a existência de uma poderosa “bomba biótica de umidade” em lugares como, por exemplo, a bacia amazônica. Devido à grande e densa área de folhas, as quais são evaporadores otimizados, essa “bomba” consegue devolver rapidamente a água para o ar, mantendo ciclos de evaporação e condensação que fazem a umidade chegar a milhares de quilômetros no interior do continente. A. D. Nobre. Almanaque Brasil Socioambiental. Instituto Socioambiental, 2008, p. 368-9 (com adaptações). As florestas crescem onde chove, ou chove onde crescem as florestas? De acordo com o texto:A) onde chove, há floresta.B) onde a floresta cresce, chove.C) onde há oceano, há floresta.D) apesar da chuva, a floresta cresce.E) no interior do continente, só chove onde há floresta.
  40. 40. (ENEM) As florestas tropicais estão entre os maiores, mais diversos e complexos biomas do planeta. Novos estudos sugerem que elas sejam potentes reguladores do clima, ao provocarem um fluxo de umidade para o interior dos continentes, fazendo com que essas áreas de floresta não sofram variações extremas de temperatura e tenham umidade suficiente para promover a vida. Um fluxo puramente físico de umidade do oceano para o continente, em locais onde não há florestas, alcança poucas centenas de quilômetros. Verifica-se, porém, que as chuvas sobre florestas nativas não dependem da proximidade do oceano. Esta evidência aponta para a existência de uma poderosa “bomba biótica de umidade” em lugares como, por exemplo, a bacia amazônica. Devido à grande e densa área de folhas, as quais são evaporadores otimizados, essa “bomba” consegue devolver rapidamente a água para o ar, mantendo ciclos de evaporação e condensação que fazem a umidade chegar a milhares de quilômetros no interior do continente. A. D. Nobre. Almanaque Brasil Socioambiental. Instituto Socioambiental, 2008, p. 368-9 (com adaptações). As florestas crescem onde chove, ou chove onde crescem as florestas? De acordo com o texto:A) onde chove, há floresta.B) onde a floresta cresce, chove.C) onde há oceano, há floresta.D) apesar da chuva, a floresta cresce.E) no interior do continente, só chove onde há floresta.
  41. 41. Como reduzir estes problemas?• Produtividade máxima sustentável, mas... Planejar para uso sustentável reduz os retornos de curto prazo.  Aumentar a intensidade da agricultura exige aumento nos gastos de energia, trabalho e fertilizantes químicos.  Alta produção com base em plantações selecionadas ou modificadas geneticamente.
  42. 42. O Avanço da Desertificação
  43. 43. Desertificação: Expansão de Terras Áridas emAmbientes Secos ou Semi-Secos. Arenização:Expansão de Terras Áridas em Ambientes Úmidos.
  44. 44. São Gonçalo do Gurguéia - PE Gilbués - PI Gilbués - PI Jeridó - PB
  45. 45. Desertificação – PECUÁRIA O pastoreio causa compactação do solo. Impermeabilização do solo
  46. 46. Desertificação – PECUÁRIA Medida preventiva  Rodízio da pastos ou Piquetes
  47. 47. Desertificação – EXTRAÇÃO VEGETAL  Aumento do escoamento superficial da água  Erosão  Redução do lençol freático
  48. 48. Desertificação – QUEIMADAS Eliminação da microbiota do solo Redução da ciclagem de nutrientes
  49. 49. 2012
  50. 50. Os 10 maiores emissores de gás carbônico
  51. 51. Problemática do Lixo
  52. 52. Lixão
  53. 53. (ENEM) Os lixões são o pior tipo de disposição final dos resíduos sólidos de uma cidade, representando um grave problema ambiental e de saúde pública. Nesses locais, o lixo é jogado diretamente no solo e a céu aberto, sem nenhuma norma de controle, o que causa, entre outros problemas, a contaminação do solo e das águas pelo chorume (líquido escuro com alta carga poluidora, proveniente da decomposição da matéria orgânica presente no lixo). RICARDO, B.; CANPANILLI, M. Almanaque Brasil Socioambiental 2008. São Paulo, Instituto Sociambiental, 2007. Considere um município que deposita os resíduos sólidos produzidos por sua população em um lixão. Esse procedimento é considerado um problema de saúde pública porque os lixõesA) causam problemas respiratórios, devido ao mau cheiro que provém da decomposição.B) são locais propícios a proliferação de vetores de doenças, além de contaminarem o solo e as águas.C) provocam o fenômeno da chuva ácida, devido aos gases oriundos da decomposição da matéria orgânica.D) são instalados próximos ao centro das cidades, afetando toda a população que circula diariamente na área.E) são responsáveis pelo desaparecimento das nascentes na região onde são instalados, o que leva à escassez de água.
  54. 54. (ENEM) Os lixões são o pior tipo de disposição final dos resíduos sólidos de uma cidade, representando um grave problema ambiental e de saúde pública. Nesses locais, o lixo é jogado diretamente no solo e a céu aberto, sem nenhuma norma de controle, o que causa, entre outros problemas, a contaminação do solo e das águas pelo chorume (líquido escuro com alta carga poluidora, proveniente da decomposição da matéria orgânica presente no lixo). RICARDO, B.; CANPANILLI, M. Almanaque Brasil Socioambiental 2008. São Paulo, Instituto Sociambiental, 2007. Considere um município que deposita os resíduos sólidos produzidos por sua população em um lixão. Esse procedimento é considerado um problema de saúde pública porque os lixõesA) causam problemas respiratórios, devido ao mau cheiro que provém da decomposição.B) são locais propícios a proliferação de vetores de doenças, além de contaminarem o solo e as águas.C) provocam o fenômeno da chuva ácida, devido aos gases oriundos da decomposição da matéria orgânica.D) são instalados próximos ao centro das cidades, afetando toda a população que circula diariamente na área.E) são responsáveis pelo desaparecimento das nascentes na região onde são instalados, o que leva à escassez de água.
  55. 55. Aterro Sanitário
  56. 56. Sorocaba SP
  57. 57. Aterro Sanitário Macaúbas – Sabará/MG
  58. 58. (ENEM) A biodigestão anaeróbica, que se processana ausência de ar, permite a obtenção de energia emateriais que podem ser utilizados não só comofertilizante e combustível de veículos, mas tambémpara acionar motores elétricos e aquecer recintos.
  59. 59. O material produzido pelo processo esquematizado e utilizado para geração de energia é oA) biodiesel, obtido a partir da decomposição de matéria orgânica e(ou) por fermentação na presença de oxigênio.B) metano (CH4), biocombustível utilizado em diferentes máquinas.C) etanol, que, além de ser empregado na geração de energia elétrica, é utilizado como fertilizante.D) hidrogênio, combustível economicamente mais viável, produzido sem necessidade de oxigênio.E) metanol, que, além das aplicações mostradas no esquema, é matéria-prima na indústria de bebidas.
  60. 60. O material produzido pelo processo esquematizado e utilizado para geração de energia é oA) biodiesel, obtido a partir da decomposição de matéria orgânica e(ou) por fermentação na presença de oxigênio.B) metano (CH4), biocombustível utilizado em diferentes máquinas.C) etanol, que, além de ser empregado na geração de energia elétrica, é utilizado como fertilizante.D) hidrogênio, combustível economicamente mais viável, produzido sem necessidade de oxigênio.E) metanol, que, além das aplicações mostradas no esquema, é matéria-prima na indústria de bebidas.
  61. 61. Incineração do Lixo
  62. 62. (ENEM) Um dos processos usados no tratamento do lixo é a incineração, que apresenta vantagens e desvantagens. Em São Paulo, por exemplo, o lixo é queimado a altas temperaturas e parte da energia liberada é transformada em energia elétrica. No entanto, a incineração provoca a emissão de poluentes na atmosfera. Uma forma de minimizar a desvantagem da incineração, destacada no texto, éA) aumentar o volume do lixo incinerado para aumentar a produção de energia elétrica.B) fomentar o uso de filtros nas chaminés dos incineradores para diminuir a poluição do ar.C) aumentar o volume do lixo para baratear os custos operacionais relacionados ao processo.D) fomentar a coleta seletiva de lixo nas cidades para aumentar o volume de lixo incinerado.E) diminuir a temperatura de incineração do lixo para produzir maior quantidade de energia elétrica.
  63. 63. (ENEM) Um dos processos usados no tratamento do lixo é a incineração, que apresenta vantagens e desvantagens. Em São Paulo, por exemplo, o lixo é queimado a altas temperaturas e parte da energia liberada é transformada em energia elétrica. No entanto, a incineração provoca a emissão de poluentes na atmosfera. Uma forma de minimizar a desvantagem da incineração, destacada no texto, éA) aumentar o volume do lixo incinerado para aumentar a produção de energia elétrica.B) fomentar o uso de filtros nas chaminés dos incineradores para diminuir a poluição do ar.C) aumentar o volume do lixo para baratear os custos operacionais relacionados ao processo.D) fomentar a coleta seletiva de lixo nas cidades para aumentar o volume de lixo incinerado.E) diminuir a temperatura de incineração do lixo para produzir maior quantidade de energia elétrica.
  64. 64. • LIXÕESFormas ou práticas de • ATERRO SANITÁRIOdispersão e tratamento •USINA DE INCINERAÇÃO de resíduos •BIODIGESTOR MÉTODOS DE ARMAZENAMENTO OU •USINA DE COMPOSTAGEM TRATAMENTO DO LIXO
  65. 65. Poluição dos Recursos Hídricos
  66. 66. Eutrofização
  67. 67. (ENEM) O despejo de dejetos de esgotos domésticos e industriais vem causando sérios problemas aos rios brasileiros. Esses poluentes são ricos em substâncias que contribuem para a eutrofização de ecossistemas, que é um enriquecimento da água por nutrientes, o que provoca um grande crescimento bacteriano e, por fim, pode promover escassez de oxigênio. Uma maneira de evitar a diminuição da concentração de oxigênio no ambiente é:A)Aquecer as águas dos rios para aumentar a velocidade de decomposição dos dejetos.B) Retirar do esgoto os materiais ricos em nutrientes para diminuir a sua concentração nos rios.C) Adicionar bactérias anaeróbicas às águas dos rios para que elas sobrevivam mesmo sem o oxigênio.D)Substituir produtos não degradáveis por biodegradáveis para que as bactérias possam utilizar os nutrientes.E) Aumentar a solubilidade dos dejetos no esgoto para que os nutrientes fiquem mais acessíveis às bactérias.
  68. 68. (ENEM) O despejo de dejetos de esgotos domésticos e industriais vem causando sérios problemas aos rios brasileiros. Esses poluentes são ricos em substâncias que contribuem para a eutrofização de ecossistemas, que é um enriquecimento da água por nutrientes, o que provoca um grande crescimento bacteriano e, por fim, pode promover escassez de oxigênio. Uma maneira de evitar a diminuição da concentração de oxigênio no ambiente é:A)Aquecer as águas dos rios para aumentar a velocidade de decomposição dos dejetos.B) Retirar do esgoto os materiais ricos em nutrientes para diminuir a sua concentração nos rios.C) Adicionar bactérias anaeróbicas às águas dos rios para que elas sobrevivam mesmo sem o oxigênio.D)Substituir produtos não degradáveis por biodegradáveis para que as bactérias possam utilizar os nutrientes.E) Aumentar a solubilidade dos dejetos no esgoto para que os nutrientes fiquem mais acessíveis às bactérias.
  69. 69. SOCIEDADE DE CONSUMO DIRIGIDO
  70. 70. O que Podemos Fazer??? • Sustentabilidade • Equidade • Lixo “Zero” • Química Verde • Energias Renováveis • Consumo Consciente • Economias Locais Vivas • Produção em Circuitos Fechados
  71. 71. Fim
  72. 72. O ENEM tá chegando!!!
  73. 73. EuN ãoE stouM edrosoo E N E M é de vocês !!
  74. 74. Dicas
  75. 75. Semana da Prova• Leia os resumos; resumos• Cuidado com alimentação, principalmente comidas pesadas;• Descanse bastante, mas não deixe de estudar;• Busque motivação...
  76. 76. Como fazer a prova Antes da prova: • Repita mentalmente frases positivas; mentalize coisas dando certo;• Evite beber muita água antes da prova, beba durante e aos poucos.
  77. 77. Durante a prova: • Não se preocupe em resolver a prova na sequência, “passeie” pela prova; • Deixe as questões mais trabalhosas para o final.• Procure marcar no gabarito as questões que você já tem certeza.
  78. 78. “Quem quer arruma um jeito... quem não quer arruma uma desculpa.” Declare guerra às suas DESCULPITES; Evite pessoas que vivem delas. “ENEM é público, não somente para os gênios”. E o vestibular também...
  79. 79. Os outros
  80. 80. VocêOs outros
  81. 81. Você Olhe para o alvo certoOs outros
  82. 82. Pode até parecer difícil, mas o seu sonho interessa avocê mesmo e cabe a você alcançá-lo.
  83. 83. Os outros Vc é foda!!
  84. 84. No final, tudo será umarecompensa!!
  85. 85. Basta uma voadora...
  86. 86. Boaprova!

×