GD1_Aula 2

1.083 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios, Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.083
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

GD1_Aula 2

  1. 1. a Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Des Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Ano lectivo ’07/08 de Rio Maior|Gestão do Desporto I Escola Superior d Gestão do Desporto I Aula2 (26 Fev’08) Ano lectivo ’07/08
  2. 2. 1 Da Identificação de Oportunidades à Geração de conceitos
  3. 3. Sumário 2 _Introdução aos trabalhos a realizar _Ciclo de vida/desenvolvimento de novos produtos _Geração de conceitos _Matriz mercados / tecnologias _Trabalho de Grupo Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  4. 4. Fases e entregáveis 3 Relatórios Entregáveis e Fase Data prevista Revisões Periódicas Revisão Periódica 1 11 Mar.’08 Definição do 1 conceito Relatório e apresentação 08 Abr.’08 Definição do conceito Revisão Periódica 2 22 Abr.’08 Definição do 2 Revisão Periódica 2.1 06 Mai.’08 serviço Relatório Definição do serviço 27 Mai.’08 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  5. 5. Desenvolvimento de novos serviços/produtos – O Processo 4 Taxa de Etapas Ex. Execução 1 – Geração de Ideias - - 2 - Selecção de Ideias 1/4 100 3 - Definição e Teste de Conceito ½e½ 50 4 - Definição e Desenvolvimento do Serviço 1/2 12 5 - Teste de Mercado 1/2 6 6 - Lançamento do Serviço - 3 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  6. 6. Desenvolvimento de novos serviços/produtos – O Processo 4 Taxa de Etapas Ex. Execução 1 - Identificação da Oportunidade / Identificação e selecção de Ideias 1/4 100 2 - Definição do Conceito 1/2 50 3 - Teste de Conceito 1/2 25 4 - Definição e Desenvolvimento 1/2 12 do Serviço 5 - Teste de Mercado 1/2 6 6 - Lançamento do Serviço 3 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  7. 7. Ciclo de vida de novos serviços/produtos 5 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  8. 8. Serviços/Mercado 6 Serviços actuais Novos Serviços Mercados Actuais Novos Mercados Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  9. 9. Ciclo de vida/desenvolvimento de novos serviços/produtos 7 O ciclo de desenvolvimento de um novo serviço pode ter início no decurso: da identificação de de uma estratégia uma oportunidade ou deliberada de inovação de uma ideia Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  10. 10. Ciclo de vida/desenvolvimento de novos serviços/produtos 7 O ciclo de desenvolvimento de um novo serviço pode ter início no decurso: da identificação de de uma estratégia uma oportunidade ou deliberada de inovação de uma ideia Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  11. 11. Identificação de Oportunidades 8 Fontes de Oportunidade (contexto organizacional) Capacidade Capacidade Solicitação Solicitação Subaproveitada Reforçada Interna Externa _Equipamentos _Equipamentos _Variações: _Contexto _Liderança político-legal _Pessoas _Pessoas _Capacidade _Mercado _Tecnologias _Tecnologias (clientes/ _Competências _Competências concorrência) Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  12. 12. Identificação de Oportunidades 9 ou Ideias Necessidades, gostos, preferências e aspirações das pessoas Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  13. 13. Desenvolvimento de novos serviços/produtos 10 _O processo de desenvolvimento de novos serviços ou produtos começa em muitos casos com a geração de ideias Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  14. 14. Desenvolvimento de novos serviços/produtos 10 _Ideias essas que se pretende sejam potenciadoras de: INOVAÇÃO ? Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  15. 15. 11 INOVAÇÃO reflecte o processo de gerar algo de novo, único ou original que leva a uma ideia de negócio viável ou seja uma ideia que acrescente valor a um individuo, organização ou à sociedade Adaptado CANADAONE Magazine, 2000 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  16. 16. Inovação - o que pode ser novo e acrescente valor 12 _Serviços/produtos inteiramente novos _Novas linhas de serviços/produtos que permitem a uma empresa entrar num novo segmento de mercado _Acréscimo de linhas de serviços existentes que complementam os já existentes (ex: novo horário) Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  17. 17. Inovação - o que pode ser novo e acrescente valor 13 _Aperfeiçoamento de serviços/produtos existentes - que oferecem um melhor desempenho ou um maior valor apercebido e substituem serviços/produtos existentes) Reposicionamento - serviços/produtos existentes que são orientados para novos segmentos de mercado Reduções de custo - novos serviços/produtos que fornecem desempenho similar com um custo menor Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  18. 18. Identificação de ideias para novos serviços/produtos 14 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  19. 19. 15 As boas ideias devem ser trabalhadas para se chegar a conceitos (de serviço/produto) que possam ser testados e posteriormente gerar em serviços vendáveis no mercado Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  20. 20. O Conceito 16 _Um conceito de serviço/produto é uma versão elaborada da ideia, expressa de modo que faça sentido ao cliente, onde esteja expresso: _O tipo de serviço ex. Serviço móvel de consultadoria técnica _Os aspectos fundamentais do respectivo formato ex. sob a forma de uma viatura equipada _A Tecnologia/conjunto de Tecnologias que tornam este serviço único/especial ex. no domínio da avaliação corporal Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  21. 21. 17 O Relatório 1 Da identificação da Oportunidade à Definição do Conceito Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  22. 22. Matriz Mercados/Tecnologias 18 _É um meio expedito para a identificação de oportunidades e geração de ideias (condição importante para a definição de um novo serviço) _Consiste no cruzamento entre segmentos de mercado e tecnologias (áreas de actividade) para a identificação de “Janelas de Oportunidade” O Relatório 1 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  23. 23. Matriz Mercados/Tecnologias Decomposição do Mercado em Segmentos 19 Mercado Consumidores Mercado Institucionais Variáveis geográficas: Variáveis geográficas: Região e Dimensão dos agregados Sector, Tipo de serviço oferecido, populacionais (Concelhos/Cidades) Dimensão e Localização da empresa Variáveis demográficas: Variáveis demográficas: Idade, Sexo, Tamanho da família, Tecnologia (áreas de actividade), Ocupação, Nível de Escolaridade Situação como utilizador, e Variáveis psicográficas: Capacidade de utilização (face às Classe social e Estilo de vida necessidades) Variáveis comportamentais: Outras Variáveis : Ocasião da compra, Benefícios Urgência, Especificidade e Dimensão procurados, Situação como Utilizador, do pedido Grau de utilização e Processo de compra O Relatório 1 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  24. 24. Matriz Mercados/Tecnologias Validação dos Segmentos de Mercado 20 _Depois de identificados os segmentos deve-se proceder à respectiva validação dos mesmos face a 4 critérios fundamentais: _Dimensão do segmento _Visibilidade “estatística”/Informação sobre o segmento _Facilidade de acesso ao segmento _Diferenciação externa do segmento O Relatório 1 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  25. 25. Matriz Mercados/Tecnologias Decomposição das Tecnologias 21 _As Tecnologias (áreas de actividade) têm a ver com: _Actividades _Complexos de Actividades _Métodos e técnicas específicos (metodologia/prescrição/avaliação/promoção) Nota: As Tecnologias a decompor devem estar directamente relacionadas com a variante do curso dos grupos de trabalho O Relatório 1 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  26. 26. Matriz Mercados/Tecnologias Decomposição do Mercado em Segmentos 22 Áreas tecnológicas do Desporto Outras áreas tecnológicas _Espaços/instalações _Estatística _Nutrição _Equipamentos _Psicologia _Informática _Actividades _Sociologia _Investigação _Complexos de actividades _Segurança _Métodos e técnicas específicos _Gestão de Projectos, Marketing (metodologia/prescrição/avaliação ou RH´s /promoção) O Relatório 1 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  27. 27. As “Janelas de Oportunidade” a explorar resulta dos efeitos que a tecnologia/conjunto de tecnologias tem sobre o segmento/conjunto de segmentos seleccionados. 23 Identificada a oportunidade de serviço/ideia que deve ser gerada uma “Declaração de Intenções” ou seja a justificação da oportunidade a explorar Para depois ser desenvolvido Nota: A oportunidade um “Conceito de Serviço” identificada deve estar (a aperfeiçoar na próxima fase adequada aos interesses, expectativas e do trabalho – R2) capacidades dos grupos de trabalho O Relatório 1 Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  28. 28. Relatório 1 Definição do Conceito 24 _Definição do(s) Segmento(s) Entrega da Versão 1 _dimensão na RP1 no dia 11 de _visibilidade Março _acessibilidade Entrega e Apresentação _diferenciação externa da Versão Final no _Definição da(s) Tecnologia(s) dia 8 de Abril _Apresentação da Janela de Oportunidade _Definição do Conceito Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I
  29. 29. 25 Matriz Mercados/Tecnologias Trabalho de Grupo Escola Superior de Desporto de Rio Maior|Gestão do Desporto I

×