1. Plano de Emsino Microbiologia Agrícola 1-2012

1.883 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.883
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1. Plano de Emsino Microbiologia Agrícola 1-2012

  1. 1. MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO CIÊNCIA E TECNOLOGIA GOIANO – Campus Urutaí PLANO DE ENSINOCURSO: AgronomiaDOCENTE: Milton Luiz da Paz Lima CÓDIGO UNIDADE CURRICULAR PERÍODO ANO/SEMESTREAGR304 Microbiologia Agrícola Matutino 1/2012 OBRIG/OPT/EST PRÉ-REQUISITO CARGA HORÁRIA TOTAL:Obrigatória Microbiologia Geral (60 H/A) Teórica 2 Prática 1EMENTA: Comunidade microbiana do solo (Processos microbiológicos e bioquímicos no solo;Fatores que afetam a microbiota do solo; Interações biológicas na rizosfera); Bactérias,actiniomicetos, fungos, leveduras, vírus e algas de interesse agrícola (diversidade e mecanismos deação). Métodos de inoculação.OBJETIVOS/COMPETÊNCIAS (ao término da disciplina o aluno deverá ser capaz de:)GERAL: Capacitar o aluno ESPECÍFICOS:para reconhecer a importância e - conhecer as interações dos microrganismos nos solos.as funções da microbiologia do - desenvolver atividades de investigação de microrganismos esolo. Com isso, o aluno terá macrorganismos no solo.base para complementar osconhecimento de gênese desolo, fertilidade do solo,adubação e fitopatologia. Oconjunto dessas disciplinashabilitará o aluno para aplicartécnicas e manejos eficientes naagropecuária do ponto de vistaeconômico e ambiental, comoadubação, manejo econservação do solo,recuperação de áreasdegradadas e preservação doambiente.CONTEÚDO PROGRAMÁTICO:Unidade I. Introdução, definição, importância e funções dos organismos do solo. Microrganismos:definição, importância, características, diversidade. Tipos Microrganismos: definição, importância,características, diversidade.Unidade II. Ecologia do solo: Componentes do solo. Agregação, solo como habitat e interaçõesentre organismos. Métodos de avaliação da biota do Solo. Aula prática: métodos de quantificaçãode microrganismos. Metabolismo microbiano: oxi-redução, anaerobiose e enzimas do solo.Biomassa Microbiana do solo.Unidade III. Matéria Orgânica do Solo: decomposição, reciclagem, dinâmica da mineralização,húmus.
  2. 2. Unidade IV. Biodegradação de moléculas xenobióticas: formulação, adsorção, persistência,condições da biodegradação, dinâmica de xenobióticos, mecanismos, consequências ambientais.Biorremediação microbiana de solos: conceitos, técnicas de biorremediação, isolamento eaplicabilidade de microrganismos.Unidade V. Transformações bioquímicas e ciclagem de elementos no solo: C, N, P, S e Metais.Unidade VI. Rizosfera: efeito sobre microrganismos, microrganismos endofíticos. FixaçãoBiológica do Nitrogênio: organismos fixadores, associação de diazototróficos, simbioses.Micorrizas: tipos de micorriza, micorriza arbuscular (MA). MA: ocorrência, efeitos para a planta.Ectomicorrizas.ESTRATÉGIAS DE ENSINO:I) ENSINO A metodologia utilizada será a exposição de slides em data-show associado a explicações emquadro-branco e/ou quadro negro. Caso permaneçam dúvidas por parte dos alunos, espera-se queestas sejam esclarecidas durante as aulas práticas (saídas de campo e laboratório) e teóricas. E, seainda assim persistirem as dúvidas, o áudio das aulas serão gravados (*.wav) e os arquivos serãodisponibilizados para estudo. Faz-se necessário por parte dos alunos leituras prévias (bibliografias básicas e complementares)dos assuntos a serem lecionados (referencias encontram-se no final do plano de ensino), comoforma de facilitar e melhorar o aprendizado e garantir uma boa discussão em sala de aula sobre oassunto. Caso haja necessidade o professor poderá ministrar exame escrito e/ou objetivo (carátersurpresa), como forma de avaliação do aproveitamento durante a aula ministrada. A chamada será realizada a qualquer momento durante a aula e fica proibida a entrada ou saídade alunos quando esta estiver sendo realizada, permanecendo com falta os alunos que nãoestiverem presentes ou não responderem a mesma por qualquer motivo (ressalvados aquelesprotegidos pela lei). Trabalhos práticos: durante as aulas práticas será cobrado a confecção de um relatóriodescritivo sobre os acontecimentos decorrentes, bem como, o suo de jaleco. O relatório de aulaprática deverá conter: Introdução teórica (revisão de literatura e objetivo); Material e métodos(descrição dos métodos e técnicas utilizadas e verificadas na aula); Resultados e Discussão (análisecrítica dos resultados observados na aula e compará-los com literatura especializada);Considerações finais (conclusões) e Referências bibliográficas (dentro das normas atuais da ABNTou conforme o modelo elaborado);Relatórios de Saída de Campo: Poderão ser individuais ou em grupos. Deverão ser entregues nasemana após as realizações ou conforme recomendações do professor. O aluno ganhará nota departicipação se estiver presente nas saídas de campo.Video (capítulo de livro): O aluno irá compor um documento seguindo a estrutura de introdução,desenvolvimento, conclusões e literatura consultada. Esse texto deverá ser o roteiro paraelaboração de um vídeo didático de 10 minutos.Laboratório: Alunos que não estiverem usando jaleco não poderão assistir aula prática.SITUAÇÕES E CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO:
  3. 3. A avaliação será realizada através da aplicação de exames teóricos e trabalhos práticos.MB 1 = média bimestral 1 será composta dos seguintes itens:a) Trabalhos, pesquisas, relatórios de aulas práticas, testes Surpresa = 40 % de MB1b) 1ª. Prova Teórica + 1ª. Prova Prática + previa Roteiro-Vídeo / 3 = 60 % de MB1MB 2 = médias bimestral 2 será composta dos seguintes itens:a) Trabalhos, relatórios de aulas práticas, testes Surpresa, atividades gerais: 10 % de MB2b) Roteiro-Vídeo + 2ª. Prova Escrita e 2ª. Prova Prática: 60 % de MB2.Datas Importantes:Roteiro e Video (prévia) entrega no dia da primeira prova: dia 07/05/2012E a versão final deverá ser entregue na data da segunda prova, impressa e com fotografiascontendo impressão a laser.1ª. Avaliação teórica: 07/05/20122ª. Avaliação teórica: 02/07/2012Será considerado aprovado o aluno em que as médias das médias bimestrais resultem em notasuperior ou igual 6,0.BIBLIOGRAFIA BÁSICA:AZEVEDO, J.L. Genética de microrganismos. Goiânia: Editora da UFG, 490p.FRIGHETTO, R. T. S.; VALARINI, P. J. Indicadores biológicos e bioquímicos da qualidade dosolo. Jaguariúna: Embrapa Meio Ambiente, 198p.HUNGRIA, M.; ARAÚJO, R. S. Manual de métodos empregados em estudos de microbiologiaagrícola. Brasília: EMBRAPA, 542p.MELO, I. S.; AZEVEDO, J. L. Ecologia microbiana. Jaguariúna: EMBRAPA/CNPMA, 488p.MOREIRA, F. M. S.; SIQUEIRA, J. O. Microbiologia e bioquímica do solo. Lavras: EditoraUFLA, 729p. 2008.BELL, A. An illustrated guide to the coprophilous Ascomycetes of Australia. CBS BiodiversitySeries No. 3, Utrecht, The Netherlands, 2005.BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR:_______________________ _______________________ ________________________Prof. Dr. Milton L. Paz Lima Coordenador de Curso Área Pedagógica Urutaí-GO, 09 de fevereiro de 2012
  4. 4. ANEXOI CRONOGRAMADATA PREVISTA N° AULAS CONTEÚDO DA AULA 06/02 3 Introdução, definição, importância e funções dos organismos do solo. Microrganismos: definição, importância, características, diversidade. 13/02 6 Microrganismos: definição, importância, características, diversidade. 27/2 9 Ecologia do solo: agregação, solo como habitat e interações entre organismos. 5/3 12 Métodos de avaliação da biota do Solo. Aula prática: métodos de quantificação de microrganismos. 12/3 15 Métodos de avaliação da biota do Solo. Aula prática: métodos de quantificação de microrganismos. 19/3 18 Métodos de avaliação da biota do Solo. Aula prática: métodos de quantificação de microrganismos. 26/3 21 Metabolismo microbiano: oxi-redução, anaerobiose e enzimas do solo. 2/4 24 Biomassa Microbiana. Aula de campo: Mata. 9/4 27 Matéria Orgânica do Solo: decomposição, reciclagem, dinâmica da mineralização, húmus. 16/4 30 Biodegradação de moléculas xenobióticas: formulação, adsorção, persistência, condições da biodegradação, dinâmica de xenobióticos, mecanismos, consequências ambientais. 23/4 33 Biorremediação microbiana de solos: conceitos, técnicas de biorremediação, 7/5 36 Primeira prova 14/5 39 isolamento e aplicabilidade de microrganismos. 21/5 42 Transformações bioquímicas e ciclagem de elementos no solo: C, N, 28/5 45 Transformações bioquímicas e ciclagem de elementos no solo: P, S e Metais. 4/6 48 Rizosfera: efeito sobre microrganismos, microrganismos endofíticos. 11/6 51 Fixação Biológica do Nitrogênio: organismos fixadores, associação de diazototróficos. 18/6 54 Fixação Biológica do Nitrogênio: simbioses. 25/6 57 Micorrizas: tipos de micorriza, micorriza arbuscular (MA). MA: ocorrência, efeitos para a planta. Ectomicorrizas 2/7 60 Segunda prova 9/7 63 Terceira Prova [Recuperaçao]
  5. 5. OBSERVAÇÕES:

×