Aula xi abdome

5.880 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Esportes
  • Seja o primeiro a comentar

Aula xi abdome

  1. 1. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG Universidade Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Biológicas Departamento de Morfologia Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta Especialista em Esportes Mestranda em Patologia Geral
  2. 2. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG Abdome
  3. 3. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>Regiões na parede do abdome </li></ul><ul><li>- Hipocôndrio direito e esquerdo </li></ul><ul><li>-Lombar direita e esquerda </li></ul><ul><li>-Inguinal direita e esquerda </li></ul><ul><li>-Epigástrica </li></ul><ul><li>-Umbilical </li></ul><ul><li>-Hipogástrica </li></ul><ul><li>Parede ântero-lateral do abdome: </li></ul><ul><li>Músculo reto do abdome </li></ul><ul><li>Músculo obliquo externo e interno </li></ul><ul><li>Músculo transverso do abdome </li></ul><ul><li>Músculo piramidal </li></ul><ul><li>Baínha do reto do abdome </li></ul><ul><li>Ações dos músculos sobre o tronco </li></ul><ul><li>Região inguinal </li></ul>
  4. 4. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>Abdome:(introdução) </li></ul><ul><li>Participa do tronco </li></ul><ul><li>Encontra-se entre tórax e pelve- sem divisões nitidamente delimitadas </li></ul><ul><li>O m. diafragma: separa a cavidade abdominal da torácica </li></ul><ul><li>Contém a maior parte dos órgãos do sistema digestivo, urogenitais, baço. </li></ul><ul><li>Contém o peritônio: membrana serosa de 2 paredes- envolve as vísceras abdominais. </li></ul><ul><li>-Sem proteção óssea- coluna vertebral(5 vértebras lombares e discos)posterior </li></ul><ul><li>Formam paredes posterior e ântero-laterais - adaptam a gravidez ou </li></ul><ul><li>obesidade </li></ul><ul><li>-Gravidez- linhas avermelhadas: estrias gravídicas - pele do abdome </li></ul><ul><li>-Pós parto- Estrias- linhas esbranquiçadas, finas, semelhante a cicatriz: </li></ul><ul><li>linhas albicantes </li></ul>
  5. 5. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG Cavidade abdominal
  6. 6. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>1- Regiões da parede abdominal: </li></ul><ul><li>Divisão: </li></ul><ul><li>9 regiões- por 2 linhas verticais(ponto médio </li></ul><ul><li>da clavícula ao ponto médio do lig. inguinal): </li></ul><ul><li>linhas hemiclaviculares </li></ul><ul><li>e 2 linhas horizontais </li></ul><ul><li>(tangente inferior a borda costal): </li></ul><ul><li>plano subcostal e </li></ul><ul><li>(tangencia os tubérculos da crista ilíaca) </li></ul><ul><li>plano transtubercular: </li></ul><ul><li>Hipocôndrios D e E </li></ul><ul><li>Lombar ou Flanco D e E </li></ul><ul><li>Inguinal D e E </li></ul><ul><li>Epigástrica </li></ul><ul><li>Umbilical </li></ul><ul><li>Hipogástrica </li></ul>
  7. 7. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG 2- Parede ântero-lateral do abdome: - Única parte óssea- coluna vertebral Proteção abdominal – musculatura do abdome Parede abdominal -Auxilia os mm. do dorso: mov. do tronco, posição ereta, estabiliza a pelve -Parede abdominal(músculos)- oferecem resistência com mínimo de espessura Lâminas finas- comprimidas umas nas outras- fibras de cada lâmina são orientadas diferentes, opostas.
  8. 8. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>Músculos da parede abdominal:(laminares) </li></ul><ul><li>2.1- Músculo oblíquo externo do abdome: </li></ul><ul><li>-Situação: Superficial </li></ul><ul><li>-Origem: 8 ultimas costelas </li></ul><ul><li>-Inserção: Crista ilíaca, bainha do reto </li></ul><ul><li>e linha alba </li></ul><ul><li>-Ação: flexão de tronco, pressiona </li></ul><ul><li>o abdome, eleva a pelve, rotação </li></ul><ul><li>(lado oposto) </li></ul>Bainha do reto-lâmina anterior Linha alba
  9. 9. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>2.2- Músculo oblíquo interno do abdome: </li></ul><ul><li>-Situação: posterior - obliquo externo </li></ul><ul><li>-Origem : aponeurose toracolombar </li></ul><ul><li>-Inserção: bainha do reto </li></ul><ul><li>-Ação: flexão de tronco, pressiona </li></ul><ul><li>o abdome, eleva a pelve, rotação </li></ul><ul><li>(mesmo lado ), flex. lateral e auxilia </li></ul><ul><li>o obliquo externo do lado oposto </li></ul><ul><li>2.3- Músculo transverso do abdome : </li></ul><ul><li>Situação: Posterior ao obliquo interno </li></ul><ul><li>Origem: 6 ultimas costelas(interno), </li></ul><ul><li>Aponeurose toracolombar, crista ilíaca </li></ul><ul><li>Inserção: bainha do reto </li></ul><ul><li>Ação: pressiona a parede abdominal </li></ul>
  10. 10. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG Bainha do reto- Lâmina posterior M. transverso Linha arqueada
  11. 11. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>2.4- Músculo reto do abdome: </li></ul><ul><li>-Situação: ao lado do obliquo ext. </li></ul><ul><li>-Classificação: Vários ventres- poligastrico </li></ul><ul><li>-Origem : Processo xifoide, 5ª -6ª </li></ul><ul><li>cartilagens costais </li></ul><ul><li>-Inserção: Sínfise e crista ilíaca </li></ul><ul><li>-Ação: flexão de tronco, pressiona </li></ul><ul><li>o abdome </li></ul><ul><li>2.5- Músculo Piramidal </li></ul><ul><li>Situação: Inferior ao reto </li></ul><ul><li>Origem: corpo do púbis </li></ul><ul><li>Inserção: linha alva </li></ul><ul><li>Ação: pressiona a parede abdominal </li></ul>Linha semilunar
  12. 12. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>3- Bainha do reto do abdome: </li></ul><ul><li>- O reto do abdome- envolvido por uma bainha: </li></ul><ul><li>Bainha do reto do abdome </li></ul><ul><li>Perticularidades: </li></ul><ul><li>-É formada: 3 aponeuroses dos mm. </li></ul><ul><li>abdominais(externo, interno e transverso):se </li></ul><ul><li>entrelaçam anterior- constituindo uma rafe: </li></ul><ul><li>linha alba ou alva </li></ul>Linha alba
  13. 13. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG -As 3 aponeurose se encontram- lateral ao reto- ao longo de uma linha: linha semilunar -A aponeurose do obliquo interno: 2 folhetos: Anterior: funde com a fáscia do externo- passa anterior ao reto: lâmina anterior do reto Posterior: Funde com a fáscia do transverso- Passa posterior ao reto: lâmina posterior do reto - Ponto- das 3 aponeurose que constituem a lâmina posterior- linha arqueada
  14. 14. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG
  15. 15. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>4- Ações dos músculos abdominais sobre o tronco: </li></ul><ul><li>A contração dos mm. da parede abdominal e pélvicos: </li></ul><ul><li>resistir a pressão do m. diafragma(sentido caudal)- durante os esforços </li></ul><ul><li>-As ações destes mm.- produz aumento da pressão intra-abdominal. </li></ul><ul><li>- mm. atuam: Respiração, defecação,micção, parto e vômito </li></ul><ul><li>Flexão, rotação e flexão lateral de tronco </li></ul><ul><li>Reto do abdome- principal flexor de tronco e auxiliado pelos oblíquos </li></ul><ul><li>Os oblíquos- atuam com os mm. dorso: produzir rotação do tronco </li></ul><ul><li>Os oblíquos, transverso, auxiliados pelo reto- atuam com os mm. dorso: </li></ul><ul><li>produz flexão lateral </li></ul>
  16. 16. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG <ul><li>5- Região inguinal: </li></ul><ul><li>-Região da “virilha” </li></ul><ul><li>-Encontra-se no quadrante inguinal </li></ul><ul><li>-Disposto na musculatura abdominal(obliquo ext.) </li></ul><ul><li>-Apresenta um canal: canal inguinal: </li></ul><ul><li>Passagem curta e obliqua através </li></ul><ul><li>da parede abdominal(inferior) </li></ul><ul><li>Vai da espinha ilíaca ântero </li></ul><ul><li>superior- púbis </li></ul><ul><li>Um ligamento estende por este </li></ul><ul><li>Ponto: Lig. Inguinal </li></ul><ul><li>Na região inguinal passam </li></ul><ul><li>estrutura: funículo espermático, </li></ul><ul><li>lig. Redondo do útero, </li></ul><ul><li>artérias e veias femorais </li></ul>
  17. 17. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG
  18. 18. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG O canal inguinal: tem importância médica Através deste canal, podem passar(exteriorizar) órgãos abdominais Hérnia inguinal Protrusão de qualquer estrutura, víscera ou órgão – por abertura: congênita ou adquirida
  19. 19. Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta UFMG Universidade Federal de Minas Gerais Ana Paula de Sousa Paixão Fisioterapêuta Especialista em esportes Mestranda em Patologia [email_address]

×