<ul><li>Realizado por : </li></ul><ul><li>Bruno Daniel  </li></ul><ul><li>Helena Almeida  </li></ul><ul><li>Silvia Pereira...
<ul><li>A energia manifesta-se à nossa volta e nas actividades que desenvolvemos de muitas formas: nada acontece sem energ...
A energia da água pode ser aproveitada recorrendo aos modernos recursos da ciência e tecnologia.
Fontes / Manifestação de energia
Nas usinas hidroeléctricas, a energia eléctrica tem como fonte principal a energia proveniente da queda de água represada ...
Vantagens Desvantagens
<ul><li>Vantagens  : </li></ul><ul><li>     </li></ul><ul><li>produção de energia: hidroelectricidade; </li></ul><ul><li>r...
<ul><li>Desvantagens: </li></ul><ul><li>inundação de áreas agricultáveis; </li></ul><ul><li>perda de vegetação e da fauna ...
Uso racional de energia
<ul><li>Além das técnicas de uso sustentável da água, a racionalização também é de grande importância para a sociedade e m...
Aproveitamento energético
<ul><li>A energia hidroeléctrica é encontrada em forma  de energia cinética, sob diferenças de temperatura ou gradientes d...
<ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_hidr%C3%A1ulica </li></ul><ul><li>http://www.prof2000.pt/users/cfqfespan/ener...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Água - 10º A

2.482 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Esportes
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.482
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.859
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Água - 10º A

  1. 1. <ul><li>Realizado por : </li></ul><ul><li>Bruno Daniel </li></ul><ul><li>Helena Almeida </li></ul><ul><li>Silvia Pereira </li></ul>Água
  2. 2. <ul><li>A energia manifesta-se à nossa volta e nas actividades que desenvolvemos de muitas formas: nada acontece sem energia. A energia faz parte do Universo que nos rodeia. </li></ul><ul><li>As fontes de energia podem ser renováveis ou não renováveis conforme o tempo que leva a repor-se a energia que delas vai sendo utilizada. </li></ul><ul><li>O século XX recorreu essencialmente a energias poluentes ou sujas, como o petróleo, gás natural ou carvão. O século XXI irá abrir as portas às energia limpas, que além de não serem poluentes são inesgotáveis. A energia manifesta-se de diferentes modos, sendo detectada pelos efeitos que produz. </li></ul><ul><li>A energia, pode ser qualificada de acordo com os efeitos que produz, com os fenómenos a que está associada ou de acordo com a fonte de onde provém. </li></ul>
  3. 3. A energia da água pode ser aproveitada recorrendo aos modernos recursos da ciência e tecnologia.
  4. 4. Fontes / Manifestação de energia
  5. 5. Nas usinas hidroeléctricas, a energia eléctrica tem como fonte principal a energia proveniente da queda de água represada a uma certa altura. A energia potencial que a água tem na parte alta da represa é transformada em energia cinética, que faz com que as pás da turbina girem, accionando o eixo do gerador, produzindo energia eléctrica. Utiliza-se a energia hídrica no Brasil em grande escala, devido aos grandes mananciais de água existentes.
  6. 6. Vantagens Desvantagens
  7. 7. <ul><li>Vantagens  : </li></ul><ul><li>     </li></ul><ul><li>produção de energia: hidroelectricidade; </li></ul><ul><li>retenção de água regionalmente; </li></ul><ul><li>aumento do potencial de água potável e de recursos hídricos </li></ul><ul><li>reservados; </li></ul><ul><li>criação de possibilidades de recreação e turismo; </li></ul><ul><li>aumento do potencial de irrigação; </li></ul><ul><li>aumento e melhoria da navegação e transporte; </li></ul><ul><li>aumento da produção de peixes e na possibilidade de aquicultura; </li></ul><ul><li>regulação do fluxo e inundações; </li></ul><ul><li>aumento das possibilidades de trabalho para a população local. </li></ul>
  8. 8. <ul><li>Desvantagens: </li></ul><ul><li>inundação de áreas agricultáveis; </li></ul><ul><li>perda de vegetação e da fauna terrestres; </li></ul><ul><li>interferência na migração dos peixes; </li></ul><ul><li>mudanças hidrológicas a jusante da represa; </li></ul><ul><li>alterações na fauna do rio; </li></ul><ul><li>interferências no transporte de sedimentos; </li></ul><ul><li>aumento da distribuição geográfica de doenças de veiculação hídrica; </li></ul><ul><li>perdas de heranças históricas e culturais, alterações em atividades econômicas e usos tradicionais da terra; </li></ul><ul><li>problemas de saúde pública, devido à deterioração ambiental; </li></ul><ul><li>problemas geofísicos devido à acumulação de água foram detectados em alguns reservatórios; </li></ul><ul><li>perda da biodiversidade, terrestre e aquática; </li></ul><ul><li>efeitos sociais por relocação; </li></ul>
  9. 9. Uso racional de energia
  10. 10. <ul><li>Além das técnicas de uso sustentável da água, a racionalização também é de grande importância para a sociedade e meio ambiente. Esta racionalização pode ser feita pela cobrança pelo uso, pela implantação de novas tecnologias, assim como através de atitudes diárias de uso racional da água, mudança de costumes e valores propostas pela Educação Ambiental. </li></ul>
  11. 11. Aproveitamento energético
  12. 12. <ul><li>A energia hidroeléctrica é encontrada em forma de energia cinética, sob diferenças de temperatura ou gradientes de salinidade e que pode ser aproveitada e utilizada. As centrais hidroeléctricas aproveitam a energia dos rios para funcionar uma turbina que move um gerador eléctrico. </li></ul><ul><li>A energia da água pode ser aproveitada recorrendo aos modernos recursos da ciência e tecnologia. Assim constroem-se barragens hidroeléctricas para produzir electricidade. </li></ul><ul><li>Pequenos aproveitamentos directos da energia hidráulica para bombeamento de água, moagem de grãos e outras actividades similares; </li></ul><ul><li>Com eficiência que pode chegar a 90%, as turbinas hidráulicas são actualmente as formas mais eficientes de conversão de energia primária em energia secundária. </li></ul>
  13. 13. <ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_hidr%C3%A1ulica </li></ul><ul><li>http://www.prof2000.pt/users/cfqfespan/energia.htm </li></ul><ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Energia_hidr%C3%A1ulica </li></ul><ul><li>http://e-atlantico.org/seccaoa/hidraulica.html </li></ul><ul><li>http://images.google.pt/images?hl=pt-PT&q=energia+hidraulica&um=1&ie=UTF-8&ei=CuvES9TJBt2HOKPR7M8P&sa=X&oi=image_result_group&ct=title&resnum=4&ved=0CDMQsAQwAw </li></ul><ul><li><object width=&quot;480&quot; height=&quot;385&quot;><param name=&quot;movie&quot; value=&quot;http://www.youtube.com/v/f8Xuz0vnXJY&hl=pt_BR&fs=1&&quot;></param><param name=&quot;allowFullScreen&quot; value=&quot;true&quot;></param><param name=&quot;allowscriptaccess&quot; value=&quot;always&quot;></param><embed src=&quot;http://www.youtube.com/v/f8Xuz0vnXJY&hl=pt_BR&fs=1&&quot; type=&quot;application/x-shockwave-flash&quot; allowscriptaccess=&quot;always&quot; allowfullscreen=&quot;true&quot; width=&quot;480&quot; height=&quot;385&quot;></embed></object> </li></ul>

×