Desafio da utilização do formaldeído no reuso de

344 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
344
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Desafio da utilização do formaldeído no reuso de

  1. 1. • É correto definir esterilização como um conjunto de operações destinadas a eliminar ou matar todas as formas de microorganismos, de um material ou substância ? MODERNA CONCEITUAÇÃO • Processo pelo qual os microorganismos são mortos a tal ponto que não seja mais possível detecta-los no meio de cultura padrão no qual previamente haviam proliferado. • Convencionalmente considera-se um artigo estéril quando a probabilidade de sobrevivência dos microorganismos é menor do que 1:1.000.000 (10-6) (Bruch & Bruch).
  2. 2. Ideal: • Quando a “EFICÁCIA” é demonstrada mediante uma Validação • Quando é “SEGURO” para o usuário e pacientes/clientes • Quando o “CUSTO” é relevante ao material processado.
  3. 3. Seção III Dos Equipamentos Art. 37 Deve ser realizada qualificação de instalação, qualificação de operação e qualificação de desempenho, para os equipamentos utilizados na limpeza automatizada e na esterilização de produtos para saúde, com periodicidade mínima anual. Parágrafo único. Sempre que a carga de esterilização apresentar desafios superiores àquela utilizada na qualificação de desempenho, esta qualificação deve ser refeita.
  4. 4. Sistema de esterilização por formaldeído é chamado no mundo de “Esterilização a Baixa Temperatura” (Entre +60ºC a +78ºC) adequado para os mataríais termossensíveis que não suportam as temperaturas habituais da esterilização por vapor.
  5. 5. Vapor de água a Baixa Temperatura (60- 78º C) + Formoldeído somente a 2% H2CO Inativa as células por coagulação das proteínas e metilação de ácidos nucleicos
  6. 6. LIQUÍDO PASTILHAS PÓ
  7. 7. Ciclo +600 C: 3,5 horas Ciclo +780 C: 2 horas
  8. 8. NÃO TECIDO GRAU MÉDICO HIDROFÍLICO / HIDROFÓBICO PAPEL GRAU CIRÚRGICO CONTEINERES
  9. 9. Cabo bipolar Endoscópios Flexíveis Transductor de RX Cabo óptico Óptica Óptica processada em caixa de plástico Sonda ecográfica intra-operatória Caixa de plástico de instrumental MIS
  10. 10. ABNT NBR 15659:2009 - Esterilização de produtos para saúde - Esterilizadores de vapor a baixa temperatura e formaldeído - Requisitos e métodos de ensaio Item 6.2 – eficácia de desabsorção A eliminação de formoldeído da câmara do esterilizador e da carga na etapa de desvaporização do ciclo deve reduzir a concentração dos resíduos de formoldeído em / sobre os artígos processados num valor inferior a 200 g. No anexo D da norma explica-se o método de ensaio a aplicar.
  11. 11. É um dever de todos e um direito do paciente. Demonstração de respeito

×