Liderando a célula com paixão

1.535 visualizações

Publicada em

Treinamento líder de célula

0 comentários
9 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.535
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
264
Comentários
0
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Selling your ideas is challenging. First, you must get your listeners to agree with you in principle. Then, you must move them to action. Use the Dale Carnegie Training® Evidence – Action – Benefit formula, and you will deliver a motivational, action-oriented presentation.
  • Open your presentation with an attention-getting incident. Choose an incident your audience relates to. The incidence is the evidence that supports the action and proves the benefit. Beginning with a motivational incident prepares your audience for the action step that follows.
  • Open your presentation with an attention-getting incident. Choose an incident your audience relates to. The incidence is the evidence that supports the action and proves the benefit. Beginning with a motivational incident prepares your audience for the action step that follows.
  • Open your presentation with an attention-getting incident. Choose an incident your audience relates to. The incidence is the evidence that supports the action and proves the benefit. Beginning with a motivational incident prepares your audience for the action step that follows.
  • Open your presentation with an attention-getting incident. Choose an incident your audience relates to. The incidence is the evidence that supports the action and proves the benefit. Beginning with a motivational incident prepares your audience for the action step that follows.
  • Open your presentation with an attention-getting incident. Choose an incident your audience relates to. The incidence is the evidence that supports the action and proves the benefit. Beginning with a motivational incident prepares your audience for the action step that follows.
  • Liderando a célula com paixão

    1. 1. •1 O Líder de CélulaFunções e Treinamento Pr Fernando Balthar
    2. 2. Mateus 9.35-38 •2 35 E percorria Jesus todas as cidades e aldeias, ensinando nas sinagogas deles, e pregando o evangelho do reino, e curando todas as enfermidades e moléstias entre o povo. 36 E, vendo as multidões, teve grande compaixão delas, porque andavam cansadas e desgarradas, como ovelhas que não têm pastor. 37 Então, disse aos seus discípulos: A seara é realmente grande, mas poucos os ceifeiros. 38 Rogai, pois, ao Senhor da seara, que mande ceifeiros para a sua seara.
    3. 3. •3 Você é a resposta!
    4. 4. O Líder de Célula •4
    5. 5. Quem é o líder de Célula? 0 É a pessoa mais importante de uma igreja em células, pois é quem está verdadeiramente na linha de frente. É ele quem dá atenção personalizada aos membros de sua célula, quem dirige as reuniões. É o líder também quem exerce, na célula, os princípios bíblicos de um pastor. 0 Os líderes de célula, em vez de ensinar uma lição bíblica, dirigem o processo de comunicação, oram pelo grupo, visitam os membros da célula e alcançam pessoas perdidas para Cristo, juntamente com seus auxiliares. 0 O líder de célula é a figura-chave dentro da estrutura de células. Ele não precisa ter um alto nível cultural ou intelectual, nem tão pouco ser um grande conhecedor das Escrituras. Não precisa saber responder a todas as perguntas sobre a Bíblia, nem ser um grande pregador.
    6. 6. Prioridades e Requisitos •6 0 Sua responsabilidade principal é gerar novos líderes: perceber a potencialidade das pessoas, envolvendo-as no dia a dia da célula, acompanhando-as e treinando-as para transformá-las em novos líderes. 0 Para ser um líder de célula os requisitos são mínimos e todo cristão pode alcançá-los com facilidade. São eles: ser nascido de novo, ser batizado, ter bom testemunho, ser membro da igreja, estar comprometido com ela, participar do curso de treinamento de líderes de célula e ser capacitado pela Escola de Discípulos.
    7. 7. Para ser um bom líder de célula deve apresentar as seguintes características: 0Vida espiritual exemplar: Andar em amor e santidade, fiel no seu TSD (tempo sozinho com Deus), submisso a todos os seus líderes, ter atitude ensinável, ser uma pessoa quebrantada, que tem uma vida de oração consistente. 0Vida familiar sólida: Anda em amor no seu lar, está ganhando toda a sua família para Jesus. Se casado, governa bem sua família. Se solteiro, tem uma vida santa e exemplar. 0Discípulo: Seguidor obediente de Jesus, sendo bem discipulado e discipulando outros. 0Frequência fiel aos cultos de celebração e treinamentos de líderes; Características do Líder
    8. 8. Características do Líder 0 Conduta clara (para não servir de tropeço aos outros); 0 Cheio do Espirito Santo; 0 Bom administrador; 0 Dizimista e ofertante fiel, mês a mês; 0 Usa bem o seu tempo, dons e capacidades; 0 Dá testemunho claro da sua fé; 0 Coração e atitude de pastor; 0 Cumprir com os requisitos do trilho treinamento de liderança; 0 Participar dos treinamentos para lideres de células; 0 Ser aprovado pela liderança. •8
    9. 9. As responsabilidades do líder de célula: 0 Orar diariamente pelos membros de sua célula; 0 Discipular os líderes em treinamento e garantir que cada membro da célula esteja sendo bem discipulado, de preferência por alguém de dentro da própria célula; 0 Pastorear os membros da célula e ajudá-los a viver uma vida cristã vitoriosa, entrando em contato com os membros que faltaram na reunião, o mais rápido possível. 0 Participar das reuniões de Pastoreio de Líderes e supervisão das células fielmente e garantir que, a cada semana, o relatório da célula seja fielmente preenchido e entregue à liderança; 0 Cuidar da parte do ensino da Palavra de Deus na reunião da célula; 0 Guiar e motivar todos os membros da sua célula, acompanhando o processo de consolidação dos novos convertidos dentro da célula, acompanhando e orientando os membros para a escola de Discípulos.
    10. 10. As responsabilidades do líder de célula: 0 Conduzir cada membro da célula a traçar sua estratégia pessoal para alcançar pessoas para Cristo, sendo o exemplo a ser seguido. 0 Garantir um clima de companheirismo, alegria e comunhão entre os membros; Resolver todos os problemas de discórdia no grupo, aprendendo a lidar com pessoas problemáticas, individualmente, fora do contexto da célula. 0 Planejar junto com os líderes em treinamento a reunião principal, distribuindo tarefas e responsabilidades entre os membros e formando novos líderes. Delegar esses papeis fora da reunião de célula, antecipada e planejadamente. 0 Preparar a multiplicação de uma forma saudável, apresentando, desde a primeira reunião da célula, a cada semana, uma parte da visão da célula, gerando a multiplicação desde o início.
    11. 11. O que move o Líder de Célula •11
    12. 12. Atos 4.13-24 13 Ao verem a intrepidez de Pedro e João, sabendo que eram homens iletrados e incultos, admiraram-se; e reconheceram que haviam eles estado com Jesus. 14 Vendo com eles o homem que fora curado, nada tinham que dizer em contrário. 15 E, mandando-os sair do Sinédrio, consultavam entre si, 16 dizendo: Que faremos com estes homens? Pois, na verdade, é manifesto a todos os habitantes de Jerusalém que um sinal notório foi feito por eles, e não o podemos negar; 17 mas, para que não haja maior divulgação entre o povo, ameacemo-los para não mais falarem neste nome a quem quer que seja. 18 Chamando-os, ordenanaram-lhes que absolutamente não falassem, nem ensinassem em nome de Jesus. •12
    13. 13. •13 19Mas Pedro e João lhes responderam: Julgai se é justo diante de Deus ouvir-vos antes a vós outros do que a Deus; 20pois nós não podemos deixar de falar das coisas que vimos e ouvimos. 21Depois, ameaçando-os mais ainda, os soltaram, não tendo achado como os castigar, por causa do povo, porque todos glorificavam a Deus pelo que acontecera. 22Ora, tinha mais de quarenta anos aquele em quem se operara essa cura milagrosa. 23Uma vez soltos, procuraram os irmãos e lhes contaram lhes haviam ditos os principais sacerdotes e os anciãos. 24Ouvindo isto, unânimes, levantaram a voz a Deus e disseram: Tu, Soberano Senhor, que fizeste o céu, a terra, o mar e tudo que neles há…
    14. 14. •14 O verso 13verso 13 contém duas palavras que não são muito impressionantes quando se consideram as credenciais de dois dos maiores líderes da igreja primitiva: ILETRADOSILETRADOS INCULTOSINCULTOS O que isso significa? Iletrados simplesmente significa: “homens não instruídos ou não iniciados no aprendizado das escolas judaicas”. Incultos quer dizer: “homens do tipo comum”.
    15. 15. •15 O que produziu tanta intrepidez? Nossa resposta se encontra no verso 24: “depois de serem soltos e ameaçados, os apóstolos foram para os seus companheiros e relataram tudo”. Observe o que diz esta passagem: unânimes, levantaram a voz a Deus. A palavra “unânimes” significa: com uma só mente, com uma só paixão.
    16. 16. •16 Foi a paixão que eles possuiam que produziu toda a intrepidez que se seguiu! Foi a Paixão que os movimentou! PAIXÃO A chave para uma poderosa liderança de células!
    17. 17. •17 Igrejas em células que estão experimentando uma explosão de crescimento por todo o mundo têm algumas coisas em comum. No topo de todas as listas está . . . ORAÇÃO
    18. 18. •18 Outros fatores chaves que podem ser encontrados em todos os lugares: • Treinamento e Capacitação – Formação deFormação de Liderança.Liderança. • Guerra Espiritual (Mapeamento, Caminhadas de Oração, Oração dos Três, Vigílias, etc.) – DonsDons espirituais.espirituais. • Estratégias de Evangelismo Baseado na Célula. CrescimentoCrescimento
    19. 19. •19 Paixão:Paixão: uma convicção intensauma convicção intensa ou dominante que exige ação.ou dominante que exige ação. Você pode ter duas células uma ao lado da outra, ambas construídas sobre a mesma base, ambas seguindo cuidadosamente as diretrizes da estrutura e do sistema de células ao qual estão ligadas. Mesmo assim uma pode ter muito mais sucesso em impactar a comunidade e atrair pessoas do que a outra.
    20. 20. •20 Por que este cenário existe praticamente em toda igreja de células? Porque em algum lugar do caminho, no meio de todo o treinamento, estratégias e estrutura, um líder adquiriu paixão enquanto o outro líder adquiriu um plano! Paixão no nível da liderança é o que impede que as células se tornem mais um programa.
    21. 21. •21 VERDADES NECESSÁRIAS PARAVERDADES NECESSÁRIAS PARA EDIFICAR E MANTER UMAEDIFICAR E MANTER UMA LIDERANÇA APAIXONADA DELIDERANÇA APAIXONADA DE CÉLULASCÉLULAS 1. Os Líderes Lideram Para o Senhor Atos 20.24; Colossenses 4.17 Um líder que cuida da célula para agradar e impressionar homens vai, mais cedo ou mais tarde, se atrofiar, tanto ele como o seu grupo. Primeiro, o líder recebeu esta revelação da liderança que está sobre ele e, segundo, ele acolheu a revelação em seu espírito.
    22. 22. •22 2. Focalize a Oração Mais do Que a Produção - Colossenses 1.9-12 Uma liderança apaixonada amplia seus limites e horizontes através da oração. Estratégias que não são baseadas e implementadas por contínua oração sempre produzem rotina, fadiga e possível esgotamento no nível da liderança ou da membresia.
    23. 23. •23 3. Convicção da Visão Com Liberdade Para Colocá-la em Prática – Atos 2.41-43 Não é simplesmente a visão de outra pessoa, de um líder sobre mim; é também a minha visão, e eu visto esta camisa! Prioridade na construção de relacionamentos A vida da célula – A vida do líder Pontualidade nas reuniões e eventos da igreja e da célula Acompanhamento consistente iniciado pelo líder Idéias e estratégias inovadoras de crescimento da célula vindas do líder
    24. 24. •24 4. Líder centrado no ministério, não na posição – Filipenses 2.5-7 Um líder apaixonado não é motivado por uma tarefa nas mãos e uma ideia de avanço promocional na cabeça. Quanto maior for a paixão do líder, maior será o compromisso dos seguidores.

    ×