SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Ted Fernandes – Tecnico Florestal - ETEAAS
Introdução
No Brasil, o bioma Campos Sulinos abrange parte do território do Rio Grande do
Sul. São cerca de 170 mil Km2. Os campos sulinos são também conhecidos
como pampas, palavra de origem indígena que quer dizer “região plana”. Na
verdade, os pampas são apenas um pedaço das terras dos campos sulinos. O
bioma engloba também campos mais altos e algumas áreas semelhantes a
savanas.
Clima
O clima da região é o subtropical úmido, isso significa que os verões são quentes,
os invernos são frios e chove regularmente durante todo o ano. Quando falamos
em invernos frios, estamos falando de temperaturas que podem registrar menos
que 0º C, ou seja, que podem ser negativas. Quando falamos de verões quentes,
estamos falando de temperaturas que podem chegar a 35º C. Não existe estação
seca e nos tempos de frio podem ocorrer geadas.
Fauna
Para que você possa imaginar como é a fauna deste
bioma, vamos citar alguns de seus integrantes. No grupo
dos mamíferos, podemos citar o tatu, o guaxinim, o
zorrilho, o graxaim (Pseudalopex gymnocercus) e outras
duas espécies em risco de extinção: o gato-dos-pampas
ou gato palheiro (Leopardus pajeros) e a preguiça-de-
coleira.
Entre as aves mais comuns estão o cisne-de-pescoço-
preto, o marreco, a perdiz, o quero-quero, o pica-pau do
campo e a coruja-buraqueira, que ganhou este nome por
fazer seus ninhos em buracos cavados no solo.
Fazem parte das 50 espécies de peixes catalogadas o
lambari-listrado, o lambari-azul, o tamboatá, o surubim e o
cação-anjo.
E por lá existem também répteis e insetos. No primeiro
grupo está a tartaruga-verde-e-amarela, a jararaca-do-
banhado, a cobra-cipó e o cágado-de-barbicha. Entre os
insetos, podemos destacar a vespa da madeira e o
conhecido bicho-da-maçã, também chamado traça-das-
frutas.
Vegetação
São chamados de pampas os campos mais planos que estão localizados ao sul do estado do
Rio Grande do Sul. Neles existe uma vegetação campestre, que parece um imenso tapete
verde. Nos pampas predominam espécies que medem até um metro de altura. São comuns as
gramíneas, que às vezes transformam os campos em grandes capinzais. Nas encostas de
planaltos, existem matas com grandes pinheiros e outras árvores, como a cabreúva, a grápia,
a caroba, o angico-vermelho e o cedro. Nestas regiões, chamadas de campos altos, é
encontrada a Mata de Araucária, onde a espécie vegetal predominante é o pinheiro-do-paraná
Solo
Na região dos pampas o solo é fértil. Por isso, estes campos são normalmente
procurados para desenvolvimento de atividades agrícolas. Ainda mais férteis são
as áreas com solo do tipo "terra roxa". Em áreas de planalto os solos são
também avermelhados, mas não possuem a fertilidade da terra roxa. Na planície
litorânea o solo é bastante arenoso.
FIM

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas GaúchosDomínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
Domínios Brasileiros - Campos Sulinos - Pampas Gaúchos
 
Mata Atlântica
Mata AtlânticaMata Atlântica
Mata Atlântica
 
Slide Bioma Pampa
Slide Bioma PampaSlide Bioma Pampa
Slide Bioma Pampa
 
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma PampaTrabalho de Ecologia - Bioma Pampa
Trabalho de Ecologia - Bioma Pampa
 
Mata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - BiomasMata Atlântica - Biomas
Mata Atlântica - Biomas
 
Ecologia - Bioma Amazônia
Ecologia - Bioma AmazôniaEcologia - Bioma Amazônia
Ecologia - Bioma Amazônia
 
Caatinga
CaatingaCaatinga
Caatinga
 
Biomas: Pantanal
Biomas: PantanalBiomas: Pantanal
Biomas: Pantanal
 
Apresentação Bioma da Mata Atlântica
Apresentação Bioma da Mata AtlânticaApresentação Bioma da Mata Atlântica
Apresentação Bioma da Mata Atlântica
 
Bioma Mata atlântica
Bioma Mata atlânticaBioma Mata atlântica
Bioma Mata atlântica
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
Dominio Araucarias
Dominio Araucarias Dominio Araucarias
Dominio Araucarias
 
Palestra cerrado brasileiro
Palestra cerrado brasileiroPalestra cerrado brasileiro
Palestra cerrado brasileiro
 
Bioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - CompletoBioma da Caatinga - Completo
Bioma da Caatinga - Completo
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Floresta amazônica
Floresta amazônicaFloresta amazônica
Floresta amazônica
 
Bioma Amazônia
Bioma AmazôniaBioma Amazônia
Bioma Amazônia
 
Principais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileirosPrincipais ecossistemas brasileiros
Principais ecossistemas brasileiros
 
Cerrado
CerradoCerrado
Cerrado
 
Apresentação Campos Sulinos
Apresentação Campos SulinosApresentação Campos Sulinos
Apresentação Campos Sulinos
 

Semelhante a Bioma pampa (20)

Campos Sulinos
Campos SulinosCampos Sulinos
Campos Sulinos
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 
Cerrado do Brasil
Cerrado do BrasilCerrado do Brasil
Cerrado do Brasil
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
Biomas: CAMPOS, CERRADOS e DESERTOS. E + Estepes e Savanas.
 
Apresentação 3 (1)
Apresentação 3 (1)Apresentação 3 (1)
Apresentação 3 (1)
 
Biomas do mundo_e_brasil
Biomas do mundo_e_brasilBiomas do mundo_e_brasil
Biomas do mundo_e_brasil
 
4 biomas
4   biomas4   biomas
4 biomas
 
Ecossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanlEcossistemas brasileiros csanl
Ecossistemas brasileiros csanl
 
Biomas brasileiros
Biomas brasileirosBiomas brasileiros
Biomas brasileiros
 
Domínios morfoclimáticos brasileiros
Domínios morfoclimáticos brasileirosDomínios morfoclimáticos brasileiros
Domínios morfoclimáticos brasileiros
 
Biomas do Brasil
Biomas do BrasilBiomas do Brasil
Biomas do Brasil
 
Pampas gauchos
Pampas gauchosPampas gauchos
Pampas gauchos
 
DOC-20221105-WA0109. (1).pptx
DOC-20221105-WA0109. (1).pptxDOC-20221105-WA0109. (1).pptx
DOC-20221105-WA0109. (1).pptx
 
Cidade de cavalcante ultima parte geografia
Cidade de cavalcante ultima parte  geografiaCidade de cavalcante ultima parte  geografia
Cidade de cavalcante ultima parte geografia
 
Biomas
BiomasBiomas
Biomas
 
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptx
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptxBiomas Brasileiro - Semana 36.pptx
Biomas Brasileiro - Semana 36.pptx
 
Biomas terrestres
Biomas terrestres Biomas terrestres
Biomas terrestres
 

Último

Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é precisoMary Alvarenga
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxIlda Bicacro
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteIpdaWellington
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitlerhabiwo1978
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasMonizeEvellin2
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...Manuais Formação
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorialNeuroppIsnayaLciaMar
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdflbgsouza
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalcarlamgalves5
 
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdfAPOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdflbgsouza
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAbdLuxemBourg
 
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024azulassessoria9
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoIlda Bicacro
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfCarolineNunes80
 

Último (20)

Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptxEBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
EBPAL_Serta_Caminhos do Lixo final 9ºD (1).pptx
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-criançasLivro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
Livro infantil: A onda da raiva. pdf-crianças
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
UFCD_9184_Saúde, nutrição, higiene, segurança, repouso e conforto da criança ...
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdfApostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
Apostila-Letramento-e-alfabetização-2.pdf
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdfAPOSTILA- COMPLETA  De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
APOSTILA- COMPLETA De FILOSOFIA-DA-EDUCAÇÃO.pdf
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
ATIVIDADE 2 - GQ - COMUNICAÇÃO EMPRESARIAL E NEGOCIAÇÃO - 52_2024
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdfo-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
o-homem-que-calculava-malba-tahan-1_123516.pdf
 

Bioma pampa

  • 1. Ted Fernandes – Tecnico Florestal - ETEAAS
  • 2. Introdução No Brasil, o bioma Campos Sulinos abrange parte do território do Rio Grande do Sul. São cerca de 170 mil Km2. Os campos sulinos são também conhecidos como pampas, palavra de origem indígena que quer dizer “região plana”. Na verdade, os pampas são apenas um pedaço das terras dos campos sulinos. O bioma engloba também campos mais altos e algumas áreas semelhantes a savanas.
  • 3. Clima O clima da região é o subtropical úmido, isso significa que os verões são quentes, os invernos são frios e chove regularmente durante todo o ano. Quando falamos em invernos frios, estamos falando de temperaturas que podem registrar menos que 0º C, ou seja, que podem ser negativas. Quando falamos de verões quentes, estamos falando de temperaturas que podem chegar a 35º C. Não existe estação seca e nos tempos de frio podem ocorrer geadas.
  • 4. Fauna Para que você possa imaginar como é a fauna deste bioma, vamos citar alguns de seus integrantes. No grupo dos mamíferos, podemos citar o tatu, o guaxinim, o zorrilho, o graxaim (Pseudalopex gymnocercus) e outras duas espécies em risco de extinção: o gato-dos-pampas ou gato palheiro (Leopardus pajeros) e a preguiça-de- coleira. Entre as aves mais comuns estão o cisne-de-pescoço- preto, o marreco, a perdiz, o quero-quero, o pica-pau do campo e a coruja-buraqueira, que ganhou este nome por fazer seus ninhos em buracos cavados no solo. Fazem parte das 50 espécies de peixes catalogadas o lambari-listrado, o lambari-azul, o tamboatá, o surubim e o cação-anjo. E por lá existem também répteis e insetos. No primeiro grupo está a tartaruga-verde-e-amarela, a jararaca-do- banhado, a cobra-cipó e o cágado-de-barbicha. Entre os insetos, podemos destacar a vespa da madeira e o conhecido bicho-da-maçã, também chamado traça-das- frutas.
  • 5. Vegetação São chamados de pampas os campos mais planos que estão localizados ao sul do estado do Rio Grande do Sul. Neles existe uma vegetação campestre, que parece um imenso tapete verde. Nos pampas predominam espécies que medem até um metro de altura. São comuns as gramíneas, que às vezes transformam os campos em grandes capinzais. Nas encostas de planaltos, existem matas com grandes pinheiros e outras árvores, como a cabreúva, a grápia, a caroba, o angico-vermelho e o cedro. Nestas regiões, chamadas de campos altos, é encontrada a Mata de Araucária, onde a espécie vegetal predominante é o pinheiro-do-paraná
  • 6. Solo Na região dos pampas o solo é fértil. Por isso, estes campos são normalmente procurados para desenvolvimento de atividades agrícolas. Ainda mais férteis são as áreas com solo do tipo "terra roxa". Em áreas de planalto os solos são também avermelhados, mas não possuem a fertilidade da terra roxa. Na planície litorânea o solo é bastante arenoso.
  • 7. FIM