Choque de civilização

33.520 visualizações

Publicada em

Trabalho desenvolvido por alunos do terceiro ano do Ensino Médio da E.E. Dr. Carlos Augusto de Freitas Villalva Jr.

Publicada em: Espiritual, Tecnologia
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
33.520
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.378
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
400
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Choque de civilização

  1. 1. Choque de Civilizações<br />
  2. 2. Introdução<br /><ul><li>O trabalho que será apresentado a seguir tem como objetivo explorar as idéias de Samuel Huntington, a respeito do choque entre as civilizações e suas conseqüências no atual cenário mundial. </li></ul>O trabalho que será apresentado a seguir tem como objetivo explorar as idéias de Samuel Huntington e suas conseqüências no atual cenário mundial. <br />
  3. 3. Samuel Phillips Huntington nasceu em Nova Iorque. <br />Cientista e Político Influente, tornou-se mundialmente <br />conhecido por sua polêmica teoria: <br />
  4. 4. “Choque de Civilizações”<br /><ul><li>Após a publicação de seu artigo em uma revista em 1993, gerou tanta polêmica que em 1996 foi lançado o livro onde sua tese foi ampliada.</li></li></ul><li><ul><li>Choque de civilizações é uma teoria segundo a qual as identidades culturais e religiosas dos povos serão as principais fontes de conflito no mundo pós-guerra fria.
  5. 5. Alguns teóricos e autores argumentavam que os direiros humanos, a democracia liberal e a economia capitalista de livre mercado se haviam tornado a única alternativa ideológica após o fim da Guerra Fria. Para Huntington, nesse mundo, os conflitos mais abrangentes, importantes e perigosos não se darão entre classes sociais, ricos e pobres, ou entre outros grupos definidos em termos econômicos, mas sim entre povos pertencentes a diferentes entidades culturais.</li></li></ul><li>Vermelho escuro:Civilização sínica ou chinesa - Seria civilização baseada principalmente na cultura da China e regiões.<br />Vermelho:Civilização nipônicaou japonesa - Seria a civilização centrada na região do Japão, e única civilização com somente um país, possui cultura autônoma. Laranja:Civilização hindu- Seriam os países que tem o hinduísmo como religião predominante, como a índia.<br />Amarelo:Civilização budista - Seria composta pelos países asiáticos na qual o budismo é a religião predominante.<br />Verde:Civilização islâmica - Seria a civilização constituída pelos países que têm o Islã como religião predominante, e que por vezes falam a língua árabe. Localiza-se principalmente na península arábica e norte da África.Azul escuro:Civilização Ocidental - Provavelmente seria a maior das civlizações, consiste nos países na América e na Europa ocidental, e outros países que têm o Cristianismo como religião predominante.<br />Roxo:Civilização latino americana - Seria uma subdivisão da civilização ocidental, constituída pelos países independentes da América Latina que tem uma pequena distinção cultural e social. <br />Azul claro:Civilização ortodoxa - Seria a civilização de países que têm como religião predominante a doutrina ortodoxa do Cristianismo, constituída principalmente pela Rússia e pelo Leste Europeu.Marrom:Civilização subsaariana - Seria uma civilização relativamente grande, formada pelos países africanos localizados ao sul do deserto do Saara, predominamente cristãos.<br />
  6. 6. <ul><li>Se nos basearmos nesta teoria, veremos que vários eventos recentes evidenciam as imensas diferenças de valores e práticas do chamado mundo ocidental e do universo regido pelo Islã fundamentalista. O choque revela que, em determinados momentos, pessoas e culturas não reconhecem mais as crenças alheias e, em caso extremo, nem mesmo o direito de existência dos demais. No caso da intransigência islâmica, os choques são facilmente reconhecíveis em situações recentes, como o 11 de Setembro e os violentos protestos em países do Oriente Médio contra uma simples declaração do papa Bento XVI ou contra charges representando o profeta Maomé.
  7. 7. O que leva a isso? Em geral, o fundamentalismo torna-se um problema porque exige que seus seguidores vivam conforme suas leis rígidas. Essas normas devem ser seguidas à risca e aplicadas a todas as dimensões da vida. O problema é que o contato com fatos novos e com pessoas que carregam ideologias diferentes exigem transigência e flexibilidade.
  8. 8. As religiões promovem a separação em relação às demais religiões. É claro que as pessoas também se dividem em torno de crenças políticas e ideológicas. Mas, quando tratamos de crenças políticas, podemos ao menos discuti-las. Com a religião não é assim. Por definição, a religião é baseada na fé. Você apenas diz: "Eu acredito porque acredito". E logo surgem aqueles que acrescentam: "Se você acredita em algo diferente, então vou matá-lo".</li></li></ul><li>Conclusão<br /><ul><li>As civilizações Ocidental e Islâmica, seriam as únicas com intenções de expansão e pretensões universalistas e por isso encontram-se constantemente em confrontos e disputas culturais, políticas e ideológicas.
  9. 9. Huntington sustenta que a história da humanidade seria a história dos choques de civilizações que estaria ainda longe de terminar.
  10. 10. Porém, com a globalização hoje podemos encontrar hindus, confucionistas, ortodoxos, etc. em praticamente todos os países do mundo. De fato, embora as concentrações geográficas sejam evidentes, as civilizações são maiores e mais complicadas do que isso. Em verdade estão espalhadas pelo mundo todo de maneira ideológica e histórica não respeitando muito fronteiras nacionais.</li></li></ul><li>Integrantes<br />Aline Pereira dos Santos Nº 01<br />Deborah Januario Alves Nº 13<br />Lucas Ramilo Nº 28<br />Wellington dos Reis Nº 39<br />William Tad Nº 40<br />
  11. 11. <ul><li>http://pt.wikipedia.org/wiki/Choque_de_civiliza%C3%A7%C3%B5es
  12. 12. http://veja.abril.com.br/idade/exclusivo/choque_civilizacoes/perguntas_respostas.html
  13. 13. http://professorttavares.blogspot.com/2011/05/vamos-entender-islamismo-e-terrorismo.html
  14. 14. http://www.editoras.com/objetiva/130-6.htm
  15. 15. http://colegioparthenon.blogspot.com/2010/08/roteiro-de-estudos-de-geografia.html
  16. 16. http://www.rascunho.net/critica.php?id=1515</li></ul>Bibliografia<br />

×