Radioblog – Vozes e
Espaços de Atuação
Cultural.
Radioblog: Vozes e espaços de atuação
cultural
Foco: Ensino de língua portuguesa para alunos do ensino fundamental II e
mé...
•De acordo com Dayrell (2007), é preciso que abandonemos o conceito de
que o jovem é um ser irresponsável e ator imaturo n...
Os Jovens e as Novas Mídias
•Segundo a pesquisa Jovens na Cena Metropolitana (Borelli et alii, 2009) a
relação da juventud...
As Redes Sociais
•As redes sociais tomam forma de “comunidades especializadas” com
interesses específicos;
•Nelas, os jove...
Podcasts em radioblog como gênero discursivo
•Gêneros discursivos elaborados a partir da
realização de enunciados situados...
Questões de Literatura e Estética - Bakhtin
Pluriestilístico: O romance se comporta numa grande diversidade
de estilos, no...
• A maneira pela qual os jovens organizam e elaboram seus
roteiros, resenhas, listas de músicas está intimamente ligada à
...
• Por um outro lado, podemos considerar os podcasts para radioblog
como um processo de intercalação durante sua elaboração...
O termo protótipo foi utilizado em dos sentidos distintos:
 Modelo preliminar no processo de elaboração e em fase de
expe...
“Produção dentro da produção”: para que o
protótipo fosse produzido foi necessário a criação
de materiais, o que levou a ...
 Convite;
 Comunidades;
 O oficial e o independente;
 Radioblog e rádio comunitária;
 Contracultura e música;
 Rádio...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Radioblog - Vozes e Espaços de Atuação Cultural

440 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
440
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Radioblog - Vozes e Espaços de Atuação Cultural

  1. 1. Radioblog – Vozes e Espaços de Atuação Cultural.
  2. 2. Radioblog: Vozes e espaços de atuação cultural Foco: Ensino de língua portuguesa para alunos do ensino fundamental II e médio. Um norte : Levamos em conta como os jovens se relacionam com as culturas locais, globais e massivas; como são inseridos e excluídos de práticas sociais letradas escolares valorizadas; de que forma fazem uso da escrita e de outras semioses e, principalmente, como constroem sua identidade. Objetivo: Promoção da cidadania e do protagonismo dos alunos.
  3. 3. •De acordo com Dayrell (2007), é preciso que abandonemos o conceito de que o jovem é um ser irresponsável e ator imaturo na sociedade, pois pensando dessa forma nunca chegaremos até ele de fato. •É importante apreender a juventude em toda a sua diversidade, especificamente dentro de conjuntos de experiências vividas pelos indivíduos em cada contexto social. •Jovens são sujeitos e agentes sociais protagonistas na construção de práticas e conhecimentos significativos.
  4. 4. Os Jovens e as Novas Mídias •Segundo a pesquisa Jovens na Cena Metropolitana (Borelli et alii, 2009) a relação da juventude com as novas tecnologias são mútuas: o jovem é produtor e consumir de bens culturais que trafegam em novas mídias. •Há construções de práticas de letramento específicas, onde o jovem envolve- se com cultura massiva e valorizada, tornando-se agente cultural ativo de diversas culturas globais e locais. Acessibilidade • De 2005 para 2008, o índice de jovens que acessam a web cresceu de 66% para 86%, sendo o maior crescimento no acesso a redes sociais ( Facebook, Twitter, Orkut). •Oito em cada 10 jovens já fazem parte de alguma comunidade da internet; “Na balada não se pergunta mais o telefone. Você pergunta:Você tem MSN? Orkut?” (Dossie Universo Jovem4, 2008:18).
  5. 5. As Redes Sociais •As redes sociais tomam forma de “comunidades especializadas” com interesses específicos; •Nelas, os jovens constroem identidades, identificam-se e, de fato, definem-se diante de outros jovens, como sujeitos e atores sociais. •É preciso distinguir em torno de quais interesses específicos essas redes sociais são construídas. • Um uso particular que os jovens fazem da interneté discussão e interação de comunicação sobre a música. •Algumas redes sociais em volta da música: MYSPACE, Comunidades de discografia e fãs e o RADIOBLOG: Uma versão áudio dos blogs. Compartilham por meio de playlists um estilo musical específico ou gostos e preferências de um certo indivíduo ou de uma comunidade.
  6. 6. Podcasts em radioblog como gênero discursivo •Gêneros discursivos elaborados a partir da realização de enunciados situados em suas esferas de comunicação e que apresentam certa flexibilidade de estrutura, tema e estilo. •Os Enunciados produzidos pelos jovens podem assumir variadas e flexíveis formas de organização a partir do que eles pensam do tema, bem como apreciação de valores sobre seus ouvintes, assumindo diferentes estilos de linguagem.
  7. 7. Questões de Literatura e Estética - Bakhtin Pluriestilístico: O romance se comporta numa grande diversidade de estilos, no caso da música, seria possível identificar as diferentes variações sociais e ideológicas a partir das escolhas, tanto de estilo musical como do estilo utilizado na produção de seus enunciados. Plurilíngue: definido pelo processo a partir do qual uma voz pode ser expressa por meio de outra língua ou linguagem. Plurivocal: é possível encontrar no romance várias vozes que o compõe, as vozes sociais representadas em sua ideologia.
  8. 8. • A maneira pela qual os jovens organizam e elaboram seus roteiros, resenhas, listas de músicas está intimamente ligada à exploração das vozes sociais durante as apreciações de valor sobre o que falam e para quem dirigem seus enunciados, de forma a atrair seu público tanto pelas músicas selecionadas e seus comentários quanto pelo estilo utilizado em suas falas, revelando suas vozes sociais.
  9. 9. • Por um outro lado, podemos considerar os podcasts para radioblog como um processo de intercalação durante sua elaboração e em sua forma composicional. Diferente das rádios oficiais, marcadas pela modernidade e necessidade de transmissão de informações em massa com a finalidade de se estabelecer identidades nacionais ou locais, o radioblog tem sua gênese em um espaço e tempo particular: o da internet e da blogosfera e das redes sociais. • O Radioblog incorpora um tempo-espaço amplo e múltipo ao relacionar-se com as diferentes redes sociais das quais participam produtores e ouvintes.
  10. 10. O termo protótipo foi utilizado em dos sentidos distintos:  Modelo preliminar no processo de elaboração e em fase de experimentação que pode ser tomado como ponto de partida para um projeto mais elaborado;  Abordagem de gêneros discursivos que estão ausentes na esfera escolar, podendo estabelecer diálogos entre diferentes culturas. O foco está no desenvolvimento de capacidades leitoras críticas e de produção com réplica ativa por parte dos estudantes e professores; PROTÓTIPO DE ENSINO
  11. 11. “Produção dentro da produção”: para que o protótipo fosse produzido foi necessário a criação de materiais, o que levou a reflexão sobre alguns aspectos. Divulgação: através de um blog com a intenção de ilustrar o que poderia ser um radioblog produzido pelos alunos;
  12. 12.  Convite;  Comunidades;  O oficial e o independente;  Radioblog e rádio comunitária;  Contracultura e música;  Rádio + blog;  Nossa radioblog;  Avaliação. ATIVIDADES

×