O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
Benefícios para as mulheres:
O maior envolvimento dos pais com o cuidado dos/as
filhos/as e com as tarefas domésticas e o ...
Estudos suecos e canadenses demonstram que o aumento
da licença-paternidade e o uso desta licença por parte dos
homens rep...
No Reino Unido, o uso da licença-paternidade é
fortemente associado com o bem-estar das mães após o
nascimento do/a filho/...
O apoio dos futuros pais durante a gestação pode
encorajar as mulheres a manterem hábitos mais
saudáveis, por exemplo, em ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

(17) unidade 4 4.5slide share Aula14 Masculinidades, Paternidade e Saúde do Homem - beneficios para as mulheres

268 visualizações

Publicada em

4.5 (17) Masculinidades, Paternidade e Saúde do Homem - benefícios para as mulheres

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

(17) unidade 4 4.5slide share Aula14 Masculinidades, Paternidade e Saúde do Homem - beneficios para as mulheres

  1. 1. Benefícios para as mulheres: O maior envolvimento dos pais com o cuidado dos/as filhos/as e com as tarefas domésticas e o incentivo para que as mães interajam com outros adultos de fora da rede de relação de cuidado infantil (por exemplo, no trabalho), resultam em uma melhor saúde mental das mães, com menor estresse relacionado ao cuidado dos/as filhos/as e menores índices de depressão (Fisher et al, 2006; Hrdy, 2009, em FI);
  2. 2. Estudos suecos e canadenses demonstram que o aumento da licença-paternidade e o uso desta licença por parte dos homens representa uma maior participação das suas parceiras no mercado de trabalho e uma melhor remuneração (Johansson, 2010; Patnaik,2014, em FI);
  3. 3. No Reino Unido, o uso da licença-paternidade é fortemente associado com o bem-estar das mães após o nascimento do/a filho/a (Redshaw& Henderson, 2013, em FI); Na Noruega, o absenteísmo das mulheres devido ao adoecimento é reduzido em 5% a 10% em famílias aonde os pais tiraram licenças-paternidades mais longas (BratbergandNaz, 2009, em FI);
  4. 4. O apoio dos futuros pais durante a gestação pode encorajar as mulheres a manterem hábitos mais saudáveis, por exemplo, em relação ao uso de cigarro e bebidas alcoólicas (Lu et al, 2010, em FI).

×