Aula 1- Finanças Aplicadas II e FAI 2015.1

1.792 visualizações

Publicada em

Objetivo da aula: apresentar a disciplina
Conteúdo: Plano de ensino. Principais pontos da disciplina. Formação dos grupos de trabalho. Escolha das empresas que serão avaliadas. Revisão da HME.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Aula 1- Finanças Aplicadas II e FAI 2015.1

  1. 1. APRESENTAÇÃO grggggggggggggggggggg ggggggggg Disciplina: FAII e FAI Objetivo da aula: apresentar a disciplina Conteúdo: Plano de ensino. Principais pontos da disciplina. Formação dos grupos de trabalho. Escolha das empresas que serão avaliadas. Revisão da HME.
  2. 2. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Objetivo • Proporcionar aos alunos conhecimentos básicos sobre avaliação de ativos com base no valor intrínseco, bem como decisões sobre estrutura de capital e política de dividendos. 2
  3. 3. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Conteúdo Programático • Planilha (já divulgada no blog: http://goo.gl/ctzeDN). • OBSERVAÇÃO!! Isso é um planejamento, não necessariamente ocorrerá como está na planilha. Mas nos dará base para acompanhar as aulas. 3
  4. 4. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Estratégias de ensino • Serão utilizados em sala de aula, os seguintes procedimentos: a) aula expositiva com o auxílio do quadro b) aula expositiva com o auxílio do datashow c) aulas práticas, com aplicações de estudos de casos d) aulas práticas no laboratório e) apresentações de seminários. 4
  5. 5. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Avaliação da aprendizagem • 1ª nota: 10% da nota será consequência da postura e da participação do aluno nas aulas, 20% é a soma de exercícios e trabalhos realizados em sala de aula (ou fora dela) e 70% é decorrente de uma prova. • 2ª nota: 10% em consequência da postura e da participação do aluno nas aulas, 10% da soma dos exercícios e trabalhos realizados, 60% decorrente da prova e 20% decorrente da apresentação de uma valuation elaborada por uma grande empresa. • 3ª nota: a nota será 10% em consequência da postura e da participação do aluno nas aulas, 10% da soma dos exercícios e trabalhos realizados, 20% decorrente da prova, 20% da apresentação do seminário (artigo pré-selecionado) e 40% da apresentação (escrita e oral) da valuation de uma empresa previamente escolhida pelo grupo de alunos. 5
  6. 6. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Referências básicas • AIUBE, Fernando A.L. Modelos quantitativos em finanças com enfoque em commodities. Porto Alegre: Bookman, 2013. • DAMODARAN, Aswath. Investment valuation: tools and techniques for determining the value of any asset. 2nd ed. New York: John Wiley & Sons, 2002. • ROSS, Stephen A. et al. Fundamentos da administração financeira. 9ed. Porto Alegre: AMGH, 2013. 6
  7. 7. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Referências complementares • BERK, Jonathan; DEMARZO, Peter; HARFORD, Jarrad. Fundamentals of corporate finance. 2nd ed. Pearson Education, 2012. • BRUNER, Robert F. Estudos de casos em finanças: gestão para criação de valor corporativo. 5ed. São Paulo: Mc Graw-Hill, 2009. • CARVALHO, Valdemir G. Calculadora Financeira HP12c: uma ferramenta para a gestão financeira das organizações. Natal: EDUFRN, 2012. • DAMODARAN, Aswath. The little book of valuation: how to value a company, pick a stock, and profit. New Jersey: John Wiley & Sons, 2011. • FERNÁNDEZ, Pablo. Three Residual Income Valuation Methods and Discounted Cash Flow Valuation. Working Paper, 2002. 7
  8. 8. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Referências complementares • FERNÁNDEZ, Pablo. Company valuation methods. The most common errors in valuations. Working Paper, 2007. • FERNÁNDEZ, Pablo; BILAN, Andrada. 110 common erros in company valuations. Working Paper, 2007. • FERNÁNDEZ, Pablo. 100 questions on finance. Working Paper, 2008. • FERNÁNDEZ, Pablo. Valuing Companies by Cash Flow Discounting: 10 Methods and 9 Theories. Working Paper, 2009. • FERNÁNDEZ, Pablo; BERMEJO, VicenteJ. β= 1 does a better job than calculated betas. Working Paper, 2009. 8
  9. 9. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Referências complementares • FERNÁNDEZ, Pablo. Ten badly explained topics in most corporate finance books. Working Paper, 2012. • KOLLER, Tim; GOEDHAR, Marc; WESSELS, David. Valuation: measuring and managing the value of companies. 5th ed. New Jersey: John Wiley & Sons, 2010. • ROSS, Stephen A.; WESTERFIELD, Randolph W.; JAFFE, Jeffrey F. Administração financeira: corporate finance. 2ed. São Paulo: Atlas, 2002. • VERNIMMEN, Pierre et al. Corporate finance: theory and practice. 2nd ed. John Wiley & Sons, Ltd., 2009. 9
  10. 10. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Blogs • Assinem a lista de emails dos blogs que uso para divulgar materiais da disciplina: – Contabilidade & Métodos Quantitativos: http://goo.gl/OrLCaj – Finanças Aplicadas Brasil: http://goo.gl/QeLxF4 – Fanpage do C&MQ: http://goo.gl/TpwWRI 10
  11. 11. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Divulgação das notas • As notas geralmente são divulgadas até a aula seguinte à aplicação da prova. • A divulgação é realizada por meio do Blog. Por isso vocês devem assinar a lista de emails do Blog. 11
  12. 12. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Formação dos grupos de trabalho • Anotar as duplas na planilha de notas: FII1, FII2 e FAI2. • As duplas farão todos os trabalhos da disciplina em conjunto. 12
  13. 13. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Seminário I – Valuations Prontas • Os alunos deverão analisar e apresentar relatórios de valuations que foram previamente elaborados e divulgados no site da CVM (http://sistemas.cvm.gov.br/?opa) por grandes consultorias: 1. Cacique: http://goo.gl/BaEFpt 2. Cremer: http://goo.gl/YiJsKV 3. Café Iguaçu: http://goo.gl/93Ylqp 4. Santander: http://goo.gl/ZvTqqc 5. GTD Participações: http://goo.gl/2dGPA5 6. CCB Brazil: http://goo.gl/UcjyAI 7. Indústria Verolme: http://goo.gl/FWGG3K 8. Brookfield: http://goo.gl/azDUMj 9. Camargo Corrêa: http://goo.gl/ZIh0kN 10. Tam: http://goo.gl/7amKuE 11. Net: http://goo.gl/vMxyKV 13
  14. 14. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Seminário II - Artigos • Artigos: 1. Problemas de estimação de custo de capital de empresas concessionárias no Brasil: uma aplicação à regulamentação de concessões rodoviárias: http://goo.gl/DEIdos 2. Práticas de orçamento de capital: um estudo em empresas hoteleiras de São Paulo, Rio de Janeiro e Salvador: http://goo.gl/Q6kuNC 3. Avaliação de empresas e probabilidade de negociação com informação privilegiada no mercado de capitais: http://goo.gl/fJof5Y 4. Apreçamento de opções sobre taxa de câmbio R $/US $ negociadas no Brasil: uma comparação entre os modelos Black e redes neurais artificiais: http://goo.gl/QBesxT 5. DETERMINANTES DO PREÇO DOS LAUDOS DE AVALIAÇÃO DE EMPRESAS EM OPA´S: http://goo.gl/HrD6Bi 6. ESTUDO EMPÍRICO COMPARATIVO DOS MODELOS KMV PADRÃO E KMV NAÏVE NO CONTEXTO BRASILEIRO: http://goo.gl/SJeuGZ 7. REDES SOCIAIS NA ESTRUTURA DE CAPITAL DAS EMPRESAS DE SERVIÇO DE UTILIDADE PÚBLICA E DE TELECOMUNICAÇÕES: http://goo.gl/htZpoV 8. ESTRUTURA DE CAPITAL EM EMPRESAS DE PEQUENO PORTE DE ITABIRA-MG: http://goo.gl/Rvk9h9 9. Custo do capital próprio como taxa de desconto na avaliação de empresas no Brasil: evidências entre a teoria e a prática de mercado: http://goo.gl/UZVEY1 10. EFEITO DAS ESTRATÉGIAS FINANCEIRAS ALINHADO A POLÍTICA DE DIVIDENDOS DAS EMPRESAS DE PROPRIEDADE FAMILIAR E NÃO FAMILIAR: http://goo.gl/02xfgh 11. DETERMINANTES DA POLÍTICA DE DIVIDENDOS EM PORTUGAL: http://goo.gl/rgiERT 14
  15. 15. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Seminário III – Valuations próprias • Os alunos deverão escolher suas empresas. • Como preparar um relatório de valuation? http://goo.gl/SHO7XF • Alguns exemplos: http://goo.gl/08BToc 15
  16. 16. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com Estrutura conceitual completa • Leiam com atenção os 20 pontos da nossa Estrutura Conceitual: http://goo.gl/re0u2I • Principalmente: 1. Avaliação dos seminários e debates 2. Telefone celular 3. Exercícios deverão ser feitos a mão 4. Do Ponto 7 ao 11 sobre as provas • Além disso, os trabalhos que são feitos em dupla deverão ser dominados por todo o grupo. Caso algum membro do grupo não apresente ou desista do curso, o remanescente deverá ter capacidade de apresentar sozinho, na data combinada. Vocês já sabem disso desde hoje, não há desculpa!! 16
  17. 17. Felipe Pontes www.contabilidademq.blogspot.com HME • Vamos relembrar brevemente a hipótese de mercados eficientes. – O que é um mercado eficiente; – Formas de eficiência segundo Fama (1970): fraca, semiforte e forte – Estudos de eventos; e – Testes de informações privadas. 17

×