Clip 386

717 visualizações

Publicada em

Décima primeira coluna no CLIP do Diário de Aveiro, Portugal. 17 de novembro de 2011.

Publicada em: Diversão e humor
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Clip 386

  1. 1. What´s new?I wanna Know pág. 5 386 Quinta-Feira | 17 de Novembro 2011 | Ano VI | Telefone 234000031 | este suplemento semanal de cultura é parte integrante do Diário de Aveiro www.diarioaveiro.pt www.focosonoro.pt focosonoro@sapo.pt fax|tel. 234 911 241 rua luís camões, 58 3800-543 CACIA 17 de Novembro 2011 //3
  2. 2. Teatro, Aveiro, Estaleiro Teatral até 3 de DezembroEFÉMERO apresentaA Importância de se chamar Ernestode Oscar Wilde com encenação de Vítor CorreiaA 52ª Produção da Efémero - Companhia de Teatro de AveiroA Importância de se chamar Ernesto de Oscar Wilde com encenação de Vítor Correia, estreou ontemno Estaleiro Teatral em Aveiro. A peça decorre de Terça a Sábado até 3 de Dezembro, com excepçãodo dia 22 de Novembro, sempre às 21h30.A IMPORTÂNCIA DE SE CHAMAR ERNESTO imparável avanço, surgiam também as inevitáveis(1895), considerada por muitos uma das me- interrogações sobre o futuro. Em breve toda estalhores peça de teatro de Óscar Wilde, é a proposta amálgama de certezas e incertezas se revelaria fa-da Efémero para terminar a temporada de 2011. tal numa Europa pouco fraterna.Esta comédia de costumes, que retrata a Ingla- Estranha analogia esta com um período em queterra vitoriana, é mais uma prova do brilhantismo tão pouco sabemos sobre o que nos reservam osde Wilde que, com a sua capacidade inata, retra- dias que aí vêm.ta de forma subtil e mordaz a superficialidadeda sociedade da época, tão florescente quanto Tome Nota: O preço do bilhete normal é de 7,50decadente. O genial escritor irlandês viveu num euros com desconto para portadores de cartãoperíodo de profundas mudanças na história da jovem ou de estudante a 5,00 euros e as reservashumanidade. O mapa europeu ganhava novos podem ser feitas para o número de telefone 234contornos e os seus povos prosperavam num am- 38 65 24 ou para o endereço electrónico efem-biente tecnologicamente avançado. A par deste ero@mail.telepac.pt 2 // 17 de Novembro 2011
  3. 3. BACKSTAGE ROCK “A Magia do Rock” de João Tavares www.facebook.com/backstagerock Para ouvir em www.vagosfm.com faz parte do programa “Blindagem Metal Show”O regresso dos OrnatosSerá colocado nas prateleiras das lojas que vendem discos no vai vender por, segundo o Financial Times, 1,4 mil milhões, a Ray Wilson &dia 5 de Dezembro o terceiro álbum dos Ornatos Violeta. A ter- parte editorial da EMI, que tem no seu catálogo grupos como Beatles, Pink Floyd e Coldplay, à editora Universal. Segundo o the Berlin Symphony Ensembleceira publicação do grupo do Porto é uma compilação de quase jornal The Guardian, a Universal será, depois do negócio, a de-tudo o que eles produziram, onde se inclui o primeiro trabalho Genesis Classic – Live in Poznan tentora de um terço das vendas de discos em todo o mundo. ACão! (1997), lançado em 1997, e O Monstro Precisa de Amigos venda deverá acontecer na próxima semana. O mesmo jornal Ray Wilson é um músico escocês, que fundou a sua primeirade1999. Além destes sucessos conhecidos, estará incluído tam- avança ainda que a Sony Music estará interessada em comprar banda profissional “Guaranteed Pure”, com seu irmão Steve, nobém o single Pára-me agora, que foi gravado quando o grupo uma outra parte da início dos anos noventa. Gravaram três álbuns e deois passouestava a preparar o terceiro trabalho de originais, e outras can- EMI, mas esta in- pela banda “Stiltskin” como vocalista. Devido ao seu enormeções inéditas. Outra editora, de Leiria, informou também que talento e sucesso, despertou a atenção dos “Genesis”, que pro- formação aindaem Fevereiro de 2012 serão colocados à venda 250 exemplares curavam um vocalista para o lugar de Phil Collins. Esteve nos está por confir-em vinil preto de cada um dos álbuns editados. “Genesis” de 1996 a 1999 e participou no álbum “Calling All mar. Stations”. Depois dos “Genesis” terminarem, formou a bandaOutros prémios... “Cut”, que lançou um álbum.Foram entregues no passa- Em 2001 resolve encetar por uma carreira a solo, lançando atédo fim-de-semana em Los à data três álbuns, com mais um pelo meio, de novo com os “Stiltskin”. Em 2011 grava este álbum ao vivo em Poznan naAngeles vários prémios, Polónia, com diversos músicos e uma orquestra sinfónica ondenuma espécie de antecipa- Lady Gaga, sempre tocaram inúmeros temas de toda a sua carreira com especial ên-ção da cerimónia que vai no centro! fase ao “Genesis”.decorrer em Fevereiro.Estes prémios distinguem Para mais informação visitar www.raywilson.net . Os prémios MTV decorreram em Belfast,“contribuições excepcio- Irlanda do Norte, numa cerimónia cheia de festa, e,nais para o estado das artes como sempre onde há Lady Gaga, alguma excentri-e Ciências Cinematográficase para um serviço excepcional cidade. A artista escolheu um chapéu que não permi- tia ver bem a sua cara, mas isso não a impediu de ser a CANTO METALpara a Academia”. Uma das pre- vencedora da noite, e levou para casa quatro galardões. Me-miadas foi a mais famosa apre- sentadora norte- lhor Artista Feminina, Melhor Música, Melhor Vídeo com “Bornamericana Oprah Winfrey, que recebeu o Óscar honorário pelas This Way” e o prémio atribuído pelos fãs. Justin Bieber e Brunoactividades de entretenimento e filantropia que manteve ao Mars, receberam dois prémios cada um e Katy Perry venceulongo dos anos. Oprah Winfrey apresentou durante anos o pro- apenas um. Um dos momentos mais emocionantes da noite foigrama “The Oprah Show”, e durante este lutou por melhores quando Brian May e Roger Taylor subiram ao palco para receber,condições em países de África e também com várias acções nos em nome dos Queen, o prémio – homenagem “Ícone Global”.Estados Unidos. A apresentadora, num dos seus programas A outra homenagem da noite foi para Amy Winehouse, falecidamais falados, ofereceu um carro a cada membro da audiência, em Julho, feita em vídeo e apresentada por Jessie J. A cerimóniae conseguiu também construiu escolas em África. Além desta, foi encerrada com três grandes sucessos dos Queen, “The Showtambém James Earl Jones, o actor que deu voz a Darth Vader, Must Go On”, “We Will Rock You” e “We Are The Champions”.personagem da saga “A Guerra das Estrelas”, recebeu um pré-mio carreira e Dick Smith, recebeu também um prémio carreirapelo tempo e talento que dedicou a maquilhar as mais be-las caras de Hollywood e de criar realidade na cara dospersonagens de alguns dos filmes mais míticos do Às vezes bom, outras vezes mau GROGcinema: “O Exorcista”, “O Padrinho”, “Taxi Driver” Madonna viu desta veze “Amadeus”. GROG os males da Internet e,A cerimónia dos Óscares, que decorrerá no dia 26 «Scooping the Cranial Insides» talvez, de ter colabora-de Fevereiro, encontra-se marcada por várias de- dores que não lhe são Verdadeiro ex-libris nacional na vertente death/grind, acabamsistências: o produtor da festa: Brett Ratner e de totalmente leais. A ar- de regressar com um dos maiores massacres sónicos que esteEddie Murphy que desistiu da apresentação. Billy tista está extremamente cantinho malcheiroso à beira-mar plantado alguma vez teste-Crystal, aceitou o desafio de apresentar por nona vez aborrecida com o facto munhou. Neste terceiro registo de originais a banda de Oeirasa grande noite dos Óscares. de uma versão prelimi- dispara com uma raiva absolutamente criminosa um total de nar de uma música que catorze temas esmagadores, regendo-se muito pelos parâ-Fusão de editoras… metros standard do género, mas incorporando, desta vez, uma deveria ser conhecidaUniversal e EMI são duas editoras míticas, que todos proeminente faceta mais técnica e aliciante. É sem dúvida o tra- apenas em 2012 já estar atemos na nossa memória. Mas a crise afecta a todos e já balho mais intenso e completo dos Grog até aqui, mas recomen- circular na Internet. A canção,há algum tempo se falava dos problemas financeiros da EMI. da-se só a fanáticos dos extremismos death. intitulada, “Give me all your love” teve uma boaA editora foi comprada pela empresa Terra Firme em 2007, mas aceitação por parte do público e isso é a única interpre-como esta não conseguiu pagar a dívida, foi o banco Citigroup, tação positiva que a cantora faz deste incidente.que acabou por ficar com a empresa. Agora, o grupo financeiro Texto: Ernesto Martins http://cais-do-paraiso.blogspot.com/ 17 de Novembro 2011 //3
  4. 4. POR CIMA DA CARNE SECA Crónica brasileira por Felipe Antunes http://porcimadacarnesecaemportugal.blogspot.com/Vala VirtualÉ difícil compreender as distâncias que a vida nos impõe. Mui-tas vezes a distância é baseada no desligamento de nós mesmos.Isso porque não gostamos muito de acreditar que somos suscep-tíveis às fraquezas do movimento da necessidade frente a umaconcepção. O que quero dizer é que gostamos de nos defender noesconderijo das boas idéias e ideais, mas no fundo o brilho vemdo contraponto a isso, vêm da superação dessa barreira que nósmesmos criamos. Não é que isso seja uma falsidade ou espécie denegação aos nossos ideais, é que na verdade excluímos dos ideais apossibilidade de superação... talvez por combate ou medo de umapossível frustração.O sucesso da à luz a um paradoxo de análises localizadas em tornoda arte que foi criada. As análises publicadas por especialistas sãovariadas e caminham de acordo com a absorção de cada um. O in-teressante de se pensar é que as críticas que chegam, mesmo quenegativas, de certa forma contribuem para o desenvolvimento doartista num alcance maior. E ainda mais, estou inclinado a acre-ditar que as críticas negativas podem ser mais valiosas do que aspositivas. Partindo do zero a zero, ou seja, da não crítica, do caraque nem foi citado, já podemos considerar vitoriosa a exposição.A sensação é que se aquilo esta ali é porque pelo menos é sufi-cientemente importante para tal. Agora a contradição! Claro queisso é particular, mas enfim... A crítica negativa transborda cu-riosidade enquanto a positiva desconfiança. Quem sabe se os inte-resses e as amizades não estão envolvidos na exaltação às gloriasde um trabalho? Já a negação conduz a um certo... será? E ainda,o artista capaz de não esbarrar nos problemas da sua trilha temtato clínico pra procurar seu erro, melhorar, e abrir novas trilhas.O que tem sido ridiculamente constante no mundo on-line é anecessidade, motivada por frustração, da postagem de diversoscomentários estúpidos nas publicações legitimas. Talvez o desin-teresse dos que o cerca por aquilo que ele discursa desencadeienuma enxurrada de agressividade de trás de uma cortina, já quede lá ninguém o pode ver. O que fica mais fácil! O que agiganta uminseto cerebral! Claro que a liberdade de expressão é bem vinda etodos a ovacionamos. Sei, e não fujo da possibilidade, que às vezeso bom senso nos escapa... tudo bem, isso também faz parte... mas Claro que a discussão da causa que move o (re)sentimento de cada que acontece com essa juventude de hoje em dia”? O problema éagredir sem necessidade, de trás de um pano eletromagnético um pode ser das mais variadas. Mas imaginando que a internet no que a nossa manifestação pareceria deslocada, porque crescemosnão, isso não. Hoje nos jornais brasileiros o tema que recorre é o Brasil deva ser “habitada”, de maneira ativa, em sua maioria por aprendendo que nossos pais lutaram e conquistaram o que hojecâncer (cancro) do nosso ex-presidente Lula. Das cortinas, mul- uma faixa de menos de 35 anos, podemos sugerir que as gerações nos gere, por tanto seria estranho combate-los. E ai brota essatidões exalam suas podridões espirituais, que só envergonham e que a povoam podem frequentemente estar buscando por uma sensação, essa vontade de atacar alguma coisa. Fora de lugar. Foraentristecem uma nação. Compartilho da vergonha que Gilberto razão de luta. Precisam se expressar e acreditam que podem fazer de propósito ou até sem um.Dimenstein, colunista brasileiro, disse ter sentido em referência alguma diferença. Mas será que essa translação é motivada pelos O fato é que essa tentativa de translação leva o sujeito à rotação.às reações ao caso. ressentimentos providos dos questionamentos constantes de “o Pra mesma cadeira, pro mesmo teclado... pro mesmo buraco. 4 // 17 de Novembro 2011
  5. 5. DVDS // NOVIDADES CDS // NOVIDADESAbrunhosa & Comité Caviar Lenine – disco novo a 5 de Dezembro ESTÚDIO DE ARTES PERFORMATIVAS ‘Coliseu’ estreia no cinema «Chão» é o título do novo 17 Nov. [5ª. Fª.] - 22.00 Auditório na próxima segunda, dia 21, disco de Lenine. O déci- Desidério Lázaro Trio em exclusivo para fãs mo trabalho da carreira do músico de Recife che- É uma autêntica viagem de ga a Portugal no dia 5 de êxito para êxito através de Dezembro.O sucessor de canções que já sabemos de “Labiata” revela-se como cor, mas que não nunca dei- um disco que, segundo o xamos de cantar. ‘Coliseu’, seu autor, manifesta tudo o o DVD de Pedro Abrunhosa que nos suporta, o que nos que estará disponível a par- sustenta: um chão literal e tir da próxima segunda- metafórico.Lenine é um dos Nova força do jazz nacional, Desidério Lázaro tem-se vindo a impor como uma das mais interessantes vozes no panorama feira, espelha uma carreira nomes mais importantes da do saxofone nacional.de sucesso, inesgotável. Gravado em Novembro do ano passado história contemporânea da música popular brasileira. Canções Parceria: Fundação João Jacinto Magalhães / Festivais de Outono 2011no Coliseu do Porto, no arranque da Tour Longe, ‘Coliseu’ contou intemporais como «Paciência», “Martelo Bigorna” (Melhor Can-com as participações especiais de Edgar Caramelo, Cristina Mas- ção Brasileira nos Grammy Latinos de 2009) e “O Homem Dos O- 16, 23 e 30 Nov. [4ªs. Fªs.] - 22.00 Café-Concertosena e Rui Veloso, para além da secção de sopros, ‘Hornsters’. lhos de Raio X”, entre muitas outras composições, elevam Lenine InShadow - Festival Internacional de Vídeo,‘Não Posso Mais’, ‘Pontes Entre Nós’, ‘Se Eu Fosse um Dia o Teu a um patamar único no universo brasileiro. Performance e TecnologiasOlhar’, ‘Socorro’, ‘Fazer o Que Ainda Não Foi Feito’, ‘Não Desis- Os seus trabalhos incluem colaborações com músicos como Ma- Organizado pela Vo’Arte, o InShadow consiste num momento privilegiado de descoberta de tendências contemporâneas notas de Mim’ ou ‘É Preciso Ter Calma’ são alguns dos clássicos e ria Bethânia, Seu Jorge, Maria Rita, Mário Laginha e Maria João, e âmbito do vídeo-dança e da performance de ampla relaçãonovíssimos temas que desfilam num alinhamento de luxo para os também com Pedro Abrunhosa, no dueto “Diabo No Corpo” que com a tecnologia, afirmando-se como um observatório atentomilhares de fãs de Pedro Abrunhosa. fez sucesso em Portugal.Tome Nota: Mais info em www.lenine. à produção artística.Para a estreia absoluta em cinema, a Fnac dará àqueles que reser- com.br 19 Nov. [Sáb.] - 23.00 Café-Concertovarem o DVD ou o CD até ao próximo domingo, um bilhete para Marcelo Johnsonver este concerto dia 21 de Novembro, pelas 21h, em simultâneo Cantos da Babilónia de Pedro Osório,nos cinemas do C.C. Colombo e do Norte Shopping. Também a 21 sai hoje para o mercado!de Novembro fica disponível a edição exclusiva Worten que com-pila num único produto o DVD e o duplo CD ao vivo. Cantos da Babilónia é o maisQuem preferir fazer o download digital do disco, o iTunes terá, recente disco de Pedro Osó-na mesma data, uma edição exclusiva que inclui o booklet digital rio, editado pela Valentime cinco vídeos. de Carvalho, com a chancelaTome Nota: Pedro Abrunhosa regressará aos Coliseus em Janeiro, da Sociedade Portuguesanum formato mais despido, ao qual chamou ‘Canções’. Para ver de Autores. É hoje editadodias 20 e 27. o disco, baseado em can- Neste concerto Marcelo Johnson convida o guitarrista Cláudio tos tradicionais de diversos da Paula para juntos interpretarem canções originais em formato acústico. lugares do mundo. Este tra-U2 FROM THE SKY DOWN balho é o resultado de dois 24 Nov. [5ª. Fª.] - 22.00 Café-Concertoa história por detrás de um clássico anos e meio de experiências Noite de fado com Ana Margarida Pinto e pesquisas, que viriam a DVD á venda dia 12 de culminar num conjunto de melodias sublimemente pintadas pe- Dezembro los cantares oriundos de países como o Quénia, Vietname, China ou até Portugal. Os cantos não surgiram propositadamente para «Colocando o foco no embri- este disco… foram encontrados pelo Maestro nas suas longas bus- onário crescimento artístico cas e escusado será dizer que se deixou deslumbrar por estas pai- e nos elementos interpes- sagens musicais. Uma viagem singular pela música étnica… peças soais que deram origem a fundamentalmente para piano que se completam com a utilização um registo histórico, “From frugal de “instrumentos samplados ou electrónicos”. the Sky Down”, o documen- E é ao som do piano que as vozes cantam ao desafio, acompa- Desde Março deste ano, a última 5ª feira de cada mês no Performas tem vindo a ser animada pela fadista Micaela Vaz, tário de Davis Guggenheim nhando cada nota como se se conhecessem desde sempre…mas que tem convidado vários cantores e instrumentistas do Fado. que narra a concepção do ál- não…não se conhecem, não se entende a língua, não se decifram Desta vez dá lugar a uma convidada especial, Ana Margarida bum, apresenta uma original as palavras. Foi isso que levou Pedro Osório a batizar esta obra de Pinto.abordagem a estas estrelas rock, conhecidas pelos seus primorosos “Cantos da Babilónia”.produtos» – Variety«No que diz respeito ao processo de criação Tome Nota: A apresentação terá lugar dia amanhã, 18 de Novem- 26 Nov. [Sáb.] - 23.00 Café-Concertorock’n’roll, é, simplesmente, um dos mais transcendentes olhares bro pelas 18:00 na Sociedade Portuguesa de Autores e contará com Blondea que alguma vez assisti» – Entertainment Weekly a participação de José Jorge Letria.No início de 2011, os U2 voltaram ao Hansa Studio, em Berlim, pararecordar a criação de «Achtung Baby». O resultado é «From The Rihanna, Talk That Talk,Sky Down», o novo filme assinado pelo oscarizado realizador, Da- à venda na próxima segunda feiravis Guggenheim («It Might Get Loud», «Waiting for Superman»,«Uma Verdade Inconveniente»). E «From The Sky Down» já fez O novo álbum de Rihanna,história: pela primeira vez, o prestigiado Toronto International «Talk That Talk», contémFilm Festival arrancou com um documentário. samples dos Metallica, XX Alter-ego do músico aveirense Jorge Loura, que acompanhado de uma guitarra acústica e uma loop station viaja através deVinte anos depois da edição de «Achtung Baby» (1991), Davis Gug- e Notorious BIG. Os riffs de um repertório que inclui desde clássicos de Neil Young, Frankgenheim regressa ao percurso que deu origem a este álbum incon- guitarra de «Wherever I May Zappa ou The Beatles até canções escondidas de artistastornável. Para revelar aquele que é, hoje, considerado um dos mais Roam» dos Metallica são ainda mais obscuros, passando ainda por alguns originais.importantes capítulos da história dos U2, Guggenheim recorreu ao utilizados num dos temas, Financiado por: Ministério da Cultura / DGArtesuso de animação, lado a lado com filmagens inéditas de Berlim e enquanto «Intro» dos xx Entidades promotoras: ACTO / Associação ProformasDublin e diversas conversas com os principais intervenientes no é samplado em «Drunk Estruturas Artísticas e Entidades Associadas: Ass. Estudantes do Conservatório de Música Aveiro / Binaurl - Nodar / Cine Clube de Avanca / Conservatório de Música deprocesso. on Love» e «I Got a Story Aveiro / Gretua / Música.Com / Oficina de Música de Aveiro / Projecto Transparências /«Quando se fala em bandas rock – a implosão ou a explosão pare- to Tell» de Notorious BIG Quad Productions / Riff / Teatrus Mecenas: Officina Digital / VLM Consultores SAcem inevitáveis. Mas os U2 têm vindo a desafiar a força de gravita- em «Talk That Talk». Esta Parceiros preferênciais: Castanheira-SóMúsica / Churrasqueira do Mercado / Clip / Diário de Aveiro / Mercatu / Pedro Capão Design / Pizzarte / Walk / Zig Zagção rumo à destruição… Esta banda resiste e prospera. “From The última tem a participaçãoSky Down” explica porquê». Davis Guggenheim de Jay-Z. Tome Nota: a 17 de Dezembro há concerto no Pavilhão Estúdio Performas Teatro Avenida, Largo do Mercado, 1 AveiroTome Nota: visita a página oficial da banda em www.U2.com Atlântico. performas.blogspot.com www.performas.org performas@performas.org Horário de funcionamento: 4ªFª a Sábado, das 21h00 às 02h00 17 de Novembro 2011 //5
  6. 6. Cinanima 2011Espinho, Centro Multimeios,7 a 13 NovembroO melhor do Cinema de Animação regressou a EspinhoChegou ao fim no passado fim-de-semana a 35ª edição do Cina-nima. O festival de cinema de animação mais antigo de Portugal,certame incontornável como referencia do melhor do cinema deanimação mundial. Espinho recebeu durante uma semana filmesoriundos dos cinco continentes, criando uma atmosfera única, quea cada ano que passa ganha novos e interessantes contornos cul-turais. Não se trata só de uma mera competição de filmes, mas umagrande festa do cinema de animação.O filme de estreia do Americano Jason Carpenter – “The Renter”,baseado em histórias verídicas da juventude do realizador, rendeu-lhe o grande Prémio Cinanima 2011. Foi ainda atribuído um prémioespecial do júri ao filme “Muybridge’s Strings” de Koji Yamamura Bilhete da Sessão Competitiva 6do Canadá, que retrata as pesquisas do fotografo Eadweard Muy-bridge.Para o continente americano ainda foram os prémios Melhor Cur-ta-Metragem até 5 minutos para o filme “Ku b la Khan” de JoanGratz dos EUA, prémio Melhor Curta-Metragem – Mais de 5 minu-tos até 25 minutos para o filme “Second Hand” de Isaac King doCanadá e ainda para o Canadá uma menção especial para o filme“Dimanche” de Patrick Doyon.Melhor curta metragem de Fim de Estudos para Bianca Ansems doReino Unido com o filme “Playing Ghost”. João Fazenda arrecadouo prémio António Gaio com “Sem querer” e “O Sapateiro” de DavidDoutel e Vasco Sá uma menção especial.O prémio do público foi atribuído ao filme”Danny Boy” de MarekSkrobecki da Polónia. Publico que se mantém fiel a este grandeevento e que fortifica cada nova edição do Cinanima.Um evento que mais uma vez está de parabéns. Texto e Fotos: Miguel Estima 6 // 17 de Novembro 2011
  7. 7. Jeffrey Lewis & the Junkyard Aveiro, Mercado Negro, 18 de Outubro Foi sem frio e cheios de sacos com roupa lavada que os Nova Iorquinos Junkyard acompanhados pelo mentor Jeffrey Lewis se apresentaram no passado dia 18 de Outubro no pequeno auditório do Mercado Negro. Pequeno não por detrimento ao espaço em si, nem pela sempre renovada e ampla aposta em novos projectos, mas pela banda que merece uma presença num palco principal de um grande festival. Com uma forte mistura de influências desde o frenético dos Vio- lent Femmes ou aos consagrados R.E.M., esta malta vem para o palco cheia de fusões levando a uma explosão festiva do primeiro ao último instante. Nem mesmo os pequenos momentos de pausa em que Jeffrey, também ele autor de banda desenhada, contou três histórias recorrendo à ilustração e à capela ou com a ajuda dos junkyard engrandeceram ainda mais o momento. Este concerto fechou para mim o mês “musical” de Outubro, e que mês... Este indie americano fica entranhado de uma forma estranha, que nem com muita Coca-Cola e cheeseburguers se vai esquecer. Foi indiscutivelmente uma noite animada com um público que sa- bia ao que vinha e que vibrou incansavelmente os noventa minu- tos de concerto. Texto e Fotos: Miguel EstimaCorrer o Fado servadorismo. Recuou no tempo, inovou na expressão, deu-lhe brilho: isto é o fado que o país, Portugal precisa. Com a Quorum Ballet o fado já não é mais uma arte de ouvir. É agora uma arte de ver e ouvir, ouvir e dizer, dizer e dançar. E que dança. -DançaAveiro, Teatro Aveirense, contemporânea no seu maior nível. Este espectáculo propor-29 Outubro cionou Quorum Ballet o prémio vencedor de melhor companhia em palco no 14º Festival de Castela e Leão, para além de ter sido a melhor companhia de dança contemporânea na primeira ediçãoFado, essa triste, nostálgica e maior forma de expressão cultural dos Portugal Dance Awards.lusitana plasmado no sentimento de um Portugal contemporâneo Por muitas palavras que se digam, Correr o Fado é mesmo paraà margem de uma opulenta nação à espera de novo rumo, nova assistir ao vivo. Toca no mais profundo âmago da alma lusitanareinvenção. Reinventando o fado reinventa-se o país. A Quo- e dos seus problemas e soluções: a casa, o pão, ou a falta dele, orum Ballet está atenta e no espectáculo Correr o Fado no Teatro amor e a traição, os bairros típicos e a crise. Correr o Fado é a maisAveirense demonstrou isso mesmo. Transportou o fado para a sua perfeita harmonia com tudo isto e a alegria. Um bom cenário, umforma de expressão e numa completa antítese aos cânones estabe- excelente jogo de luzes e palco: a água, muita água, muito ritmolecidos, o fado é agora alegre, divertido, rítmico, muito rítmico, e saudade. Mas mais que saudade Correr o Fado é sensualidade nocorrido. E isto sem perder a sua essência, o seu verdadeiro senti- seu estado mais puro.mento.Com um jogo de cores, muita cor, ritmos, pureza e audácia a Texto e Fotos: Sérgio PereiraQuórum Ballet correu o fado mas correu também com o con- www.quecena.pt 17 de Novembro 2011 //7
  8. 8. AGENDA de 17 a 24 de Novembro 2011 Edição nº 386 Dia do Não Fumador e da Filosofia Quinta-feira, 17 de Novembro Sábado, 18 de Novembro podendo também ser visitado pela população em geral. Uma visitaExposição| Vai, Vem Exposição| 16h Artes Mirenses consistirá numa sessão de, aproximadamente, 30 minutos.Aveiro, Casa Municipal da Juventude de Aveiro Aveiro, Galeria dos Paços do ConcelhoCasa Municipal da Juventude de Aveiro apresenta a Exposição de Tome Nota: para ver até dia 4 de Dezembro, de terça a sexta-feira, Workshop| 18h Estarrejazz´11fotografia “Vai, Vem” com fotos de Hélder Alexandre e Ricardo das 14.00 às 18.00 horas, sábados, domingos e feriados das 15.00 Estarreja, Cine Teatro de EstarrejaCosta. Tome Nota: para ver até dia 23 de Novembro, de segunda a às 19.00 horas. Entrada livre. Inscrições para o workshopsexta-feira,das 9.30 às 12.30 horas e das 14.00 às 18.00 horas. Tem Tome Nota: A participação neste workshop é gratuita.entrada livre. Conferência| 21h30 O Dinheiro não cai do Céu Aveiro, Salão Paroquial da Vera Cruz Cinema| 22h A Solidão Dos Números PrimosMúsica| 20h CORO GOSPEL A sessão contará com as participações de Alírio Camposana, coor- Aveiro, Teatro AveirenseAveiro, Oficina de Música de Aveiro denador do Centro de Informação Autárquica do Consumidor. Com Isabella Rossellini. Festival Internacional de Veneza 2010 -Orientado pela Professora Sandra Morais, este grupo desenvolve Prémio Pasinetti de Melhor Actriz para Alba Rohrwacherum repertório de vários compositores de espirituais e cantos Gos- Teatro| 21h30 Marionetas Casa dos Ventospel, sem esquecer uma abordagem constante à técnica vocal. Espinho, Auditório de Espinho Workshop| Deixa de Fumar. O céu pode esperar Pelo Teatro e Marionetas de Mandrágora AveiroMúsica| 19h15 1/2 de Música de GUITARRA O céu pode esperar” é a campanha que leva a Pulmonale a marcar,Aveiro, Oficina de Música de Aveiro, Sala das Artes Música| 21h30 Toques do Caramulo este ano, o Mês do Cancro do Pulmão que é assinalado um poucoAudição pelos alunos de guitarra da classe do Professor Joaquim Sever do Vouga, Centro das Artes e do Espectáculo de Sever do por todo o mundo.Tome Nota: esta Campanha segue ainda paraPavão. Tome Nota: Entrada livre Vouga. Digressão 2011 do álbum Retoques. Viseu (22), Guarda (23), Coimbra (24), Leiria (25), Santarém (28), Évora (29) e Faro (30).Conferência| 21h Filósofo - Amante da Sabedoria ou Técnico do Música| 21H30 Ensemble de Saxofones da MetropolitanaPensamento? Ílhavo, Centro Cultural de Ílhavo Quarta-Feira, 23 de NovembroAveiro, Nova Acrópole Aveiro Conferência| 21h Como lidar com a depressãoOrientada por João Ferro.Tome Nota: Actividade comemorativa do Música| 22h Áurea Aveiro, Nova Acrópole AveiroDia mundial da filosofia Estarreja, Cine Teatro de Estarreja Com o Dr. José Ramos, Dir. Nova Acrópole Coimbra. Tome Nota: entrada livre.Cerimónia| 21h Prémio de Poesia Nuno Júdice - Entrega Prémio Música| 22h30 Pauta UnpluggedAveiro, Biblioteca Municipal de Aveiro Águeda, Estúdio de Artes Contemporâneas Pauta Humana Música| 21h30 Concerto da Big Band do WorkshopTome Nota: A sessão estará aberta a todo o público interessado. Estarreja, Cine Teatro de Estarreja DJ| 23h Levi Arround the World Tome Nota: 2.50 euros.Música| 22h OMA Acoustic Jam Session Espinho, Doo Bop BarAveiro, Casa da Juventude Cinema| Os 3 MosqueteirosEntrada livre. Dia dos Direitos Internacionais da Criança Domingo, 20 de Novembro Ovar, Cinema Paraíso Cinema | 21h30 Drive 17 Novembro a 23 Novembro Sexta-feira, 18 de Novembro St. Maria da feira, Biblioteca Municipal Ação / Aventura / Romance, para maiores de 12 anos.Música| 21h30 Festivais de Outono O Cineclube da Feira, vai apresentar no auditório da Biblioteca Sessões: 14h10 (*) | 18h10 | 21h00 | 23h00 (**)Aveiro, Teatro Aveirense Municipal a ante-estreia do filme “Drive” do Dinamarquês Wind-Pedro Burmester com a Orquestra Filarmonia das Beiras e Or- ing Refn. Tome nota: mais informação em http://www.cine- Cinema| Gru O Maldisposto (dobrado)questras de sopros e cordas do Departamento de Comunicação e clubedafeira.net/ 19 e 20 NovembroArte da Universidade de Aveiro. Animação, para maiores de 6 anos. Dia da TV e da Saudação Segunda-Feira, 21 de Novembro Sessões:11h10 (*) | 16:20 (*) - 20 NovembroMúsica| 22h30 Ana Free + DJ Engenheiro Exposição| Casa do AmbienteMurtosa, Bar O Pátio Aveiro, Rossio Tome Nota: Cinema Paraíso. Dolce Vita Ovar O programa é destinado às crianças e jovens das escolas do (*) - sábado e domingo (**) - 6ª feira e sábadoDJ| 23H Pedro Navarro Município, desde o ensino pré-escolar ao ensino secundário,Aveiro, Fértil CafféMúsica| 23h Szabo-Silvera TangoEstarreja, Cine Teatro de EstarrejaOutonalidades-circuito português de música ao vivoDJ| 23h Soundsystem SessionAveiro, Cais ParaísoBackyard Sound convida Marley, membro dos One Love Family,para mais uma Soundsystem Session.Música| 23h Judy Blue EyesEspinho, Doo Bop barTributo a Crosby, Stills, Nash & Young, James Taylor, Eric Clapton,Steely Dan, B.B. King, Dire Straits ou John Mayer, entre outros.FICHA TÉCNICA::: Edição Diário de Aveiro ::: Director: Adriano Callé Lucas Director-Adjunto: Ivan Silva ::: Director de publicidade: Ivo Almeida (ivo.almeida@diarioaveiro.pt) ::: Editora: Maria JoãoAzevedo (clip.maria@gmail.com) ::: Design e Paginação: Mariana Castro (miiidemiii@hotmail.com)::: Impressão: FIG ::: Tiragem: 8000 exemplares 8 // 17 de Novembro 2011

×