/- à Liderança e Gestão da CCISS
apresentação da
Plataforma Eleitoral
2013 - 2017
Uma equipa coesa e unida que se candidata para dirigir os
destinos da nossa Organização Empresarial no próximo
mandato, qu...
Candidatura
Porquê O que
Pretendemos
O nosso
Programa
Porquê apresentar uma
candidatura à CCISS
Ambiente empresarial versus situação da classe
Top 10
1. Código laboral inadequado;
2. Acesso limitado ao crédito e a font...
O que pretendemos
Visão Empresarial
A Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento, enquanto
representante da classe empresarial e ...
Papel da Câmara de Comércio;
1. Descomprometimento político da CCISS
2. Comprometimento com os associados e os problemas q...
Principios
1. CCISS enquanto parceiro do sistema no desenvolvimento de políticas que
sejam benéficas para o desenvolviment...
O Programa
Missão Empresarial
A Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento deve
desenvolver, suportar e articular estratég...
1. Associativismo & Desenvolvimento Empresarial
2. Projectos e Programas.
3. Relações Instituicionais
4. Administração , F...
• Recuperação e reactivação de relações com associados - Relançamento
do programa de fidelização; Incrementar a base de as...
• Desenvolvimento de infra-estruturas de transporte
• Melhoramento do ambiente de negócios
– Sistema de contencioso comerc...
• Promover o desenvolvimento profissional
de trabalhadores e associados
• Promover um Networking empresarial
• Promover a ...
• Assegurar a estabilidade financeira da CCISS
através de medidas de saneamento financeiro,
controle orçamental e desenvol...
• Criação de um programa de comunicação para promoção
dos benefícios dos associados da CCISS;
• Promover a cidadania empre...
Qual é a Mensagem?2013 - 2017
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Plataforma Eleitoral da CCISS - 2013/2017

572 visualizações

Publicada em

Órgãos Sociais da CCISS

Assembleia Geral

Presidente - João Higino do Rosário Silva- CAVIBEL
Vice- Presidente - Bráz de Andrade- CASA BRÁZ DE ANDRADE
Secretários da mesa/ Vogais - José Mário Lopes- IMPORTEX
Secretários da Mesa /Vogais - Luisilda Tavares dos santos de Sousa Lobo- TIPOGRAFIA SANTOS

Conselho directivo

Presidente - Jorge Daniel Spencer Lima- SOGEI
Vice- Presidente - Júlio Almeida- TECNICIL INDÙSTRIA
Vogal - Rui Amante da Rosa - ELSEG
Vogal - Gil Évora- INPHARMA
Vogal - Nuno Amílcar Barcelos de Barros Levy- MSN MENS. E SOLUÇ. DE MARQ
Vogal - Conceição Brandão Monteiro- TUDO TERRENO
Vogal - José Jorge Oliveira- ACAISA

Conselho Fiscal

Presidente - Francisco Sebastião Correia Teixeira- CABOSYS
Vogal - Maria da Luz Martins Semedo- EME MARKETING & EVENTOS
Vogal - Arlinda Peixoto- COMPTA

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
572
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
25
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plataforma Eleitoral da CCISS - 2013/2017

  1. 1. /- à Liderança e Gestão da CCISS apresentação da Plataforma Eleitoral 2013 - 2017
  2. 2. Uma equipa coesa e unida que se candidata para dirigir os destinos da nossa Organização Empresarial no próximo mandato, que tem por missão principal unir os empresários da região sul do país para, conjuntamente com as outras organizações representativas do sector empresarial e em concertação com os poderes políticos instituídos, encontrar soluções realistas e credíveis que ajudem a classe a ultrapassar esta fase de turbulência em que nos encontramos. Quem somos?
  3. 3. Candidatura Porquê O que Pretendemos O nosso Programa
  4. 4. Porquê apresentar uma candidatura à CCISS
  5. 5. Ambiente empresarial versus situação da classe Top 10 1. Código laboral inadequado; 2. Acesso limitado ao crédito e a fontes alternativas de financiamento; 3. Clima de recessão económica que atinge particularmente as empresas 4. Sector dos transportes inter ilhas deficiente e especulativo; 5. Défice de energia nos principais centros urbanos; 6. Relacionamento conturbado com a DGCI/Alfandegas 7. Morosidade dos tribunais (anos para implementar o centro de arbritagem). 8. Desajustamento entre a capacitação profissional e as necessidades das empresas 9. Ambiente de negocios restritivo para o desenvolvimento e capacitação das pequenas e médias empresas 10. Entraves burocraticos para o desenvolvimento do IDE
  6. 6. O que pretendemos
  7. 7. Visão Empresarial A Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento, enquanto representante da classe empresarial e agente facilitador dos negócios actua em favor de um ambiente sustentável para o desenvolvimento das empresas e do livre mercado.
  8. 8. Papel da Câmara de Comércio; 1. Descomprometimento político da CCISS 2. Comprometimento com os associados e os problemas que afligem a classe. 3. Criação de um ambiente de negócios sadio, com instrumentos próprios para o desenvolvimento de cada um dos sectores da sua área de intervenção e da nação global enquanto somatório das partes. 4. Objectivo de médio-longo prazo a união ou a unificação das organizações empresariais, com a mesma natureza; 5. A CCISS existe para os associados e não o contrario pelo que a sua força advém do somatório de todos nós
  9. 9. Principios 1. CCISS enquanto parceiro do sistema no desenvolvimento de políticas que sejam benéficas para o desenvolvimento empresarial. 2. Reorganização do Conselho Directivo de forma a dar voz às diversas componentes da CCISS no Comércio, Industria e Serviços na região Sul do país; 3. Reformulação do papel do Secretário Geral para ter capacidade de auscultar os associados e propor soluções para os problemas através de um mandato claro, com delegações de competências por parte da direcção ou próprias e deve ser permanente avaliado nessa base.
  10. 10. O Programa
  11. 11. Missão Empresarial A Câmara de Comércio, Indústria e Serviços de Sotavento deve desenvolver, suportar e articular estratégias e serviços concebidos para inspirar a vitalidade económica da classe empresarial.
  12. 12. 1. Associativismo & Desenvolvimento Empresarial 2. Projectos e Programas. 3. Relações Instituicionais 4. Administração , Finanças e Patrimônio 5. Marketing, Comunicação e Informação Eixos de Acção
  13. 13. • Recuperação e reactivação de relações com associados - Relançamento do programa de fidelização; Incrementar a base de associados da CCISS através da angariação de novos associados e retenção dos associados antigos; • Criação do “Dia do Associado” para premiar e destacar empresas mais activas/inovadoras; • Reforçar o papel das pequenas e médias empresas na gestão diária da CCISS • Incentivar a criação de um Centro de Eventos na Cidade da Praia • Implementar um serviço de apoio e formação na elaboração de projectos (online e presencial) • Desenvolver programas de liderança para futuros lideres em parceria com as instituições nacionais e internacionais • Promoção de formação executiva em gestão empresarial – fundamentos e estratégia de inovação e expansão Associativismo e Desenvolvimento Empresarial
  14. 14. • Desenvolvimento de infra-estruturas de transporte • Melhoramento do ambiente de negócios – Sistema de contencioso comercial eficaz – Flexibilização do regime laboral – Desenvolvimento e diversificação de alternativas de financiamento empresarial – Reforma do Estado (especial destaque para os sistemas tributário, judicial e de gestão do território e politica de investimentos – Desenvolvimento de recursos humanos para a empregabilidade (promoção da cultura de educação executiva) Projectos & Programas
  15. 15. • Promover o desenvolvimento profissional de trabalhadores e associados • Promover um Networking empresarial • Promover a mobilização de recursos financeiros (interno e externo) • Actuar como o parceiro privilegiado das entidades publicas que promovem o desenvolvimento local e empresarial; • Participar activamente em parcerias público e privados que resultem em oportunidades para a classe empresarial; • Desenvolver a cooperação empresarial nacional e internacional com organizações congéneres Relações Institucionais
  16. 16. • Assegurar a estabilidade financeira da CCISS através de medidas de saneamento financeiro, controle orçamental e desenvolvimento de novos formatos de geração de receitas; • Maximização do uso e potencial de retorno do centro empresarial e do património da CCISS. • Reorganização da equipa e da estrutura organizacional para garantir maior eficácia. • Desenvolver um modelo de negocio que garanta maior autonomia financeira e estratégica da CCISS Administração, Finanças e Patrimônio
  17. 17. • Criação de um programa de comunicação para promoção dos benefícios dos associados da CCISS; • Promover a cidadania empresarial • Desenvolver uma nova imagem da Câmara de Comércio de Sotavento com uma liderança comprometida com os programas, politicas e assuntos de interesse da classe empresarial; • Desenvolver programas de facilitação do ambiente de negócios promovendo activamente a divulgação de informações relevantes às empresas. • Envolver activamente a comunidade de negócios em programas e eventos para contribuir para o desenvolvimento de um ambiente de oportunidades para as empresas; • Servir como facilitador na divulgação de informações actualizadas sobre a legislação e acções governamentais que afectam os negócios; Marketing, Comunicação e Informação
  18. 18. Qual é a Mensagem?2013 - 2017

×