Os miseraveis francisco simões

1.220 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.220
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
38
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Os miseraveis francisco simões

  1. 1. G.A.P. – Agrupamento de Escolas de Golegã, Azinhaga e PombalinhoSede: Escola E. B. 2,3/S Mestre Martins Correia, Golegã Trabalho realizado por: Francisco Félix Simões Nº7 8ºA
  2. 2. Índice  Ficha técnica do livro. Bibliografia do autor. Apresentação geral do livro. Relação titulo/obra. Transcrição de frases/ideias relevantes. Reação pessoal á obra.
  3. 3. Ficha técnica do livro  Titulo original: Les Misérables Titulo: Os miseráveis Autor: Victor Hugo Adaptação: Luc Lefort Ilustrações: Gérard Dubois Editora: Porto Editora Local de edição: (s.l) Data de edição: Setembro de 2005 Data de iniçio de leitura:27/10/11;Data de conclusão de leitura:12/11/11.
  4. 4. Bibliografia do autor  Nome: Victor-Marie Hugo Data de nascimento: 26 de Fevereiro de 1802 em Besançon. Data da sua Morte:22 de Maio de 1885 em Paris(França) Foi um escritor e poeta francês de grande atuação política em seu país. Filho de Joseph Hugo e de Sophie Trébuchet e passou sua a infância em Paris.
  5. 5. Continuação  Ao todo o autor escreveu 72 obras nos quais as maisimportantes foram: Lés Misérables(Os miseráveis), Vieou de Mort , Religions et religion.
  6. 6. Apresentação geral do livro  Os Miseráveis, é um romance. A figura que se destaca em toda a história (personagem principal) é a de João Valjean, preso por ter roubado um pão para alimentar a família e que em consequência da sua tentativa de evasão, viu a sua pena em trabalhos forçados nas galés. Um dia João Valjean é libertado dessa pena e posto em liberdade. Depois de ter vagueado durante vários dias, numa noite chega a Digne. João Valjean encontra uma mulher que lhe indica a casa do Bispo Myriel de Digne para lhe dar guarida. João Valjean dirigiu-se para lá. O bispo recolheu-o, deu-lhe de comer e guarida por uma noite. Galés- Antiga embarcação de vela e remos.Indivíduo condenado a trabalhar nas galés como remador.Guarida-Valhacouto; abrigo.
  7. 7. Continuação  Durante a sua estadia, João Valjean reparara no móvel do quarto do bispo, pois nele se guardavam os castiçais e faqueiro de prata. À noite quando todos dormiam João Valjean levantou-se, pegou no faqueiro de prata e foi-se embora com ele. No dia seguinte, bate à porta do bispo um grupo de três polícias, que vinham acompanhados por João Valjean, apanhado por estes. Levaram-no a casa do bispo para entregar o faqueiro e certificar-se de que a história do João Valjean correspondia à verdade. Para espanto deste, o bispo não o acusa e ainda lhe oferece os dois castiçais de prata, dizendo perante os polícias que se tinha esquecido de os levar. Os polícias libertam-no.
  8. 8. Continuação  A partir desse episódio, João Valjean torna-se uma pessoa boa. Com o faqueiro de prata monta uma fábrica. Tornando-se num homem muito rico e importante. Reencontra-se uma ex-empregada da sua fábrica chamada Fantina, prometendo-lhe trazer de volta a sua filha deixada aos cuidados dos Thénardier, donos de uma taberna, explorando a criança de forma desumana. Entretanto a mãe morre(Fantina) e para agravar as coisas, João Valjean começa a ser perseguido pelo o inspector da polícia Jarvet. Jarvet pensava que tinha sido João Valjean a matar Fantina. João Valjean, parte para Arràs. (Nesta fase, depois de se ter capturado o presumível assassino, Javert deixara de perseguir João Valjean).
  9. 9. Continuação  João Valjean vai então buscar Cosette, filha de Fontina a Montfermeil, tratando-a como sua filha. Cosette apaixona-se por Mário, estudante de direito que lutava pela causa da Revolução Francesa, abraçando a causa popular. Numa das lutas de rua, nas barricadas de Paris, João Valjean salva Mário da morte num tiroteio contra as forças da ordem. João Valjean transportando Mário às costas, sai da cena de batalha utilizando os esgotos de Paris. Mário casa com Cosette e descobre que esta é senhora de uma herança de seiscentos mil francos. No fim da história e com cerca de sessenta e poucos anos, João Valjean morre rodeado de Cosette e Mário, depois de uma vida de grande sofrimento, tendo-se transformado depois daquela noite em casa do bispo, num homem bom, justo e solidário.
  10. 10. Relação titulo/obra  Eu acho que o titulo tem haver com o a obra só na primeira parte em que João Valjean era pobre mas depois já não era miserável até pelo contrario era rico.
  11. 11. Transcrição de frases/ ideias relevantes  “Estou a morrer de fome, caminhei o dia inteiro. Em doze léguas, passei por todas as intempéries. Queria comer e deitar- me. Onde lhe pareça bem. Um canto com palha na cavalariça já seria bom para mim”. Eu escolhi esta frase porque esta personagem era pobre e andava á procura dum lugar para dormir, mas não queria dormir na rua até podia dormir numa cavalariça ele queria dormir num sitio que não chove-se e tivesse seguro. Léguas- Medida itinerária antiga cujo valor é variável segundo as épocas e os países, geralmente com valores entre os 4 e os 7 quilómetros. Intempéries- . Inclemência do tempo. Perturbação atmosférica
  12. 12. Reação pessoal á obra  Eu gostei de ler este livro porque ensina-nos a não fazer algumas coisas como roubar, como fés João Valjean ,porque se não tivermos nada com era o caso de João Valjean a melhor maneira não é roubar mas sim trabalhar e esforçar-nos para termos uma vida melhor.

×