SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 77
UX Design antes do wireframe

         Fabricio Teixeira
           @fabriciot
Empresas onde eu trabalhei:



      AgênciaClick
Crispin Porter + Bogusky
         R/GA
O que elas têm em comum?



      AgênciaClick
Crispin Porter + Bogusky
         R/GA

Agências de publicidade
O que elas têm em comum?



      AgênciaClick
Crispin Porter + Bogusky
         R/GA

Agências de publicidade
        digital
O que elas têm em comum?
                Médio e grande porte.


           AgênciaClick     200+



Crispin Porter + Bogusky    900+



                  R/GA      900+
O que elas têm em comum?
            Uma área de UX consolidada.


           AgênciaClick      200+
                             6-7 UX Designers


Crispin Porter + Bogusky     900+
                             28 Experience Designers


                  R/GA       900+
                             89 Interaction Designers
O que elas NÃO têm em comum?
                  O nome da área.


           AgênciaClick    Arquiteto de Informação
                           User Experience Designer


Crispin Porter + Bogusky   Experience Designer



                  R/GA     Interaction Designer
Sobre o que trata esta palestra:

                           AI



           AgênciaClick         Arquiteto de Informação
                                User Experience Designer


Crispin Porter + Bogusky        Experience Designer



                   R/GA         Interaction Designer



                           UX
O que me motivou a falar sobre isso?

Um movimento recente na comunidade de AI
     brasileira: criticar o wireframe.
Convenhamos, o Axure é incrível.
Convenhamos, os wireframes vão existir
         por muito tempo.
Por isso, ao invés de chamar a palestra de:

  UX Design sem wireframe

              Preferi chamar de:

UX Design antes do wireframe
Outro motivo que me levou a falar sobre isso
 foi uma pergunta muito comum em vários
      dos projetos dos quais participo.

     (a pergunta está no próximo slide)
"Quando você consegue
entregar a primeira tela de
       wireframe?"
       PROJETOS, Gerente de
E por mais que eu tentasse argumentar,
eles sempre vinham com um contra-argumento
           muito mais inteligente:
"Mas é só a home
 e uma interna!"
E aí que se a gente olhar para a lista de entregáveis que nossa
                  área consegue produzir…
CONCEPÇÃO                            IMPLEMENTAÇÃO
Road Map                             Casos de Uso
Benchmark                            Documento de Especificação
Métricas de Sucesso (KPIs)           Análise Heurística
Personas                             Teste de Usabilidade
Modelo Conceitual                    Controle de Qualidade
Blueprint                            Análise de Acessibilidade
Ecossistema                          Recomendações de SEO
Consumer Journey
Entrevista
Observação etnográfica
Pesquisa Quantitativa
Card Sorting                         VERIFICAÇÃO
Inventário de Conteúdo               Teste de Usabilidade
Análise de Tarefas                   Teste A/B
Mapa do Site                         Eye Tracking
Fluxograma                           Análise de Métricas
Wireframes                           Análise Quantitativa e Qualitativa
Protótipos Navegáveis
Storyboards
Moodboards


                 http://tinyurl.com/entregaveisdeux
                            http://corais.org
O Wireframe é apenas uma pequena parte dela.

(calma, a lista do slide anterior não é exaustiva)
Quem disse que tem que ser um site?
                                 app de celular?
                                 app de Facebook?
                                 hotsite?
E aí que no estágio inicial do projeto,
   o trabalho de um profissional de UX é justamente

Ir atrás das perguntas, e não das respostas.
E existe, sim, uma série de entregáveis que nos ajuda
         exatamente a ir atrás das perguntas.
CONCEPÇÃO                            IMPLEMENTAÇÃO
Road Map                             Casos de Uso
Benchmark                            Documento de Especificação
Métricas de Sucesso (KPIs)           Análise Heurística
Personas                             Teste de Usabilidade
Modelo Conceitual                    Controle de Qualidade
Blueprint                            Análise de Acessibilidade
Ecossistema                          Recomendações de SEO
Consumer Journey
Entrevista
Observação etnográfica
Pesquisa Quantitativa
Card Sorting                         VERIFICAÇÃO
Inventário de Conteúdo               Teste de Usabilidade
Análise de Tarefas                   Teste A/B
Mapa do Site                         Eye Tracking
Fluxograma                           Análise de Métricas
Wireframes                           Análise Quantitativa e Qualitativa
Protótipos Navegáveis
Storyboards
Moodboards


                 http://tinyurl.com/entregaveisdeux
                            http://corais.org
Vou mostrar dois deles aqui.
1. Brand Ecosystem
Os projetos digitais há alguns anos:




Web




                                             Anúncios
Os projetos digitais, agora:




 Web        Mobile             Social     Busca




Eventos      PDV            Embalagem    Anúncios
Nosso papel, nessa confusão toda:




 Web            Mobile           Social         Busca



Garantir que a experiência seja positiva em todos os
          pontos de contato com a marca.




Eventos         PDV           Embalagem        Anúncios
Web            Mobile         Social         Busca



Por mais que você esteja desenhando, agora, somente
           uma peça desse ecossistema.




Eventos         PDV         Embalagem        Anúncios
Brand Ecosystem


Para que serve?

• Entender a presença digital da marca

• Entender os assets que já existem para utilizá-los da
melhor forma possível

• Identificar possíveis falhas dentro desse ecossistema

• Garantir que qualquer modificação que seja feita esteja
alinhada com os KPIs do projeto
Brand Ecosytems podem ser bem simples:
Ou mega complexos:
2. Consumer Journey
Ativação   Aprendizado   Engajamento   Decisão   Compra   Share
Nosso papel, nessa longa jornada:




 Ativação    Aprendizado   Engajamento   Decisão   Compra   Share




Garantir que a experiência seja positiva em todos os
               momentos da jornada.
Ativação   Aprendizado   Engajamento   Decisão   Compra   Share




Por mais que você esteja desenhando, agora, somente
              uma peça dessa jornada.
Consumer Journey


Para que serve?

• Entender o caminho que diferentes personas
percorrem na experiência com a marca.

• Entender quais são as necessidades, emoções,
problemas, desejos e angústias do consumidor em cada
etapa dessa experiência.
Consumer Journey


Para que serve?

• Entender o caminho que diferentes personas
percorrem na experiência com a marca.

• Entender quais são as necessidades, emoções,
problemas, desejos e angústias do consumidor em cada
etapa dessa experiência.


Com a marca, não com o site.
Consumer Journey



Ativação   Aprendizado    Engajamento     Decisão   Compra       Share




                         User Flow

                  Página de             Página de      Carrinho de
  Home
                  Categoria              Produto        Compras
Consumer Journeys podem ser bem simples:
Ou bem complexas:
CONCEPÇÃO                            IMPLEMENTAÇÃO
Road Map                             Casos de Uso
Benchmark                            Documento de Especificação
Métricas de Sucesso (KPIs)           Análise Heurística
Personas                             Teste de Usabilidade
Modelo Conceitual                    Controle de Qualidade
Blueprint                            Análise de Acessibilidade
Ecossistema                          Recomendações de SEO
Consumer Journey
Entrevista
Observação etnográfica
Pesquisa Quantitativa
Card Sorting                         VERIFICAÇÃO
Inventário de Conteúdo               Teste de Usabilidade
Análise de Tarefas                   Teste A/B
Mapa do Site                         Eye Tracking
Fluxograma                           Análise de Métricas
Wireframes                           Análise Quantitativa e Qualitativa
Protótipos Navegáveis
Storyboards
Moodboards


                 http://tinyurl.com/entregaveisdeux
                            http://corais.org
O que eu descobri depois de começar a utilizá-los:


 Passada a etapa de UX thinking,
o wireframe fica quase automático.
Isso porque eu já sei:


De onde ele               O que ele
   vem                     precisa
 (Brand Ecosystem)        (Consumer Journey)
E esses documentos me mostram as perguntas
    que os wireframes têm que responder.
A essa altura você deve estar pensando:



    "não dá tempo"
"realidade do mercado"
            "budget"
A má notícia é que não existe uma fórmula mágica.
Combinações de entregáveis




Ecossistema       Consumer
 da marca     +    Journey   +    Wireframes
Combinações de entregáveis




Consumer       Pesquisa
 Journey   +    Online     +   Rabiscoframes
Menos tempo discutindo o wireframe.
 Mais tempo discutindo a estratégia.
AI >>> UX
Onde AI se encaixa no fluxo de trabalho?




                                                AI



Insights   Estratégia   Ideias   Document.   Execução   Observação
Onde UX se encaixa no fluxo de trabalho?




                                  UX



                                                 AI



Insights    Estratégia   Ideias   Document.   Execução   Observação
Entender o                      Fortalecer e                      Documentar a
usuário                         filtrar ideias                    execução
• Ecossistema                   • Descritivo das ideias           • Cardsorting
• Consumer Journey              • Consumer Journey                • Sitemap
• Personas                      • Sketches                        • Wireframes




                Ajudar a
                definir a                          Documentar e                   Observar
                estratégia                         validar                        o uso
                • Ecossistema                      • Sitemap                      • Teste de usabilidade
                • Personas                         • Wireframes                   • Análise de métricas




Insights         Estratégia     Ideias              Document.     Execução         Observação
UX antes do wireframe


Entender o                      Fortalecer e                      Documentar a
usuário                         filtrar ideias                    execução
• Ecossistema                   • Descritivo das ideias           • Cardsorting
• Consumer Journey              • Consumer Journey                • Sitemap
• Personas                      • Sketches                        • Wireframes




                Ajudar a
                definir a                          Documentar e                   Observar
                estratégia                         validar                        o uso
                • Ecossistema                      • Sitemap                      • Teste de usabilidade
                • Personas                         • Wireframes                   • Análise de métricas




Insights         Estratégia     Ideias              Document.     Execução         Observação
O UX Designer deve aproveitar
  a visão sistemática que possui
pela própria natureza da profissão.
Essa transição de AI para UX pode significar um passo
    em direção ao Planejamento (e menos à Criação)



Planejamento           UX <<< AI               Criação
Mas tenho observado alguns movimentos em agências que
        talvez ajudem a justificar essa transição:
Planejamento

Marcas criando mais plataformas
     e menos campanhas.
Planejamento

Marcas criando mais plataformas
     e menos campanhas.




                                  Exemplo: Nike +
Planejamento

Marcas criando mais plataformas
     e menos campanhas.




                                  Exemplo: Nike Fuel Band
Planejamento

  Marcas criando mais plataformas
       e menos campanhas.

Agências influenciando cada vez mais
       no business do cliente.
Planejamento

  Marcas criando mais plataformas
       e menos campanhas.

Agências influenciando cada vez mais
       no business do cliente.


                                       Exemplo: Domino’s Pizza
Criação

Padrões de interações
cada vez mais nítidos.
Criação

                       Padrões de interações
                       cada vez mais nítidos.




Exemplo: Pattern Tap
Criação

Padrões de interações
cada vez mais nítidos.

   Visual Designers
com mais noções de AI.
Criação

                         Padrões de interações
                         cada vez mais nítidos.

                            Visual Designers
                         com mais noções de AI.



Exemplo: Criando uma
 landing page perfeita
Planejamento   <<< UX >>>   Criação
Mas é claro: essa passagem de AI para UX é apenas uma das opções.
              Sempre haverá espaço para o especialista.



 <<<<<<<<<<<<<< Generalista >>>>>>>>>>>>>>




                                >>>>>>
                         Especialista
                                <<<<<<
"Legal, e agora?"
 Ou “3 lições que aprendi na marra”
1. Nunca começar a desenhar uma interface sem
antes ter a visão de todo o ecossistema
2. Fazer os documentos circularem entre
todos do time
3. Mostrar como o pensamento de UX pode ajudar
nas diversas etapas do projeto
Designing Structures for Understanding
Obrigado!


     Fabricio Teixeira
       @fabriciot

arquiteturadeinformacao.com
          @blogdeai

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Arquitetura da Informação: Estudos de Caso e Exercícios
Arquitetura da Informação: Estudos de Caso e ExercíciosArquitetura da Informação: Estudos de Caso e Exercícios
Arquitetura da Informação: Estudos de Caso e ExercíciosUTFPR
 
Introdução à Arquitetura de Informação
Introdução à Arquitetura de InformaçãoIntrodução à Arquitetura de Informação
Introdução à Arquitetura de InformaçãoInstituto Faber-Ludens
 
UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?
UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?
UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?Marconi Pacheco
 
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07Renato Melo
 
UX e UI - Experiência e Interface do Usuário
UX e UI - Experiência e Interface do UsuárioUX e UI - Experiência e Interface do Usuário
UX e UI - Experiência e Interface do UsuárioRenato Melo
 
UX - UI DESIGN / MÉTODOS
UX - UI DESIGN / MÉTODOSUX - UI DESIGN / MÉTODOS
UX - UI DESIGN / MÉTODOSDiego Moraes
 
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi MorenoOficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi MorenoDavi Moreno
 
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementosArquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementosLuciana Nunes
 
Princípios de Design de Interação
Princípios de Design de InteraçãoPrincípios de Design de Interação
Princípios de Design de InteraçãoFelipe Dal Molin
 
Arquitetura da Informação - Sistemas
Arquitetura da Informação - SistemasArquitetura da Informação - Sistemas
Arquitetura da Informação - Sistemasaiadufmg
 
Metodologias de Design de Interação
Metodologias de Design de InteraçãoMetodologias de Design de Interação
Metodologias de Design de InteraçãoUTFPR
 
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADE
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADEMÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADE
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADEAndrea Dalforno
 
Aula 2 - Técnicas de Prototipação I
Aula 2 - Técnicas de Prototipação IAula 2 - Técnicas de Prototipação I
Aula 2 - Técnicas de Prototipação IPaolo Passeri
 
Aula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no Usuário
Aula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no UsuárioAula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no Usuário
Aula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no UsuárioErico Fileno
 
Principios do design
Principios do designPrincipios do design
Principios do designIuri Lammel
 
Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]
Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]
Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]Léo Dias
 

Mais procurados (20)

Arquitetura da Informação: Estudos de Caso e Exercícios
Arquitetura da Informação: Estudos de Caso e ExercíciosArquitetura da Informação: Estudos de Caso e Exercícios
Arquitetura da Informação: Estudos de Caso e Exercícios
 
Introdução à Arquitetura de Informação
Introdução à Arquitetura de InformaçãoIntrodução à Arquitetura de Informação
Introdução à Arquitetura de Informação
 
IHC - Slide 2 - Usabilidade e Princípios de Design
IHC - Slide 2 - Usabilidade e Princípios de DesignIHC - Slide 2 - Usabilidade e Princípios de Design
IHC - Slide 2 - Usabilidade e Princípios de Design
 
UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?
UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?
UX e UI Design - O que é? Quais as diferenças?
 
UX - Entregaveis
UX - EntregaveisUX - Entregaveis
UX - Entregaveis
 
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
Apresentação UX e UI - Webdesign - Aula 07
 
UX e UI - Experiência e Interface do Usuário
UX e UI - Experiência e Interface do UsuárioUX e UI - Experiência e Interface do Usuário
UX e UI - Experiência e Interface do Usuário
 
Arquitetura da Informação na Movile
Arquitetura da Informação na MovileArquitetura da Informação na Movile
Arquitetura da Informação na Movile
 
UX - UI DESIGN / MÉTODOS
UX - UI DESIGN / MÉTODOSUX - UI DESIGN / MÉTODOS
UX - UI DESIGN / MÉTODOS
 
Aula 4 - Avaliação de Interface - Parte 1
Aula 4 -  Avaliação de Interface - Parte 1Aula 4 -  Avaliação de Interface - Parte 1
Aula 4 - Avaliação de Interface - Parte 1
 
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi MorenoOficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
Oficina Design Thinking para Educadores - por Davi Moreno
 
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementosArquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
Arquitetura de Informação: história, definição e seus elementos
 
Princípios de Design de Interação
Princípios de Design de InteraçãoPrincípios de Design de Interação
Princípios de Design de Interação
 
Arquitetura da Informação - Sistemas
Arquitetura da Informação - SistemasArquitetura da Informação - Sistemas
Arquitetura da Informação - Sistemas
 
Metodologias de Design de Interação
Metodologias de Design de InteraçãoMetodologias de Design de Interação
Metodologias de Design de Interação
 
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADE
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADEMÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADE
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DA USABILIDADE
 
Aula 2 - Técnicas de Prototipação I
Aula 2 - Técnicas de Prototipação IAula 2 - Técnicas de Prototipação I
Aula 2 - Técnicas de Prototipação I
 
Aula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no Usuário
Aula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no UsuárioAula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no Usuário
Aula 1 - Minicurso sobre Design Centrado no Usuário
 
Principios do design
Principios do designPrincipios do design
Principios do design
 
Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]
Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]
Teoria do design aula 01 [conceitos basicos]
 

Destaque

UX para agências de publicidade
UX para agências de publicidadeUX para agências de publicidade
UX para agências de publicidadeRichard Jesus
 
Workshop • UX design •
Workshop • UX design •  Workshop • UX design •
Workshop • UX design • Suzi Sarmento
 
Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015
Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015
Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015Luisa Ambros
 
UI e UX no Material Design
UI e UX no Material DesignUI e UX no Material Design
UI e UX no Material DesignGustavo Gobbi
 
Projetando com Lean UX
Projetando com Lean UXProjetando com Lean UX
Projetando com Lean UXEdu Agni
 
O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...
O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...
O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...Paula Azevedo Macedo
 
UX como estratégia para conquistar clientes e impactar negócios
UX como estratégia para conquistar clientes e impactar negóciosUX como estratégia para conquistar clientes e impactar negócios
UX como estratégia para conquistar clientes e impactar negóciosPriscilla Albuquerque
 
Minicurso de UX Design (Resumo)
Minicurso de UX Design (Resumo)Minicurso de UX Design (Resumo)
Minicurso de UX Design (Resumo)Thiago Esser
 
UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....
UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....
UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....EDIT. - Disruptive Digital Education
 
Novo Portal ESPN - Ebai 2008
Novo Portal ESPN - Ebai 2008Novo Portal ESPN - Ebai 2008
Novo Portal ESPN - Ebai 2008Fabricio Teixeira
 
Novo Portal Fiat - Ebai 2009
Novo Portal Fiat - Ebai 2009Novo Portal Fiat - Ebai 2009
Novo Portal Fiat - Ebai 2009Fabricio Teixeira
 
Why should I care about Responsive Design?
Why should I care about Responsive Design?Why should I care about Responsive Design?
Why should I care about Responsive Design?Fabricio Teixeira
 
UX Humor | Jokes and Funny Quotes
UX Humor | Jokes and Funny QuotesUX Humor | Jokes and Funny Quotes
UX Humor | Jokes and Funny QuotesThink 360 Studio
 
UX Design, Services Design & Design Thinking
UX Design, Services Design & Design ThinkingUX Design, Services Design & Design Thinking
UX Design, Services Design & Design ThinkingMarcelo Negrini
 
User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0
User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0
User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0Catarinas Design de Interação
 
Mecanismos
MecanismosMecanismos
Mecanismosgenosa
 
Revista Job! 4 - Agosto 2004
Revista Job! 4 - Agosto 2004Revista Job! 4 - Agosto 2004
Revista Job! 4 - Agosto 2004Galo Digital
 
Ux para agencias de publicidade
Ux para agencias de publicidade Ux para agencias de publicidade
Ux para agencias de publicidade Danilo Sousa
 

Destaque (20)

UX para agências de publicidade
UX para agências de publicidadeUX para agências de publicidade
UX para agências de publicidade
 
Workshop • UX design •
Workshop • UX design •  Workshop • UX design •
Workshop • UX design •
 
Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015
Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015
Ux design/Experiência do Usuário - Conexão KingHost 2015
 
UI e UX no Material Design
UI e UX no Material DesignUI e UX no Material Design
UI e UX no Material Design
 
Projetando com Lean UX
Projetando com Lean UXProjetando com Lean UX
Projetando com Lean UX
 
O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...
O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...
O que é Arquitetura de Informação e UX Design: visão de uma bibliotecária inf...
 
UX Design
UX DesignUX Design
UX Design
 
UX como estratégia para conquistar clientes e impactar negócios
UX como estratégia para conquistar clientes e impactar negóciosUX como estratégia para conquistar clientes e impactar negócios
UX como estratégia para conquistar clientes e impactar negócios
 
Minicurso de UX Design (Resumo)
Minicurso de UX Design (Resumo)Minicurso de UX Design (Resumo)
Minicurso de UX Design (Resumo)
 
UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....
UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....
UX Design: desenvolver experiências positivas - #8 Industry Sessions by EDIT....
 
Novo Portal ESPN - Ebai 2008
Novo Portal ESPN - Ebai 2008Novo Portal ESPN - Ebai 2008
Novo Portal ESPN - Ebai 2008
 
Novo Portal Fiat - Ebai 2009
Novo Portal Fiat - Ebai 2009Novo Portal Fiat - Ebai 2009
Novo Portal Fiat - Ebai 2009
 
Why should I care about Responsive Design?
Why should I care about Responsive Design?Why should I care about Responsive Design?
Why should I care about Responsive Design?
 
UX Humor | Jokes and Funny Quotes
UX Humor | Jokes and Funny QuotesUX Humor | Jokes and Funny Quotes
UX Humor | Jokes and Funny Quotes
 
UX Design, Services Design & Design Thinking
UX Design, Services Design & Design ThinkingUX Design, Services Design & Design Thinking
UX Design, Services Design & Design Thinking
 
Como viabilizar o UX em pequenas empresas e startups?
Como viabilizar o UX em pequenas empresas e startups?Como viabilizar o UX em pequenas empresas e startups?
Como viabilizar o UX em pequenas empresas e startups?
 
User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0
User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0
User Experience: O que sua empresa pode ganhar com isso - Versão 2.0
 
Mecanismos
MecanismosMecanismos
Mecanismos
 
Revista Job! 4 - Agosto 2004
Revista Job! 4 - Agosto 2004Revista Job! 4 - Agosto 2004
Revista Job! 4 - Agosto 2004
 
Ux para agencias de publicidade
Ux para agencias de publicidade Ux para agencias de publicidade
Ux para agencias de publicidade
 

Semelhante a Ux design antes do wireframe

Design de Interfaces
Design de InterfacesDesign de Interfaces
Design de InterfacesAna Migowski
 
Otimizando os projetos de TI com User Experience
Otimizando os projetos de TI com User ExperienceOtimizando os projetos de TI com User Experience
Otimizando os projetos de TI com User ExperienceTuia
 
UX para Startups
UX para StartupsUX para Startups
UX para StartupsTuia
 
Texturas: como o Bradesco enxerga UX
Texturas: como o Bradesco enxerga UXTexturas: como o Bradesco enxerga UX
Texturas: como o Bradesco enxerga UXUXConf BR
 
User Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatalUser Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatalRafael Burity
 
User Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatalUser Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatalAtech S.A. | Embraer Group
 
Portais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCarioca
Portais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCariocaPortais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCarioca
Portais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCariocaWebCarioca
 
Criatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UX
Criatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UXCriatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UX
Criatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UXIngrid Castro
 
Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013
Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013
Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013Instituto Faber-Ludens
 
Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010
Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010
Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010Mourylise Heymer
 
Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...
Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...
Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...Catarinas Design de Interação
 
Arquitetura da Informação
Arquitetura da InformaçãoArquitetura da Informação
Arquitetura da InformaçãoMarcello Cardoso
 
Experiência do usuário em Portais Corporativos
Experiência do usuário em Portais CorporativosExperiência do usuário em Portais Corporativos
Experiência do usuário em Portais CorporativosNeue Labs
 
Startups + UX = ♥
Startups + UX = ♥Startups + UX = ♥
Startups + UX = ♥Neue Labs
 
Por que você vai se apaixonar por design e UX?!
Por que você vai se apaixonar por design e UX?!Por que você vai se apaixonar por design e UX?!
Por que você vai se apaixonar por design e UX?!Priscilla Albuquerque
 
Arquitetura de Informação
Arquitetura de InformaçãoArquitetura de Informação
Arquitetura de InformaçãoMelqui Jr
 
Graduação puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...
Graduação   puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...Graduação   puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...
Graduação puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...Wagner Tironi Pinto
 
Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...
Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...
Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...Thalita Oliveira
 
Workshop: Ouvindo usuários e stakeholders
Workshop: Ouvindo usuários e stakeholdersWorkshop: Ouvindo usuários e stakeholders
Workshop: Ouvindo usuários e stakeholdersNeue Labs
 

Semelhante a Ux design antes do wireframe (20)

Design de Interfaces
Design de InterfacesDesign de Interfaces
Design de Interfaces
 
Otimizando os projetos de TI com User Experience
Otimizando os projetos de TI com User ExperienceOtimizando os projetos de TI com User Experience
Otimizando os projetos de TI com User Experience
 
UX para Startups
UX para StartupsUX para Startups
UX para Startups
 
Texturas: como o Bradesco enxerga UX
Texturas: como o Bradesco enxerga UXTexturas: como o Bradesco enxerga UX
Texturas: como o Bradesco enxerga UX
 
User Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatalUser Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que não projetar com foco no usuário pode ser fatal
 
User Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatalUser Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatal
User Experience - Por que NÃO projetar com foco no usuário pode ser fatal
 
Portais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCarioca
Portais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCariocaPortais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCarioca
Portais Corporativos e Marketing Digital - Consultoria WebCarioca
 
Criatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UX
Criatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UXCriatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UX
Criatividade, Inovação e Métodos Ágeis - O que isso tem a ver com UX
 
Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013
Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013
Curso Arquitetura de Informação @ iMasters Jan 2013
 
Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010
Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010
Design de Interação, Experiência do Usuário e Usabilidade - 2010
 
Usabilidade Simples
Usabilidade SimplesUsabilidade Simples
Usabilidade Simples
 
Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...
Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...
Interaction South America 2015 - Concepção de um framework para definição em ...
 
Arquitetura da Informação
Arquitetura da InformaçãoArquitetura da Informação
Arquitetura da Informação
 
Experiência do usuário em Portais Corporativos
Experiência do usuário em Portais CorporativosExperiência do usuário em Portais Corporativos
Experiência do usuário em Portais Corporativos
 
Startups + UX = ♥
Startups + UX = ♥Startups + UX = ♥
Startups + UX = ♥
 
Por que você vai se apaixonar por design e UX?!
Por que você vai se apaixonar por design e UX?!Por que você vai se apaixonar por design e UX?!
Por que você vai se apaixonar por design e UX?!
 
Arquitetura de Informação
Arquitetura de InformaçãoArquitetura de Informação
Arquitetura de Informação
 
Graduação puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...
Graduação   puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...Graduação   puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...
Graduação puc - aplicações de padrões de projeto no desenvolvimento de inte...
 
Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...
Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...
Design Thinking na prática - Como foi usada a metodologia para desenvolver um...
 
Workshop: Ouvindo usuários e stakeholders
Workshop: Ouvindo usuários e stakeholdersWorkshop: Ouvindo usuários e stakeholders
Workshop: Ouvindo usuários e stakeholders
 

Ux design antes do wireframe

  • 1. UX Design antes do wireframe Fabricio Teixeira @fabriciot
  • 2. Empresas onde eu trabalhei: AgênciaClick Crispin Porter + Bogusky R/GA
  • 3. O que elas têm em comum? AgênciaClick Crispin Porter + Bogusky R/GA Agências de publicidade
  • 4. O que elas têm em comum? AgênciaClick Crispin Porter + Bogusky R/GA Agências de publicidade digital
  • 5. O que elas têm em comum? Médio e grande porte. AgênciaClick 200+ Crispin Porter + Bogusky 900+ R/GA 900+
  • 6. O que elas têm em comum? Uma área de UX consolidada. AgênciaClick 200+ 6-7 UX Designers Crispin Porter + Bogusky 900+ 28 Experience Designers R/GA 900+ 89 Interaction Designers
  • 7. O que elas NÃO têm em comum? O nome da área. AgênciaClick Arquiteto de Informação User Experience Designer Crispin Porter + Bogusky Experience Designer R/GA Interaction Designer
  • 8. Sobre o que trata esta palestra: AI AgênciaClick Arquiteto de Informação User Experience Designer Crispin Porter + Bogusky Experience Designer R/GA Interaction Designer UX
  • 9. O que me motivou a falar sobre isso? Um movimento recente na comunidade de AI brasileira: criticar o wireframe.
  • 10.
  • 11.
  • 12. Convenhamos, o Axure é incrível.
  • 13. Convenhamos, os wireframes vão existir por muito tempo.
  • 14. Por isso, ao invés de chamar a palestra de: UX Design sem wireframe Preferi chamar de: UX Design antes do wireframe
  • 15. Outro motivo que me levou a falar sobre isso foi uma pergunta muito comum em vários dos projetos dos quais participo. (a pergunta está no próximo slide)
  • 16. "Quando você consegue entregar a primeira tela de wireframe?" PROJETOS, Gerente de
  • 17. E por mais que eu tentasse argumentar, eles sempre vinham com um contra-argumento muito mais inteligente:
  • 18. "Mas é só a home e uma interna!"
  • 19. E aí que se a gente olhar para a lista de entregáveis que nossa área consegue produzir…
  • 20. CONCEPÇÃO IMPLEMENTAÇÃO Road Map Casos de Uso Benchmark Documento de Especificação Métricas de Sucesso (KPIs) Análise Heurística Personas Teste de Usabilidade Modelo Conceitual Controle de Qualidade Blueprint Análise de Acessibilidade Ecossistema Recomendações de SEO Consumer Journey Entrevista Observação etnográfica Pesquisa Quantitativa Card Sorting VERIFICAÇÃO Inventário de Conteúdo Teste de Usabilidade Análise de Tarefas Teste A/B Mapa do Site Eye Tracking Fluxograma Análise de Métricas Wireframes Análise Quantitativa e Qualitativa Protótipos Navegáveis Storyboards Moodboards http://tinyurl.com/entregaveisdeux http://corais.org
  • 21. O Wireframe é apenas uma pequena parte dela. (calma, a lista do slide anterior não é exaustiva)
  • 22. Quem disse que tem que ser um site? app de celular? app de Facebook? hotsite?
  • 23. E aí que no estágio inicial do projeto, o trabalho de um profissional de UX é justamente Ir atrás das perguntas, e não das respostas.
  • 24. E existe, sim, uma série de entregáveis que nos ajuda exatamente a ir atrás das perguntas.
  • 25. CONCEPÇÃO IMPLEMENTAÇÃO Road Map Casos de Uso Benchmark Documento de Especificação Métricas de Sucesso (KPIs) Análise Heurística Personas Teste de Usabilidade Modelo Conceitual Controle de Qualidade Blueprint Análise de Acessibilidade Ecossistema Recomendações de SEO Consumer Journey Entrevista Observação etnográfica Pesquisa Quantitativa Card Sorting VERIFICAÇÃO Inventário de Conteúdo Teste de Usabilidade Análise de Tarefas Teste A/B Mapa do Site Eye Tracking Fluxograma Análise de Métricas Wireframes Análise Quantitativa e Qualitativa Protótipos Navegáveis Storyboards Moodboards http://tinyurl.com/entregaveisdeux http://corais.org
  • 26. Vou mostrar dois deles aqui.
  • 28. Os projetos digitais há alguns anos: Web Anúncios
  • 29. Os projetos digitais, agora: Web Mobile Social Busca Eventos PDV Embalagem Anúncios
  • 30. Nosso papel, nessa confusão toda: Web Mobile Social Busca Garantir que a experiência seja positiva em todos os pontos de contato com a marca. Eventos PDV Embalagem Anúncios
  • 31. Web Mobile Social Busca Por mais que você esteja desenhando, agora, somente uma peça desse ecossistema. Eventos PDV Embalagem Anúncios
  • 32. Brand Ecosystem Para que serve? • Entender a presença digital da marca • Entender os assets que já existem para utilizá-los da melhor forma possível • Identificar possíveis falhas dentro desse ecossistema • Garantir que qualquer modificação que seja feita esteja alinhada com os KPIs do projeto
  • 33. Brand Ecosytems podem ser bem simples:
  • 36. Ativação Aprendizado Engajamento Decisão Compra Share
  • 37. Nosso papel, nessa longa jornada: Ativação Aprendizado Engajamento Decisão Compra Share Garantir que a experiência seja positiva em todos os momentos da jornada.
  • 38. Ativação Aprendizado Engajamento Decisão Compra Share Por mais que você esteja desenhando, agora, somente uma peça dessa jornada.
  • 39. Consumer Journey Para que serve? • Entender o caminho que diferentes personas percorrem na experiência com a marca. • Entender quais são as necessidades, emoções, problemas, desejos e angústias do consumidor em cada etapa dessa experiência.
  • 40. Consumer Journey Para que serve? • Entender o caminho que diferentes personas percorrem na experiência com a marca. • Entender quais são as necessidades, emoções, problemas, desejos e angústias do consumidor em cada etapa dessa experiência. Com a marca, não com o site.
  • 41. Consumer Journey Ativação Aprendizado Engajamento Decisão Compra Share User Flow Página de Página de Carrinho de Home Categoria Produto Compras
  • 42. Consumer Journeys podem ser bem simples:
  • 44. CONCEPÇÃO IMPLEMENTAÇÃO Road Map Casos de Uso Benchmark Documento de Especificação Métricas de Sucesso (KPIs) Análise Heurística Personas Teste de Usabilidade Modelo Conceitual Controle de Qualidade Blueprint Análise de Acessibilidade Ecossistema Recomendações de SEO Consumer Journey Entrevista Observação etnográfica Pesquisa Quantitativa Card Sorting VERIFICAÇÃO Inventário de Conteúdo Teste de Usabilidade Análise de Tarefas Teste A/B Mapa do Site Eye Tracking Fluxograma Análise de Métricas Wireframes Análise Quantitativa e Qualitativa Protótipos Navegáveis Storyboards Moodboards http://tinyurl.com/entregaveisdeux http://corais.org
  • 45. O que eu descobri depois de começar a utilizá-los: Passada a etapa de UX thinking, o wireframe fica quase automático.
  • 46. Isso porque eu já sei: De onde ele O que ele vem precisa (Brand Ecosystem) (Consumer Journey)
  • 47. E esses documentos me mostram as perguntas que os wireframes têm que responder.
  • 48. A essa altura você deve estar pensando: "não dá tempo" "realidade do mercado" "budget"
  • 49. A má notícia é que não existe uma fórmula mágica.
  • 50. Combinações de entregáveis Ecossistema Consumer da marca + Journey + Wireframes
  • 51. Combinações de entregáveis Consumer Pesquisa Journey + Online + Rabiscoframes
  • 52. Menos tempo discutindo o wireframe. Mais tempo discutindo a estratégia.
  • 54. Onde AI se encaixa no fluxo de trabalho? AI Insights Estratégia Ideias Document. Execução Observação
  • 55. Onde UX se encaixa no fluxo de trabalho? UX AI Insights Estratégia Ideias Document. Execução Observação
  • 56. Entender o Fortalecer e Documentar a usuário filtrar ideias execução • Ecossistema • Descritivo das ideias • Cardsorting • Consumer Journey • Consumer Journey • Sitemap • Personas • Sketches • Wireframes Ajudar a definir a Documentar e Observar estratégia validar o uso • Ecossistema • Sitemap • Teste de usabilidade • Personas • Wireframes • Análise de métricas Insights Estratégia Ideias Document. Execução Observação
  • 57. UX antes do wireframe Entender o Fortalecer e Documentar a usuário filtrar ideias execução • Ecossistema • Descritivo das ideias • Cardsorting • Consumer Journey • Consumer Journey • Sitemap • Personas • Sketches • Wireframes Ajudar a definir a Documentar e Observar estratégia validar o uso • Ecossistema • Sitemap • Teste de usabilidade • Personas • Wireframes • Análise de métricas Insights Estratégia Ideias Document. Execução Observação
  • 58. O UX Designer deve aproveitar a visão sistemática que possui pela própria natureza da profissão.
  • 59. Essa transição de AI para UX pode significar um passo em direção ao Planejamento (e menos à Criação) Planejamento UX <<< AI Criação
  • 60. Mas tenho observado alguns movimentos em agências que talvez ajudem a justificar essa transição:
  • 61. Planejamento Marcas criando mais plataformas e menos campanhas.
  • 62. Planejamento Marcas criando mais plataformas e menos campanhas. Exemplo: Nike +
  • 63. Planejamento Marcas criando mais plataformas e menos campanhas. Exemplo: Nike Fuel Band
  • 64. Planejamento Marcas criando mais plataformas e menos campanhas. Agências influenciando cada vez mais no business do cliente.
  • 65. Planejamento Marcas criando mais plataformas e menos campanhas. Agências influenciando cada vez mais no business do cliente. Exemplo: Domino’s Pizza
  • 67. Criação Padrões de interações cada vez mais nítidos. Exemplo: Pattern Tap
  • 68. Criação Padrões de interações cada vez mais nítidos. Visual Designers com mais noções de AI.
  • 69. Criação Padrões de interações cada vez mais nítidos. Visual Designers com mais noções de AI. Exemplo: Criando uma landing page perfeita
  • 70. Planejamento <<< UX >>> Criação
  • 71. Mas é claro: essa passagem de AI para UX é apenas uma das opções. Sempre haverá espaço para o especialista. <<<<<<<<<<<<<< Generalista >>>>>>>>>>>>>> >>>>>> Especialista <<<<<<
  • 72. "Legal, e agora?" Ou “3 lições que aprendi na marra”
  • 73. 1. Nunca começar a desenhar uma interface sem antes ter a visão de todo o ecossistema
  • 74. 2. Fazer os documentos circularem entre todos do time
  • 75. 3. Mostrar como o pensamento de UX pode ajudar nas diversas etapas do projeto
  • 76. Designing Structures for Understanding
  • 77. Obrigado! Fabricio Teixeira @fabriciot arquiteturadeinformacao.com @blogdeai

Notas do Editor

  1. Meunomeé Fabricio e eutrabalhoháalgunsanosemagências de publicidade. Essassão as empresasondeeutrabalhei.
  2. Essasempresastêmemcomum o fato de seremagências de publicidade. Entãosópradeixarclaro, tudo o queeudisser a partir de agora é o ponto de vista de alguémquesótrabalhouemagências de publicidade.
  3. Essasempresastêmemcomum o fato de seremagências de publicidade. Entãosópradeixarclaro, tudo o queeudisser a partir de agora é o ponto de vista de alguémquesótrabalhouemagências de publicidade.
  4. E apesar de eusempreterfeitobasicamente a mesmacoisaemtodaselas, minhaprofissãomudou de nomealgumasvezes.
  5. E apesar de eusempreterfeitobasicamente a mesmacoisaemtodaselas, minhaprofissãomudou de nomealgumasvezes.
  6. E apesar de eusempreterfeitobasicamente a mesmacoisaemtodaselas, minhaprofissãomudou de nomealgumasvezes.
  7. E apesar de eusempreterfeitobasicamente a mesmacoisaemtodaselas, minhaprofissãomudou de nomealgumasvezes.
  8. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  9. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  10. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  11. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  12. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  13. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  14. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  15. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  16. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  17. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  18. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.
  19. Eutenhoumavisão um poucodiferente deles. Achoque o Axureé um software incrível.Achoque o wireframe éaltamentenecessário e cadavez tem se mostradomaisútil.Nãoachoque a gentedeveparar de fazer wireframes.